História Alma (Chanbaek) ABO - Capítulo 26


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kai, Kim Taehyung (V), Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Amor, Baekhyun, Chanbaek, Chanbaek Abo, Chanyeol, Comedia, Exo, Fluffy, Gay, Kaisoo, Lgbt, Lobo, Ômega, Romance, Vampiro, Vkook, Xiuchen
Visualizações 172
Palavras 569
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Fantasia, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Sobrenatural, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 26 - Vou comer sua opinião


Fanfic / Fanfiction Alma (Chanbaek) ABO - Capítulo 26 - Vou comer sua opinião

Chanyeol, Chanyeol, Chanyeol...

Que feio, com ciúmes.

Até poderia ser bonitinho se não fosse cômico.

Fala serio, não é todo dia que se vê um poste gigante encarando feio o namorado do seu novo amigo.

Então, eu conto que o Taehyung já marcou o Kook e que nem se ele quisesse ele conseguiria ficar comigo? Ou eu deixo ele se correndo aos poucos até surtar?

Sinceramente, ia ser engraçado a cara de arrependido dele, mas as caras de raiva (que parece até que é vontade de cagar) não tem preço, então eu, Baekhyun, como um bom aproveitador de situações engraçadas, vou permitir que o Chanyeol continue puto.

-Baek, o que você acha de você e o Chanyeol irem jantar com a gente no shopping.

Eu ate ia responder se o filha da puta do Chanyeol, não, pera, filho da puta não, a mãe dele e legal. Continuando... Se aquele boboca(? E, eu estou passando muito tempo com o vampirão, to até esquecendo o meu vocabulário culto de alongamentos)não tivesse me interrompido.

-Valeu, não rola janta para mim.

Ah! Ninguém interrompe o Baekhyun.

NINGUÉM

-Mas Chanyeol, eu estou com fome.

Vamos la Baek. MODO ÔMEGA ATIVAR!

-Por favor, eu me comporto.

-Baek...

-Por favor.

Como o bom estrategista que sou, com a minha mão direita segurei a mão esquerda dele, ficando de lado (de frente ao braço do Chanyeol) e com a minha mão esquerda segurei seu antebraço. Para fechar com chave de ouro, olharzinho de cachorro sem dono.

E voalá

Temos um Chanyeol cochichando algo bem baixo enquanto dirige seguindo o carro do Taehyung.

Ele está bravo? Com toda certeza do mundo. Mas depois eu coloco aquele moletom ridículo de patinho, ai passa a raiva dele, não tem como ficar bravo comigo usando aquela coisa.

-Chegamos, não enrola muito ta Baekhyun, quero voltar rápido para casa.

-Você quem manda chefia.

-Até parece...

Descemos do carro e eu fui ate o Kook que também tinha acabado de descer do seu carro que estava na vaga da frente.

-Eu acho que quero um hambúrguer.

Ele passou o braço embora do meu e foi me puxando falando alguma coisa sobre o que ele queria no hambúrguer dele. Andando assim até parece que nós somos amigos desde pequenos.

Isso e bom, não é?

Dei uma olhadinha para trás é o Chanyeol estava todo bravinho com os braços cruzados, enquanto o Taehyung estava todo sorridente tentando manter o assunto, no qual o Chanyeol parece não estar nem um pouco interessado.

Fiquei tão entretido olhando as vitrines com o Kook que nem percebi que chegamos à praça de alimentação.

O Kook ja saiu correndo me puxando para uma das lojas de fast food, onde nós podíamos montar o nosso próprio lanche.

O Chanyeol foi procurar por uma mesa (ele não vai pegar comida mesmo, então eu mandei ele ir fazer isso, ser útil né).

Catei um pão nada pequeno, joguei quase tudo que tinha disponível na lanchonete, menos mostarda, eu odeio mostarda com todas as forças do meu cu. O do kook e o do Taehyung foram um pouco mais básicos no lanche deles, mas eles não tem vinte anos de fome para por em dia, então cada um na sua, e nem pense em se meter no meu prato porra, se não eu como a sua opinião também.

Se acalma Baekhyun.

Nós ja estavamos sentados la conversando à algum tempo, acho que uns vinte minutos, e tudo tava indo tão bem, tão bom. Até o Chanyeol ser o Chanyeol...

-Já volto.

O cuzão simplesmente levantou todo meio atrapalhado e saiu correndo de lá como se nós fossemos o atacar.

.

.

.

Continua??













Notas Finais


Espero que tenham gostado💜💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...