1. Spirit Fanfics >
  2. Alien Sky - M09Y93. ( Min Yoongi.) >
  3. 40

História Alien Sky - M09Y93. ( Min Yoongi.) - Capítulo 40


Escrita por: IAmTheNightSky

Notas do Autor


* Sorry pelos erros ♡

Capítulo 40 - 40



S/n


Deus, eu não conseguia nem mesmo me encarar no espelho....


 A frase "traidora de todo o universo" não saia da porra da minha cabeça.

E eu estava sentindo um ódio tão grande do Jace....


Terminei de colocar o pijama em forma de vestido que a avó/mãe do Hoseok me deu.


Ficou um pouco curto, mas não era nada exagerado...


Ouvi duas batidas na porta.


Hoseok: S/n, a mamãe fez uma sopa deliciosa só para você.


O ruivo gritou.


S/n: Eu não estou com fome, mas agradeço mesmo assim Hoseok.

Hoseok: Saia um pouco desse quarto, a noite aqui em tão bonita. O seu E.tzinho safado estava agorinha lá fora com o  outro e.t linguarudo.

S/n: Eu não quero Hobi, estou bem exatamente aqui. Agora não seja chato, por favor...


Sentei na cama e olhei para a janela.


Só estava esperando a hora em que alguém chegaria aqui e me levaria presa...

Ou alguma criatura de outro mundo viria me matar...


E eu nem sabia qual dessas opções era a pior.


Respirei fundo.


Yoongi: Precisa se alimentar doutora Walter.


Arregalei os olhos e olhei rapidamente para o lado.

O homem estava parado em pé e com um prato na mão.


S/n: Quando você chegou aqui?

Yoongi: Tem pouco mais de dois minutos. 

S/n: Por favor, pare de me assustar aparecendo assim do nada...

Yoongi: Desculpe, tentarei avisar que estou me aproximando da próxima vez.

S/n: Obrigado...


Ele chegou mais perto e parou na minha frente.

Levantei os meus olhos e tentei não encarar o tórax e a barriga dele totalmente expostos...


Eu respirei fundo....


Não sabia lidar com a imagem de um homem desse tamanho na minha frente...


E ainda mais usando apenas uma calça social e descalço.


Yoongi: Eu irei lhe alimentar.

S/n: Como?


O maior se colocou de joelhos na minha frente e segurou na colher.

Então encheu com a sopa e encostou o objeto perto da minha boca.


Eu nem tive reação...


Yoongi: Coma.


Ri soprado.


S/n: Eu não estou com fome, mas agradeço a sua disposição em querer me dar comida na boca.

Yoongi: Eu posso alimentar você todos os dias.

S/n: Eu já sou adulta, sei comer sozinha.

Yoongi: Você é mal alimentada doutora Walter. Por isso não consegue se sustentar sobre as suas pernas.


Comecei a rir sem querer.


Yoongi: Porque está rindo?

S/n: Você está querendo me tratar como se eu fosse uma criança. E eu já sou bem grandinha Yoongi.

Yoongi: Eu gosto de ouvi-la me chamar pelo meu nome.


Ele me encarou.


Eu respirei fundo....


S/n: Eu, eu gosto do seu nome.

Yoongi: Também gosto do seu. É muito gracioso.


Fiquei vermelha.


Então abri a boca e ele me deu a sopa.


Yoongi: Muito bem.

S/n: Você usa palavras tão bonitas que eu nem sei como responder..

Yoongi: Tome a sopa, apenas isso.

S/n: Eu não quero comer Yoongi...

Yoongi: E se acontecer os desmaios? Eu não gosto de vê-la caindo, você sempre se machuca.


Ele olhou para o meu joelho onde ainda estava um pouco machucado graças a uma das minhas quedas.


Yoongi: E não se cura rapidamente...

S/n: Então vocês conseguem se curar...

Yoongi: Sim.


Encarei o rosto dele.


S/n: Vai sumir com o tempo, e vai sobrar apenas uma cicatriz pequena.


Ele me estendeu outra colher, e eu tomei.


