1. Spirit Fanfics >
  2. Além do Tempo >
  3. O Encontro perfeito

História Além do Tempo - Capítulo 12



Capítulo 12 - O Encontro perfeito


Se o amor é fantasia, eu me encontro ultimamente em pleno carnaval.

Toquinho e Mutinho


_Sasuke_


Para a minha salvação, Itachi realmente mandou as coisas para a reforma da mansão. Dessa vez ele tinha se superado, a parte externa continuaria a mesma só iria levar uma mão de tinta e consertar algumas janelas e telhas. A grande mudança seria no interior, iríamos manter o clássico e as coisas escuras, porém com móveis e decorações mais modernas. Por mim, a reforma poderia começar hoje mesmo, mas tenho que ver um lugar para ficar enquanto a obra acontece.

Como tudo que aconteceu acabei não indo ao Sharingan, porém de hoje não passava. Ajustei a jaqueta de couro e desci as escadas pronto para sair quando esbarrei com Naruto:

—Ei temer, vai sair? Posso ir junto?

— Não. — Disse sem mais delongas cruzando a porta, sem deixá-lo me convencer ao contrário. Estava indo para civil dos “leões” e não poderia deixar Naruto me atrapalhar, depois eu explicaria tudo a ele.


⭕⭕⭕


Já estava fazendo parte da minha rotina passar os dias em claro. Juro que tentei dormir, mas o sono não vinha, minha ida ao Sharingan foi terrivelmente produtiva e só mostrou a quantidade de problemas que eu teria pela frente, como se não fosse o suficiente, ainda tinha o encontro de hoje para me preocupar. Desisti de tentar, fui até a biblioteca e procurei entre todos aqueles romances, algum que me ajudasse a ir bem, tudo tinha que ser prefeito.

Depois de horas de busca, uma capa me chamou atenção “10 passos para um encontro perfeito”, olhei bem o objeto em minha mão aquilo não era um livro e sinceramente não faço ideia de como essa revista, se assim posso chamar, chegou a minha biblioteca, mas de uma coisa eu tinha certeza, ela seria a minha salvação.


⭕⭕⭕


_Sakura_


Acho que essa foi a primeira noite que não tive aquele maldito pesadelo, estava tão animada para fazer comprar com as meninas que nem me liguei que acordei cedo demais. Fiz minha higiene pessoal e desci pra tomar café, papai tinha feito panquecas caramelizadas e minha mãe estava terminando de pôr a mesa. Sentamos para comer em silêncio, estava tudo uma delícia e foi então que me toquei que ainda preciso de uma desculpa pra hoje a noite, mas irei pensar nisso com as garotas no shopping.

Assim que acabamos de comer e ajudei minha mãe com a louça, avisei que ia sair com as meninas e dirigi meu lindo conversível vermelho até a casa de Hinata, de lá passaríamos para pegar Ino e partiríamos em direção ao shopping Konoha Park. Eu não sabia onde exatamente iria com Sasuke, então não busquei nada muito ousado ou luxuoso, até porque esse não era o mesmo estilo.

Estava ouvindo Ino tagarelar o quanto eu sou sortuda e que eu tinha que me vestir pra matar, quando escuto o som do meu celular, corri pra ver quem era e tomei um susto ao ver número desconhecido na tela.

"Bom dia,

Só para avisar que passarei em sua casa às 19h,

favor não se atrase. Antes que se assuste, foi

você que me deu seu número antes de ir embora

naquele dia rs.

U.S"

Eu quase caí pra trás no meio do shopping. Não me lembrava de ter dado meu número pra ele, confirmei o horário e perguntei ainda íamos, não estava me contendo de curiosidade, mas só recebi um “surpresa” como resposta, me dei como vencida e segui na busca pelo look ideal pro encontro perfeito.


⭕⭕⭕


_Sasuke_

Eu li e reli, todas aquelas supostas dicas algumas pareciam bem idiotas, mas de acordo com Naruto que me pegou no pulo lendo essas baboseiras, era assim que as garotas de hoje gostavam de ser tratadas. Ele ainda acrescentou mais algumas dicas e deu até exemplos, algo no meu interior disse que ouvir Naruto era furada, mas eu não tinha escolha.

Se algum dia, alguém falasse que Sasuke Uchiha estava “nervoso” por causa de um encontro, eu o chamaria de louco, mas cá estou eu procurando uma roupa para ir jantar com Sakura. Sim jantar, uma das dicas da revista era “nada impressiona mais uma garota do que um jantar romântico” então pedi a Kakashi um encanto emprestado, já que normalmente não posso me alimentar de comidas humanas e por sorte ele me indicou um restaurante perto das dunas de Konoha, não foi difícil conseguir uma reserva.

