1. Spirit Fanfics >
  2. All because of a bet - Noart >
  3. "...vamos com calma..."

História All because of a bet - Noart - Capítulo 32


Escrita por:


Notas do Autor


4/?

Boa leitura 💖

Capítulo 32 - "...vamos com calma..."


Fanfic / Fanfiction All because of a bet - Noart - Capítulo 32 - "...vamos com calma..."

Noah Urrea

Acordo sentido beijos pelo meu rosto, abro os olhos e vejo a mulher mais linda com o sorriso mais lindo. Ontem eu dormir aqui.

- Bom dia.

- Bom dia baby.

- Vem, levanta, a Any ligou e disse que o Josh recebe alta agora pela manhã.

- Ah não, eu tô com sono.

- Vai Noah - ela fala séria e eu levanto na mesma hora.

Vou no banheiro faço minha h.p, escovo os dentes com uma escova que ela me deu ontem e coloco a mesma roupa que estava ontem já que não fui em casa. Saio do banheiro e ela já estava arrumada sentada na cama.

- Noah

- Hum

- Vem cá - sentei ao seu lado na cama.

- Só pra deixar claro, eu não estava feliz, o Jonah foi um amigo legal que estava comigo ele me fazia rir me distraia, mas só por fora porque só eu sei como estava por dentro, eu também chorava todos os dias, mas na escola era como se eu colocasse uma máscara pra ninguém ver como eu estou de verdade, eu via você olhando de quanto para a gente e depois derramar lágrimas, aquilo me despedaçava, eu queria e ir lá e te da um abraço, mas o meu orgulho não deixou ele é mais forte que eu, eu queria te ouvir, mas não conseguia ir até você, as suas mensagens todos os dias me fazia feliz, porque você disse que não ia desistir e não desistiu.

- Eu sei que você queria me ouvir mas o orgulho não deixava.

- Sabe?

- Sim. No dia da festa na casa da Joalin, eu fiquei te observando, você bebeu demais, eu vir você subindo pra ao banheiro e demorou aí eu fui atrás, encontrei você no chão, falando nada com nada, não sabia nem o seu nome, eu te levei para um quarto e coloquei você no banheiro, você ficou flertando comigo, e fez birra para não tomar banho, disse que só tomava se eu fosse com você, aí eu fui né.

- Pera aí, você me viu nua?

- Não! Você ficou de lingerie e eu de cueca - ela solta um suspiro - continuando, eu perguntei pq você bebeu tanto, aí voce disse que era para esquecer um garoto, no caso era eu, começou a falar as merdas que eu fiz como se não fosse eu ali.

- Meus deus, eu cheguei a esse ponto?

- Pode acreditar que sim. Depois você disse que queria deixar ele se explicar que amava muito ele, mas era muito orgulhosa pra isso, aí depois disso eu percebi que no início eu tentava falar com você, mais depois eu dei o seu tempo e parei de insistir só fiquei nas mensagens, aí no outro dia eu vim aqui te explicar tudo.

- Tenho que agradecer a essa festa, porque se você não virasse falar comigo pode ter certeza que eu não ia, o meu orgulho é maior que eu - ficamos quietos, sem olhar um no outro - Eu te amo - levanto o meu olhar para ela.

- Eu também te amo, muito - É foi aqui que ela atacou os meus lábios, como eu sentir falta de sentir seus lábios nos meus, a sua boca macia, e o melhor, ela estava usando gloss, hum, nos separamos pela falta de ar, com uma mordida dela no meu lábio inferior, continuamos com as testas coladas, ofegantes, e nos olhando.

- Vamos com calma - ela quebra o silêncio.

- Tudo bem, já é um começo - sorrio e ela também - como eu sentir a sua falta Sininho.

- Eu também sentir a sua Peter Pan, não sabe o quanto - enchi o rosto dela de selinhos, ouvindo ela da uma gargalhada gostosa de ouvir.

Como é bom tê-la de volta.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...