1. Spirit Fanfics >
  2. Amantes >
  3. Não é apenas desejo

História Amantes - Capítulo 5


Escrita por: Witch_crazy

Capítulo 5 - Não é apenas desejo


Valtery


Já são duas da manhã, e eu aqui, na cozinha, com uma garrafa de vinho, e meu celular.

Eu atrapalhei algo que eu queria que acontecesse, e quando aconteceu eu não tive reação! Eu ficava feliz? Brava? Normal? Não, eu fiquei confusa! Como se eu não esperasse por isso!

Eu esperava que uma hora ou outra ia rola um beijo entre eles, já que nunca pararam de se amar, só não esperava que o beijo fosse "O BEIJO"!

E é meu dever como amiga apoiar qualquer loucura que elas façam

Mesmo que no início eu avisava a Icy que meu irmão não prestava e que não seria fácil para ele e pra ela se envolver com alguém novamente, mas agora ele desbloqueou o lado carinhoso dele pra relacionamento.

Mesmo que no começo eu dizia a Darcy que se envolver com o Riven novamente só ia provocar discórdia e a ilusão da pior espécie, mas depois ela realmente viveu uma fanfic pedindo pro Glantos fingir ser seu namorado pra fazer ciúmes pro Riven, nunca fiquei tão feliz em um casamento, sério, eu chorei na cerimônia

Agora é a vez da Stormy, o problema é a namorada dele, os fofoqueiros do cão e o trauma, eu não quero ver minha amiga passando por tudo de novo.

Ela chorou, ela sofreu, vi minha melhor amiga perde seu filho ainda na barriga e quase ir embora do mesmo mundo que a gente por perder duas pessoas importantes na vida dela.

Ela é quase uma irmã pra mim, mesmo que eu não tenha a ligação que ela e as outras tem.


O barulho de passos me alertou sobre o horário, ainda são duas, mas eu não quero dormir.

Duman entrou na cozinha com a cara de sono, ele se apoiou na mesa me olhou "irritado"

Duman- Você precisa dormir!- Ele afastou a garrafa.

Valtery- Mas eu não quero...- Fiz charme sabendo como ele fica.

Duman- Não faça essa voz, isso não vai me fazer te deixar aqui.- Ele andou aí redor da mesa e apoiou as mãos nos meus ombros.- Vem dormir...

Ele se aproximou do meu ouvido com aquela voz rouca e tão gostosinha de ouvir, isso me fez entra em um acordo com os meus pensamentos.

Eu vou na casa da Stormy amanhã, vamos ter tempo pra conversar, eu posso raciocínio melhor e eu tô morrendo de sono também, deveria ter tomado café.

Valtery- Me leva no colo...- Fiz mais charme e me permiti sentir seus lábios em meu pescoço.

Mesmo indo até o quarto esses pensamento me incomodavam, me deixava com a consciência cheia.

Esses pensamento só desapareceram quando Duman me abraçou e descansou em meus seios, sentir ele perto de mim me faz relaxar de uma forma anormal e perfeita.

 

...


Ogron


O desejo corria pelas minhas veias, a qualquer momento posso perder o controle, o corpo dela me deixa louco. Me afastei um pouco pensando sobre esses dois dias, tentando achar uma maneira de tê-la sem acabar com o teatrinho. Eu sei que ela precisa pensa melhor no que aconteceu nesses dois dias.

Eu respeito qualquer decisão que ela escolha, mas eu preciso dessa mulher, mas não custa tentar.

Ogron- Eu quero fazer um acordo com você.- Disse deitado ao seu lado, ela me olhou curiosa.

Stormy- Um acordo?- Sua voz sonolenta poderia me deixar tão maluco quanto antes.

Ogron- Nem eu e nem você conseguimos segurar essa vontade, e eu sei que se acontecer hoje ou amanhã não será suficiente para alimentar todo esse desejo.- Ela se sentou na cama parecendo entender, me sentei na sua frente e segurei suas mãos.

Stormy- Você quer que eu seja uma amante?- Ela apertou minhas mãos.- Você só pode ser louco, e o que eu disse há um tempo atrás? Se esqueceu que essa história de amante só trás problemas? Você tava me falando sobre a vadia do seu chefe e de repente você quer que eu seja a sua vadia?!

Ogron- Stormy, esquece meu chefe. Eu já sabia que a Roxy tem um caso com alguém anônimo, e eu realmente não me importo, Stormy aquilo não é um relacionamento, aquilo é tudo atuação, mesmo ela não sabendo que eu sei.

Stormy- MESMO ASSIM!- Sua voz saiu alta e ela tapou a minha boca com uma das mãos- As Winx não sabem! Eu vi o que Musa e Darcy passaram e foi um milagre elas se perdoarem, mas quando descobri que fizemos isso com a Roxy, elas vão nós punir! Não teremos saída.

Elas perdoaram Riven, Aisha e Diaspro pelo mesmo pecado, mas ainda não sabem conviver com nosso "surto de normalidade", nós perdoaram pelo o que fizemos no passado mas foi por que elas viram o que Icy passou naquele castelo em Dyamond com os pais, então há chances de Stormy está certa.

Ogron- Vamos fugir!

Stormy- Como é?

Ogron- Você sempre quis ir pra Argentina mesmo, e se o problema for trabalho, há milhões de leitores na terra.- Ela deu um tapa leve em seu próprio rosto e começou a rir.

Stormy- Sempre soube que lhe faltava algum parafuso, por isso Taylor é tão doida.- Ela riu baixinho.- E o grave problema é as minhas irmãs, Valtery, meus outros amigos e meus sobrinhos!

Ogron- Voltaríamos alguns anos depois.- Ela balançou a cabeça de forma negativa.

Stormy- De repente ser amante é melhor que sua ideia de fugir...- Aproximei meu rosto dela mais a fez paralisar e corar um pouco.

Ogron- Então será somente minha mesmo separados?

Stormy- Não é isso que eu quis dizer!- Ela me empurrou e deitou a cabeça em braço.- Você me deixa confusa, na verdade, você me causa tantos sentimentos que dá vontade de te bater.

Ogron- Pensa bem, isso não é apenas desejo, é uma necessidade!- E ela realmente bateu no meu braço e se deitou em cima de mim.

Stormy- Não vou garantir um sim.- Ela deu um último beijo antes de ser aconchegar em cima de mim.- Eu te odeio.

Ogron- Eu te odeio mais.

Stormy- Isso é impossível.- Ela soltou uma risada leve.- Boa noite ruivinho.

Ogron- Boa noite bravinha.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...