História Alien - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~VictorLee

Postado
Categorias Alien, Falling Skies, Zombieland
Personagens Tom Mason
Visualizações 8
Palavras 540
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Mistério, Sci-Fi, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Esse personagem, é contado por VictorLee...

Capítulo 2 - Steve Trend


Fanfic / Fanfiction Alien - Capítulo 2 - Steve Trend

>meu nome é Steve, Steve Trend...

>vou contar como tudo começou, como o mundo ficou mais merda do que já era.

>era mais um dia bosta na cidade do pecado, isso mesmo Las  Vegas.

>acordo, tomo meu banho, tomo café sozinho como sempre, é difícil não  ter uma mãe e um pai policial, não  culpo ele por não passar muito tempo comigo, afinal ele me da uma boa condição de vida...

  >voltando...termino meu café e espero o ônibus para ir pro colégio, vida de um adolescente normal de 16 anos, não sei se é impressão minha mas o clima está diferente, pra um deserto está bem frio...

>ônibus chega e já  vou com minha turminha, bando de interesseiros, dizem meus amigos por meu dinheiro, mas tudo bem, todos são assim...

>sou um cara considerado popular, 1,80 de  altura,75 kilos e com boa condição de vida, já sabe né, chove vadias e "amigos". 

>nesse dia estava indo tudo bem, tirando o frio. As primeiras aulas foram legais, matemática,amo exatas,sou considerado um bom aluno, não é só porque sou meio popular que sou burro, curto assistir  séries, filmes de ação,ficção e muito mais, as primeiras aulas passaram até que rápido.

 >quando deu o sinal do intervalo fiquei lá com a turminha de interesseiros, até que olho pro céu e vejo uma coisa estranha, parecia uma nave parada em cima da  escola, sumiu depois de alguns  minutos.

 >devo estar ficando louco, mas parece que não foi só eu que percebi isso, um tempo depois vejo a imprensa chegando, seria uma nave alienígena aquilo? 

>não falei pra ninguém e volto pra aula,mas aquilo não saia da minha cabeça passei meu dia pensando no que eu vi, mas preferi não comentar nada com ninguém, quando percebo ja acabou a aula, decido ir pra casa andando, tem uma menina ai pra eu pegar...

>deixo a menina na casa dela, e estou voltando pra casa quando vejo pelo que parece aquela mesma nave soltando um tipo de fogo pela cidade.

>volto correndo, assustado, quando lembro de um cara que joga comigo que é fissurado nessas coisas de alien, ele se chama Tom, o cara é meio antisocial mas é gente boa, e mora perto de casa também.

>chamo ele até que ele sai, e já pergunto o que é aquilo  desesperado, e ele me chama pra entrar, e fala que está tentando entender também, mas pra se preparar que pode ser uma guerra de mundos.

>mano quando ele me falou aquilo fiquei em estado de  choque, lembrei que meu pai trabalha na polícia e já liguei imediatamente para ele...

>até que alguém atende...mas aquela não era a voz do meu pai, o parceiro dele que atendeu, recebo a pior notícia do mundo...

>ele diz que aquela coisa atingiu o carro deles e meu pai não resistiu...começo a chorar, poha primeiro minha mãe agora meu pai, não tenho mais ninguém.

>o Tom pergunta o que aconteceu, porque estou chorando daquele jeito, eu conto o que aconteceu pra ele, e ele tenta me consolar e já tenta fazer contato com os pais dele, mas ninguém atende...

>percebemos que o que está acontecendo é  sério, paro de chorar e começo a pensar no que vou fazer agora,  mas tenho uma coisa a dizer, seja o que for essas coisas elas irão pagar caro...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...