1. Spirit Fanfics >
  2. Amizade perigosa >
  3. Capitulo 06

História Amizade perigosa - Capítulo 6


Escrita por:


Capítulo 6 - Capitulo 06


Fanfic / Fanfiction Amizade perigosa - Capítulo 6 - Capitulo 06

É o dia da festa estamos nos arrumando – será que os novatos vão – Beka pergunta passando o batom – eu acho que sim, mas só um deles me interessa – eu falo colocando meu vestido – ai meu deus Mika você já está em outra – ela fala se olhando no espelho do meu lado – é claro, o Luke é passado agora eu quero outro – falo e ela me olha cheia de malicia – é claro que eu quero o Bem pena que ele namora – eu falo e ela dá uma risada – e isso é problema para você? – eu olho para ela que agora está jogada na minha cama – não mas é para ele, ele tem cara de ser aquele namorados super certinhos – e termino minha maquiagem – vamos – falo e ela se levanta num pulo – vamos nos acabar – ela fala e vamos reto para festa.

Bem narrando

- onde você vai? – Veronica pergunta quando eu me levanto e começo a me vestir eu não acredito que o Lucca me convenceu a ir naquela festa – eu combinei com o Lucca de ir na casa dele jogar – ela faz um beicinho – e cério – ela fala eu me odeio por esta fazendo isso eu nunca menti assim para ela – sim e você sabe com ele é ne – falo e ela se levanta e me abraça – tem certeza – droga ela está sem roupa e isso está tentador – sim ele já está me esperando – eu falo e ela me larga – tudo bem – ela fala e eu dou um beijinho nela e saio antes que possa ver que eu estou mentindo.

 - mano não acredito que você veio – Lucca fala quando chego na festa então nós entramos e é bem como a Úrsula falou está lotado e todos estão bêbado e chapados – olha se não são eles – um rapas fala e nos abraça – eu sou Alex o dono da casa e como diz o ditado mi casa su casa – ele fala e abraça Aurora e então dá um capo para mim  e para o Lucca – vamos nos divertir – ele sai com a Aurora e eu fico ali parado olhando as pessoas dançando iguais uns loucos – Benjamim – escuto uma voz atrás de mim me chamar me viro e dou de cara com a Micaela ela está linda um pouco bêbada mais linda ela dá um sorriso e me entrega uma garrafa de cerveja eu procuro o Lucca que já sumiu – ei o que você está fazendo ai parado – ela fala e pega meu braço e me leva até onde estou jogando um jogo que tem que jogar a bolinha de pingue-pongue no copo, depois de um tempo eu também já acabei participando do jogo – shot beija – uma garota grita e me entrega um shot e outro para a Micaela – o que? – eu fico sem intender então a Beka pega da minha mão – você precisa tomar o shot e depois beijar – ela pega o da Micaela e entrega para uma garota aleatória e as duas tomam e depois se beijam Micaela começa a dar risada com a minha cara – a qual é vamos lá – ela e fala quando Beka nos entregas o shots então ela vira e eu viro também – BEIJA BEIJA BEIJA – todos começam a gritar Micaela se aproxima devagar então eu a puxo e a beijo, o gosto dela misturado com do álcool deixa o beijo ainda mais gostoso todos estão gritando e nossas lingas se encontram então eu a puxo para mais perto eu preciso dela mais perto isso está muito bom, mas ela para e me dá um sorriso muito lindo eu dou um sorriso mas logo vacilo droga o que eu fiz eu dou dois passo para traz e saio eu não acredito que eu fiz isso.

 Estou sentado na beira da piscina aqui tem menos gente que la dentro so tem um cara vomitando em uma moita e outro filmando e uma garota praticamente desmaiada na espreguiçadeira e um casal se comendo na outra – achei você – Micaela fala sentando do meu lado ela dá um gole no copo – você está bem? – ela fala me entregando o copo mas eu devolvo – deu de álcool por hoje – eu falo e devolvo o copo – tudo bem, você nunca fez isso? – ela pergunta e eu a encaro – você já traio o seu ex namorado? – eu pergunto e seus ombros caem – não – ela fala olhando para a piscina – mas ei já passo vamos esquecer tudo isso, não aconteceu nada – ela fala se levantando mas se desequilibra e acaba caindo e me levando junto para dentro da piscina – ai meu deus – ela grita e cai na risada que acaba me contagiando e caio na risada também – vamos eu te ajudo – eu falo e ajudo ela sair da piscina – vamos lá acho que Alex deve ter alguma roupa que te serve – ela fala e eu a sigo até a cozinha – ai meu deus o aconteceu com vocês – Alex fala quando nos vê e finalmente larga Aurora – ei você pode nos emprestar alguma roupa? – Micaela pede e ele segura seu rosto – é claro meu docinho – então ele coloca um comprimido na boca dela – se divirtam – ela dá um sorrisinho e engole – só relaxar – Aurora me entrega um comprimido rosa com uma carinha feliz – você também – eu falo mas ela está tão chapada – aproveita – ela fala e Micaela me puxa escada acima, então engulo o comprido não acredito que estou fazendo isso.

Micaela narrando

Chegamos no quarto do Alex – toma coloca isso – eu falo pegando uma causa de moletom e uma camiseta preta e pego uma camiseta para mim então vou até o banheiro e me troco, quando saio Bem está sentado na cama só com a causa eu acho que êxtase já está fazendo efeito – você vai sair assim – ele fala quando chego perto da porta – claro – eu falo e ele se levanta e vem até mim – eu acho que... nós podemos ficar aqui – ele fala me pressionando contra a parede então ele me pega no colo e começamos a nos beijar, mas ele me larga – eu acho melhor para com isso – ele fala e eu o empurro até a cama – agora não – eu falo tirando a camiseta – porra – ela sussurra me olhando de cima a baixo – eu vou me odiar por isso – ele fala e me puxa então pego uma camisinha na cômoda e entrego para ele, enquanto ele coloca a camisinha eu puxo sua causa fazendo a cueca sair junto – garota de atitude – ele fala e eu me sento no seu colo – eu estou no controle – falo descendo e subindo devagar, mas ele pega na minha cintura – sem torturas – e me faz aumentar o ritmo eu já estou ofegante – minha vez – ele me vira e fica por cima começa a penetrar mais rápido, depois de um tempo nessa posição ele me puxa para ficar por cima eu adro isso gosto de ver o rosto deles quando gozam – droga – eu sussurro quarto vem um orgasmo – não para – ele fala apertando minha cintura – aaa porra – ele fala quando goza então eu me jogo do seu lado e nós caímos na risada é o efeito ainda não passou mas ficamos ali olhando para o teto do quarto que está girando até que eu pego no sono.   



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...