1. Spirit Fanfics >
  2. Amigos, ou Namorados? >
  3. Capitulo Seis: Danny esta estranho.

História Amigos, ou Namorados? - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


Um capitulo fresquinho para vocês lerem antes de dormir :)

Capítulo 6 - Capitulo Seis: Danny esta estranho.


Fanfic / Fanfiction Amigos, ou Namorados? - Capítulo 6 - Capitulo Seis: Danny esta estranho.

Na manhã seguinte, já era segunda feira, e estava meio frio, então Danny colocou uma roupa simples e um casaco, arrumou seus cabelos que ainda continuavam meio bagunçados e seguiu para casa de Tucker, para logo depois se encontrarem com Sam. 

_ Bom dia dorminhocos, estão atrasados. - Sam disse rindo assim que Danny e Tucker entraram em sua estufa. Ela estava colhendo algumas frutas e folhas para o seu almoço.  

_ Danny demorou hoje. Deveria tá passando maquiagem. 

_ Ah... ah... ah... Como você é hilário, Tucker. - Danny disse com um tom de sarcasmo, se sentou em uma cadeira e ficou olhando uma plantinha que ali tinha. 

_ O que ele tem. - Sam perguntou baixinho para Tucker.  

_ Vai saber. - Tucker tinha uma ideia do que poderia ser, mas resolveu ficar calado.  

_ Bem, vamos logo ou vamos nos atrasar. - Danny então se levantou do banco e seguiu os amigos para fora da estufa. 

O caminho para a escola foi tranquilo. A não ser por Danny que quase não conversou, o que deixou Sam bem preocupada, ela então olhou para o amigo e o encarou. 

_ Cole, Danny... vai ficar assim a manha toda? Desde ontem a noite quando conversamos pelo celular que você está assim... distante. 

_ Só estou cansado, só isso. - Sam suspirou e resolveu aceitar a desculpa do amigo, mesmo aquilo não a convencendo cem por cento.  

_ Espera aí.. Vocês conversão á noite e nem me chamam? - Danny e Sam apenas suspiraram e continuaram andando, deixando um Tucker para trás gritando pedindo para os amigos o esperarem. 

Quando chegaram ao colégio, viram Michael conversando com Paulina e os outros mais populares da escola. Eles olharam estranho, mas resolveram ignorar. Os três amigos seguiram para seus armários, colocaram suas coisas lá e pegaram o que iriam precisar para aquele dia, depois disso foram para a sala de aula.  

Como sempre a aula foi bem tediosa com os poemas do sr. Lancer, quase todos na sala dormiam, Danny apenas olhava para o professor sem saber o que ele estava lendo, Sam desenhava em seu Scketbook e Tucker, bem... Tucker tentava conversar com as garotas da escola por mensagem, mas sempre era ignorado, ou bloqueados pelas mesmas.  

Quando deu o horário para o almoço, todos foram para o refeitório, os três amigos pegaram seu almoço e seguiram para o pátio da escola. 

_ Então, o que acham de falarmos que estamos doentes e não participarmos da aula de educação física hoje? 

_ Tucker, não pode usar essa mentira sempre, sabe disse ne? Vamos acabar ganhando uma detenção por mentir que estarmos doentes para não participarmos da aula. Além disso vai ser bom pra você queimar umas gordurinhas - Sam disse enquanto comia sua salada. 

_ Eu não tenho gordurinhas! 

Os três amigos estavam sentando em uma mesa do pátio enquanto Tucker tentava convence-los de arrumarem um jeito de não irem participar da educação fisica, enquanto Sam o dizia que era uma má ideia, já Danny, ficava apenas brincando com a pizza em seu prato.  

_ Oi. Posso me sentar com vocês? - Os três amigos olharam para cima para ver quem era, e para surpresa de todos... ou não... era Michael.  

_ Claro, senta aí. - Sam disse fazendo sinal para que o até então amigo se sentasse. Danny não gostou muito daquilo, mas ficou em silencio, já Tucker, pareceu indiferente.  

_ Então, cara, estamos aqui discutindo sobre não participarmos da educação física hoje, mas Sam está dizendo que não é uma boa ideia. 

_ Já é a quinta vez nesse semestre que usamos a desculpa de não estarmos bem para sermos liberados das aulas.  A professora vai começar a desconfiar. 

_ Acho que a Sam está certa. - Tucker bufou. 

