1. Spirit Fanfics >
  2. Always - Hananene >
  3. 30

História Always - Hananene - Capítulo 30


Escrita por:


Notas do Autor


Heya :') sumidona presente check.

Ala, ficar em casa do pai sem saber é o que dá.

Como eu já falei à uns dias pra cá, é muito difícil eu escrever quanto estou em casa do meu pai, é um ambiente super tóxico e eu nao consigo escrever Cap.

Mas não se preocupem, eu vou sempre avisar quando não irá ter cap. (minhas idas para casa do meu pai vão ficar mais frequentes por causa que eu tou de férias de verão, sou de Portugal para quem não sabe :'))

Como recompensa, um cap grande pra vocês

Me desculpem pelos erros ortográficos
Boa leitura~

Capítulo 30 - 30


Era quase duas da tarde, o sol batia na cara de Hanako, fazendo-o acordar lentamente e bocejar.

Ele baixa a cabeça e vê que Yashiro está dormindo agarrada em seu peito.

--Nem parece que vira um demônio quando acorda -Hanako faz um carinho nos cabelos da garota -Yashirooo...tenho que levantar.

A mesma não acorda.

--Senhor bolas, ainda temos muito chá para beber.....-Yahsiro se aconchega ainda mais.

--Mas eu não tenho chá nenhum aqui comigo -Hanako cutuca a bochecha da garota -vamo lá Yashiro, eu tenho que levantar.

A garota abre os olhos lentamente, e logo cora ao olhar sua situação com Hanako.

--H-Hanako, o que tá fazendo aqui? -Yashiro senta e boceja, esticando os braços.

--Nadaaa, você dormiu agarradinha em mim, hihihi - o moreno ri.

--Você que quis -Yashiro infla as bochechas.

--Onw, mas você gostou, não é? -ele aperta as bochechas.

--Ai ai, ta doendo!

--Pronto pronto, parei -ele ri -acho melhor nos levantarmos, já deve ser quase de tarde.

Eles os dois saem do quarto, indo para a cozinha.

Todos estavam reunidos na mesa, provavelmente iriam começar o almoço.

--Oh, senpai! -Kou olha os dois -chegaram bem a tempo!

--Aposto que tavam fazendo igual a um pornô -Mitsuba sussurra.

--É o que dá ficar no celular até tarde, esses jovens hoje em dia -o avô de Yashiro ajeita seus óculos enquanto lê seu jornal.

--Não foi nada disso vovô, só vomitei ontem -Yashiro senta do lado de Aoi.

--Ohh, você está bem Nene? -Aoi pergunta preocupada.

--Tou melhor hoje, mas ainda assim um pouco enjoada ainda.

--Teremos que vigiar você durante a gravidez, como tem duas defesas fracas pode acontecer alguma coisa de errado ao bebê -a mulher explica -bom, podem servir-se.

--Finalmente, eu ia dar um chute no cu de Hanako se ele continuasse dormindo -Akane reclama por ter que ficar à espera de Yashiro e Hanako para comer.

--Não seja assim, Akane, Nene está um pouco cansada -Aoi tanta acalmar L ruivo.

-_-_-_-_-

Era quase de noite, Aoi revirava o armário de Yashiro afim de achar algum vestido que combinasse com ela.

--Esse é perfeito! -a arroxeada pega um vestido branco com detalhes -experimenta esse.

--T-tem certeza? Não acha que fica um pouco mal?

--Você é linda Nene, óbvio que vai ficar bem!

--Se você diz - Yashiro suspira é entra no banheiro.

Após algum tempo, ela sai já vestida.

O vestido chegava até um pouco antes do joelho, era branco e tinha algumas rosas pretas do lado.

--Nene, é esse! -Aoi estava encantada.

--T-tem certeza? Não acha que ficou demasiado para mim?

--Ta ótima Nene, quem me dera a mim ficar linda igual a você!

As palavras de Aoi sempre a faziam sentir-se melhor.

--Obrigada Aoi, o que seria se mim sem você? -Yashiro abraça a arroxeada.

