História Alone - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Arrow, Glee, Melissa Benoist, Supergirl
Personagens Melissa Benoist, Personagens Originais
Tags Amor, Ator, Cantor, Dançarino, Estudo, Melissa Benoist, Musica, Romance, Stefhen Amell
Visualizações 10
Palavras 2.564
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, LGBT, Literatura Feminina, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oii espero que gostem desta fanfic .
bom estarei usando alguns famosos e algumas fotos de pessoas que posso pegar no Pinterest ou Google .

Capítulo 1 - Primeiro Capitulo


Fanfic / Fanfiction Alone - Capítulo 1 - Primeiro Capitulo

O clima estava ameno em Nova York assim como a media constante naquela primavera , é a estação favorita de todos ali na cidade . Aquela cidade é um cenário de historia para estrangeiros e residentes no local , um lugar extremamente lindo , alias Nova York é uma das cidades mais famosas do mundo, das mais visitadas por turistas e Nova York é a cidade mais populosa dos Estados Unidos e terceira mais da América, atrás de São Paulo e Cidade do México. 

Lá estava Alana Morgan diante de uma linda e nova construção em Nova York , ela estava analisando minunciosamente o lugar ele tinha seu charme e grandeza com certeza um dos lugares mais bonitos de Nova York .

Academy Diamont

ela mirava aquele lugar que significava muito para ela naquele momento em diante ,ser artista sempre foi seu sonho trabalhar no cinema e em palcos  quando pequena sua mãe já havia levado a mesma em um teste de um programa infantil , ela havia passado mas tiveram que se mudar para o brasil . anos depois voltaram para sua cidade no México .

A garota vem de uma família de Classe Média-Alta mas não pediu ajuda a sua mãe para nada, pois a mesma teria dinheiro suficiente para comprar o loft e pagar a metade da sua bolsa .

Alana nunca teve muitos amigos mas ama animais e sempre amou uma coisa que a impedia as vezes de fazer amigos são seus dons , alguns ate sentem um pouco de medo.

 

- Ai cheguei , consegui ! Meu deus que sonho! - uma garota exprimiu quando deu mais um passo colidiu com Alana.

- Você esta bem? - a garota de madeixas castanhas fitou a mais nova que havia esbarrado nela - 

- Ai senhor , perdão havia lhe visto . - a mesma se desculpou - Sim , Estou e você? - Indagou com um certo receio .

- Esta tudo bem . - Logo um sorriso surgiu no rosto de Alana - Qual seu nome ? 

- Aurora, Aurora Wood - revelou a garota de cabelos castanhos - e o seu?

- Bom me chamo Alana , Alana Morgan .

- Bom prazer , como eu lhe devo uma grande desculpa vamos comer um lanche mais tarde ? - Aurora esperava a resposta ansiosa -

- Claro porque não ? - Alana sorriu - Vamos ? - as duas atravessaram o portal de entrada do prédio que seria sua segunda casa a partir daquele momento .

 

As duas andavam calmamente admirando cada canto daquele lugar,e também conversando sobre tudo que estava acontecendo descobriram que vão ter as mesmas aulas , a maioria ou quer ser somente ator ou somente dançarino isso se aplica as outras.

as duas estavam a procurar a sala onde iriam ter sua primeira aula do dia , era como uma aula de introdução do curso . Ao perceber que Alana poderia se sentir acanhada Aurora resolveu ficar junto de sua amiga  não demorou nem dois minutos as duas haviam chegado no lugar exato , ali naquela sala havia um mini auditório com cadeiras e tinha instrumentos . 

a sala estava relativamente cheia tinha mais garotos que garotas , isso deixou Alana incomodada já Aurora não estava tanto , elas entraram e se sentaram na parte da frente nas primeiras cadeiras que haviam visto. um homem mais velho adentrou o local , ele parecia muito alegre quando Alana o viu reconheceu o senhor.Era o seu antigo professor de canto , Júlio ele morava no México,para ela foi uma surpresa mais ainda para o seu antigo professor.

 

- Então alunos , meu nome e Júlio Vasquez e eu serei seu novo professor e eu espero que eu me de bem com todos - A voz do professor tinha um sotaque igual de Alana mas havia uma pequena diferença sua voz era um pouco mais engraçada.

 

a Aula parecia ter passado rápido,quando o professor deu a aula por encerrada , o auditório se esvaziou rapidamente . Alana e Aurora estavam a caminho da saída quando o professor abordou as garotas

 

- Bom rever você,senhorita Mogan - o mais velho proferiu a mais nova.

- Igualmente senhor Vasquez , Me surpreendeu ver você aqui - Alana proferiu ao professor.

- Espera! vocês se conhecem? mais como? - a mais nova indagou surpresa  .

- Sou o antigo professor dela - Explicou - aliás porque você vai reiterar esta aula? 

