História Alone - Capítulo 61


Escrita por:

Postado
Categorias Jogos Vorazes (The Hunger Games)
Personagens Annie Cresta, Cashmere, Cato, Clove, Cressida, Delly Cartwright, Effie Trinket, Enobaria, Finnick Odair, Foxface, Gale Hawthorne, Glimmer, Gloss, Haymitch Abernathy, Johanna Mason, Katniss Everdeen, Madge Undersee, Peeta Mellark, Plutarch Heavensbee, Primrose Everdeen
Tags Alone, Katniss, Peeta, Principe
Visualizações 38
Palavras 1.130
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Saga, Suspense, Terror e Horror
Avisos: Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 61 - Capitulo 61


POV PEETA

Estou a dias aqui em meu quarto, ainda não aconteceu nenhum ataque, então só fico aqui abraçado ao travesseiro de katniss olhando a janela o dia inteiro, magges diz que preciso levantar e viver, mais não estou disposto, é como se estivesse acabado por dentro e meu coração não existisse mais, não sei mais o que fazer.

 Fico horas olhando a janela ate escurecer, magges trás minha comida e me obriga a comer. Como um pouco e ela sai, passo mais dias assim ate ouvir a porta de meu quarto ser aberta com brutalidade

-CHEGA PEETA!!!-diz meu pai e só reviro os olhos

-NÃO GRITE COM ELE HAIMYTCH-diz minha mãe

-ele esta há dias aqui isolado, ele pensa que é mais um dia normal,  mais não é -diz tirando meu cobertor-você precisa levantar

-eu não quero-digo deprimido e meu pai tira o travesseiro da katniss de minha mão e me levanto -me devolve

-viu você sabe falar-diz e tento pegar de sua mão, mais ele não deixa-peeta você não é mais um garoto, trate já de sair desse quarto e cuidar do seu reino

-como quer que eu faça isso ? se não consigo nem cuidar de mim agora

-você dará um jeito, agora se te ver de novo ai, a próxima reunião sobre a guerra será no seu quarto, entendido-diz bravo, bufo de raiva e ele sai

-desculpe seu pai querido, ele só quer o melhor pra você

-me obrigando ?

-Peeta porque esta assim ?-diz brava-você sempre foi calmo, foi aquela garota

-não diga nada sobre katniss, estou assim porque ela foi embora e não esta mais aqui comigo

-se ela foi, foi por escolha dela peeta, tem que aceitar isso

-eu não quero-digo voltando a sentar na cama

-tentarei acalmar seu pai-diz passando a mão em meu cabelo-precisa de um banho

-tudo bem mãe-digo e ela sorri, me da um beijo na bochecha e sai.

 Vou ate o banheiro, tomo um banho demorado, coloco qualquer roupa e vou sentar na cama mais magges chega e entra na minha frente

-porque não come com a gente lá embaixo, todos sentem sua falta

-eu acho melhor não magges, vou desanimar todos

-não vai, vamos por favor-diz e acabo cedendo e descemos ate a cozinha

-EEEEHH-dizem em uníssono

-magges conseguiu te tirar da caverna-diz finnick me puxando pra um abraço

-sim -digo apenas

-estávamos com saudade-diz annie me abraçando

-pensávamos que estava com depressão-diz johanna

-estou bem pessoal-digo sentando na mesa

-é pela katniss ne ?-diz johanna e annie a repreende

-sim, ela se foi-digo triste

-estamos com você peeta-diz marvel

-obrigada gente-digo e conversamos o dia inteiro, todos estão preocupados com a guerra, mais tento acalma-los e eles tentam me animar, mais katniss é difícil de ser esquecida tão fácil

 \\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\   \\\\\\\\\\\\\    \\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\

POV KATNISS

Estou comendo vendo a lareira, ouço a porta ser empurrada, é minha mãe cheia de coisa

-pode me ajudar querida-diz  e  levanto a ajudando com as sacolas

-pra que tudo isso ?

-bom você ficara aqui por um bom tempo, então te trouxe muita comida, roupas e alguns livros

-obrigada mãe-digo e ela sorri-estava pensando sobre algo

-o que querida ?

