1. Spirit Fanfics >
  2. Almas Sujas >
  3. Cap 1

História Almas Sujas - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


(Personagem criada por mim)

Capítulo 1 - Cap 1


Fanfic / Fanfiction Almas Sujas - Capítulo 1 - Cap 1

KIM HEYON

Kim Heyon, a protagonista desta história, é uma garota nativamente americana que agora vive na Alemanha com seu pai e mãe. Está no fim do 3 ano do ensino médio, com 17 anos, ela ainda mora com os pais e sua vida diária não é nem um pouco interessante, sua família não é interessante e muito menos unida e alegre, dramas e traumas sempre estiveram com ela resultando em inúmeros problemas psicológicos. Falando de sua personalidade, é uma pessoa quieta que vive em seu próprio mundo, nao tem amigos e nem faz questão disso, exceto pela sua amiga de infância  (Miana Kanto) que está sempre a ajudando como pode, talvez seja a dependência emocional de Kim. Kim é sincera e chega a ser fria e grossa por causa disso, nao faz questão de nada e se dependesse somente dela teria partido pra próxima desde antes dos 15 anos. Sua família é problemática, ela é problemática e nunca se encaixou em padrões sociais, não em relação a seu corpo mas sim a sua personalidade e estilo, e muitos a julgavam "menina masculina". Odiava muitas coisas, muitas pessoas e não fazia questão de estar viva, poucas coisas ainda lhe davam sensação de prazer.

Kim estava em no seu quarto desenhando algo aleatório com oque havia sonhado e é interrompida com sua mãe na porta.

Hana: K! (o apelido pronuncia-se kay)

Kim: Que?

Hana: Da para abrir a porta?

A garota levanta e destranca a porta de seu quarto e faz uma cara confusa ao ver sua mãe com um enorme saco plástico com uma expressão ansiosa.

Hana: Finalmente chegou! eu reservei isso a meses!

A mulher via kim olhando sua empolgação com olhar de tédio, que era sempre predominante em seu rosto.

Hana: Não quer saber oque é?

Kim: Não, estou ocupada.

Hana: Seu vestido para o baile de formatura.

A garota desfere uma risada irônica depois de ouvir o pronunciamento de sua mãe.

Kim: Boa piada, já pode ir.

Hana: Não é piada, ande logo e prove.

Kim: Onde está com a cabeça? Eu não vou usar um vestido!

Hana: Nem começa com o drama, eu juntei dinheiro o ano inteiro para poder alugá-lo por somente 12 horas, e aliás a formatura é daqui a 4 horas, oque ainda faz aqui?

Kim: E onde era pra eu estar?

Hana: Em um salão.

Kim: Você nem se esforça pra tentar perceber oque eu gosto, eu já tenho roupa pra porcaria da formatura da qual estou sendo obrigada a ir, não preciso disso.

Hana suspira fundo e Kim já podia imaginar oque estava por vim, então se senta na cama e só escuta.

Hana: Escuta aqui garota, você sabe o quanto eu me esforço? O quanto eu e seu pai trabalhamos para te dar oque você nos pede?Sabe o trabalho que é criar um filho? Sabe quantos anos da minha vida eu desperdicei com você? E você nunca me disse um obrigado, por eu ter te alimentado, te vestido, te dado educação um teto e uma vida!? Enquando morar nessa casa você vai me obedecer sem questionar, sem reclamar sem nada!

Kim: Eu não vou usar o vestido.

Hana: VOCÊ ESTÁ ME ESCUTANDO?? Oque pretende usar então? E não diga que é uma roupa de homem que você conseguiu emprestada por aí.

Kim: Não se preocupe, eu mesma comprei e posso devolver o dinheiro que gastou com o vestido.

Hana: E onde anda conseguindo dinheiro?

Kim: Prostituição.

Hana: O-Oque você..?

Kim: É Brincadeira. Eu andei vendendo alguns desenhos.

Hana: Por um instante achei que iria falar drogas.. Posso ver oque comprou?

Kim: Um terno.

Hana: Eu desisto de você!

A mulher sai desapontada do quarto e Kim nem se importa tanto, e volta a fazer o desenho. Horas depois ela vai até a cozinha tentar fazer algo pra comer, e na mesa estavam seu pai e sua mãe conversando.

Ela então pega ingredientes para fazer um brownie de caneca e começa a prepará-lo.

Matsuo: Sua formatura é daqui a uma hora, nao devia estar se aprontando?

Kim: Eu não preciso de uma hora pra por uma roupa.

Hana: Você poderia aprender a ser mais educada.

Disse a mulher levando a xicara em que estava tomando seu chá até a boca.

Kim: Achei que você tivesse me dado a educação que tenho.