--Não agradeça Nene, agora rápido antes que nos atrasemos!

Aoi faz um rabo de cavalo bem alto em Yashiro e coloca uma maquilhagem básica, não muito extravagante.

Elas saem do quarto correndo, estavam todos as esperando.

-_-_-_-_-

--Você vai mesmo fazer isso, Amane? -Yasmin pergunta.

--Meu garoto, está crescendo tão rápido -Adam choraminga.

--Já tou vendo ele se formar deixar para trás seus colegas -Bryan abraça Adam de lado, choramingando.

--É sério que vocês já começam logo de noite? -Akemi cruza os braços.

--Eles são bem estranhos, ainda vêm que não sou da turma deles -Nicky sussurra.

Todos param ao ouvirem passos descendo as escadas.

--Aoii, você está tão linda -os olhos de Akane brilham ao verem a arroxeada se aproximar.

Ela tinha um vestido até ao joelho branco simples, com alguns diamantes espalhados pela saia.

Hanako cora ao ver Yashiro chegar, a mesma parecia insegura.

--Olha só quem está coradinhoo -Adam e Bryan dizem em uníssono.

--Crianças - Alex resmunga.

--Yashiro faz milagres em, hihihi -Yasmin ri.

A mesma usava um vestido azul bebé com uma fita branca na cintura e como calçado um all star azul. Nas mãos ela usava luvas brancas.

--Se houver rainha do baile, com certeza ela ganha -Akemi comentar Nicky concorda.

Akemi usava um top branco bordado no peito com longas mangas e uma saia que ia até um pouco antes do joelho, decorado com flores vermelhas. Usava dois saltos médios da cor branca e como penteado usava duas tranças e uma make leve.

Nicky usava um vestido até ao joelho preto simples, com um salto pequeno preto. Tinha uma make básica e um coque alto com vários brilhantes.

Os rapazes usavam todos um terno preto, menos Kou e Akane que usavam um terno branco.

--Aposto que minha fofura ganha dela -Mitsuba sussurra ma logo leva uma cotovelada de Kou na barriga.

Yashiro chega na frente de Hanako, extremamente corada.

--S-se eu dissesse que você não está linda, eu estaria mentindo -Hanako ri de nervoso -você está mesmo muito linda Yashiro.

--O-obrigada -ela responde corada.

--Vamos lá, todos posicionados para tirar uma foto -a mãe de Yashiro de posiciona na frente de todos, tirando a foto -agora só meu futuro genro e filha.

--Mãe!

--Não reclama, tá na cara que vocês se amam!

Os dois se juntam e a mulher tira a foto.

--Gente, temos que no apressar ou então chegamos atrasados! -Nicky avisa.

--Certo, tchau vovô tchau mamãe -Yashiro acena para eles.

--Crescem tão depressa -o avô choraminga, acenando.

--Garoto! -a mulher chama a atenção de Hanako -não faça isso dentro da quadra.

--Pode deixar -Hanako sorri em resposta.

-_-_-_-_-

Eles chegam no colégio ofegantes por causa da corrida e entram dentro.

A quadra estava cheia, as luzes coloridas estavam espalhadas pelo teto, várias mesas com comidas e bebidas estavam organizadas no canto.

O DJ já animava o baile com uma música electrónica, maior parte dos alunos dançava na pista de dança, outros iam simplesmente tranzar para cantos aleatórios do colégio.

Mesmo sendo proibido, havia bebidas alcoólicas no baile, mas somente para os estudantes com mais de 18 anos.

--Beleza, eu não sei quanto a vocês, mas eu vou comer alguma coisa -Alex fala -você vem Nicky?

--Falou em comida, falou minha língua! -a garota agarra no pulso de Alex e o puxa em direção às mesas de comidas -ALEX, TEM UMA FONTE DE CHOCOLATE BEM NA MINHA FRENTE!

--Alguém deu drogas pra ela? -Bryan pergunta mas logo leva um tapa na nuca.

--O único que tomou drogas foi você! -Akemi era a dona do tapa.

