História Amizade Colorida - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amizade, Clichê, Romance
Visualizações 50
Palavras 2.054
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Musical (Songfic), Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Transsexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Vejo vocês lá em baixo...

Capítulo 13 - Surpresas...


Fanfic / Fanfiction Amizade Colorida - Capítulo 13 - Surpresas...

Lola’s P.O.V.

Estava tudo muito estranho até eu descer do carro, ajudei o Paps e logo que entrei em casa tava tudo escuro… Muito suspeito, quando acendi a luz…:

- Parabéns pra Lola! Nessa data querida, muitas felicidades, muitos anos de vida… - Meus amigos estavam ali cantando parabéns pra mim?!

Olhei pelo interior da minha casa e vi todos! Não acredito que eles fizeram isso pra mim… Dei mais uma olhada e lógico que a Zoe estava segurando o bolo e esperando eu apagar as velas, o que fiz rapidamente para poder fazer um pedido: “Que esse ano seja o melhor e o próximo melhor ainda!”…

Começamos a festa, drinks e dança, basicamente foi isso… Matt me puxou pra dançar, me fazendo pagar um dos maiores micos da minha vida! Claro que ele resolveu sumir no meio da festa, mas logo que percebi que ele sumiu, vi que não só ele não estava ali e dessa vez o sumido é o Liam… Nunca que o Liam faltaria meu aniversário! Desde que nos conhecemos na Marinha, ele nunca esqueceu meu aniversário e nunca não falou comigo nesse dia… O que aconteceu pra ele não estar aqui?

- Zozo? - A cutuquei e ela fez um sinal para que eu prosseguisse com a minha fala – Cadê o Liam?

- Você não soube…? - Neguei, não tenho ideia do que ela está falando – Ele se mudou… Pra Seattle, por conta do trabalho do pai e ele me disse que ia falar com você! Que merda!

- Bem, eu não chequei nenhuma mensagem, e-mail ou nada por causa do voo, então se ele falou, não tenho ideia! Quando que ele disse isso a você?!

- Faz uns dias, acho que uma semana se duvidar, que porra! Ele me prometeu que ia te contar! Vamos no seu quarto, ver se ele mandou alguma coisa…

Subimos e a cada degrau eu começava a chorar, odeio T.P.M. e ainda isso acontece? Um dos meus melhores amigos de infância se muda para Seattle sem me avisar e ainda não fala comigo no meu aniversário! O que aconteceu com o Lili?!

Chegamos no meu quarto e deixei as lágrimas rolarem, não acredito que o Liam fez isso! Não sei se choro por saudade dele ou por estar puta com ele, Zozo viu meu choro e correu pro computador, abrindo o mesmo e entrando no meu e-mail…

- Lola, se acalme… A Zoe sempre está certa, ele mandou uns cinco e-mails viu? Vou te deixar sozinha, acho que o Liam iria me matar se eu visse qualquer coisa que ele mandou pra você! Vou enrolar o pessoal pra ninguém achar que você sumiu, gaste o tempo que precisar! - A abracei por um tempo

Quando a Zoe saiu, peguei o notebook e sentei na cama, abri o primeiro e-mail, exatamente no horário que eu entrei no avião de volta pra casa! Às 6:25h, horário de Malibu…


 

“Lola, minha menina,

Estou escrevendo esse e-mail por diversos motivos e você vai entender tudo minha menina, só espere um pouco e leia tudo! Não tive a coragem para lhe contar tudo isso pessoalmente, então entrei no primeiro avião, mas logo que cheguei em Seattle me arrependi e claro, não tive nenhuma coragem pra lhe falar por ligação ou mesmo por mensagem… Calma que você já vai entender tudo Lolinha!

Provavelmente a Zoe já me dedurou ou mesmo você sentiu a minha falta nesse dia de hoje, tenho que lhe contar uma coisa… Eu tive que viajar de última hora pra Seattle, não aconteceu nada com a minha mãe, relaxe, meu pai que foi novamente convocado pela Marinha e claro “eu não pude ficar pra trás”, palavras dele. Também, quase que minha mãe veio me buscar para vê-la, ela não se aguenta se saudade e o cargo dela a impede de viajar para me ver sempre que ela quer, então eu fui pra Seattle, mas não se preocupe eu não vou me alistar… O mesmo sempre quis que eu me alistasse que nem ele e meu avô, mas ainda não me decidi… Pretendo não me alistar, mas quem sabe…?