Hana: Não distorça minhas palavras, não foi exatamente isso que eu te ensinei. Você é mal criada, e não tem a melhor personalidade do mundo.

Kim: Porque você não para de me encher o saco? Não mais ninguém pra perturbar?

Hana: Poderia estar "perturbando" o irmão que você não tem, porque por sua culpa, seu pai é infértil.

Kim: Bom, então se por acaso ele tentar me estrupar de novo eu agirei de forma mais receptiva, quer que eu peça desculpas?

Matsuo: Eu já disse pra nunca mais tocar nesse assunto, foi um acidente eu estava bêbado. Já avisei para parar de trazer isso a tona quando estiver zangada comigo.

Kim: Deixa a porra do bolo pra lá.

Ela pega uma bolsa presa na porta e sai.

Hana: Como vai a poupança para mandá-la de volta para Ohio?

Matsuo: Acho que em menos de um ano teremos o suficiente.. Mas teremos que esperar ela completar a maioridade.

Hana: Mais um ano então... Eu estou realmente cansada.

       /Em uma cafeteria próxima ao bairro/

Kim: Um expresso forte sem açúcar com bastante espuma e um croissant de chocolate.

?- Sem açúcar? Que tipo de pessoa você é?

A garota olha pro lado e vê um moço de cabelos loiros a olhando, o qual lhe fez a pergunta. Ela apenas o olha de cima a baixo e o ignora pegando seu pedido e sentando na mesa mais afastada do local. Pouco depois de começar a comer, nota o mesmo garoto parado em sua frente, mas novamente o ignora, ela era a melhor em fazer isso. O homem depois de alguns minutos da uma risada anasalada e sai do local.

Poucos minutos antes de dar o horário de sua formatura, ela vai pra casa trocar de roupa. Depois de pronta, ela respira fundo e desce as escadas que desciam de seu quarto até a sala. Ela sai de casa sem nem dar algum aviso a seus pais. Assim que chega na entrada da escola, Kim encontra sua amiga Miana.

Miana: Ei!! KIIIIMM!!

Kim de longe faz um gesto com a mão como se serrase o pescoço para indicar que Miana parasse de gritar. Até que se aproximam.

Kim: Eu já tinha te visto!

Miana: Ahh.. hahah, desculpe. E nossa você está incrível.

Kim: Vamos acabar logo com isso, dei sorte que sou a primeira turma.

Miana: Não vai ficar pra festa?

Kim: Claro que vou amiga! Eu amo festas!! 

Pronunciou de um jeito irônico. 

Miana: Era só ter dito não. Olha só! O Jae Pierre chegou! Nossa que alvoroço, todas meninas oferecidas.

Kim: Você também queria estar lá.

Miana: E você não?

Kim: Quem é Tae Perre?

Miana: É Jae Pierre! E é só o cara mais popular do Colégio e quem sabe de toda a cidade! O cara nada no dinheiro e é da sua turma. Está dizendo que não o conhece?

Kim: Eu não dou a mínima, podemos ir?

Miana: Claro claro..

As duas entram no salão e aguardam em mesas as turmas começarem a serem chamadas.

Kim: O convite está escrito 20:00, são 20:09 e ainda  não começou.. Eu vou embora.

Miana: Hahahha, Kim você não pode reclamar já que é a pessoa mais sem horário que eu conheço. Você está sempre atras- aí meu Deus! Não fique surpresa, haja normalmente, aí.. minhas mãos tão geladas..

Kim: Oque houv-

Jae: Sabia que já tinha te visto em algum lugar, pessoa da cafeteria. Quem diria que somos tão próximos.

Kim: Não somos próximos.

Jae: Posso saber os seus pronomes?

Kim: Meus pronomes são não/negativo, não fale comigo, não se refira a mim não pense em hipótese alguma se dirigir a minha pessoa, obrigada.

Jae: Então a deixarei em paz, pessoas como você definitivamente não são o meu tipo.

O garoto sai acompanhado de mais duas meninas que estavam ao seu lado.

?- Nossa que mal educada.

Miana: Kim??? Você--

Auto falantes da escola começam a anunciar a apresentação das turmas e Kim vai até ao palco.

Miana: FALAMOS SOBRE ISSO DEPOIS!!

Os diplomas são entregues e como Kim tem as notas mais altas da turma e da escola, é convidada a fazer um discurso.

Kim: Eu não vou fazer isso, estou atrasada pra ir embora.

Diretora: Por favor Kim.. Você é um exemplo para os alunos!

Kim: Parece que não conhece seus próprios alunos, eu nunca fui bem vista aqui dentro, notas altas não são nada. Licença.

Kim desce do palco e Pierre acaba sendo chamado para o discurso.

Miana: Kim, não vá embora agora por favor! Eu não tenho companhia pra festa.