--Vamos ficar aqui olhando pro nada? Todo mundo ta olhando pra nós -Adam cruza os braços, ele só queria ir dançar com Yasmin e seguir o plano de Bryan e Hanako.

--Aposto que todos estão olhando para mim, não é verdade Kou? -Mitsuba pergunta lançando um olhar para o pobre loiro atrapalhado.

--C-claro que sim -era a primeira vez que Kou saía para festas acompanhado de Mitsuba.

Ele tinha medo que desse um daqueles ataques de pânico sobre sua beleza a Mitsuba.

--Não vamos perder tempo falando dos outros -Mitsuba pega na mão de Kou e o arrasta para a pista de dança -se receber um não como resposta, tu leva um precioso tapa na cara.

--Sim senhor! -Kou responde, começando a dançar com Mitsuba ao som da música.

--Ele é sempre assim? -Yasmin pergunta.

--Desde que o conhecemos, ele sempre agiu assim, provavelmente por culpa de sua infância -Akane explica.

--Ohh, Kou deve ter uma paciência enorme!

--Paciência que eu nunca vou ter -Akemi cruza os braços -vamo ficar aqui parados?

--Não diga mais nada -Bryan agarra nos ombros da garota -dança comigo!

--É o que?

--Ela disse sim! -Bryan bate palminhas e puxa o braço de Akemi -se eu não aparecer nas ultimas 24 horas, chamem a polícia.

--Pode deixar amigão! -Adam grita.

Ele se vira para Yasmin e pega gentilmente na mão da mesma.

--Aceita dançar comigo? -ele fala, fazendo a garota corar.

--C-claro.

Os dois desaparecem na multidão de estudantes.

--Aoi, com todo o meu amor e determinação -Akane se agaixa -gostaria de ser o meu par nessa noite?

--Hmm...Porque não? -a arroxeada dá o seu sorriso gentil.

--Aoi... Case comigo!

--Hmm... Não -ela responde, novamente com seu sorriso gentil.

O garoto logo perde suas esperanças de ter uma família com sua amiga de infância.

--Não se apressa muito Akane, aposto que consegue roubar um beijo dela ainda hoje -Yashiro sussurra, tentando encorajar o ruivo.

--Tem razão! -Akane se recompõe -eu não vou desistir de você Aoi!

A arroxeada ri em resposta e os dois vão em direção à pista de dança.

--Só sobrou nós dois -Hanako se aproxima mais de Yashiro.

--É-é mesmo, quer ir dançar?

--Quer só ir dançar ou fazer alguma coisa a mais? -o moreno lança seu sorriso malicioso.

--N-nada disso! Seu pervertido! -a garota bufa.

--Okay, quem perde é você, hihihi -ele a puxa para o meio da multidão.

A música era do estilo eletrónica misturada com pop.

Eles continuam a dançar, até que a música para é começa a tocar uma mais calma.

--SÓ PODEM ESTAR DE BRINCADEIRA COM A MERDA DA MINHA CARA! -ouve se a voz de Akemi gritando.

--Hihihi, parece que é agora que Bryan vai conhecer o inferno -Hanako ri.

--Irei providenciar acalmantes para Mi -Yashiro ri junto.

Os dois vão em direção da voz vinda de Akemi.

Adam e Yasmin se juntam ao lado de Hanako, tudo estava indo como no plano.

--Akemi, tenho que falar uma coisa que não aguento mais esconder -Bryan se ajoelha em frente da garota.

--Bryan, eu juro por tudo, que é hoje que eu faço seu corpo de carne picada! -Akemi estava pronta para dar um belo soco na cara do ruivo.

--Minha doce tempestade, eu sei que você me odeia com tudo, mas deixa eu ser a manteiga da sua torrada?

Silêncio instalou se no meio da quadra.

--Bryan, mas que merda você tá fazendo? -Akemi quase comia o pobre garoto com os olhos.

--Akemi, aceita namorar um cara com--ele é interrompido com um puxão repentino da garota.

Ela sela os lábios, dando início a um beijo.