Yoongi: Eu sinto muito por todas as suas cicatrizes doutora Walter. E não digo apenas fisicamente, falo mais das emocionais.


Engoli em seco.


Yoongi: Eu vi o que o humano fez com você quando repliquei a sua memória. E ele não deveria...

S/n: Está falando do chifre? Tudo bem, isso foi o de menos se analisar os fatos.

Yoongi: Você sofreu, sentiu muita dor, e ainda sente. Se isola e se culpa, mas não fez nada de errado...


Franzi o cenho.


S/n: Como você sabe disso...

Yoongi: Eu, bom, eu sinto.

S/n: Não entendi.

Yoongi: Eu sinto tudo o que você sente doutora Walter.

S/n: Como assim tudo...

Yoongi: As suas emoções, seus medos, insegurança, dores, alegrias, dúvidas, eu sinto tudo.


Fiquei foi nervosa!


Mas o quê!?!?!


Ele colocou o prato em cima da mesinha de cabeceira.


Yoongi: Não se assuste, por favor.

S/n: Como você consegue fazer isso?! 

Yoongi: É, eu...


Ele olhou para baixo 


Yoongi: Os seus pés...


O homem sorriu.


E a minha atenção foi desviada.


Yoongi: Eu gostaria de tocá-los. Posso?


Ele levantou os olhos e me encarou fixamente.

Eu assisti apenas para que ele quebrasse o contato visual...


Yoong: São tão pequenos....


O moreno tocou no meu tornozelo esquerdo, então fechou a mão e começou a levantar o meu pé.


Rapidamente puxei o travesseiro e coloquei no meu colo.


A última coisa que eu quero agora é que ele veja a minha calcinha novamente.

Droga, então nunca foi mesmo o Caio, era ele....


Isso parece tão errado...


Yoongi: São lindos doutora Walter...


Ri soprado e ele usou a outra mão para tocar também.


Yoongi: Eu gosto muito deles...

S/n: Só não faça cócegas.

Yoongi: O que é isso?


Ele fixou os olhos nos meus.


Eu sorri sem querer....


S/n: Eu vou te mostrar depois.

Yoongi: Ok, e eu já estou curioso.


O homem voltou a olhar para os meus pés.

Então levantou o outro e sorriu.


Yoongi: Eu adoraria beijá-los.


Arregalei os olhos!


Yoongi: Eu posso?

S/n: É, olha, mesmo os meus pés estando limpos, eu não sei se é uma boa idéia, você, você, é beijar eles....


Engoli em seco.


Yoongi: Eu quero apenas a sua permissão doutora Walter.


Merda, o que eu faço?!?!?


Yoongi: Você já viu que eu não tenho nenhuma pressa. Não iria machucá-la.

S/n: Não é isso, é que, é, eu nunca vi alguém querer beijar os pés de outra pessoa, não assim...

Yoongi: Então me permita.

S/n: Eu não sei não...

Yoongi: S/n....


Ele fez uma carinha tão linda....


E eu me derreti inteira...


S/n: Ok, mas eu não quero ver isso...


Fechei os olhos e senti o homem beijar o meu tornozelo.

Eu fiquei nervosa....


Yoongi: Se quiser que eu pare, eu imediatamente irei parar.

S/n: É, não não, pode continuar com a sua obsessão pelo meu pé.


Ele riu.


E então beijou novamente o meu tornozelo, e depois começou a distribuir beijos por toda a extensão.

Eu nem sabia como deveria reagir...


E nem se devia.


Mas ele não parecia disposto a parar de fazer aquilo.


Eu estava me aproveitando da situação? Isso é errado S/n...

Ele nem deve ter tanta noção de como as coisas são por aqui..


Pare com isso...


Senti ele apertar um pouco acima do meu tornozelo.


E eu fiquei levemente atiçada...


Abri os olhos e ele estava me encarando intensamente.

As minhas pernas tremeram....


E então ele começou a fazer uma massagem deliciosa nos meus pés...


S/n: Desculpe ter dito aquelas coisas ruins para você enquanto estávamos no laboratório...