_ Tucker, não tem jeito, teremos que participar da aula, pare de tanto drama. - Danny disse se levantando. Jogou sua pizza no lixo e depois seguiu para se deitar embaixo de uma arvore. Tucker, Sam e Michael se encaravam, eles se levantaram para ir até Danny, mas Paulina chegou puxando Michael dizendo para não andar com aqueles fracassados, o garoto apenas a seguiu sem dizer nada, enquanto isso, Sam e Tucker foram até Danny, ignorando completamente Paulina, mas antes disso, também jogaram seus almoços fora. 

_ Cara, você está bem?  

_ Sim, Tucker, só estou cansando... só isso.  

_ Olha, eu tenho um chá aqui muito bom, ele te deixa mais relaxado... quer um pouco? Tem ervas que fazem maravilhas aqui. - Sam disse animada mostrando sua garrafa térmica a Danny, então o rapaz deu de ombros e resolveu aceitar, ele fez uma careta quando bebeu e Sam riu. - Vamos lá, ele vai te fazer bem. - Então Danny tomou tudo em uma golada só, entregou o copo que era a tampa da garrafa térmica de Sam e depois voltou a se deitar na grama. Tucker e Sam se olharam, então eles também resolveram se deitar perto de Danny, cada um de um lado, deixando assim, Danny no meio.  

Depois do almoço, todos voltaram para a sala de aula, Danny já parecia um pouco melhor. Realmente as eravas medicinais de Sam eram ótimas e faziam um grande efeito para quem as consumia.  

A aula passou lenta e dolorosamente chata, era matemática, e ninguém ali gostava nem um pouco de matemática. Logo deu a hora para a educação física, todos foram para o vestiário para trocar de roupa, quando Sam entrou, foi logo se trocando, mas Paulina apareceu e começou a ofende-la, Sam não ligava nem um pouco, pois já estava acostumada com as ofensas da morena. 

_ Já acabou? Eu preciso ir. - Sam disse indiferente enquanto olhava para a porta do vestiário. 

_ Ainda não... -  Paulina se aproximou mais de Sam, a gótica apenas cruzou os braços e encarou Paulina nos olhos, mostrando que não se importava nem um pouco com a mesma. - Pensa que não percebi que você está interessada no Michael? - Sam riu.  

_ Paulina... por favor. Michael não me interessa, nunca me interessou. E agora, se era só isso, posso sair daqui? O perfume barato de vocês me causa enjoo.  

_ Não! Eu ainda não terminei. - Paulina disse e se aproximou mais de Sam que se fez de desinteressada. - Eu percebi os olhares dele pra você, e é claro que você não vai deixar escapar essa. Uma gótica que nunca teve nenhum garoto interessado em si? Claro que você vai correndo para os braços dele. Mas assim que ele perceber a idiota que é, vai acabar desistindo. 

_ Se ele está olhando para mim, isso é problema dele. Não tenho nenhum interesse nele além da amizade, mas se você não acredita... paciência. - Sam pegou sua jaqueta e seguiu para porta. 

_ Bem... então se ele não te interessa, quem é? Danny Fentoon? - Paulina disse e todas as meninas do banheiro começaram a rir. Sam sentiu suas bochecham queimarem.  

_ Dnnay  eu somos amigos. Quem eu gosto não é problema seu, Paulina. Mas para que fique mais segura, não é do Danny que eu gosto. Não que eu lhe deva satisfação da minha vida, mas no momento eu não estou gostando de ninguém. Então pare de gastar os poucos neurônios que tem comigo e vai cuidar da sua própria vida. - Sam saiu do vestiário feminino batendo a porta atrás de si, quando saiu, se encontrou com Danny e Tucker a esperando sentando em um banco um pouco a frente. 

_ Demorou. Pensei que não era como as outras meninas, que se maquiassem na hora da educação física. - Tucker disse e riu. 

_ Aconteceu alguma coisa? Por que demorou?  - Danny perguntou preocupado vendo que Sam parecia nervosa. 

_ Nada. Só havia perdido minha jaqueta. Vamos para a aula?  

Sam disse, mas parecia incomodada com alguma coisa, e isso não passou despercebido pelos seus amigos, mas como conheciam Sam muito bem, acharam melhor esperar a garota resolver contar o que havia acontecido. Enquanto isso, uma certa pessoa os observava de longe. 


Notas Finais


Fim do capitulo u.u tentarei postar mais ainda essa semana.

Leitores fantasma, por favor, favoritem a historia, assim ela poderá chegar em mais pessoas e assim mais leitores poderão ler a historia> ;)

Por favor, comentem dando suas sinceras opiniões, isso me deixa mais motivada a escrever a historia e com isso, os capítulos sairão com mais frequência.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...