1. Spirit Fanfics >
  2. Amando uma vampira - Sasusaku >
  3. Capítulo 6

História Amando uma vampira - Sasusaku - Capítulo 7


Escrita por:


Capítulo 7 - Capítulo 6




    Sakura.Pov.On


Eu estava mais que desesperada isso nunca aconteceu comigo eu sou uma Vampira não entendo porque parece que eu sou uma mísera mortal perto desse ser, ele me olha sádicamente eu apenas tento fingir não estar com medo quanto mais se teme essas coisas, mais fortes elas ficam, ele é um ser sobrenatural mas não um simples lobisomem ou vampiro é algo pior e mais forte.


A porta foi aberta e eu vi Sasuke entrar eu estava paralisada na cama Sasuke me olhou confuso e aquela coisa o atacou, segurou em seu pescoço e o arrastou para uma cadeira que tinha no quarto eu já não me importava comigo eu sou imortal não importa o que ele faça comigo eu nunca vou morrer, já Sasuke não ele pode morrer, a criatura o colocou sentado na cadeira e ele me olhava assustado eu encarei o ser que se aproximava de mim com aquele sorrido sádico nos lábios.


____ Vamos começar a festa agora que o seu namoradinho chegou - A criatura disse e Sasuke tentava se levantar da cadeira mas assim como eu estava preso sem conseguir se mexer o desespero crescia em seus olhos

____ Sabe Sasuke você deveria acreditar mais na sua namorada, ela disse que vampiros existem não disse? Poxa você não acreditou mas sabe que vou confirmar tudo isso e sabe de uma coisa vampiros não morrem, mas sentem dor, poucas coisas podem fazer vampiros sentirem dor e eu tenho algo que irá fazer sua namoradinha implorar para mim parar- Ele novamente me olhou sorrindo sádicamente eu sabia do que ele estava falando dor psicológica mostrando seu passado ou seu maior medo, existem muito mais coisas sobre vampiros que o mundo não conhece.

____ Você não se atreva a fazer nada com ela se não eu vou acabar com a sua raça- Sasuke rugiu eu via a raiva em seu olhar a criatura riu e se aproximou mas de mim passando sua mão em minha perna e erguendo um pouco a saia deixando minha coxa a mostra.

____ Bom temos outra alternativa ou eu torturo ela com minha arma especial ou, a Sasuke você não vai gostar nem um pouco disso, sua namorada é bem bonita talvez eu ganhe mais me aproveitando um pouco do seu corpo- Ele disse rindo eu puxei os braços com força tentando me soltar ele riu, Sasuke o xingava de vários nomes nos quais eu não prestava atenção, eu tentava me soltar mais do que tudo.

____ Eu vou deixar você escolher, você será nossa platéia vamos Sasuke o que você escolhe ambas as escolhas serão prazerosas para mim mas pra ela acho que a segunda seria melhor ficar com a mentalidade traumatizada seria horrível ainda mas para uma Vampira - Ele disse e e eu comecei a chora isso não podia estar acontecendo eu não quero que Sasuke se machuque eu não em importo com o que acontecerá comigo.

____ Não você nao vai fazer nada com ela, eu não sei quem é você e não me importa saber mas fique longe dela- Sasuke gritou com raiva deixando seu rosto vermelho assim como os olhos, eu me surpreendi vendo aquilo seus olhos estavam vermelho sangue.

____ Olha só parece que o garotinho medroso é bem mais do que um mero mortal isso é, se ele for menor um mortal vamos testar seus poderes- Ele sorriu e rapidamente subiu em cima de mim eu não conseguia me mexer ele passou a mão em meu pescoço e ergueu minha blusa mostrando minhas barriga onde começou a dar vários beijos eu tentava de debater mas nada adiantava.

____ Fica longe dela tá me escutando larga a Sakura em paz - Sasuke gritou com ainda mais ódio e quando percebo minha blusa e minha saia já não estavam mais em meu corpo o desespero aumentou em mim e o ódio aumentou em Sasuke.

_____ Para, eu vou te matar eu juro que se você encostar mais um dos seus dedos imundos nela eu mato você - Ele gritou e o homem acima de mim sorriu me olhava diabolicamente e eu tentava me soltar as lágrimas saiam sem permissão ou impedimento.

____ Me diga garoto o que vai fazer quando eu me enterrar dentro da sua namorada ela é tão gostosa e parece ser tão apertadinha - Eu vi nos os olhos de Sasuke a pura definição do ódio a porta do quarto foi aberta com tanta brutalidade que foi ao chão, aquilo se soltou de mim e eu me sentei na cama me sentindo livre.


Sasuke também conseguiu se soltar a criatura havia sumido e ele veio correndo até mim, me abraçou e eu afundei meu rosto em seu pescoço tentando conter as lágrimas que rolavam sem parar de meu rosto, Sasuke falava cosias sem nexo e eu me sentia protegida em seus braços.