Não consegui a coragem para poder te contar essa notícia, só consegui te escrever esse e-mail quando os meninos me contaram que você estava entrando avião, assim eu saberia que você só veria o e-mail quando chegasse em casa e possivelmente depois de sua festa surpresa! Desculpa se estraguei a surpresa, mas tenho quase toda a certeza que você só notou a minha falta no minuto que o pessoal gritou “Feliz Aniversário Lola Brooks!” então, achei que só veria esse e-mail depois e ainda acredito que só está o vendo depois… Quero que me desculpe por não estar aí Lolinha, faz mais de cinco anos que te conheço e nenhum dos anos esqueci seu aniversário ou mesmo não estive presente para quaisquer um deles, mas toda regra tem sua exceção e infelizmente a nossa regra teve… E essa exceção foi a viagem, sim, eu estou já instalado na base de Seattle com meu pai e comecei um estágio aqui na Marinha mesmo, calma! Eu não estou treinando okay? Só estagiando com a computação e tals…

SÓ RESPIRE PORQUE EU NÃO ME ALISTEI!

Agora, vou te mandar tudo que eu precisava te dizer… Lola, eu te amo muito minha menina e sempre vou te amar, você é a luz do meu dia e nunca vou esquecer o dia que te conheci, uma garotinha correndo pela base, só procurando alguém pra brincar… Até que eu criei coragem e fui falar com essa garotinha, uns cinco anos depois vejamos o que deu né? O pai dela convenceu o meu a me dar uma vida longe da base e moramos em Malibu, onde muitas outras coisas aconteceram, eu vi você crescer minha menina, se transformar daquela garotinha pro mulherão da porra que você é hoje! Já falei milhares de vezes o quanto você é linda e nunca, mas nunca negue isso okay?

Essa data é especial, dia da minha menina que é a luz do dia de todos e eu espero que ela consiga aprender a enxergar o que está na frente dela! Amo você, demais! Nunca duvide de si mesma porque eu nunca duvidei…

Aproveita seu dia minha menina…

Feliz aniversário, nunca esqueça de mim que eu nunca esquecerei de você!


 

Agent Keaton.

Enviado do meu iPhone”


 

As lágrimas não paravam de cair, não acredito que o Liam foi embora sem me avisar! Agora, depois desse e-mail, ainda tinham mais três, acho que hoje eu não conseguiria ler o resto… Vou aproveitar o dia sabendo que o Liam tá bem e lembrou do meu aniversário! Esse é o meu menino…

Fechei o computador e desci, tinha que aproveitar o resto da festa né? Vi que o Paps tava sentado comendo bolo e sentei ao seu lado…

- O Keaton foi chamado pela Marinha de novo, agora é torcer pro senhor não ser também… - Ele fechou a cara, merda! - Não pai! Isso não! O senhor não pode ir!

- E eu não vou princesa, você sabe que não! Quem foi chamada foi a sua Tia Andy, ela está arrasada e não quer ir de jeito nenhum, mas quando a própria diretora a chama, quem pode negar o pedido? - Soltei meu ar, aliviada, pra se dizer o mínimo… - Como que a senhorita sabe disso? O Liam lhe disse? - Assenti – Cadê ele falando nisso? Não o vi hoje!

- Em Seattle com os pais, o pai dele foi convocado e a mãe não saiu de lá né? - Rimos – Ele me contou por e-mail, não teve coragem pra me ligar e falar… Então, foi o jeito dele de se falar comigo!

- O Liam sempre te amou minha princesa, desde pequenos eu vejo aquele garoto mover montanhas por você! E eu tive certeza disso no dia em que ele lhe viu chorar por saudades de casa, o garoto fez uma sessão de cinema improvisada pra vocês! Olha que eu só soube disso por causa da Alana viu?! - Abri um sorriso tímido, aquele dia foi um dos melhores na base, admito que o Liam é uma parte mais que importante na minha infância, acho que sem ele eu não iria aguentar o tempo que passei na base…

- Eu também o amo Paps, mas é o Liam! Isso tudo que ele fez foi pela nossa amizade e nada além disso… Nem pense outras coisas! - Rimos, ele bem sabe o quanto o Liam fica na friendzone comigo – Sempre soube que ele queria algo a mais, lembra que ele pediu pro senhor pra casar comigo uma vez? Só pra fugirmos da base e vermos Las Vegas! - Caímos na risada, esse dia foi impagável!

