1. Spirit Fanfics >
  2. Always Be Just Mine - Yaoi - BL >
  3. CAP 1 : Thomas.

História Always Be Just Mine - Yaoi - BL - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


•Olá, essa é a minha primeira vez que faço histórias assim, amo Yaoi/BL e então decidi trazer esta ideia. Admito que vai ser um pouco clichê, mas ok, aproveitem!😊😏❤️💙🏳️‍🌈

[•Aviso : Esta fanfic não é recomendado para menores de 18 anos 💜]

Capítulo 1 - CAP 1 : Thomas.


Fanfic / Fanfiction Always Be Just Mine - Yaoi - BL - Capítulo 1 - CAP 1 : Thomas.

P.O.V THOMAS 

Olá, me chamo Thomas Turner, tenho quatorze anos e frequento o oitavo ano, sou gay não assumido. Sim, eu tenho medo quais comentários irão vim de meus pais para mim então é por isso que escondo a minha sexualidade, mas, quantos anos eu escondo isso....humm...uns três ou dois anos, é. 

Possuo olhos castanhos e cabelos negros. Minha cor favorita é amarelo queimado, por isso que na maioria das vezes as minhas peças de roupas que visto são vistas dessas cores. 

Eu acho que só tenho isso para contar. Não sou um garoto de palavras. 

Eu me encontrava em meu quarto deitado em minha cama, não pretendia fazer nada pois estava um puro tédio mas algo me faz eu me afastar do objeto.

- Argh! - Coloco minha mão em frente do meu rosto. A claridade do sol havia se adentrado no meu quarto. - Merda. - resmungo me pus a me sentar na minha cama. Olhei para o lado e avisto meu telefone em cima da mesinha/escrivaninha, estava carregando, então estiquei o meu braço e peguei o aparelho. 

Liguei e avistei várias notificações vinda de um app de romance gay. E o nome do aplicativo era Spirit Fanfics e Wattpad, eram apenas atualizações de histórias/fanfics que favoritei e li, apenas isso.

Decido lê, apenas para ignorar o tédio que sobreava em cima de mim.

MAIS TARDE....

Minha mãe havia me chamado para almoçar, estava eu, ela, minha irmã, meu pai e meu primo. Ambos conversava animadamente, menos eu. Eu era o mais calado da família. 

- Vocês ficaram sabendo que o Jhonny se assumiu gay? - Meu primo, o Willian, fala.

- quê?! - Minha mãe fica surpreendida.

- Foi. Ele havia dito pra vovó que era gay, nossa, mas que ridículo.

Quando ouvi aquilo da boca dele me deu uma vontade de dar um belo chute no meio de suas pernas.

- O mundo não é mais o mesmo. - Meu pai fala enquanto levava uma colherada de arroz até a sua boca.

- Que fofinho. - Minha irmã fala maravilhada. Ela sempre achava essas coisas adorável, e eu sempre pensava se era uma boa idéia contar á ela sobre aquilo.

Meu primo começou o seu discurso besta de sempre, como o mundo não era a mesma coisa e que os gays deveriam ser punidos/mortos. Grr, que raiva disso.


~Fim do capítulo um.~




Notas Finais


Esse capítulo só era pra mostrar o quão a família de Thomas é homofóbica.

É isso, até logo! 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...