-em voltar, sabe talvez eu sair não tenha dado nada-digo e ela se desespera.

-não pode-diz e franzo a testa

-por que ?

-huum snow esta mais calmo agora que você não esta lá

-serio, como ele sabe disso ?

-as noticias voam querida-diz sorrindo e fico desconfiada

-o que ele fara agora ?

-não sei, acho que mandara te procurar

-então não posso sair ?

-não, o melhor a fazer é ficar aqui

-estou morrendo de saudades de peeta-digo e ela fica incomodada

-katniss, sei que não te disse isso mais você é jovem, terá tempo pra se apaixonar, é apenas o primeiro amor-diz e me revolto

-NÃO-digo revoltada-NÃO, EU AMO PEETA

-como pode ter certeza ?

-porque eu o amo e faria qualquer coisa por ele, por isso estou aqui

-então se você veio, não vai se arriscar voltando e piorando tudo não é ?-diz e suspiro triste

-tem razão-digo derrotada e ela sorri

-ótimo querida, vejo que arrumou a casa-diz feliz

-sim, não tinha o que fazer

-esta ótima, me ajuda a guardar tudo-diz assinto

 Organizamos  tudo no seu lugar e minha mãe começa a fazer o almoço

-te trouxe varias calças, sei que odeia vestidos, sempre odiou. Ate me surpreendi quando te vi usar

-usei pelo peeta-digo e ela fica incomodada de novo-mais eu não poderei usar mesmo  assim

-porque querida-pergunta sem compreender

-estou gravida-digo, ela solta a colher que segurava e fica paralisada por um tempo-mãe, diz alguma coisa

-como pode deixar isso acontecer ?-diz brava

-eu não queria, mais aconteceu-digo já ficando brava também

-tudo bem, daremos um jeito nisso-diz e assinto-vamos tirar isso de você-diz e fico furiosa

-O QUE ?!

-katniss....

-você não vai tirar meus filhos

-filhos!! são dois-diz espantada

-são e são meus filhos, não vou deixar você tira-los!!-digo revoltada

-katniss você não pode te-los-diz preocupada

-porque não ?

-eles são filhos da realeza, não são ?

-sim

-por isso katniss, se livre disso antes que estrague sua vida-diz vindo ate mim e vou pra trás negando

-nunca, são meus filhos e vou tê-los, você querendo ou não

-katniss...

-nosso papo já acabou-digo, ela entende e sai da casa

 Como ela pode pensar em tirar seus netos ela enlouqueceu, abraço minha barriga tentando protege-la de tudo, esses bebes são partes de mim e peeta, ninguém vai tira-los de mim

\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\ \\\\\\\\\\\\\\\ \\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\\

        Estou terminando meu livro ate ouvir passos atrás de mim

-trouxe isso pra você-diz minha mãe, mas não a olho -são chocolates, gravidas tem desejos-diz chegando mais perto -me desculpe por aquilo dois dias atrás, mais era preciso filha

-o que ? tentar matar bebes inocentes

-não, te proteger

-eles não são ameaça mãe-digo e ela assente

-tudo bem, se quer seguir adiante com isso-diz arrependida

-sabe como me senti ?

-sei, e sinto muito, só quero poder recompensar o tempo perdido

-tudo bem-digo e ela sorri

-obrigada filha-diz,  me abraça e eu permito, seu olhar vai direto pra minha barriga-esta de quantos meses ?

-não sei talvez 3 ou 4

-foi ao medico ?

-fui uma vez

-tudo bem, quero que saiba que será duro mais valera a pena depois-diz passando a mão em meu rosto-como esta se sentindo ?

-meio enjoada-digo realmente enjoada

-isso é normal querida, finalmente poderei passar meus aprendizados pra você, só não esperava que fosse tão cedo

-nem eu-digo e acabo rindo com ela

 Ficamos a tarde conversando sobre gravidez e tudo sobre o que terei que fazer quando os bebes nascerem, vou estar atarefada, esse momento com minha mãe é bom, estava com saudade, mais agora a saudade esta em outra pessoa.

 


Notas Finais


-JT.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...