Ele sorriu de lado.


S/n: Não queria ter deixado você magoado...

Yoongi: Eu já lhe perdoei antes mesmo de você ter errado..


O meu corpo começou a relaxar enquanto o moreno fazia aqueles movimentos maravilhosos com as mãos nos meus pés....

Era como se toda a tensão estivesse saindo do meu corpo de forma rápida.


S/n: Nossa, você faz isso muito bem....


Disse baixinho.


Yoongi: Eu posso fazer mais por você doutora Walter, apenas fique tranquila e me deixe tirar essa preocupação do seu corpo...


Fechei um pouco os olhos.


Estava com vontade de deitar na cama, relaxar e deixar ele ali para sempre....

Fazendo aquela massagem dos céus...


S/n: Merda, Yoongi que mãos de anjo você tem, eu me sinto bem melhor agora...

Yoongi: Ainda não está tão calma como eu quero S/n...


Ele me encarou e novamente apertou o meu tornozelo.


Eu deslizei os meus olhos descaradamente pelo tórax dele...


Meu Deus, que homem gostoso é esse...


E essas mãos..


Me lembrei dos toques "dele" e de como eu fiquei louca...

E molhada....


Mas isso é tão errado, tão sujo...


Yoongi: S/n...

S/n: O que aconteceu entre mim e o Caio, digo, eu e você...


Ele parou e me encarou.


S/n: Se eu soubesse que ele era você, eu, eu jamais seria tão baixa e descarada daquele jeito....

Yoongi: O que é ser descarada?


Ri soprado.


S/n: É, eu...

Yoongi: Você não se agradou?


Mas...


Franzi o cenho.


Como?


Yoongi: Não ficou satisfeita com a forma que te toquei e nem com o que eu disse para você doutora Walter?


Ele não....


Yoongi: Eu não deveria ter deixado claro que a desejava, foi isso?


Puta merda!!!!


S/n sua cega dos infernos, o Hoseok estava certo!!


Eu puxei rapidamente o meu pé e levantei da cama.

E me afastei um pouco.


Merda, merda, merda....


Cruzei os braços e fiquei de costa para ele.


Minha mente estava tentando raciocinar....

Não podia ser...


Yoongi: Não sei como agradá-la doutora Walter. E também não sei ao certo o que pensa sobre mim.

S/n: Mas do que você está falando?

Yoongi: Eu estou falando sobre isso...


Engoli em seco quando senti ele encostar atrás de mim.

A minha boceta contraiu forte!


E aquela carga elétrica passou pelo corpo rapidamente....


Mas que porra é essa?!?!


Yoongi: Sobre a sua mente dizer que não e o seu corpo me mostrar o contrário...

S/n: Consegue ler a minha mente?

Yoongi: Não, mas consigo ver claramente todas as suas memórias e pensamentos em relação a mim.


Respirei fundo.


Yoongi: O que sente por mim doutora Walter?

S/n: Yoongi, eu, eu, eu estava estudando você. Mas que bobagem e essa que você está falando?!

Yoongi: Disse que me queria, e ficou pronta para mim enquanto estávamos no alojamento.

S/n: Eu, eu pensei que fosse o Caio!

Yoongi: Não. Você me viu, eu sei que viu. E não sente desejo pelo humano Caio, eu saberia....


Engoli em seco.


O corpo dele estava esquentando....


E aquela respiração dele ficando irregular...


Era uma tentação do caralho.....


Yoongi: Sinto coisas por você doutora Walter...


Balancei a cabeça negativamente.


Yoongi: E o seu corpo me chama de um jeito tão forte que eu penso que posso enlouquecer a qualquer momento se não for...

S/n: Não, não e não...


Ele passou as mãos pela minha cintura, então me abraçou por trás.

Foi um abraço carregado de malícia e segundas intenções....


Yoongi: Sim S/n, sim...


Eu senti...


Senti o volume na calça dele....


E estava tão duro....


Roçando em mim....


Ele estava se esfregando de propósito....


Aquele gostoso....