Essa garota tá me dando muito trabalho, com Cerise as coisas eram fáceis, lembro do dia que ela soube o que eu era, no começo ficou assustada, mas depois me aceitou. Nunca precisei cair nas trivialidades dos humanos com ela. É por ela que irei fazer esse sacrifício, digo por fim ajeitando a jaqueta de couro e pegando a chave do Impala 67 e seguindo em direção ao endereço que Kakashi me mandou.

O caminho foi calmo, revisei mais algumas vezes as dicas até parar em frente a uma grande casa branca colonial, o jardim era muito bem cuidado e o caminho de pedrinhas coloridas que levavam até a porta principal dava um ar de “casa de boneca” mandei uma mensagem avisando que já estava do lado de fora e aguardei que ela respondesse.


⭕⭕⭕


_Sakura_


O dia com as meninas no shopping foi maravilhoso, comprei um vestido vermelho tubinho lindo. Ele era tomara que caia, com um decote coração e duas faixas cruzadas no busto, sua saia ia um pouco acima do joelho, iria usá-lo com um scarpin preto e uma jaqueta também preta já que a noite estava meio frio. Eu estava bem cansada e como ainda estava cedo, decidi tomar um banho de banheira bem relaxado.

—Sakura... acorda... Sakura — eu ouvia alguém me chamando bem baixinho

—SAKURAAAAAAAA ACORDA GAROTA — dei um pulo da banheira e escorreguei caindo sentada novamente, olhei para a figura carrancuda do meu lado sem entender nada. Eu tinha ido tomar banho, não fazia nem 10 minutos que tinha entrado na banheira, então por que já está de noite?

—Mãe, que horas são? — perguntei confusa

— 20 horas. — O QUE? NÃO PODE SER, sai da banheira o mais rápido que consegui tomando cuidado para não cair de novo, corri pelo quarto procurando a roupa que eu tinha deixado separada

— Escuta minha filha você não disse que ia sair com a Ino?

— Sim, mãe e ela deve esta furiosa eu estou mais do que atrasada. — disse vestindo a lingerie e tentando secar os cabelos iriam soltos mesmo, não tenho tempo para penteados.

— Engraçado, eu não sabia que a Ino tinha uma voz tão grossa, muito menos cabelos negros e braços fortes.

Eu congelei na mesma hora, pelo jeito fui pega no pulo e agora eu estava mega encrencada. Olhei para a minha mãe tentando pensar na melhor desculpa possível e pronta para maior bronca, mas para minha surpresa ela disse:

— Sua sorte é que o rapaz é mega educado, ele está lá embaixo te esperando, vê se não o faz esperar mais ou eu mesma o mando embora. Quando você voltar conversamos mocinha. — Eu ia responder, mas ela virou as costas e saiu, me deixando sozinha e incrédula. Meus pais não me proíbem de namorar, mas eles são super protetores, nunca me viram com nenhum garoto e pareciam dar graças a Deus por isso.

Terminei de me arrumar o mais rápido que consegui, fiz uma maquiagem simples e para compensar caprichei no batom. Peguei celular, documentos, preservativos (não que iremos usar, mas uma mulher precavida é tudo né amores) e dei uma última olhada no visual, daria para o gasto por hoje, foi o que deu com a pressa.

Desci as escadas e vi Sasuke sentado no sofá conversando com minha mãe, eles pareciam se conhecer a anos. Ele estava maravilhoso como sempre, os cabelos levemente bagunçados, a jaqueta de couro com uma blusa branca por baixo, um jeans escuro e o coturno preto. Ele me olhou e tive a impressão que ele podia ler até minha alma me olhando daquele jeito, minhas pernas travaram e quando fui descer o penúltimo degrau a desgraça aconteceu.


⭕⭕⭕


_Sasuke_


Eu esperei por 1h, entre mensagens e ligações. Estava preste a ir embora quando decidir bater na porta e saber que merda estava acontecendo, nenhuma garota dava um bolo em Uchiha Sasuke. Um senhora de quase 40 anos me atendeu, ela parecia bem confusa a me ver ali, pedi para falar com Sakura e ela perguntou o que eu queria com sua filha, expliquei a situação e seu semblante ficou sério, ela me convidou para entrar e pediu para que eu esperasse.

