História Alfa X Alfa - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Abo, Alfa X Alfa, Alfas, Betas, Flex, Jikook, Jikook!flex, Jimin!bottom, Jimin!top, Jungkook!top, Jungkookbottom!, Kookmin, Namjin, Ômegas, Yoonseok
Visualizações 325
Palavras 1.474
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Esporte, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 20 - O Crush me notou


Fanfic / Fanfiction Alfa X Alfa - Capítulo 20 - O Crush me notou

                     Jimin pov

Eu voltei pra casa muito puto, estava com raiva que Jungkook deu um murro na minha cara sem explicar direito o que aconteceu. Mas ele estava chorando muito dentro do banheiro, algo deve ter o magoado muito. Quer dizer... Não algo e sim alguém. Algum estúpido falou coisas maldosas e mentirosas pra ele. 

Ele descobriu sobre aquele esquema do basquete, só que não me aproximei dele por interesse foi por vontade própria. Agora o mesmo acha que o enganei... Meu deus, se ele tentar fazer alguma coisa? Preciso falar com Jungkook urgente. Mas primeiro preciso descobrir quem foi o infeliz que falou isso para o meu alfa. 

Estava andando de um lado para o outro pelo meu quarto. Nem sequer tirei o meu uniforme. Yoongi e Hoseok ficaram me observando sentados na cama com expressões confusas. 

— Pode explicar o que há com você? — Hoseok se pronunciou — Sua cara não está nada boa, desde que saiu do banheiro você está tenso. 

— Galera, alguém contou sobre aquele plano de Taeyang de conquistar o Jungkook pra ele. Nós dois brigamos no banheiro, agora ele pensa que o enganei. Mas vocês sabem que eu não fiz nada para magoa-ló. Jungkook deve está pior do que antes.  

— Ih, ferrou! Você tentou explicar pra ele? — Hoseok questionou 

— Eu tentei, mas ele não acreditou. Não deu ouvidos. Apenas me acusou e me bateu. Não tive chances de explicar direito. — suspirei frustrado 

— Mas quem poderia fazer uma merda dessas? — Hoseok comentou pensativo 

— Uma pessoa que odeia o Jungkook?! — sugeri

— Vocês são lerdos? — Yoongi que estava em silencio se pronunciou — É claro que foi o próprio Taeyang que fez essa merda. Quem mais seria? Ele sabe do seu namoro com o mimado e sabe que seu alfa não bate muito bem da cabeça. Ele fez isso para prejudica-ló mentalmente. 

— Yoongi tem razão, só pode ser o Taeyang e o amiguinho dele. — Hoseok bufou — Aqueles dois não perde uma. 

— Droga! — resmunguei — Aquele cara deve ter o ameaçado, ele já disse pra mim que iria contar pra todo mundo sobre o nosso relacionamento. Agora ele deve ter falado a mesma coisa para o Jungkook, eles sabiam que o alfa ficaria perturbado. Eu vou matar o Taeyang.

— Tá migo, mas e agora? Em plena duas da tarde você ainda está vestido com o uniforme. Ficar andando pra lá e pra cá não vai adiantar de nada. Era melhor parar de esconder o namoro e contar pra todo mundo. Ninguém merece ficar recebendo ameaças de um cara desocupado. — Yoongi bufou impaciente 

— Pensa que é fácil? Todo mundo vai jogar pedras na gente. Ninguém vai aceitar. Jungkook já está ferrado na vida, imagine se alguém souber sobre o nosso namoro? Eu tenho consideração por ele. Sei como é a mãe dele. — encarei Yoongi que sorria debochado.

— Que se foda a opinião dos outros, ninguém decide a sua felicidade. É você mesmo que decide. Não foi a sua culpa que está apaixonado pelo garoto mimado. No seu lugar eu contava pra todo mundo. Os irmãos de Jungkook já sabe, nós dois já sabemos. E todos aceitaram. Se os outros não aceitar, mande todos tomarem no cú. — Yoongi revirou os olhos, ele tinha razão. 

— Nós vamos da uma lição naquele cara — Hoseok falou decidido — Hoje mesmo. 

—  Mas como? — franzi o cenho 

— Fácil, Taeyang e Sehun sempre andam de skate no parque nesta hora. Vamos tirar satisfações com aqueles inúteis. — Yoongi sorriu maldoso 

 Parque Hangang - 14:45 P.M 

Como Yoongi tinha dito, Taeyang estava andando de skate com Sehun. Fazendo algumas manobras. Algumas garotas estavam olhando para os dois comentando o quanto eram bonitos... Trouxas! 

Quando eles deram uma pausa para descansar, coloquei as duas mãos no bolso me aproximando dos dois caras que estavam de costas. Hoseok e Yoongi foram logo atrás.

— Boa Tarde! — falei fazendo os dois virarem para trás rapidamente. 

