História Amigos - Capítulo 31


Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amizade, Assassinos, Hibridos, Violencia
Visualizações 17
Palavras 719
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Estou de volta com mais!!!! Espero que gostem!!!! Boa leitura!!!!

Capítulo 31 - Beijo?


Fanfic / Fanfiction Amigos - Capítulo 31 - Beijo?

ON FRED
Entro em bicos dos pés em casa na esperança de ninguém ouvir-me mas essa esperança vai embora assim que ouço uma voz atrás de mim. Ligo a luz e vejo a Bia com os olhos semicerrados a percorrer o meu corpo com o seu olhar.
Bia- Foi boa a noite?- Sorrio.
- O que estás a fazer acordada?
Bia- Fui vomitar.- Olho confuso para ela e ela dá um grande sorriso.- Eu bebi muito.- Começa a rir assim que acaba de falar e eu suspiro. O João tinha ficado encarregue de cuidar delas e tinha falhado, e isso estava explicito no comportamento da Bia.
- Vai deitar-te.- Aproximo-me dela para tentar ajuda-la a ir para o seu quarto mas ela bate com força na minha mão.
Bia- Idiota.
- Eu não estou a ser idiota..estou a tentar levar-te para o quarto para o teu Appa não...
Bia- Não é isso. És um idiota porque escolheste a rapariga errada. Ela trabalha para o outro lado e...- Ela aproxima-se de mim.- E vai querer matar a Luísa e se alguma coisa acontecer com ela eu prometo que usarei a tua pele como carpete.- Agarra na minha camisa ainda com os olhos semicerrados.
- Não estás a dizer nada com nada.
Bia- Tu é que não queres ouvir-me. Eu sei que existe alguma coisa de errado com aquela rapariga.- O seu sorriso fica maior.- Eu deixo-te namorar se não for com ela ou com qualquer pessoa do lado inimigo.- Sorrio.
- Deixas-me? Eu não preciso da tua aprovação.- Aproximo o meu rosto do dela e recebo uma chapada com força em um canto da minha cara.
Bia- Para de ser idiota e...- Ela mete as suas mãos na sua boca antes de correr para longe de mim. Ouço sons dela a gemer de dor e sigo-a.
Entro na casa de banho onde vejo-a agarrada na sanita a vomitar, suspiro e agarro nos seus cabelos com cuidado.
- Porque é que bebeste?
Bia- Porque a Luísa também bebeu.
- Fazes tudo o que ela faz?
Bia- Sim. Porque ela não é parva e estúpida como tu.- Agarro nos seus cabelos com força e puxo a sua cabeça para trás.- AH!
- Vamos parar com as ofensas?- Ela sorri.
Bia- Esqueceste do que aconteceu?- Largo os seus cabelos e levanto-me.

ON BIA
Ele entrega-me uma toalha e eu limpo a minha boca.
- Obrigada.- Levanto-me e puxo o autoclismo.
Fred- Vocês têm de parar de agir assim...de forma desnecessária.
- Ok...vamos parar de ficar preocupadas contigo...não vale a pena.- Saio da casa de banho e ele segue-me.- Boa noite.
Tento subir as escadas para ir para o meu quarto mas ele segura-me a mão antes de isso acontecer.
- O que queres agora?- Olho para trás zangada.
Fred- Podes confia em mim?- Digo que não com a minha cabeça.
- Acho que não chegarei a esse ponto.- Faço um movimento brusco com a minha mão mas ele puxa-me e eu vou contra o seu corpo.- Larga-me.
Fred- Volta a ser minha amiga. Irei falar com a Luísa quando ela acordar.
- Ela pode aceitar-te de volta mas o meu único amigo será apenas o João.- Tento empurra-lo mas ele impede-me.- Eu quero ir dormir..larga-me...- Ele agarra com alguma força no seu queixo e fica a olhar sério para mim.
Fred- Não vais?- Mordo o meu lábio inferior e volto a negar com a minha cabeça, ele sorri.
Ele aproxima o seu rosto do meu e eu tento mais uma vez fugir dele, sem sucesso. Fecho os meus olhos com força até sentir uma coisa quente e suave tocar nos meus lábios. Bato com alguma força no seu peito e quando abro os meus olhos vejo-o com os seus fechados. Volto a fechar os meus olhos e deixo acontecer, pela primeira vez.
Luísa- Bia!- Nós afastamos um do outro rapidamente e eu vejo a Luísa com o pelo da cauda e das orelhas em pé e as unhas de fora pronta para atacar.- O que estavas a fazer com a Bia?! Eu vou matar-te!- Ela desce as escadas a correr mas antes de ela chegar ao Fred eu seguro-a.
- Deixa.
Luísa- NÃO! ELE TEM DE MORRER! PRIMEIRO A HYO E AGORA ISTO?!- Eu seguro-a com mais força.
Appa- O que se passa?


Notas Finais


Espero que tenham gostado!!!!
Sorry qualquer erro!
Beijinhos!!!!! <33333333


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...