História Alone - Capítulo 85


Escrita por:

Postado
Categorias Jogos Vorazes (The Hunger Games)
Personagens Annie Cresta, Cashmere, Cato, Clove, Cressida, Delly Cartwright, Effie Trinket, Enobaria, Finnick Odair, Foxface, Gale Hawthorne, Glimmer, Gloss, Haymitch Abernathy, Johanna Mason, Katniss Everdeen, Madge Undersee, Peeta Mellark, Plutarch Heavensbee, Primrose Everdeen
Tags Alone, Katniss, Peeta, Principe
Visualizações 27
Palavras 1.079
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Saga, Suspense, Terror e Horror
Avisos: Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 85 - Capitulo 85


Acordo olho pro lado e não vejo peeta,  ele esta  na frente dos berços, levanto devagar e ando silenciosa na ponta dos pês ate chegar perto dele, passo meus braços por sua cintura, ele toma um susto mas quando vê me da um sorriso

-bom dia amor-digo sorrindo lhe dando um beijo

-bom dia-diz sorrindo também ele vira de frente pra mim e vejo suas olheiras

-você não dormiu

-eu não consegui-diz me fazendo rir-eles são tudo que eu sempre quis, eles, você nossa família-diz passando o braço por minha cintura e ficamos admirando eles dormirem

-eu sei, mais você tem trabalho a fazer, então vai dormir que eu olho eles agora-digo e ele faz cara triste

-mais eu não..

-sem mais marido-digo lhe dando um beijo e o puxando pra cama-deita

-kat

-peeta-digo e ele ri e deita lhe dou um beijo -boa noite marido

   ele começa a dormir e eu vou ate meus filhos lindos, parecem anjos dormindo, fico olhando eles dormirem, ate nisso eles lembram peeta ficam tão calmos e lindos, após uns minutos ouço um resmungo, olho pro berço e vejo calvin se revirando, sorrio pego ele nos meus braços, abro seu macacão e checo sua fralda, troco e o visto de novo, mais ele ainda resmunga, deve estar com fome, suspiro mantenha calma, você consegue, sento com ele na poltrona e tiro a manga do vestido e meu sutiã aproximo ele que começa a sugar, é completamente estranho fazer isso ,mais vê-lo bem e alimentado alivia tudo isso, quando ele termina a pior parte, fazer ele arrotar não queria bater nele, me deixa angustiada dou uns tapinhas em suas costas e ele arrotar depois o cubro e começo a andar com ele pelo quarto, fico vendo seu rosto pequeno, seu nariz, boca, olhos fechados, suas mãozinhas as pego na mão e ele segura meu dedo, fico emocionada e solto uma lagrimas, ele aperta mais meu dedo, olho e vejo ele tentando abrir seus olhos prendo a respiração ele abre lentamente mais fecha

-PEETA-grito e ele cai da cama e levanta correndo

-o que aconteceu, o que aconteceu-diz preocupado

-ele abriu os olhos e segurou meu dedo-digo sorrindo peeta sorri e se aproxima ficamos olhando pra ver algum movimento

-acha que ele vai abrir de novo-pergunta

-não sei-digo ansiosa-ele aperta meu dedo de novo e abre seus olhos fazendo eu e peeta ficarmos surpresos

-meus olhos-diz peeta começando a chorar

-são seus olhos amor-digo também emocionada peeta me abraça e vemos ele fechar os olhos de novo e abrir  e fechar de novo, ate o aperto em meu dedo diminuir e saber que  esta dormindo, eu o coloco no berço e vou ate peeta e circulo meus braços em seu pescoço-desculpa por te acordar

-desculpa, essa foi uma das melhores coisas que já vi, meu filho tem meus olhos-diz sorrindo animado

-espero que chloe também tenha-digo mais ele nega

-quero seus olhos

-mais eu amo seus olhos

-mais eu amo os seus-diz sorrindo e me dando um beijo

-melhor você voltar a dormir

-eu não quero mais esposa-reclama

-por favor, não quero que você desmaie de sono

-ahh esposa-diz dengoso

-te faço um chamego-digo e ele sorri

-serio

-sim-digo e ele me puxa, rio baixinho e sento na cama, peeta deita em meu colo e começo a acariciar seus cabelos, ele aos poucos vai relaxando e depois dorme, sorrio com isso encosto na cama e coloco sua cabeça em minha barriga começo a acariciar seus cabelos e durmo

     

-amor-diz peeta e abro os olhos

-desculpe eu dorme-digo bocejando e ele ri

-não queria te acordar, mais essa princesa-diz peeta com chloe em seus braços-esta com fome

-ta me de ela aqui-digo e ele me entrega com todo cuidado coloco ela pra mamar e peeta fica olhando-peeta-reclamo

-o que foi-diz divertido

-eu não quero que me veja assim

-assim como

-amamentando-digo e ele ri -não tem graça é estranho pra mim ainda

-eu sei amor, mais você não sabe como esta linda assim-diz e nego

-nem pensar-peeta senta ao meu lado e ficamos vendo nossa filha se alimentando vejo o brilho nos olhos de peeta e não consigo ficar sem sorrir, fiz a escolha certa

  quando ela termina a faço arrotar

-que tal um banho-digo e peeta se anima

-claro amor-diz sorrindo e levanta pegando calvin nos braços, levanto com chloe vamos ate o trocador -e agora-diz peeta e eu rio

-bom magges disse pra tirarmos as roupas e coloca-los na agua morna

-ta vou preparar a agua-diz peeta e assinto ele sai e termino de tirar a roupa de chloe e calvin, peeta chega -estou morrendo de medo de pegar

-eu também

-juntos

-juntos-digo e pegamos nossos filhos delicadamente, pra não machucar os levamos pro banheiro onde tem a banheira eletrônica colocamos eles devagar

-e agora-pergunta peeta e rio

-acho que temos que passar sabonete

-como um banho normal

-sim mais bem cuidadoso, pra não cair nos olhos nem na boca-digo e ele assente começamos a lava-los com sabão e agua e os tiramos e colocamos nas toalhas com cuidado levamos pro quarto e colocamos no trocador

-vou pegar as roupas-diz peeta e assinto ele vai ate o closet  e eu tento acalmar nossos filhos que não param de se mexer, peeta volta cheio de coisa-acha que exagerei

-imagina marido, você nunca exagera-digo rindo e ele ri também-acho que agora nos passamos o talco

-ta-diz peeta e colocamos o talco-e agora

-a fralda-magges me ensinou a fazer isso numa boneca, foi ate engraçado, coloco a minha e vejo que peeta esta com problemas e começo a rir

-acho que não sei por isso

-eu te ajudo marido-digo lhe ensinado e quando ele consegue fica muito  feliz-merece um beijo-digo e ele me agarra me dando um longo beijo ate ouvirmos resmungos rimos e continuamos a colocar a roupa, uma blusa, uma calça, macacão,  meias, luvas, tocas e o cobertor no final eu e peeta ficamos felizes com o resultado

-nossa esposa, conseguimos

-sim isso é demais a primeira de muitas

-claro, mais eu não ligo-diz peeta me dando um beijo-sabe, acho que eles estão com sono-diz peeta e o olho com cara de interrogação-pensei em te dar um banho-diz e rio

-peeta

-katniss-diz também rindo

-tudo bem-digo vencida e ele sorri colocamos os bebes no berço e quando temos certeza que estão dormindo peeta me pega no colo -pra que isso

-eu amo fazer isso-diz e lhe dou um beijo e ele nos leva pro banheiro


Notas Finais


-JT,


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...