Olhei para minha frente e estavam meus pais junto com Kakashi eles me salvaram agora eu estaria provavelmente acabada em lágrimas se aquele homem fizesse o que falava comigo e Sasuke assistiria tudo de camarote.


____ Vocês precisam vir conosco agora eles sabem de vocês e virão atrás para acabar com isso acabar com você Sasuke -Minha mãe dizia nervosa eu encarei todos e Sasuke fez o mesmo.

____ O que era aquilo, quem sabe do que, porque estão vindo atrás de mim o que ele quer com a Sakura?- Sasuke perguntava e a cada pergunta ele parecia mais bravo eu segurei sua mão e então percebi que estava apenas de calcinha e sutiã me enrolei na coberta rapidamente morrendo de vergonha.

____ Creio que Sakura já tenha contado sobre nós, estamos de confiados que você seja um de nós na verdade uma reencarnação do príncipe- Meu pai disse sério e eu o olhou assustada como seria possível Sasuke é humano.

____ Eu não sou um vampiro muito menos um príncipe mas eu aceito ir com vocês afinal te muita coisa que vocês precisam me explicar - Ele disse sério também eu estava assustada, Sasuke estava assustado todos ali estavam.



      Agora tudo faz mais sentido se Sasuke for mesmo a reencarnação do príncipe isso iria explicar o porquê estavam tentando o torturar, ele é humano e o concelho nunca aceitaria que seu príncipe fosse humano, eles o matariam para que sua alma reencarnar se novamente mas eu não vou deixar tirarem ele de mim.



     Sakura.Pov.On


As coisa estão muito complicadas minha mãe nos contou que Sasuke era a reencarnação do príncipe ele ficou completamente assustado com tudo o que aconteceu, mas temos que protege lo, do jeito que Sasuke ficou quando descobriu o que nos éramos tenho certeza que ele não iria querer ser um de nós, ele está ficando na minha casa, a mãe dele está de acordo mas ela não sabe sobre nós, quando Sasuke quer ficar um pouco mais com a mãe e com a irmã que está quase para ter bebê eu fico sempre com ele, duvido que eles tentaram alguma coisa novamente, meus pais fazem parte dos concelhos a séculos porque foram um dos primeiros sangue puro que existem.


Até Kakashi que não se dava bem com Sasuke está fazendo o possível para protege lo, eu e Sasuke tínhamos nos afastados um pouco depois de tudo achei que ele nem me amava mais, então decidimos conversar e ele de abriu comigo disse como era difícil isso e eu o entendo, conversamos bastante e nos acertamos eu fiquei muito feliz, e acabamos percebendo que tudo isso era apenas uma provação do nosso amor e vamos lutar por ele, fazem dois meses desde que Sasuke descobriu a verdade sobre nós e até agora nada aconteceu mas estamos alerta.




Sasuke.Pov.On


____ Você acha que eles irão voltar?- Eu perguntei para Sakura que estava deitada em meus braços na cama.

____ Não sei Sasuke mas vamos te proteger- Ela disse sorrindo e fechando os olhos eu passei em sua rosto.

____ Acho que você é que precisa de proteção nunca vai vou permitir que ninguém toque em você- Eu disse passando a mão em seu rosto aquele dia vem me dando pesadelos até hoje, eu fui fraco se os pais de Sakura não tivessem aparecido eu nem gosto de imaginar o que teria acontecido.

____ Não se preocupe vai ficar tudo bem não vai acontecer nada com ninguém- Ela disse e de deitou em cima de mim com a cabeça no meu peito e eu agarrei sua cintura com força.

____ Gosto de ouvir seu coração- Ela disse com os olhos fechados e eu dei um sorriso e a puxei para um beijo calmo.

____ Eu te amo Sakura, se algo acontecer comigo e eu morrer saiba que eu amo você- Eu disse colando nossas testas ela me olhou com os olhos cheios de lágrimas e se sentou no meu colo.

____ Para de falar isso Sasuke ninguém vai matar você vamos ficar juntos para sempre- Ela disse e eu a abracei fortemente eu preciso dela tanto quanto ela de mim.

____ Quando aquela sombra apareceu no cemitério ele disse que o príncipe iria subir ao trono ao lado da princesa byakugol o que quer dizer- Eu perguntei e ela limpou os olhos e me olhou pensando.

____ Não sei nunca ouvi falar nada sobre princesa byakugol e se ele quiser brigar comigo eu no me importo não vou te dar de presente pra ela- Sakura disse cruzando os braços eu dei risada e inverti as posições e comecei a beijar seu pescoço.

____ Não fica assim minha ciumenta ninguém vai me tirar de você- Eu disse e passei minha mão por dentro da sua blusa e beijando seu pescoço.

____ Acho bom porque senão teremos guerra- Ela disse e começou a tirar minha blusa e inverteu as posições e então começamos a nos beijar ferozmente, droga eu precisava tanto senti lá, estou ficando louco, inverti novamente ficando por cima dela e entrelacei nossas mãos.


