História Always number 2 - Interativa (Vagas fechadas até arco 2) - Capítulo 31


Escrita por: ~

Visualizações 23
Palavras 345
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Ficção Adolescente, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Opa gente, aqui para falar, que esse capítulo vai ser muito dramático (até pq eu tô ouvindo muito Bruno Mars aí né), mas também será muito safado (vocês adoram que eu sei) e também com bastante ação. Nessa prévia terá a parte dramática e pretendo soltar mais 2, pois o capítulo está separado em drama, ação e perversão.

Parte do drama: Teruko, Kento, Kousei e Naomi
Parte da perversão: Hamano (nossa estrela), Raito e Sora.
Parte da ação: Todo o resto, óbvio que ainda não está certinho, porém é mais ou menos assim.

As músicas que eu já sei que usarei serão It will rain, Talking to the moon e Havana, então corram atrás das traduções para terem uma ideia do capítulo.

E óbvio, nessa prévia deixei uma pista do poder do Kento bem implícita, mas que dá pra pegar fácil se ligar os pontos ^-^

Capítulo 31 - Prévia - O filho da tempestade (Título provisório)


Fanfic / Fanfiction Always number 2 - Interativa (Vagas fechadas até arco 2) - Capítulo 31 - Prévia - O filho da tempestade (Título provisório)

P.O.V Kento

Ando devagar pela floresta sem nenhum rumo específico, apenas esperando o dia acabar. Eu não posso me perdoar depois do que fiz... Eu sou um completo idiota... Por que eu tinha que ter dito aquilo para a Teruko quando estava tudo dando certo? Chego em uma clareira deserta e me encolho no chão gritando igual o idiota que eu sou. Vejo um raio no céu em sincronia com meu grito e jogo aquele casaco de pikachu longe.

- EU ODEIO SER ASSIM, MERDA, PIKACHU DE MERDA - chuto o casaco longe e ajoelho no chão ainda escutando os raios no céu. Cubro meu rosto com minhas mãos e sinto as lágrimas escorrerem no meu rosto. Olho para o céu e vejo o tempo fechado. Estava ensolarado agora pouco... Que seja... Pingos de chuva começam a cair em mim e eu olho para cima deixando minhas lágrimas caírem. Me levanto sem me importar em estar todo encharcado e me aproximo de uma árvore já sem forças para conter meu choro. Olho para a árvore e logo em seguida para o meu punho. Respiro fundo e dou um soco forte na árvore. Ouço o estrondo de um trovão no céu sinalizando a tempestade vindo e começo a dar repetidos socos.

- IDIOTA.

- LIXO.

- MERDA.

- VOCÊ SÓ SABE ESTRAGAR TUDO.

- É TUDO SUA CULPA.

- INÚTIL.

Grito com todas as minhas forças colocando para fora a raiva que continha de mim mesmo enquanto escutava os raios e trovões da tempestade que ocorria no mesmo momento. Me deixo cair contra a árvore já com o punho sangrando e abaixo a cabeça abraçando meus joelhos. 

- Por favor, me perdoa... Eu sou um fraco... Teruko... - a chuva começa a apertar mais enquanto minhas lágrimas corriam - Eu te amo...

 

Porque não haverá luz do sol
Se eu te perder, amor
Não haverá céu claro
Se eu te perder, amor
Assim como as nuvens, meus olhos farão o mesmo
Se você for embora
Todo dia, vai chover, chover, chover

-Bruno Mars, It will rain


Notas Finais


Huhuhu me digam suas teorias do que acham que acontecerá nesse capítulo, estou ansiosa pelos comentários


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...