Kim: Você pode convidar o garoto que quiser e sabe disso, não precisa de mim.

Miana: Mas eu quero passar esse tempo com você, vai.. por mim! Eu nunca te peço nada.

Kim: Poderia continuar assim.

Miana: Só dez minutos K, dez minutos!

Kim: Certo.

Kim senta novamente na mesa e a festa começa a dar início, com música, bebida e comida, pessoas dançando, se pegando e coisas do tipo.

Miana: Eu vou pegar algo pra gente.

Miana vai até a mesa de bebidas para pegar algo, e quando estava prestes a sair um homem aparentemente um pouco mais velho a aborda.

?: Com licença, você é uma caloura do 1° ano não é? Oque faz em uma formatura do 3°?

Miana: Estou com uma amiga do 3°, hahah..

??: E ela é bonita como você? Se for, me apresente.

Miana: Desculpe, eu te conheço?

??: Não, mas eu posso lhe dar a oportunidade.

Kim observava de longe a conversa de Miana com o homem e logo notou que algo talvez estivesse errado.

Miana: Obrigada, mas eu vou indo.

Ela se vira para ir embora e o cara a segura pelo braço com certa força.

??: Sabe, eu sempre admirei a parte de trás das garotas mas seus peitos me chamaram muita atenção, ainda mais por causa do seu vestido. Porque não me deixa tocá-los?

Diz o homem estendendo a mão, Miana da um tapa com a mão livre que tinha e tenta se soltar.

??: Não seja egoísta.. apenas uns minutinhos, quando começar prometo que irá gostar.

Miana: Moço me solta, eu não te conheço e não quero que se machuque.

??: Me machucar? Uma uma mulher pode fazer a mi-

O homem derrepente cai sobre a mesa depois de Kim o dar um soco no rosto.

??: Que porra é essa? VOCÊ TÁ MALUCA?!

Logo a atenção de todos no salão se volta para os três.

??: VOCÊ SABE QUEM EU SOU?

Kim: Lixos não merecem a minha atenção.

Kim pega Miana pelo braço e sai da roda de pessoas que havia se formado ao seu redor.

Diretora: Oque houve aqui? Que alvoroço é esse?

Kaito: A maluca da Kim deu um soco no Dino.

Diretora: Dino você está bem?

Dino: O meu nariz tá sangrando muito, acho que vou morrer!!

Pessoas da roda: Coitado!

?: Porque será que ela fez isso?

Kaito: Pelo oque eu sei ele estava apenas conversando com a Miana.

Diretora: Sabem pra onde a Kim foi?

Kaito: Provavelmente fugiu.

Diretora: Levem ele pra enfermaria eu resolvo o resto.

A diretora procura Kim pela escola e a encontra no banheiro feminino consolando sua amiga que estava assustada e constrangida pelo incidente.

Miana: Você bateu foi pouco.

Kim: Desculpe. Isso não teria acontecido se tivéssemos ido embora.

Miana: Se você não estivesse aqui quem iria bater nele?

Diretora: Kim! Pode me acompanhar?

Kim: Não.

Diretora: Não é um pedido.

Kim: Eu não estudo mais aqui, não tenho porque obedecê-la.

Diretora: Kim, por favor..

Miana: Vai lá e conta oque aconteceu, eu espero aqui.

                    /No Salão de festa/

Louise: Onde se meteu o Pierre e a Yuna? 

Gyo: Eles foram pro andar de cima então já sabe..

Louise: Que sortuda! Além de todos os meninos do time de vôlei, agora o mais popular e gato da cidade?

Gyo: É mesmo muita sorte. Ih, parece que os pais do Dino chegaram! Soube que são amigos do Pierre então devem ser importantes também.

Louise: A estranha maluca da Kim se deu mal.

               /A caminho da diretoria/ 

Professor: Diretora! Os pais do Dino estão aqui. E não estão nem um pouco calmos.

Kim: Ótimo.

Diretora: Kim, vá até a diretoria sem mim, depois eu apareço lá.

Kim põe as mãos no bolso da frente de sua calça e vai subindo os andares. Passando por uma sala pequena e afastada das demais, ela escuta barulhos estranhos de alguém que parecia fazer algo irritado. A garota geralmente não daria atenção, não até ouvir oque parecia ser uma voz feminina pedindo ajuda mas logo em seguida sendo abafada, os barulhos a seguir se tornaram mais estranhos e indecifráveis, então ela simplesmente abriu a porta e viu. Viu algo que mudaria completamente a sua rotina desinteressante. Pierre, o aluno mais famoso e admirado por todos estava ensanguentado sobre o corpo de uma garota, Kim apenas virou as costas e saiu da sala. Depois de um tempo andando para chegar a diretoria, algo pesado bate em sua nuca e ela apaga.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...