                           ~♡~



O tempo estava estranho Konoha sempre teve um tempo bem bipolar as vezes fazia calor maior parte do tempo fazia frio mas naquela tarde estava vetando muito o céu estava mais escuro que o normal os Haruno sabiam que aquilo era algo estranho demais para ser normal, Sakura estava nervosa e Sasuke estava ao seu lado tentando acalma lá, Kakashi estava atento o tempo inteiro seria o momento certo para atacar as ruas da cidade estavam vazias a cidade silenciosa.


No quarto o casal estava deitado da cama totalmente agarrados como se a qualquer momento algo pudesse os separar, a garota estava com os olhos fechados sentindo a sensação que o moreno causava em seu corpo, ele por outro lado estava com os olhos abertos admirando a garota, ela que sempre o chamou tanta atenção agora estava ali totalmente entregue em seus braços, após sua mudança repentina para a mansão Haruno as coisas finalmente pareceram começar a dar certo para o moreno.


O pai agressor sumiu do mapa ninguém o via a semanas o marido da irmã mais nova parou totalmente com as agressões a esposa, e passou a ser mais carinho dona mikoto parecia estar se relacionando com outro homem ela andava muito feliz e animada, estavam todos feliz, Sasuke estava feliz e Sakura também, mas o medo ainda os perseguia, medo do desconhecido Sakura mesmo sendo filha de dois membros do concelho a séculos nunca teve de fato contato com os outros, nunca esteve em uma reunião não sabia com quem estava lidando e ela tinha medo de perder seu amando e não poder fazer nada.


Sasuke também tinha medo amava Sakura e não se importava com sua natureza nem com a da sua família, nunca acreditou verdadeiramente em seres místicos mas a garota em seus braços mostrava que ele estava errado o sobrenatural existia, mas mesmo assim não tinha medo, zelava pela peoproa vida mas se tivesse que morrer não temeria, morreria  pela garota de cabelos róseos tinha certeza mas só de imaginar que ela passaria a eternidade sendo de outro já o e minava raiva, sim poderia até parecer um ato de total egoísmo mas ele a ama e não ficar longe dela.


O barulho lá fora parou tudo havia ficado ainda mais silencioso Sakura abriu os olhos sentindo a inquietação no garoto ao seu lado, quando ela ameaçou se levantar da cama o moreno a puxou rapidamente em negação a seus atos, ela entenderá que ele não queria ficar longe dela, cruzaram as mãos mas decidiram que iriam sair daqule quarto e assim fizeram, a mansão Haruno por si só já dava medo com a chuva e o silêncio faziam o casal se assustar ainda mais até Sakura que já era acostumada com o sobrenatural estava a sustada, aquele ser que apareceu no quarto de Sasuke até hoje a dava pesadelos tão reais quando sua existência.


O casal chegou até a sala principal e estava vazia eles se sentaram em um dos sofás aproveitando mais do tempo a sós, Sakura se deitou no sofá e Sasuke se deitou por cima dela e colocou sua cabeça no peito dela enquanto ela acariciava seus cabelos.


____ Sasuke - Ela sussurrou o chamando ele não falou nada mas olhou em seus olhos esperando uma resposta da garota.

____ Estou grávida- Ela disse olhando para baixo sem olhar nos olhos do namorado ele se levantou bruscamente assustando a garota.

____ Você o que?- Ele perguntou a sustado então Sakura tomou coragem e encarou os olhos do homem à sua frente e os viu cheios de lágrimas, ela se levantou e ficou a frente dele.

____ Estou grávida Sasuke- Ela repetiu agora olhando em seus olhos Sasuke balançava a cabeça em negação e ela sentiu o medo da rejeição mas se surpreendeu quando sua puxada delicadamente pela cintura.


Sasuke a deu um abraço apertado a diferença de tamanho era gigante e com o abraço apertado Sasuke quase ergueu a garota do chão, Sakura sentia o rosto de Sasuke cravando a seu pescoço e se lágrimas o molharem, ela o abraçou também mas ainda tinha a dúvida dentro de si sobre os verdadeiros sentimento do Uchiha em relação a declaração que ela fizera.


Sakura sentiu o aperto em seu corpo ser aliviado até que foi totalmente solta pelos braços fortes do moreno que caiu desmaiado no chão na frente da garota, Sakura de primeira se assustou mas logo sorriu e foi ajudar o namorado que tinha desmaiado de emoção.


       O levou para o quarto sem dificuldade alguma o colocou deitado em sua cama e ouviu uma movimentação no andar de baixo e foi averiguar, chegando lá não notou nada de diferente mas enquanto quando um alto trovão com um barulho ensurdecedor a incomodou e ela ouviu algo quebrando lá em cima saiu correndo pela mansão, achou que encontraria Sasuke deitado aonde o coloco mas ele não estava lá, o procurou pela mansão inteira mas não o encontrava nem seus pais, estava completamente desesperada então viu a criatura a sua frente, o mesmo homem que estava no quarto de Sasuke o ser de uma risada e logo sumiu entre as sombras.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...