Yoongi: Eu quero cada pedacinho do seu corpo doutora Walter....


Involuntariamente eu joguei a minha cabeça para trás e relaxei contra o tórax dele.


Eu me senti tonta e alucinada...


Aquela voz....


Mas que inferno....


Não, não, não!!


Yoongi: Não consegue aceitar isso? Mas porque...


O homem forçou o quadril contra mim.


Eu fiquei extremamente inquieta e com a mente acelerada!!!

Aquele maldito tesão fodido do cacete...


Yoongi: Eu não a machucaria, jamais faria isso...


Senti ele beijar perto da minha orelha.


Meu Deus, então ele é mesmo enorme?!


Yoongi: Sincero demais?

S/n: Muito....


Disse quase perdendo a voz!


Yoongi: Então não me quer?


Engoli em seco.


Não é isso....


É que, você não é um homem comum, e eu...


Yoongi: Ainda me considera um objeto de estudos? É isso?

S/n: Não é nada disso, eu, eu...

Yoongi: Preciso de uma resposta, mesmo que demore....


O moreno mordeu a minha orelha.


E a minha intimidade contraiu de um jeito tão gostoso....

Eu fiquei na ponta dos pés e esfreguei a minha bunda descaradamente contra o pau dele....


Aquele atrito....


Meu Deus.....


Me senti uma cadela....


Uma miserável....


A minha boceta contraiu novamente, e eu mordi o lábio inferior.


Yoongi: Ah sim, eu estou aqui, e estou pronto para me encaixar no meio das suas  pernas S/n....


Eu revirei os olhos...


Yoongi: Se abra para mim, me deixe tê-la....

S/n: Ah Yoongi....


O  meu corpo estava pegando fogo!!!


Yoongi: Mesmo que seja por apenas uma única vez....


Ele parecia desesperado....


E então gemeu.


Gemeu de um jeito tão delicioso que me fez querer ser uma vadia e dar para ele.


Mas e depois? E depois?


S/n: Eu, eu, eu....


Não S/n...


O homem passou a língua no meu pescoço.

Eu mordi a boca!


Yoongi: Me quer....


Respirei fundo e engoli em seco.


Não posso....


Não é justo com você, eu me sentiria péssima....


Yoongi: Mas não vai me dar...


Olhei para ele por cima do ombro.


O moreno estava com o cenho franzido.


Yoongi: As suas emoções estão confusas. Mas, você sente desprezo por mim doutora Walter? É isso?


Arregalei os olhos!


E então ele começou a se afastar....


Me virei e encarei ele.


A expressão do rosto do maior ficou totalmente séria....


Yoongi: Jamais irá se entregar para mim, você está com medo e dúvida...

S/n: Não, não é isso ok?!


Disse enquanto tremia.


S/n: Eu, eu, é , você não entenderia! Eu e você, a gente, a gente se conhece muito pouco e...- Ele me cortou.

Yoongi: Conhecia o humano William pouco também. E mesmo assim cogitou a idéia se se deitar com ele, e o desejou, eu sei que sim. Não minta para mim.


Engoli em seco.


Yoongi: Eu a conheço melhor do que você mesma doutora Walter. Sei todos os seus medos e tenho as suas lembranças gravadas comigo.


Ele fechou as mãos em punho.


Yoongi: Pensou em me tocar, e gostou. Mas sente pena de mim, me considera uma criatura pouco racional e não quer se envolver comigo dessa forma.

S/n: Yoongi...

Yoongi: Quer saber, está certa. A resposta para a sua pergunta se isso está certo ou não é óbvia...


O homem engoli em seco.


Yoongi: Não, não está. 


O meu coração apertou....


Yoongi: Com licença doutora Walter e por favor, me perdoe por ter agido como um animal irracional.

S/n: Yoongi!!


Berrei 


Yoongi: O alienígena está se retirando. 


Franzi o cenho.


E o homem foi em direção a porta, então saiu.

E eu respirei fundo!


Mas que inferno, não tem como esse dia ficar pior!!!


Que caralho!!






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...