1. Spirit Fanfics >
  2. Além do profissional (Femanta) >
  3. Banho de piscina

História Além do profissional (Femanta) - Capítulo 11


Escrita por:


Capítulo 11 - Banho de piscina


Pov's Samanta

Acordei e demorei uns segundos pra lembrar onde eu tava. Olhei pro lado e a Vi ainda dormia. Era 08:53. Belo horário pra acordar no sábado hein Samanta.

Saí do quarto sem fazer barulho, pra Vi não acordar. Desci as escadas e vou pro jardim um pouco. Ele era tão lindo.

Fiquei uns minutos lá fora sentada na grama e apreciando a paisagem quando Henrique chega perto.

Henrique- Samanta? Acordou cedo.

Ele tava de tênis, com uma bermuda, fones dos ouvidos e sem camisa. E meu Deus, que corpo era aquele? Demorei mais um segundo pra responder, porque tava prestando atenção no abdômen bem definido dele.

Samanta- É. Eu tava apreciando esse jardim lindo.

Henrique- Meu pai sempre cuidou dele. Hoje quem cuida sou eu.

Samanta- Tô cada vez mais gostando do seu pai. - sorrio e ele sorri de volta.

Henrique- Vai almoçar aqui? Já sei do que você gosta.

Samanta Não quero incomodar.

Henrique- Não vai ser incômodo nenhum. Aliás, eu ia almoçar sozinho, melhor com companhia.

Samanta- Tá bom, eu fico.

Henrique- Ótimo. Eu vou tomar um banho, tô todo suado. Acordei cedo e aproveitei pra correr um pouquinho. Se quiser tem um mini jardim naquele canto - aponta - da sala. Vi que gostou. - saiu.

O jardim lá de dentro também era muito lindo. Mas eu tava era pensando na beleza dele. Ele claramente acorda cedo todo dia pra ir correr.

Voltei minha atenção pro jardinzinho. Sentia uma coisa boa olhando pra ele, não sei explicar.

Mozka- Acordou cedo Samanta. - fala descendo as escadas e me encontrando. - Eu vou indo já, teve um probleminha lá em casa e eu vou ter que resolver. Já me despedi da Vi e do Henrique. Então tchau. - chega perto e me abraça.

Samanta- Tchau Mozka. Até segunda.

Mozka- Até.

Subi pro quarto e encontrei a Vi arrumando a cama.

Samanta- Já vai?

Vi- Sim. Vai comigo?

Samanta- Vou almoçar aqui. O Henrique me convidou, eu aceitei.

Vi- Ele convidou eu e o Mozka também. Mas ele teve que sair e eu também não posso ficar. Mas bom almoço aí pra vocês. - me abraça. - Me manda mensagem. - pisca pra mim.

Samanta- Você não vale nada. - falo rindo.

A Vi se despede do Henrique também e vai embora.

Agora estávamos só eu e Henrique naquela casa.

Henrique- Samanta, quer tomar banho de piscina? Ainda é cedo pra almoçar.

Samanta- Eu não trouxe outra roupa.

Henrique- Eu te empresto. Quando minha tia vem pra cá ela trás as duas filhas. Tem umas roupas lá em cima.

Samanta- Tá bom.

Subimos e ele foi pegando umas roupas e colocando em cima da cama pra eu escolher 

Henrique- Pode se vestir aqui mesmo. Eu vou pro meu quarto botar a roupa pra entrar também. - disse e saiu do quarto.

Vesti a parte de cima do biquíni preto e um shortinho um pouco escuro, mas não preto.

Desci e vi ele já na borda da piscina.

Henrique- Ficou perfeito. - fala quando me vê.

Ele entra primeiro e eu sento na borda.

Samanta- Não é funda né? Eu não sei nadar.

Henrique- Tenho certeza que consegue ficar em pé aqui dentro.

Eu ainda estava sentada na borda, só com os pés dentro d'água. Ele chegou perto e me deu a mão.

Henrique- Pode vim. Eu tô aqui.

Fui. Quando senti meu pé pisar no fundo, fiquei aliviada de conseguir ficar em pé.

Henrique- Se quiser lá é um pouquinho mais raso. Vamos. - me leva até lá.

Lá era melhor, eu não precisava ficar na ponta do pé ou esticada pra minha cabeça ficar pra fora.

Ele não soltou a minha mão enquanto não viu que eu estava melhor em relação ao medo de me afogar.

Samanta- Obrigada. - agradeço por ter me segurado até agora, ele sorriu em resposta.

Na hora lembrei do Felipe. Ele me tratava bem mas depois voltou a ser grosso comigo, mas eu ainda gostava dele. O Henrique desde que chegou na empresa sempre me tratou muito bem.

Por um segundo eu achei que isso me faria esquecer do Felipe e de tudo o que aconteceu entre a gente, então aproveitei que estávamos sozinhos na piscina pra me aproximar mais.

Samanta- Você gosta de mim? - perguntei o olhando nos olhos.

Henrique- Claro.

Ele ia falar mais alguma coisa, mas eu fui impulsiva e me aproximei muito, colando nossos corpos. Em meio segundo eu já estava beijando ele.

O beijo não durou, porque Henrique reagiu de uma forma que me pegou de surpresa.


Notas Finais


Qual será o resultado do beijo? O que será que Henrique fez?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...