1. Spirit Fanfics >
  2. Amaris >
  3. Capitulo 2 - A reitora!

História Amaris - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Capitulo 2 - A reitora!


Fanfic / Fanfiction Amaris - Capítulo 2 - Capitulo 2 - A reitora!

No grande salão do castelo de Amaris, sentada em uma parte elevada como uma rainha pensativa e paciente se encontrava Myanna até ser interrompida por Selene.


- E então.... A grande salvadora chegou?.


- Hum, você deveria estar descansando!, teve sorte por sobreviver!. 


- Estou bem, ok quase bem. - disse Tocando seu corpo com cara de dor.


- Como esta o seu guerreiro? - Myanna  se levantou. - você sabe que homens não são permitidos em Amaris.


- Claro!, e fico grato pela exceção que você abriu. - Disse Samuel ao entrar no salão voltando a atenção das duas para si.


- sinto que sou obrigada a agradecer pela sua ajuda no campo de batalha Caçador!. - Disse Myanna.


- Foi uma honra!. - ele respondeu se reverenciando. 


- ....Devo admitir também que dessa vez você fez uma boa escolha Selene...veja só um belo caçador !.- Myanna compartilhou seu pensamento com Selene de forma telepática e a mesma devolveu com um sorriso.


- Papai? - Dizia uma garotinha de longos cabelos loiros acinzentados correndo para de encontro a Samuel, sendo seguida por Beatrice


- Hei....eu disse para não ficar andando por ai, sinto muito Reitora, ela é um tanto quanto impulsiva....disse Beatrice.


  De repente todos se calaram quando viram entrar pelo salão a mulher que os havia ajudado durante a guerra.


- Como ela entrou sem ninguém perceber?, só alguém que já conhece o Castelo é capaz, e ainda assim.....- Dizia Beatrice se posicionando ao lado de Selene e Samuel que estavam no canto direito do salão.


  Myanna ainda estava no mesmo lugar ao centro da parte mais alta do salão observando a tal salvadora entrar e bem mais rápido que ela um pequeno filhote do que parecia ser um lobo de pêlos prateados e olhos bicolores parou no ultimo degrau cheirando e chegando aos poucos perto de Myanna até se jogar no chão com a barriga pra cima com cara de quem estava a fim de um pouco de carinho.


- Hora ,hora ele gostou de você!.


- É de um tom desagradável entrar sem ser convidado e ainda trazer animais dos quais são proibidos em Amaris. - disse Myanna em tom de superioridade .


- A ingratidão também é!. - respondeu a mulher a mesma altura. - E quem foi que proibiu isso...você? . - continuou debochadamente se aproximando do animal e de Myanna.


- Como entrou em Amaris?.


-Eu disse que viria!.


- Claro que disse, mas vir até aqui é uma coisa....já conseguir entrar é outra!.


- Sou a antiga Reitora de Amaris!. E pelo tom de arrogância que todas as aprendizes adiquirem com o tempo presumo que você tenha se formado aqui e seja a nova reitora, e vou mais além.... se fosse realmente uma boa reitora teria preparado melhor o castelo para possíveis invasões.


- Nossa até eu senti essa....- cochichou Beatrice para Selene.


- Cuidado ou sobrara para você.- ela retrucou em tom baixo, aguardando a resposta de Myanna.


- O que você realmente esta insinuando com isso ?. - enfim respondeu Myanna cara a cara.


  

   Um grande estrondo se ouviu logo em seguida quando os portões principais do castelo se abriram abruptamente, tão repentino quanto a chegada da ex reitora ou até mesmo a invasão  de Orin, foi a flecha que havia sido mirada na cabeça de Myanna e foi aparada pela ex reitora que apenas mexeu  sua mão direita para segurar a flecha e o seu rosto que virou em direção aos invasores, um ou dois segundos depois foram lançadas mais duas flechas uma foi pega pelo pequeno filhote que saltou   impediu a flecha de acertar sua dona e a segunda mesmo com um desvio rápido ainda assim conseguiu acertar de raspão o rosto da ex reitora.


