História Amizade Ou Amor? - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias League Of Legends (LOL)
Personagens Ahri, Evelynn, Ezreal, Gangplank, Gnar, Irelia, Janna, Jinx, LeBlanc, Lucian, Lulu, Lux, Miss Fortune, Poppy, Rakan, Soraka, Syndra, Twisted Fate, Xayah
Tags Ahri, Evelynn, Hentai, Irelia, League Of Legends, Leblanc, Lol, Lucian, Qiyana, Twisted Fate, Xayah, Yuri
Visualizações 17
Palavras 628
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Violência, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Vamos fingir que está Qiyana não está verde e sim amarela... Que bom que concordaram (eu espero)

Capítulo 11 - Novas Lendas Começam


Fanfic / Fanfiction Amizade Ou Amor? - Capítulo 11 - Novas Lendas Começam

POV Qiyana~

Tudo estava se mexendo, eu não sabia o que estava acontecendo, eu estava na casa de Miss Fortune, quando ela me chama e eu desapareço, simplesmente sumi, e não consigo abrir os olhos, o vento bate em meu rosto, meus cabelos balançam, e sinto como se estivesse sido empurrada de um prédio e estou caindo. Meus olhos começam a abrir vagarosamente, coloco a mão na minha barriga e sinto alguma coisa peluda, pelo que percebo, era uma raposa, mas não daquelas laranjas lá, em vez de laranja era amarela. Assustada, olho para o lado, e percebo que eu e mais 4 pessoas estamos caindo, caindo do céu, consigo reconhecer duas delas, cor uma roupa branca e rosa minha melhor amiga, Xayah, e com uma roupa branca e azul, Lucian, meu ex namorado, as outras duas, eu achei que não conhecia, olhei melhor e, dentro de uma "luz, bola, sei lá o quê" roxo, reconheço ela, Evelynn, não sabia o que estava acontecendo e nem o por que mas sabia que não daria tudo certo se Evelynn estivesse junta, percebo também que todos temos um bichinho no colo, Xayah tinha uma corujinha branca de olhos rosas, e uma outra pessoa que eu deduzi ser um "pássaro" uma coruja quase exatamente igual, só que com os olhos totalmente avermelhados, os bichos estavam acordados e pareciam eufóricos, Evelynn tinha uma criaturinha estranha, era uma leoa de pele roxo clarinho, e com asas, até que era bonitinha, e Lucian, estava com um furão marrom, fofíssimo, vontade de apertar. Ao redor de meu corpo, enquanto despenco ao chão, uma "luz" amarela, e em baixo de mim, o meu chackram, servindo como se fosse uma bóia, olho para baixo e entro em desespero total, estamos próximos ao chão, se eu não morrer agora, não morro nunca, quando, antes de cair no chão, sinto meu corpo ficar mole e eu adormecer novamente...

Minha cabeça dói, eu estava no chão, deitada em uma pedra, a raposinha estava em minha frente, minha arma encostada na pedra, e minha roupa branca e amarela, com um pouco de pó, depois de tirar a poeira, levando, pego a raposa no colo e penso: "O que aconteceu? Isso deve ser um sonho, só pode!"

Q- Oi raposinha

Ela não responde, mas escuto sua voz em minha mente : "você tem que me dar um nome"

Q- Ahh, você quer um nome? Que tal Volpina? (Eu não me inspirei em miraculous ok?) - a raposa sorri -.

Voando ao meu redor, pego meu chackram, e olho minha roupa, um colar amarelo, botas brancas e amarelas, vestido branco e amarelo, luvas brancas e amarelas, e, uma estrela? Vazia? Sem nada no lugar dela? Deve ser disso que Sarah estava falando, uma estrela próxima ao local de queda...

Depois de alguns minutos procurando, achei uma estrela amarela.

Q- Espero que seja você - no momento em que encosto a estrela no "molde" uma luz amarela sai de meu peito, e me sinto mais poderosa do que nunca, como se não fosse eu - Uau

E meu grupo? Cada um vai num canto, eles não tem que se encontrar? Falo indo em direção a um lugar aberto sem árvores, de longe, vejo uma luz roxa subindo no céu e se apagando, no momento nem me lembrei de quem era, só sei que estava empolgada e fui correndo até onde achei que a pessoa estava, ofegante, Volpina diz que eu devia ter cuidado com o que falo e que muita coisa vai mudar a  partir de hoje, parece que ela sabe tudo da minha vida...

Q- Com licença você é...? - Me aproximo com cautela e educação atrás da moça de cor roxa, esperando que ela seja educada comigo, mas nós nos olhamos e bufamos - AFF, você?


Notas Finais


Rito please, faz Qiyana guardiã estelar, sim, eu sei que ela acabou de chegar no lolzinho, mas ela é o amorzinho da minha vidaaa :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...