Depois de um tempo ela voltou, caímos em uma conversa boba e materna que me lembrou minha progenitora, preciso ligar para ela antes que ela venha aqui me dar uma surra e dizendo que sou um desnaturado. Sai desse pensamento quando vejo Sakura parada na escada me olhando, quando a vi toda a irritação pelo atraso foi embora, ela estava linda.

Foi tudo muito rápido, uma hora ela parecia uma leoa, e outra ela estava caindo, tentei a segurar e por pouco não consigo. Ela levantou a cabeça com o rosto completamente vermelho e começou a rir, eu fiquei sem entender absolutamente nada.

— Por Kami, desculpa Sasuke. Eu sou um desastre ambulante, estraguei tudo, né? — A ajudei a ficar de pé e ir até o sofá, sua mãe deu uma olhada nela e parecia está tudo bem. Estranhamente fui contagiado pela sua risada.

— Tudo bem, o que importa é que você está bem e que não desistiu do nosso encontro. Podemos ir?

— Sim — Ela respondeu se levantando e ajeitando o vestido, seu rosto ainda estava vermelho rs...


⭕⭕⭕


Mesmo sendo domingo, foi um inferno chegar até às Dunas e como se o trânsito que pegamos não fosse o suficiente, ainda tivemos que enfrentar uma fila pra entrar no restaurante. Depois de um tempo, fui informado que algum incompetente passou minha reserva pra frente, já que não chegamos no horário e a única mesa disponível era uma merda. Era notório que Sakura se sentia culpada pelo o que aconteceu e, mesmo realmente sendo culpa dela, decido aliviar um pouco as coisas.

—Ei, não fica assim. Imprevisto acontecem, vamos tentar aproveitar o que nos resta desta noite tá bom? — peguei em sua mão dando o meu sorriso mais convincente e acho que deu certo porque ela retribuiu o gesto.

Eu não fazia ideia do que pedi, então ouvi a sugestão de Sakura. Escolhemos um salmão defumado com molho de camarão e um vinho branco para acompanhar, era a primeira vez que comia algo de verdade e sinceramente não sabia como me senti em relação a isso. Ela parecia observar todas as minhas feições e por mais que Naruto e a revista de garotas dissesse que o diálogo é importante no primeiro encontro, o silêncio entre nós era reconfortante, trocamos olhares e sorrisos além de alguns comentários sobre o prato. Na hora da sobremesa, Sakura pediu um Petit Gateau de chocolate com recheio de doce de leite, eu me contive em só ficar olhando as cara de bocas que ela fazia ao comer. Era impressionante, quem nos visse não acreditaria que nos conhecemos a menos de 1 mês, é como se ela sempre tivesse em minha vida e vice-versa.


⭕⭕⭕


_Sakura_


Mesmo com todos os acontecimentos, a noite foi incrível. Depois do jantar decidimos dar uma caminhada pela praia, para aproveitar o luar. Andamos por alguns metros até encontrarmos um banquinho afastado no meio das pedras, paramos ali e me permiti apenas ouvir o barulho das ondas, não lembro quando foi a última vez que me senti tão em paz.

— Um beijo por seus pensamentos... — me assustei com a proposta, Sasuke passou a noite praticamente em silêncio e agora vem com isso dessa — ... Eu estou brincando, relaxa. — ele diz soltando uma gostosa risada.

Acabei rindo também, e entrando na brincadeira. — Poxa, pena que é brincadeira, era realmente nisso que eu estava pensando…

Ele parou de ir e ficou me olhando, como se buscasse certeza em minhas palavras, eu esperei por alguma atitude dele. Senti sua mão fria tocar meus cabelos e colocar um fio fujão atrás da orelha, ela foi descendo até tocar meu rosto e eu fechei os olhos aproveitando o carinho, então eu senti seus lábios sobre os meus. No começo ainda tinha um pouco de relutância, mas então decide tomar o controle da situação pedindo passagem com a linha, ele cedeu porém não deixou que eu controlasse o ritmo do beijo. Nossas bocas dançavam uma valsa lenta cheia de sentimentos, esses mesmo que eu nem sabia que existiam.

Quando o ar me faltou, tive que me afastar mesmo contra a minha vontade e quando Sasuke abriu os olhos, tive uma leve impressão de ter os visto vermelho.


Notas Finais


Esse capítulo ficou bem grandinho eu sei, mas confesso que me diverti muito escrevendo ele.
Quem nunca ficou nervosa (o) com um encontro ? Kkkk
O final foi a parte que eu e a @Srta_Mawariik mais gostamos, esperamos que tenha sido a vocês também.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...