1. Spirit Fanfics >
  2. Amor a Vida - imagine Wonho >
  3. Capitulo O18

História Amor a Vida - imagine Wonho - Capítulo 19


Escrita por:


Notas do Autor


sem plágio, não tenho a intenção de ofender nenhum dos idols citados na história.

Capítulo 19 - Capitulo O18


Fanfic / Fanfiction Amor a Vida - imagine Wonho - Capítulo 19 - Capitulo O18

Continuação do capitulo anterior...


2 meses depois...S/n pov.on

Durante esses meses, eu fiquei tão ocupada que esqueci totalmente do meu apartamento, acabei não conseguindo organizar as coisas la. Contei a meus pais sobre meu namoro e parece que eles aprovaram e ate gostaram de Hoseok. Notei também que Bruno mudou bastante, esta mais ganancioso e mais duro com Jisung, isso me preocupa ja que ele é pai, mas não poderia tirar conclusões precipitadas. Hoje eu ja havia voltado para casa mais cedo, estaria em meu quarto apenas secando meu cabelo depois de um belo banho para tirar o cansaço do corpo, vestia uma roupa casual, shorts jeans e uma blusa branca, escovava meus fios enquanto os secava até ver minha mãe adentrar o quarto.

s/m: Filha se arrume que iremos sair, tenho uma surpresa para você

S/n: Ah mãe tem que ser agora?

s/m: Anda logo preguiçosa

Entre risos vejo ela sair do cômodo provavelmente para me esperar, então apenas obedeci e comecei a me arrumar.


[...]


S/n: Eu tenho mesmo que usar essa venda mãe? --pergunto com minha visão totalmente tapada pelo tecido enquanto Shownu dirigia ( ele era o motorista de meus pais ).

s/m: Tem sim, se não seria surpresa

S/n: Aigoo eu não aceito

s/m: Shhh não estraga

Fiz um bico em reprovação e logo sinto que o carro havia parado, minha mãe me guiava para caminhar ja que eu não poderia ver, não pude distinguir exatamente aonde estavamos indo ja que parecia que dávamos apenas voltas, ate que minha mãe me para e tira minha venda me fazendo voltar a enxergar, e pude ver que estavamos em meu apartamento, mas algo estava diferente. Como eu estava parada na entrada andei mais um pouco ate chegar na sala, esta que estava arrumada e mobilada. Onde antes era apenas um chão cinzento claro, agora possuia um sofá grande preto, as paredes vazias agora possuiam quadros de meu artista favorito, e uma televisão em frente ao sofá, olhei minha mãe sorrindo vendo que a mesma também sorria e fui em direção as escadas subindo para o segundo andar, os quartos todos mobilados, cada um com um estilo diferente, mas o meu tinha uma pequena placa de identificação na porta, então apenas adentrei o cômodo o olhando detalhadamente. A cama de casal, ja que eu tinha o costume de ser espaçosa, com uma coberta grande cinza escuro, os travesseiros e almofadas alinhados, uma cômoda ao lado da minha cama de cor branca, e um closet médio que ja possuia minhas peças de roupa e calçados. Voltei para o andar de baixo e a abracei fortemente sendo retribuida na mesma hora.

S/n: Arrumou o meu apartamento para mim?

s/m: Você esteve tão ocupada ultimamente, queria lhe ajudar, agora que estamos nos dando bem

S/n: Oh mãe...muito obrigada! Eu amei, esta do jeito que eu gosto!

A vejo estender a chave do apartamento em minha direção, então a pego em mãos.

s/m: Fico feliz que tenha gostado minha filha, agora ja pode se mudar definitivamente

S/n: Realmente, hoje tenho que me arrumar que vou a um compromisso

s/m: E qual seria?


Wonho pov.on

Hoje era aniversário de Chaeyoung, eu e meus irmãos arrumamos a casa ja que eu havia deixado ir para uma casa de uma amiguinha depois da escola, e a noite seria a festa. Eu havia convidado S/n, que obviamente aceitou o convite. O tempo que passamos juntos me mostrou o quanto ela se dava bem com minha filha, o que era muito bom. Ja com a casa arrumada, apenas esperamos dar o horário dela chegar, Jieun ja estava aqui, S/n me mandou uma mensagem dizendo que teria que chegar depois. Quando Chaeyoung chegou começamos a festa, iria ser na minha casa mesmo em vez de alugar um local para fazer, seria ali, família e amigos apenas. Não demorou para chegar na hora do parabéns, talvez fosse loucura mas enquanto cantávamos, parecia que Jieun estava se esfregando em mim, ja que eu sentia seu corpo muito próximo ao meu, não queria pensar nisso por sermos amigos mas era meio difícil, então apenas me afastava e evitava. Na hora dos presentes S/n chegou, e a pequena menina ao vê-la se animou mais ainda e a abraçou forte, aquela cena parecia como se fossem mãe e filha. Fui ate a menor e lhe dei um selinho a abraçando também.

Hoseok: Ja estava ficando preocupado por que não chegava

S/n: Não poderia deixar de vir ver minha "filha"

Diz entre aspas e rimos juntos, logo a mesma se aproximou da garotinha para entregar seu presente, olhei Jieun e parecia que ela olhava S/n com certo ódio nos olhos, suspirei ignorando e me aproximei de minha namorada e filha que estavam abraçadas no chão.

S/n: Espero que você goste Chae --diz entregando uma caixa para a menor que pegou ansiosa, olhei mais de perto e pude ver que na tampa tinha...furos?

Chaeyoung: Obrigada S/n --responde beijando delicadamente o rosto da mais velha, aquela cena deixou meu coração aquecido só de ver as duas se dando bem

Logo a menina abre a caixa e todos tomamos um susto pois um pequeno serzinho pulou de dentro ja começando a cheirar todos presentes.

Chaeyoung: Um filhote! --exclama abraçando novamente a garota dessa vez fortemente-- Obrigada S/n, esse foi o melhor presente de todos

S/n: Não tem que agradecer meu amor, o dia é seu e você merece


[...]


A festa ja havia acabado e todos haviam ido embora para suas devidas casas, Chaeyoung dormia em seu quarto com o filhote em sua cama, a menor abraçava o pequeno animal e achei fofo pela mesma amar tanto tal espécie. Eu e S/n ficamos na sala trocando carícias, mas ate me lembrar de uma coisa fiquei sério, e não demorou para a mulher ao meu lado perceber.

S/n: Você esta bem? Está sério...

Hoseok: Jieun ficou estranha hoje...

S/n: Como assim?

Hoseok: Na hora do parabéns ela parecia que se esfregava em mim, mas eu fiquei me afastando. E quando você chegou parecia que ela te olhava com certa raiva, principalmente depois que você deu o presente da Chae

S/n: Inveja ou... --para de falar e começa a olhar para o nada

Hoseok: Ou...? --pergunto a incentivando a falar

S/n: Eu acho que ela gosta de você Hoseok...
















jieun ainda vai aprontar muito nesse imaginekkkk se preparem


Notas Finais


Foi isso amores, espero que tenham gostado e obrigada por lerem ate aqui, ate amanhã!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...