1. Spirit Fanfics >
  2. Alem de uma amizade - Yisuo >
  3. Conversa

História Alem de uma amizade - Yisuo - Capítulo 5


Escrita por:


Capítulo 5 - Conversa


Já haviam se passado dois dias, a situação não poderia estar mais confusa, Yi estava completamente perdido, mesmo tendo a prova clara de seus sentimentos não sabia oque fazer, era uma situação estranha que ambos não sabiam como lidar direito, por fora eles agiam normalmente e consequentemente trocavam algumas carícias ou poucos beijos, mas por dentro estava uma completa desordem, afinal eram praticamente irmãos oque é bem estanho, queriam conversar sobre isso com alguém mas o problema era com quem? Pois antes sempre que ocorria algo que precisassem desabafar conversavam um com o outro, mas e agora? Conversa um com outro não era uma opção no momento 


E por esse detalhe específico Yi teve de planejar um horário para conversar com outra pessoa na qual ele confiava a sua vida, Yone, ele sabia que o mais velho não iria trabalhar na sexta-feira, e Yasuo estaria no curso naquele dia específico então não haveria ninguém alem de si e Yone em casa durante a sexta-feira


Respirou fundo reunindo toda sua coragem para ter aquela conversa, tocou a campainha da casa esperando apenas por alguns segundos até ser atendido, assim que Yone apareceu em sua vista ele sorriu desajeitadamente enquanto não sabia aonde deixar as mãos, o mais velho o olhou com uma sobrancelha arqueada, ele conhecia muito bem aquela cara, a cara de “por favor me ajude, tenho um problema e não posso contar para Yasuo”, balançou a cabeça rindo um pouquinho enquanto abria passagem para o menor, Yi era muito previsível na maioria das vezes


— E então? Oque você fez? -Perguntou enquanto se sentava no sofá da sala-


— Como pode falar que eu fiz algo? -Yi perguntou ofendido ouvindo a risada do outro em seguida, Yone deu dois tapinhas sobre seu colo chamando Yi-


O menor suspirou andando desajeitadamente até Yone, a última vez conversou assim com o mais velho tinha 13 anos, fazer isso com 19 era deveras estranho para si, quem sabe até vergonhoso, não era mais uma criança


Pegou um travesseiro o apertando um pouco e se deitou no sofá, encostou a cabeça sobre o colo de Yone ainda desconfortável, procurou uma posição confortável e relaxou um pouco ao sentir o mais velho acariciando as madeixa castanhas 


— Oque aconteceu? -Perguntou suavemente enquanto brincava com o cabelo macio do menor- 


— Bem...tem haver com o Yasuo -Sussurrou procurando uma forma de dizer aquilo para Yone- 


— Claro que tem -Riu, se Yi queria falar consigo era óbvio que tinha algo sobre o Yasuo que ele não poderia falar com o amigo- 


— Yone, não sei oque fazer -Se preocupou mais com as palavras de Yi, se perguntava se era algo sério- Eu beijei uma pessoa...um homem 


Yone soltou o ar pesadamente não sabendo reagir a aquilo, lógico que não se importava se era um homem ou uma mulher, mas ele também tinha um...senso de proteção com Yi, era seu irmãozinho e sempre iria se preocupar com as pessoas que ele se relaciona, e se sentia meio desconfortável pois quando olhava o menor ele ainda via uma criança, quem corria para si no passado pedindo pra ele bater no Yasuo pelo mesmo ter falado algo ruim para si, riu ao se lembrar daquilo


— E qual o problema? -Perguntou depois de alguns minutos de silêncio- 


— A pessoa...


— Quem? 


O menor o olhou sem conseguir falar, abriu a boca mas sua voz não saia, chegou a fazer sinais com a mão porem nem ele sabia oque significava, Yone apenas riu perante a situação


— Relaxa um pouco Yi 


— Parece impossível -Finalmente disse algo, mas não oque gostaria, se sentou no sofá desconfortável- Preciso de água -Se levantou logo em seguida- 


— Claro


Ele sabia que seria difícil, mas não imaginou que fosse tanto, parecia que ele tentava contar ao seu pai que de repente estava apaixonado pelo melhor amigo, não tinha imaginado que passaria por isso, nem havia pensando em como ele iria contar isso a Yone


Assim que chegou a cozinha encheu um copo na torneira mesmo, bebeu água como se estivesse morrendo de sede durante dias, em segundos o copo já estava vazio mas ainda não parecia o suficiente 


— Vamos Yi...você já esta aqui -Sussurrou para si mesmo, sabia que Yone o apoiaria em tudo, mas ainda sim tinha medo- 


Lavou o copo e voltou para a sala, o mais velho o esperava calmamente como se tivesse todo o tempo do mundo, Yi se sentou novamente no sofá se escorando no torso do “irmão”, deitou a cabeça sobre seu ombro e o outro passou a mão por seu pescoço o mantendo perto 


— Esta me preocupando...-Disse em um sussurrou apertando um pouco ombro do outro-


— Foi o Yasuo -Falou simples parecendo esquecer o medo anterior-


— Eh? -Gelou na hora-


— O Yasuo -Repetiu achando até engraçado a reação do mais velho-


Ficaram em silêncio, Yone ainda tentava entender oque Yi havia lhe dito, lógico, ele ja suspeitou várias vezes, mas ter aquela confirmação tão repentina era um choque para si, não soube oque dizer por alguns segundos, mas depois...ficou feliz, conhecia seu irmão tanto quanto a si mesmo, e era por esse motivo que sabia que eles eram perfeitos um para o outro, mas uma duvida o atingiu em cheio causando muita curiosidade 


— Mas vocês não fizeram mais nada né? -Yone ainda teve a ousadia de perguntar aquilo oque causou uma vergonha enorme em Yi- 


— L-Lógico que não! -Gritou com o rosto ruborizado se levantando em um salto- 


— Que bom, você ainda é uma criança -Suspirou aliviado se levantando também-


— E-Eu não sou uma criança! 


— É sim -Riu puxando Yi para um abraço- Fico feliz que tenha me contado...


— Mesmo se eu não tivesse contato você iria descobrir, então...-Riram, na verdade não era Yone que descobria, apenas Yi que não sabia mentir, ele era muito transparente com o mais velho-


Yi sorriu retribuindo o abraço, mesmo ainda não tendo a conversa sobre oque deveria fazer em relação entre ele e Yasuo o fato de Yone estar feliz por ele significava muito já


Na verdade...talvez essa conversa ele deveria ter com Yasuo...quem sabe



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...