--AKEMI TA NAMORANDO CARALHO! -Nicky grita.

Adam corre até ao casal e coloca entre os dois.

--Eu declaro marido e mulher -Adam imita um padre -pode beijar a noiva.

--Ele vai beijar é teu cu, arrombado -Akemi da um soco na cara de Adam.

--Ele vai morrer hoje? -Yahsiro sussurra para Hanako.

--Provavelmente -ele sussurra em resposta.

--Você! -Akemi aponta para Bryan -vai falar comigo agora!

Ela arrasta o garoto quase desmaiando para fora da quadra.

A conversa iria ser longa.

--Ai minha gente, essa festa vai continuar ou não? -Nicky grita de novo com um copo de suco na mão.

--Nicky, se continuar alguém vai nos expulsar daqui! -Alex bate na própria testa.

A música calma continua a tocar e os pares começam a dançar de novo, agora em um ritmo mais devagar.

O DJ queria colocar um clima romântico no lugar, com certeza.

Yashiro e Hanako dançavam bem juntinhos.

A garota tinha sua cabeça deitada no ombro do moreno, o mesmo tinha suas mãos em volta da cintura da garota.

Vários estudantes já estavam se pegando, vários sons de beijos podiam ser ouvidos.

Hanako e Yashiro estavam se sentindo desconfortáveis com tudo aquilo.

--Quer ir lá para fora? -o moreno pergunta.

--S-sim -a garota assente.

Eles saiem do colégio e se deparam com chuva.

--Yasmin bem nos avisou que iria chover hoje -Yahsiro diz ao olhar o céu.

--Ainda não acredito que esta chovendo, em pleno Verão.

--Sabe que pode chover até no Verão, certo? -a garota ri.

--É, tem razão. Hey, quer ir dar uma volta?

--Mas tá chovendo.

--Bem aqui, eu fazia muito isso quando eu era pequeno -ele puxa Yashiro fazendo com que os dois ficassem molhados.

--H-hanako, a gente vai ficar molhado!

--Shhh, só relaxe -ele a conduz para um pouco mais longe do colégio.

As ruas estavam, incrivelmente, bem calmas. Quase nenhum carro passava.

--Vem aqui -ele se deita no chão e puxa Yashiro para o lado dele.

--E-eu tou toda molhada!

--Você se habitua, agora relaxe e olhe o céu.

O céu estava bem estrado, como Hanako amava. A lua cheia iluminava as ruas.

As gotas não paravam de cair na cara dos dois, Yashiro achava estranho aquela sensação, mas gostava ao mesmo tempo.

--Eu sempre quis visitar a lua -Hanako quebra o silêncio.

--Eu sei...mas você pode fazer isso agora!

--Não posso, sabe porquê?

--Porque você não vai a lugar nenhum?

--Nada disso. Imagine se eu fico preso lá em cima e deixo você aqui sozinha.

--Eh? Como assim?

--Yahsiro, eu tenho que falar uma coisa que eu deveria ter contado faz muito tempo - o moreno se levanta.

--Hanako, você tá me assustando -a garota se levanta também.

Seu vestido estava todo molhado.

--Por favor, eu entendo se sua resposta for não -ele se ajoelha, tirando uma pequena caixinha do seu bolso.

--H-hanako, eu não you entendendo.

--Yashiro, aceita deixar de ser minha assistente, e ser minha namorada? -Hanako estava corado demais.

--H-hanako, eu... -a garota não sabia o que falar, era óbvio que a resposta estava bem na cara mas ela não conseguia pronunciar uma única palavra.

--Eu entendo se não aceitar, mas por favor, só me dê uma respos--ele é interrompido por um abraço apertado vindo de Yashiro.

--Sim sim sim! Minha resposta é sim -Yashiro dava vários beijos na bochecha de Hanako.

--É-é sério? -o moreno nme conseguia acreditar.

--Sim sim sim!

Ele se afasta da garota, coloca o anel no seu dedo rápidamente, e logo depois inicia um beijo.

O beijo era totalmente apaixonado, suas línguas não paravam de explorar a boca de um do outro.