- Lembro sim Lola! Fiquei bem puto, desculpe-me o termo, mas é a verdade! Por que não vai aproveitar sua festa? - Neguei – Por que isso princesa?

- Porque quero dançar com meu Paps enquanto aproveito o meu dia! - Ele abriu um sorriso amarelo, pegou as muletas e me acompanhou pro meio da pista, no minuto que o DJ viu que estávamos em direção a pista improvisada de dança, o mesmo colocou uma música lenta e comecei a dançar com meu pai – Não perdeu o jeito hein Alexander!?

- Nunca! - Rimos e continuamos dançando…

Passei uma boa parte da festa dançando naquela pista e aproveitei todos os minutos! Até que do nada alguém tapou a minha visão e ao mesmo tempo me senti sendo carregada… Isso vai dar merda! Só retiraram as mãos que tapavam a minha visão quando me jogaram na piscina! Sim, isso mesmo que você acabou de ler, me jogaram na piscina de roupa e tudo! Ainda bem que meu celular eu tinha deixado no quarto…

- Porra! Que desgraça! - Vi logo que as pessoas que mais riam naquele recinto eram o Raphael e o Matthew! Bando de filha da puta, só me fodem! Passei a mão no rosto e senti que o rímel que havia passado pra esconder a cara de acabada havia escorrido todo, vou matar aqueles dois! - Matthew Lorenzo Sartori e Raphael Anderson, vocês vão morrer seus desgraçados do caralho!

- Até engana quem não conhece, mas tu tem uma boca de caminhoneira que minha filha… Ninguém consegue te superar não! - Matt falou ainda rindo

- Pule logo vá Matt! Deixe de enrolar… - Ele deu de ombros e pulou, ignorando tudo ao nosso redor e me abraçou – Desculpa sumir, fui procurar o Raph e o Nilas…

- O Raph tava onde? - Ele riu – Sei que ele devia estar transando por aí, então não me conte! O Nicholas não veio foi? Nem percebi – Soltei uma risada meio que nervosa? Sei lá…

- Nem percebeu hein? Finge que eu acredito, mana! Mas a minha falta tu sente? - Assenti – O Keaton falou com você?

- Falar ele não falou né? Mas mandou uns quatro e-mails, eu só li um por enquanto e só com ele eu chorei litros! Não sei como mesmo de longe ele faz com que eu me sinta especial no meu dia… Só o Liam mesmo! E nem me venha com suas crises de ciúmes porque você tá em um patamar elevado, entendeu Matt?! - Ele riu e beijou minha testa

- Pula na água Raphael! Deixe de viadagem e pule logo…

Isso que eu chamo de pulo, o Raph deu um mortal duplo e caiu perfeitamente na água, que desgraça! Ele fez num sei quantos anos de natação e competiu nacionalmente, por isso que sabe fazer essas coisas, odeio ele por isso! Mentira, amo esse moreno aquático, por coincidência o signo dele é aquário, então todas as peças se encaixam…

A festa depois de várias horas se acabou e eu expulsei as pessoas que sobraram para ter um pouco de paz! Limpei uma boa parte da sujeira que fizeram, com ajuda dos meus machos e logo depois eles foram embora… Fiquei sozinha, já que o Paps foi dormir e eu fiquei no andar de baixo com os presentes que ganhei, claro que subi direto e tomei um banho… Estava cansada demais para abrir qualquer coisa!

Só deitei, nem pensei no resto dos e-mails do Liam, deixaria isso pra amanhã, acho que não consigo aguentar tanta emoção pra um dia só!


Notas Finais


Promessa feita é cumprida! Consegui escrever e postei logo! Não consegui me aguentar e não postar sabe?
Daqui a pouco vocês descobrem um pouco mais desta saga entre as amizades coloridas...

Beijinhos!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...