- Bom pelo fato de que eu quero estar bem-intencionada , não só em canto como na parte de artes cênicas - Alana explicou 

- Bom eu acho que você já é bem -intencionada - Proferiu sorrindo 

 

As garotas haviam saído da academia , elas foram a uma lanchonete chamada Big Burger . Alana havia pedido um milk shake de baunilha já Aurora pediu um de chocolate , elas conversavam sobre varias coisas mas a aurora queria saber mais e mais sobre ela, Alana explicou sobre as aulas de canto

 

- Bom quando tinha sete anos eu fiz uma aulinha com ele mas acabei por me mudar após um ano , voltei quando tinha quinze anos pro México onde fiz novamente aulas com ele nas quais ele me usa sempre tipo um exemplo - Alana Explicava e Aurora ouvia atentamente a cada detalhe.

- Como assim? exemplo? - indagou tentando entender.

- tipo assim: "Bom essa musica tem tons mais elevados e um falsete bem elevado" eu já sentia que ele ia me chamar quando eu me dava conta já estava lá cantando , era sempre a mesma coisa - explicou e Aurora riu .

- Algo me diz que isso não ira mudar , e cada aula que você cantar eu irei gravar um gif - A mais nova avisa.

- Ah claro, obrigada pela força! - Alana fez bico.

- De nada! - Debochou da amiga - Aliás você já não esta grande o suficiente para fazer biquinhos? 

- e você não é pequena o suficiente para ser chata - Debochou da amiga que logo também fez bico. 

- Magoou!Hey você poderia me dar aulas? - Indagou animada .

- Que!? mais pra que nós já teremos aula na academia ! - falou alto o suficiente para que todos ouvissem.

- Fala baixo!- Repreendeu a mais velha - sei lá você é boa em algumas coisas que eu não sou , então poderia você me ensinar eu lhe pagarei bem - A mesma propôs -

- Desculpa -A mais velha soltou uma baixa risada - Tudo bem , mais não quero que me pague, só faço isso porque você consegue convencer todos com essa sua parte atriz .

- Não, eu irei te pagar . E eu vou lhe dar muito trabalho - Aurora declarou rindo da expressão de alana.

- Não você não vai! - A mesma insistiu - E fim de conversa ! - tentou parecer dura por trás daquele rostinho lindo mas por fim deu certo -

- tudo bem - Alana murmurou e o celular de Aurora tocou , a mesma pediu licença e foi atender .

 

A Garota se afastou ao atendeu viu que era sua mãe - "Olá Mamãe oque ouve?" - indagou com seu olhar diretamente ao chão .

- " Liguei para lembrar que daqui a pouco é a festa , já esta chegando? " - ao ouvir sua mãe falar se deu conta que havia esquecido completamente - " não me diga que esqueceu do aniversário do seu irmão ?" a mulher parecia que viria a alterar sua voz quando a Aurora respondeu .

-" Claro que não mãe! Falando na festa vou levar uma amiga Ok?" - A Garota indagou pois não queria chegar em casa sozinha e levar bronca -

- " claro filha , Mas não demorem!"- Proferiu a mais nova que logo desligou e voltou para mesa .

- Aleluia ! - Após a mais nova se sentar elas riram do comentário -

- Bom , você vai comigo numa festa ok? - Após ouvir oque a amiga falou a mais velha se assustou. 

- An? Como assim? que festa ? - ela perguntou uma coisa em cima de outra .

- Bom, talvez seja uma que minha família esta fazendo mesmo meu irmão não querendo  - ela falou com calma mas isso já desesperou Alana .- Mas relaxa é tipo um jantar com alguns convidados mas como e bastante é tipo uma festa 

- Como assim!? Não eu não vou, não tenho roupa. - falou tentando se sair mas não iria dar certo .

- te empresto uma querida! - ela se ofereceu .

- aish, estou gripada - A mais velha falou tossindo.

- Não seja idiota , você esta tomando algo gelado . - A mais nova riu da mentira

- Vai! qual é ? essas coisas são chatas me da uma força! quebra esse galho. - A mesma pediu com uma expressão fofa .

- Ai não faz isso - fechou os olhos - Ok Ok eu vou ! .

- Obrigada! Obrigada! - A menos abraçou - Te devo uma .

 

As duas combinaram de ir primeiro no loft da Alana para ela tomar banho e assim foi feito , ela colocou uma roupa simples um vestido curto rodado preto . as duas saíram dali e foram direto para mansão.

Quando chegaram Alana ficou surpresa com cada detalhe da construção , ela s entraram por trás subiram para o segundo andar rapidamente , ao chegar no quarto ficaram rindo pois haviam dado um de velozes e furiosos isso divertiu as duas.

elas foram se trocar rapidamente pois já era oito horas da noite , Aurora vestia um vestido curto dourado com um decote pequeno a mesma nem se deu o trabalho de sacanear a amiga dizendo que só havia um outro vermelho com decote que ia quatro dedos abaixo dos seios,a maior o colocou aparecia sua tatuagem de flor que ficava centralizado onde estava o decote onde todos iriam ver. ao descer todos olharam para elas , Alana ficou corada com os olhares  e Aurora ficou rindo da cara dela 

 

- Ficou lindo em você viu - Aurora proferiu pegando duas taças de champanhe , entregando uma para maior -

- Aish só você mesmo ainda te mato ! - Alana Galhofeou -

- Filha você esta linda - Mãe de Aurora articulou abraçando a filha - Olá Você é ?