Hanako envolve a cintura de Yashiro com seus braços, colando mais seus corpos.

Yashiro leva seus braços ao pescoço do moreno, ela queria fazer aquilo à tanto tempo.

Eles se separam por conta da falta de ar, deixando um fio de saliva os unindo.

--Mas olha só que Yashiro pervertida, hihihi -Hanako da seu sorriso malicioso.

--A pervertida que você ama -a garota sorri de lado.

--A pervertida que eu amo muitão! -ele a abraça forte.

Ele sente o corpo de Yashiro estremecer.

--Ta ficando com frio?

--U-um pouco.

--Vem, vamos voltar pra casa -Hanako tira seu casaco e coloca por cima do ombros de Yashiro.

--Você não vai ter frio?

--Se chegarmos rápido até casa, não.

-_-_-_-_-

Ao chegarem em casa, correm até ao quarto, sem fazer o mínimo barulho possível.

Eles começam por tirar a roupa e vão diretos para o banheiro, em meio de trocas de carícias.

Queriam tomar banho juntos, porque não? Hanako não parou de insistir a ideia para Yashiro.

Hanako liga a água no quente, começando a encher a banheira.

--Yashiro vai tomar banho comigoo~

--Você que insistiu demais -ela cruza os braços, bufando.

--Mas poderia ter recusadoo~

Ela o olha mais uma vez e bufa.

--Você que é um pervertido.

--Eu? Mas que acusação de minha pessoa!

--Hanako, você é tão idiota.

A banheira enche e o moreno desliga a água.

Yashiro entra primeiro, dando espaço para Hanako entrar.

--Parece que tou no paraíso -a garota encosta suas costas no peito de Hanako.

--É-é, paraíso mesmo -na mente de Hanako só se ouvia uma coisa.

"Não fica duro, não fica duro!"

Mas era quase impossível, Yashiro se movia demais e isso estava o deixando louco.

--Sabonete? -a garota pergunta.

--C-claro -isso poderia ser uma distração para ele.

Para pegar o sabonete, Yashiro mexia demais sua cintura, roçando sua bunda no membro quase ereto de Hanako.

--Y-yashiro, por favor não se mova demais.

--Eh, porquê? -ela passa o sabonete a Hanako.

Logo, ela sente algo duro cutucando sua bunda.

--D-desculpa, eu vou sair agora -ele tenta sair mas é impedido por uma mão o puxando.

--Pode ficar, eu trato disso -ela se vira de frente para Hanako.

--Yashiro, eu não quero que você faça isso. Você foi estrupada e não quero te forçar a fazer isso

Hanako não queria magoa-la, odiava lembrar o dia em que a viu com várias marcas em seu corpo.

--Mas se eu continuar me lembrando disso não vou conseguir seguir em frente! Por isso, me deixa ajudar você!

--Você pode ajudar em outra altura, não agora. Vamos com calma tá bom?

--Ta bom -a garota bufa.

Eles acabam de tomar banho e saem do banheiro. Vestem o pijama e deitam na cama.

Yashiro entrelaça os dedos com os de Hanako, colocando sua perna entre as do moreno.

--Já sabe quem vai ser o pai do bebé? -Hanako pergunta.

--B-bom na verdade não, porquê?

--Eu gostava de ajudar você com o seu filho -Hanako faz biquinho.

Yashiro suspira, sabia onde Hanako queria chegar.

--Você quer mesmo?

--Claro! Faria de tudo para ver vocês dois felizes!

Yashiro da um pequeno sorriso.

--Eu confio em você, por isso tem minha permissão para ser o pai dessa criança.

--S-sério?

--Claro, porque não.

--É-é que você sabe, eu é meu irmão...

--Isso é passado! Eu sei que você não é capaz de fazer isso.

--Yashiro, sua felicidade fica me contaminando! -ele a abraça.

--Isso é bom, eu acho -Yashiro ri.

--Te amo muito, muito.

--Eu também te amo muito.

E por fim, eles adormecem. 


Notas Finais


Beijos à distância~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...