História Alice's and The Sadists - Diabolik Lovers - Interativa - Capítulo 4


Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Beatrix, Christa, Cordelia, Kanato Sakamaki, Laito Sakamaki, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Tougo Sakamaki "Karlheinz", Yui Komori
Tags Alice De Copas, Alice De Espadas, Alice De Ouros, Alice De Paus, Diabolik Lovers, País Das Maravilhas
Visualizações 89
Palavras 1.070
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Harem, Hentai, LGBT, Literatura Feminina, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Slash, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 4 - Capítulo 0.1: Primeiro Prólogo


Fanfic / Fanfiction Alice's and The Sadists - Diabolik Lovers - Interativa - Capítulo 4 - Capítulo 0.1: Primeiro Prólogo

Narradora P.o.V

 

 “O país das maravilhas”... um lugar onde todos querem viver e morrer, por causa das tais loucuras e maravilhas que existem. Mas… De verdade, as maravilhas são na verdade um lugar de puro sofrimento e sadismo.

 

 Bem, isso piorou logo depois que a Alice de Paus tinha chegado nesse lugar tão peculiar. Alices com o nome de naipes sempre atrai os sanguessugas como os filhos do Rei Branco. O próprio Rei Branco, chamado Karlheinz, estava vendo o que tinha ocorrido com os seus filhos. A mudança de atitude tão repentina que Yui Komori, Alice de Paus, tinha causado nos homens.

 

 Briga atrás de briga, sangue atrás de sangue, ódio atrás de ódio. Era um sério problema a Alice de Paus, e o Rei Branco ainda precisava de seus filhos, mas essa garotinha, invés de ajudar, só fez piorar e montou um caminho mais longo para o sucesso. Tinha que mudar urgentemente o verdadeiro propósito de Yui Komori e passar esse propósito para outra pessoa.

 

 Depois de várias pesquisas, vários testes e várias feitiçarias durante um mês, soube de algo muito interessante: Um livro. Era um livro diferente e estranho, que tinha o título de “Alice’s and The Sacrifice” ou na língua deles “Alice e o sacrifício”. Quando o Rei Branco tinha aberto o livro, viu tudo o que tinha acontecido depois de ter casado com as Alices de Espadas, Ouros e Copas.

 

 Ao pesquisar mais afundo sobre isso por vinte horas, descobriu que o “País das Maravilhas” não era o único universo existente. Existia um outro chamado “Mundo Real”. Ironicamente, aquele livro pertencia a esse tal Mundo Real e que essas pessoas deram o nome de “creepypasta”. Pelo o que o mesmo já tinha visto, muitas pessoas, principalmente garotas, adoravam essa história. Realmente eram loucos ou doentes por gostar disso.

 

 — Isso é perfeito! — Exclama Karlheinz — Uma dessas garotas podem ser mais úteis para o meu plano, bem mais que a Yui Komori, mas… Isso tem uma falha.

 

 Como ele iria achar as mulheres ideias para o plano? Pensou, pensou e pensou, até chegar à conclusão de apenas escolher aquelas que tem o sangue mais atraente de cada lugar que ele ver.

 

 E assim, começou sua caçada

_________________________________________________________

 

 Dois espelhos, um para ver o que está acontecendo naquela hora e outro para ver o que está acontecendo naquela hora em outro lugar. O Rei Branco estava usando esses dois espelhos para ver qual seria a escolhida. Ele começa já observando o seu primeiro filho, o ratinho, e logo depois, o outro espelho mostra uma garota de cabelos azuis.

 

 — Só porquê eu não quero sair daqui que as pessoas ficam me perturbando — Diz a garota, deitada em cima da grama de algum lugar bem… estranho

 

 — Hm… Eu não vou sair tão facilmente daqui, só porque alguém como ele quer que eu vá — No outro espelho, um homem loiro com orelhas de rato fala sem abrir os olhos

 

 — Isso é tão problemático — Diz os dois juntos e ao mesmo tempo, deitados e com os olhos fechados

 

 — Essa é…?— Karlheinz pergunta para si mesmo e responde por conta própria.

 

 As imagens do espelho somem e mostram outras pessoas: Uma lebre e uma garota loira. Os dois estavam sentados bebendo algo numa xícara de porcelana

 

 — Que desagradável — Reclama um homem de óculos e orelhas de lebre — O chá já acabou. Hahaha… pelo menos tem mais — Um bule de chá aparece e despeja magicamente mais chá na xícara

 

 — Hm? Já acabou? — Pergunta a mulher loira — Não precisarei fazer mais pelo menos — Fala despejando mais chá na xícara

 

 — Isso me faz ficar relaxado(a) — Os dois falam juntos

 

 — Bem parecidos, não?

 

 O espelho muda novamente, desta vez mostrando um homem vestido de rei eu uma outra loira, mas com os olhos azuis

 

 — Você não escutou o que eu tinha dito — Fala a loira — Eu te falei para não tentar uma gracinha com a minha confiança em você. Agora, eu irei cumprir o que eu disse — Após falar isso, a mesma pega um bisturi

 

 — Você desobedeceu a ordem do Rei — Diz um homem moreno avermelhado — Isso não pode ser facilmente deixado para lá. Você não deveria ter feito isso — Dava para ver a raiva nas suas palavras

 

 — Você vai aprender a não me contrariar novamente — Os dois falam juntos

 

 Antes do Rei Branco falar algo, o espelho já muda para outro momento, onde tinha o gato risonho e uma garota com facas na mão

 

 — Ei Teddy — Chama o homem — Por que não me faça companhia? Afinal, hoje é lua minguante. Já percebeu que quando a lua está assim, parece com o meu sorriso? — Pergunta o homem de cabelos roxos, sorrindo com um urso nos braços

 

 — Minhas amigas — Fala a garota de cabelos azuis bem escuros, pareciam roxos — Por que será que as pessoas tem tanto medo de vocês? Vocês são tão agradáveis… — A mesma aproxima as facas de si

 

 — Você é o único que me entende — Os dois falam juntos

 

 — Faltam dois…

 

 Os espelho novamente muda de momento, indo para um que tinha um homem de chapéu e uma garota de cabelos cor-de-rosa

 

 — Não está um belo momento para ficar andando por aí — Fala o moreno de chapéu — O que resta é ficar sentado pelos ares, esperando o momento certo para atacar — Ele diz tirando o chapéu e tomando um chá, revelando ficar de cabeça para baixo

 

 — Isso vai ficar chato e não interessante — Diz a rosada — O que resta é ficar esperando chegar a hora de ir, mas isso vai demorar, pelo visto — A garota levanta e vai até um espelho, mostrando todo o seu corpo

 

 — Isso pode ser tão excitante — Como os outros, eles falam ao mesmo tempo

 

 O espelho muda para a última imagem, mostrando um homem de cabelos brancos orelhas de coelho e uma garota com cabelos castanhos claros. Desta vez, eles ficam completamente calados.

 

 — Todos foram escolhidos… — Diz o Rei Branco, confirmando tudo com o sorriso e saindo de um lugar, deixando os dois espelhos lá, sozinhos

 

___________________________________________________________

 

 Uma garota, que usava um belo vestido de gala, estava correndo desesperadamente sem rumo. Parecia que estava sendo perseguida. Por um momento, essa garota para para descansar, mas uma voz pode se ouvir:

 

 — PARE AGORA! — Grita uma voz masculina

 

 Esse grito fez a garota correr mais e mais, até despistar essa pessoa. A garota vai andando de costas até uma árvore, mas sem perceber, viu que acabou caindo numa armadilha, ou melhor, um buraco...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...