- Eu estou me referindo a isso, e a propósito me chamo Liz Amaris de Hadria. - ainda cara a cara com Myanna respondeu de forma ríspida e em seguida se virou por completo em direção aos seus mais novos inimigos.


   Mal caminhou parte do salão e logo viu  Samuel se aproximar empunhando uma longa espada.


- Pode deixar comigo!, não são tantos assim. - ele disse impedindo Myanna de prosseguir e ficando lado a lado de Liz.


- E eu pedi a sua ajuda?. - Liz disse com desdém a Samuel que a olhou embaraçado baixando sua espada.


  Por fim Liz caminhou até metade do Salão cruzando seus braços e ordenando a seu pequeno cão que estava em posição de ataque para que ficasse um pouco mais atrás na defesa. 


- Vejo que como bruxos e feiticeiros vocês não tem o minimo de respeito por esta escola!.


- Eu sou Orin rei de Orion o maior reino dentre todos os reinos do norte e em breve o rei de todos eles, isso sim é importante, agora isso aqui.... não me importo em saber quem é você ou o quanto este lugar é ou deixa de ser importante eu vim atrás de algo e vou leva-lo, então não me atrapalhe!. - Praticamente gritou Orin a todos que estavam presentes. - me dê a menina!.


- Esse verme fala por você feiticeira?. - questionou Liz.


- Quem você pensa... - mal pôde concluir Orin.


- Desde o início isso tudo não era pra ser a guerra que se tornou e não seria se não fosse a intromissão de certas pessoas, você devia ter seguido ao resto do novo capitulo Myanna, se tivesse feito não estaríamos aqui!. - Disse Evanora após interromper Orin.


- Ah por favor Evanora!, me poupe!, esta mais que obvio que vocês não parariam após pegar essa simples menina que voces afirmam ridiculamente ser a reencarnação da filha de um demônio. - respondeu Myanna de forma debochada.


- Levem a garota para algum aposento. - Selene e Beatrice a levaram. - Ouçam bem!, não estou a fim de sujar o meu belo salão com o sangue de vocês então lhes dou a oportunidade de voltarem para seu reino vivos. 


   As palavras de Liz não pareceram surtir efeito sobre Orin que ordenou que seus soldados atacassem Liz, magicamente surgiram nos braços de Liz dois escudos dourados que em um movimento rápido se tornaram leques  com os quais ela dilacerou cada um dos soldados que se aproximava deixando a todos abismados pela força e poder, quando o ultimo soldado caiu Evanora mandou que seus bruxos fossem ao ataque , seus feitiços se mostraram coisa de principiante para Liz que ao girar seus leques e lança-los em direção ao bruxos decapitou a todos e eles Caíram da mesma forma que os soldados, ao final seus leques retornaram e assim como apareceram com magia ele sumiram.


- Não!!!!!! . - Gritou Evanora ao ver Orin pegar sua espada e atacar Luz.


    Ele correu diretamente até Liz que o aguardava tranquilamente no mesmo lugar enquanto todos observavam, ele atacou rapidamente, Samuel quase pensou que havia atravessado a bruxa, mas logo todos puderam ver que por uma questão de centímetro ela havia desviado, no entanto eles continuavam ali parados na mesma posição, quando foi possível ouvir um pequeno gemido de dor vindo dele, e em um rápido movimento ele estava no chão, quando Liz levantou seu braço  direito todos puderam constatar o motivo, ela havia retirado o coração dele apenas com mão e logo em seguido o esmagado como se fosse simplesmente nada.


  Era nítida a cara de espanto de Evanora, toda aquela situação deixou a todos assim, então ela se ajoelhou abaixando sua cabeça e colocando suas mãos no chão como se estivesse se rendendo, mas na primeira oportunidade se levantou e conjugou um feitiço para abrir um portal, talvez, só talvez se ela tivesse feito isso antes da morte de Orin isso a daria mais tempo de fugir antes de ser cortada ao meio caindo em um campo de flores antes do portal se fechar.


- Lamentável.....jovens talentos e digamos... desperdiçados!. -- lamentou Liz. 




Notas Finais


O que acharam?😉


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...