História Amigo Secreto - Imagine Jimin - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Park Jimin (Jimin)
Visualizações 45
Palavras 929
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Saga

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi lindonaaaaas
Boa leitura pra vcs 💕💕

Capítulo 9 - IX - Quem é Kim Taehyung?



POV Jimin

- Ora, que surpresa - disse CL ao abrir a porta. - Faz mais de um ano que você não aparece na minha casa, Park Jimin. E estava com uma aparência muito melhor da última vez.

Eu balançei a cabeça e a beijei na testa. - Preciso de um favor, Lee e espero que você não me considere um canalha por estar pedindo isso. Você sabe onde a SN mora?

A loira miudinha piscou os olhos várias vezes, surpresa. - Uau. Espera aí. Não era bem isso que eu esperava.- Ela bufou e abriu caminho para que eu entrasse.

- Entra.

Obedeci, mas fiquei parado perto da porta. Três dias haviam se passado sem que tivesse notícias de SN. Caso não conseguisse encontrá-la logo, acabaria enlouquecendo.

Lee me encarou por um momento, e depois foi até o balcão da cozinha, onde estava sua bolsa. - Eu não quero mais nada com você, pode acreditar.

Ela pegou seu BlackBerry e uma caneta. Enquanto escrevia, ela falou: - Mas sou obrigada a perguntar o que você viu na SN.

- Porra. Que tipo de pergunta é essa? -  passei as mãos pelos cabelos.

- Sei lá. Eu só queria saber se o que dizem por aí é verdade. Que a gente precisa se fazer de difícil pra arrumar um bom partido. -  Ela foi até mim e entregou um cartão de visita com um endereço anotado no verso.

Respirei aliviado, e enfiei o cartão no bolso. - Acho que no começo esse joguinho é divertido. Mas agora está me dando nos nervos. Eu agradeço, Lee. De verdade.

- Ei, Jimin.

Parei na porta, deixando bem clara minha impaciência. - Quê?

- Você não vai até lá agora, não é? A SN e o Taeyung estavam…

- E quem é esse Taeyung, porra? - Todos os músculos de meu corpo ficaram tensos ao ouvir o nome de SN ser vinculado ao de outro sujeito.

CL arregalou os olhos. - Ai, merda… Você não sabe.

 - Claro que não - voltei a entrar na casa. - Mas você vai me contar.

Ela suspirou. - É melhor você sentar um pouco.

[...]

Pela janela de meu carro, vi a SN descer do Grand Cherokee 2018 e caminhar pelo cimento gelado da entrada para carros até a porta da frente. A casa onde ela morava tinha um estilo antigo e aconchegante, com toques pessoais bastante evidentes. Ela parecia triste, e eu sabia por quê. Eu a vi sair com Kim Taeyung apenas uma hora antes, mas agora estava sozinha.

SN tinha família.

Eu era o intruso.

Respirando fundo para tomar coragem,  sai no tempo frio e bati a porta do carro com força suficiente para chamar a atenção dela. SN olhou para trás e deteve o passo de repente. Caminhei em sua direção com passos decididos, em parte furioso e em parte magoado mesmo.

- O que você está fazendo aqui?, ela questionou, em um tom de voz baixo, mas que denotava certo pânico.

Não respondi. Em vez disso, tirei as mãos do bolso do casaco, puxei para perto e a beijou na boca. Quando nossos lábios se encontraram, eu gemi. Quando a hesitação dela se transformou em ardor, tive certeza de que ainda havia uma chance. 

Ela ainda me queria.

Eu a ergui do chão e a carreguei no colo até a porta da casa. - Abre.

- Jimin…

- E é melhor abrir logo, se não quiser que os vizinhos vejam.

Com as mãos trêmulas, SN enfiou a chave na fechadura e, quando virou a maçaneta,  entramos  e eu bati a porta atrás de mim com o pé. Ela se virou, e eu a prensei contra a parede do hall.

- Eu senti sua falta - disse com a voz embargada, com as mãos inquietas, tentando apalpá-la através da jaqueta grossa que vestia. - Senti sua falta a cada minuto desde que você foi embora.

- Não faz isso comigo, Jimin - Ela jogou a cabeça para trás e prendeu a respiração quando os meus dentes roçaram seu pescoço. - Nós tínhamos um acordo. A lista de desejos, e depois assunto encerrado.

- Mas o nosso assunto ainda não está encerrado - argumentei. - Não estamos nem perto disso. E, se depender de mim, não vai se encerrar nunca. - arquear na minha direção.

- Você sentiu minha falta? - murmurei, mordendo a orelha dela. 

- Senti… Humm… demais.

Dois dedos a penetraram, deixando-a ainda mais molhada.

- Abre as pernas.

Montei sobre ela, arreganhando ainda mais suas coxas com os quadris antes de possuí-la com uma estocada profunda, de tirar o fôlego.

Depois a segurei pelos cabelos e começou a meter com força.

- Jimin - SN se contorceu sob meu corpo, tentando se mover, mas imobilizada pelos cabelos e pelo meu pau.

Eu apoiei todo o meu peso em um dos cotovelos e usei a mão livre para erguer a perna dela e apoiar sobre meu quadril, para poder entrar ainda mais fundo. Ela ficou só observando, ofegante, sentindo cada nervo de seu corpo se retesar. A cintura dos nosso jeans roçando na parte interior de suas coxas, um lembrete constante da urgência e do desespero de que eu estava para tê-la.

- O assunto entre nós não é só sexo -  insisti, ofegante.

- Eu sei - Ela pôs as mãos sobre minha  costa suada .

- Não é só um casinho temporário.

- E-eu… - Ela sentia o meu pau deslizando dentro de seu corpo. - Eu sei.

Afundei o rosto no pescoço dela, e falei no seu ouvido : - Eu te amo.

Ela se derreteu de vez, e se deixou invadir por um orgasmo que a fez gritar com força o meu nome,  e eu a enchi de amor.

E esperança.


Notas Finais


Uiiiii
Quem será esse Taeyung?
Vai que é o boy dela 😟


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...