História Always trying - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Escola, Lemon, Yaoi
Visualizações 5
Palavras 342
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Sensações estranhas e insegurança


Já no dia seguinte, entrei na escola de um jeito diferente. Sempre tentando encontrar o garoto que havia conversado bem pouco no ultimo dia para explicar como seria aquele negócio do bilhete amoroso que a escola havia proposto para nós. Eram raras as vezes que eu encontrava ele logo de manhã, tendo que esperar sempre o intervalo para que eu o encontrasse.

Minha atenção nas aulas não pertencia mais aos professores e nem mesmo as minhas matérias favoritas. Era o tempo todo pensando nele e como eu poderia chegar até ele novamente sem parecer suspeito, afinal, ele já tinha lido, eu acho. E sem querer, acho que deixei um detalhezinho escapar e eu posso ter até aparecido na mente dele como suspeito, minha letra deixava isso bem evidente.

Abandonei a aula para ir para o tão aguardado intervalo. Desci as escadas e logo me pus a olhar para todos os lados, procurando por ele como se eu dependesse dele para sobreviver. Fui até a cantina e peguei um simples lanche e me juntei à algumas amigas. 

- Ei. Tá vendo aquele menino ali? - apontei, perguntando para a minha amiga logo ao meu lado.

- Tô sim, que que tem ele? - ela sorriu e fez uma cara de surpresa e ao mesmo tempo de dúvida.

- Você veio comigo ontem para entregar a cartinha pra ele mas saiu e me deixou sozinho. Capaz dele suspeitar de algo... Mas como ele é um pouco mais novo que eu, pode ser um pouco burrinho. - comentei rindo.

- Por que você não fala com ele?

Senti uma leve pontada, não era fácil para mim iniciar uma conversa com alguém. Estava acostumado com as pessoas vindo até mim. Meus olhos continuavam perseguindo Matheus e as vezes, nossos olhares se cruzavam, me deixando um pouco nervoso e feliz ao mesmo tempo. Sentimentos intensos eram o que me preenchiam naquele momento. Doía vê-lo e não poder toca-lo, doía mais ainda quando eu o via abraçar algum amigo ou amiga.

Voltei para a sala para retomar as aulas, já torcendo pelo fim do dia.



Notas Finais


Curto?
Bom?
Opiniões? :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...