— Park?! O que faz aqui? Não deveria está trepando com seu alfa? — Taeyang provocou 

— Eu vim aqui para te dar isso — dei um soco em seu rosto o fazendo tombar. Ele me encara irritado pronto para devolver o soco, mas Sehun o segura. 

— Qual é a tua cara? — Sehun bufou 

— Vocês dois contaram para o meu namorado sobre aquela porcaria de plano. Os dois fofoqueiros não aguentaram a Língua e falaram. Vocês sabiam que isso magoaria o Jungkook. — cerrei os punhos 

— Só falamos a verdade, vocês que estão escondendo o namoro proibido. Vocês dois que estão errados, não nós. Agora se o seu alfa está mal isso não é problema meu. — Taeyang rebateu — E vamos falar sim pra todo mundo que são dois viados que dão o cú. Isso é nojento. — dei mais um soco em seu rosto com toda a minha fúria. 

— CALA A BOCA, VOCÊ NÃO DEVE SE INTROMETER NA MINHA VIDA. — gritei 

— Olha só o viadinho ficou revoltadinho — Taeyang debochou — Park não queremos um dá o cú no nosso time. Para ser o capitão precisa ser um alfa de verdade. O basquete é para machos, não para menininhas. Você deveria fazer bordado com sua avó. Vai brincar de ser a Barbie, garoto! — me deu um empurrão de leve. — Vamos embora Sehun, talvez seja contagioso. — foi embora puxando o amigo. Eu ia correr atrás deles, mas Hoseok impediu. 

— Jimin, bater neles não vai adiantar nada — suspirou — Vamos embora, o que importa é que Jungkook esteja bem. 

                   Namjoon Pov

Eu estava na mesa de jantar comendo meu mousse de morango tranquilamente. Mamãe se aproximou de mim sentado de frente. Me olhando calada, isso me incomodou. Ela iria falar sobre o meu irmão mais novo, desde que ele chegou do colégio se trancou no quarto e não quis falar com ninguém. Deve ter acontecido algo na escola. Isso me preocupou.

— Filho, o que aconteceu com seu irmão? Você sabe de algo? — tocou na minha mão que estava pousada em cima da mesa. 

— Não mãe... Mas vou perguntar — sorri fraco 

— Isso deve ser frescura, esse menino é muito manhoso. Como ele vai conseguir fazer alguma coisa na vida assim desse jeito? Céus ele nem sequer saber fazer um mais um. É decepcionante pra mim. — suspirou 

— Mãe não fale assim dele, a culpa também é sua. Você fala essas coisas absurdas pra ele o magoa muito. Jungkook é muito inteligente e interessado nos estudos. Não deve desmerece-ló. Se ele estivesse fazendo coisas erradas você estaria reclamando muito mais. — falei irritado 

— É verdade, eu vejo os outros adolescentes tão alegres saindo com os amigos. E o meu filho fica dentro do quarto só no video game. 

— É que a senhora não deixa ele sair para nenhum lugar, e se ele sair você fica atrás dele. Que nem naquele dia da viagem. — rebati — você não sabe o que fala, pena que meu irmão já se acostumou a viver nessa prisão que a senhora comanda. Ele nem reclama mais... Estou cansado desses argumentos inúteis da senhora. Com licença — me levantei da mesa pisando duro. Fui até o quarto de Jungkook batendo na porta. Ouvi soluços vindo do quarto. — Kook?! Abra a porta por favor. 

— Vai embora — suspirou 

— Não vou até você abrir essa porta e contar o que aconteceu. — Jungkook ficou em silêncio mais logo abriu a porta me encarando com o rosto vermelho. 

— O que foi? — fungou 

— Eu que te pergunto...

— Taeyang falou que Jimin mentiu pra mim, e ele disse que iria contar pra todo mundo sobre o meu namoro. É não sei o que fazer Hyung, ele vai destruir a minha vida. — choramingou 

— Já está na hora de contar, Kook! Não pode esconder isso a vida toda. — suspirei — Jimin nunca mentiria pra você, você sabe que ele um cara legal. Só quer te proteger, ele te ama de verdade. Jimin deve está desesperado querendo falar contigo. 

— Mas Hyung...

— Por favor Jungkook, dê outra chance. Deixe-o falar. — abracei o mais novo. 

— Tá bom! — riu baixo — valeu Hyung. 

Depois da conversa que tive com Jungkook, fiquei na frente de casa respirando ar puro. Sempre olhava para a casa do vizinho pensando nele. Jin é uma perdição, ele só falava comigo às vezes. Triste não ser notado pelo crush.

Vejo o mesmo saido da casa com um capacete na mão se sentado na moto. Essa ômega é dos meus sonhos. Ele olha pra mim dando um sorriso de lado. Eu quase desmaiava aqui mesmo. Ele deu um tchauzinho e fiz o mesmo. ELE ME NOTOU, MEU DEUS! Cadê as alianças? 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...