- Obrigada mãe - a mesma agradeceu - essa é minha amiga Alana 

- Ah Prazer sou Laura - A mesma abraçou - você está linda 

- Prazer , Obrigada a Senhora Wood também - Alana respondeu

- Por favor me chame somente de Laura - Sorriu e logo saiu dali, e chegou um cara ele era bonito e mais velho que as duas .

- Hey Ollie feliz aniversário ! - A mais nova articulou e abraçou o irmão - essa e Alana minha amiga .

- Obrigada Gangsly - A mais nova fez cara feia pois odiava seu apelido , o Oliver fitou alana de cima a baixo não deixou de reparar em nada .- Hum que gata - Murmurou bem baixo mas mesmo assim elas escutaram Alana ficou totalmente corada diante daquela situação -

- Maninho Bye - Pegou alana pelo braço e levou para outro lado - desculpa !

- Não tem problema - Sorriu , após muita conversa Alana descobriu que não fazia muito tempo que o pai de Aurora havia morrido - Posso cantar uma musica , aquele carinha do piano deve estar cansado.

- Claro que sim , Venha - A puxou para onde o rapaz estava- Minha amiga vai tocar uma musica depois continue ok 

 

O garoto saiu animado , já devia estar cansado todos voltaram sua atenção ao piano começou a tocar" No sé Llorar " e logo começou a cantar...

 

Não Sei Chorar

 

Simplesmente eu não sei chorar

Se não dói, o que você não me conhece?

Você não sabe do que sou feita

Não se engane

 

Mas vou te confessar

Que sim, me dá curiosidade

Saber o que te fez pensar

Que poderia me machucar

Quem você achava que era?

 

Teria que ter sido tudo para mim

Se queria me deixar alguma cicatriz

É preciso mais do que um homem como você

Para sofrer assim

Quebrar meu coração

Vai ser difícil para você

E eu jamais vou permitir

 

Me parece injusto

Dar mais importância a algo que você não tem

O que você chama de amor, hoje eu chamo diferente

 

Mas vou te confessar

Que sim, me dá curiosidade

Saber o que te fez pensar

Que poderia me machucar

Quem você achava que era?

 

Teria que ter sido tudo para mim

Se queria me deixar alguma cicatriz

É preciso mais do que um homem como você

Para sofrer assim

Quebrar meu coração

Vai ser difícil para você

E eu jamais vou permitir

 

Uoh, uoh, oh

Uoh, uoh, oh

Uoh, uoh, oh, oh

Uoh, uoh, oh

Uoh, uoh, oh

Uoh, uoh, oh, oh

 

Teria que ter sido tudo para mim

Se queria me deixar alguma cicatriz

 

Teria que ter sido tudo para mim

Se queria me deixar alguma cicatriz

É preciso mais do que um homem como você

Para sofrer assim

Quebrar meu coração

Vai ser difícil para você

E eu jamais vou permitir

 

Simplesmente eu não sei chorar

Se não dói, você não me conhece

 

 Todos aplaudiram ela saiu dali com um pouco de vergonha mais era normal, ninguém bem dizer a conhecia...

 

-Uhum Minha professora é ótima! - a Mais nova falou animada .

- Obrigada - se curvou e elas riram logo após - vamos beber?

A mais velha nem precisou responder as duas ficaram quase uma hora após o jatar bebendo elas estavam completamente bêbadas e ainda não paravam de rir .

- Uma ovelha...Decidiu construir...Uma casa com seu ... próprio pelo e botou o nome .... de Lã House - Aurora proferiu pausadamente -

- Ai meu deus!- Alana não parava de rir -A professora perguntou :Anny onde fica o México? ela respondeu: Aqui professora - ela quase caiu de tanto rir- dai a professora pergunta novamente mais pro Harry: Quem descobriu o México? ele respondeu : Anny. 

- escuta só essa ... - Ela riu antes de falar -Era meia noite o sol brilhava, as vacas pulavam de galho em galho procurando seus ninhos, os passarinhos pastavam num lindo pasto de asfalto.Ai a 100 léguas a vinha um velho de 15 anos sentado em uma pedra de gelo em chamas, lendo um jornal sem letras, e calado dizia: prefiro morrer do que perde a vida.

- Ai senhor! - Alana não conseguia nem respirar ela sentia dor na barriga , mesmo assim isso não impediu de beber mais um gole de champanhe - Assim lá no brasil tinha um bar que um amigo tinha ido lá tinha uma placa escrito : Aviso do bar , se alguma namorada ou esposa ligar e perguntar de você , nossas tarifas de respostas são : Acabou de sair dez reais ,esta a caminho de casa quinze reais , ele não esta aqui vinte reais , não o conhecemos trinta reais . mas caso ela ofereça cem reais nós entrega...-  As duas estavam quase morrendo ali mas de rir  a noite iria ser bem longa por ali


Notas Finais


Espero que tenham gostado
Kisses !


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...