1. Spirit Fanfics >
  2. Amor ao Lado- Kim Namjoon >
  3. Primeira noite juntos

História Amor ao Lado- Kim Namjoon - Capítulo 8


Escrita por:


Capítulo 8 - Primeira noite juntos


Fanfic / Fanfiction Amor ao Lado- Kim Namjoon - Capítulo 8 - Primeira noite juntos

SN on-

A noite com Namjoon lá no bar foi horrível, queria ter o poder de apagá-la da sua mente.

- Boa noite.

Me viro para ir embora mas sinto as mãos de Namjoon me agarrarem, nossos corpos se colam e ele abraça minha cintura.

N- Passa a noite comigo...

Namjoon beijava meu pescoço. Eu já sentia sua ereção em minha bunda, suas mãos apertavam minha cintura e sua respiração ofegante contra o meu pescoço.

- Nam...

Minha voz sai como um gemido. Sinto ele colar ainda mais nossos corpos.

- Vamos entrar logo, hm?

Ele apenas abre a porta e me puxa para dentro. Namjoon ataca meus lábios com rapidez e velocidade, suas mãos percorrem meu corpo e o aperta. Nam me suspende e minhas pernas altomaticamente agarram sua cintura. As mãos fortes do moreno vão em minha bunda a apertando.

N- Vamos para o meu quarto?

Ele diz entre o beijo já subindo as escadas. Eu apenas confirmo com a cabeça sem desgrudar nossos lábios.

Ao entrar no quarto sou arremessada na cama, Namjoon rapidamente vem até mim e arranca meu vestido fora. Olho para seu rosto, o mesmo estava com o polegar nos lábios e seu olhar percorria meu corpo. Apenas vejo o moreno levantar uma das sobrancelhas e logo em seguida tirar suas roupas.

*Ah minha Deusa, como esse homem é maravilhoso.*

Meus pensamentos afloram e eu sinto minha calcinha cada vez mais úmida. Namjoon fica apenas de box na minha frente, seu volume marcava bem no tecido da cueca, seu corpo moreno e malhado me davam água na boca. Apenas ouço uma risada rouca e num piscar de olhos ele já estava em cima de mim. Suas mãos ágeis vão até o feicho do meu sutiã o abrindo e deixando meus seios de fora. Por impulso minhas mãos os cobrem. Namjoon me olha e passa a mão suavemente em meu rosto.

N- Ah baby, não tenha vergonha de se mostrar... você é maravilhosa...mas se você se sentir mais confortável eu posso apagar a luz.

Namjoon fala suave, sua voz soa tão doce e carinhosa. O mesmo da sinal de que ia levantar da cama mas eu o puxo de volta.

- Eu quero que você me veja...quero ver seu rosto de satisfação.

Minha mão que estava no rosto de Namjoon é mordida levemente pelo garoto. Ele se deita ao meu lado e faz menção ao seu colo. Eu rapidamente sento no colo do moreno e me curvo para beija-lo...o beijo...era viciante, doce e quente...eu apenas o desejava ainda mais. Eu o queria, queria ele dentro de mim em todas as posições possíveis. 

Namjoon aperta a minha bunda e puxa minha calcinha.

N- Vamos tirar isso...

Ele me ergue e eu tiro minha calcinha sentando novamente em seu colo. 

N- Apoia seu corpo para trás, quero te ver.

Eu obedeço e apoio minhas mãos em suas pernas inclinando meu corpo para trás dando a ele a mais perfeita visão da minha intimidade.

N- Ah, como você é linda baby.

Namjoon passava os dedos por toda a região, ele brincava com meu clitóris e com a entrada da minha vagina. Eu apenas o queria dentro de mim, essa brincadeira estava me matando aos poucos e eu já estava mais que molhada, eu sentia pingar , o barulho misturado com os gemidos e arfados de Namjoon estavam me levando a loucura.

- Não brinque comigo assim...por...por favor.

Namjoon para e me olha, ele leva seus dedos até a boca e os chupa. O rosto do rapaz era de completo deleite. 

N- Uma delícia...

Ele morde os lábios e troca as posições.

Namjoon tira rapidamente a sua cueca e se posiciona entre as minhas pernas, ele me olha como se pedisse permissão.

- Faça logo, Nam, eu preciso de você.

Eu me agarrava a Namjoon, minhas unhas ficavam em sua pele e minha boca ia diretamente na dele. Namjoon me penetra calmamente, e ao colocar tudo ele arfa. Seus movimentos eram vagaroso ,sua boca ia em meus seios e voltava para meu pescoço e boca. Nossos gemidos podiam ser ouvidos por toda a casa, o quarto parecia mais quente. Namjoon gemia a cada estocada, ele intercalava no lento e gostoso para o rápido e delirante. Em todos os momentos atingia certamente meu ponto g. Eu já não tinha mais pudor algum, gemia seu nome, pedia por mais, arranhava suas costas e mordia seus ombros.

Namjoon se ergue e põe minhas pernas em seus ombros, ele me penetrava lentamente enquanto brincava com meu clitóris. Seu rosto mostrava um rapaz totalmente diferente do qual eu conhecia. Namjoon era calado e tímido, mas aqui...ele é a personificação de luxúria. Seus cabelos grudavam na testa, seu corpo levemente suado, as caras de prazer e gemidos sem pudor o faziam um Deus grego. 

Com mais algumas estocadas sinto meu interior se contrair e uma onda de prazer pergorrer minha espinha, curvo a coluna e meu gemido sai quase como um grito. Eu estava gozando com aquele homem maravilhoso dentro de mim.

Namjoon para por um momento esperando eu retomar meu fôlego e consciência do que estava acontecendo.

Vejo Namjoon tirar seu membro de dentro de mim, ele ainda estava duro, seu rosto vermelho e boca entreaberta me indicava o que ele queria que eu fizesse. Deito Namjoon na cama e dou selares por seu corpo. O moreno se arrepiava e gemia conforme eu ia descendo. Namjoon se estica até a mesinha ao lado da cama e pega uma camisinha na gaveta. 

Após colocar eu me ajeito no colo de Namjoon o encaixando sem medo. Meu quadril se mexe para frente e para trás. Vejo Namjoon passar a mão nos cabelos sorrindo para mim. As bochechas vermelhas e as passadas de língua nos lábios me deixavam tentada.

- Como quer que eu faça isso?

Ele segura a minha cintura e chega perto do meu ouvido.

N- Rápido ,baby.

Não consigo conter o gemido ao sentir Namjoon se mexer e seu membro roçar na minha área mais sensível. Eu me apoio em seus ombros e impusiono o corpo para cima e para baixo em movimentos lentos.

N- Ra-Rapido baby...

O moreno apertava ainda mais o meu quadril. Suas mãos vão até a minha bunda e a aperta. Meu corpo subia e descia rápido, nossos gemidos se tornam mais altos. Namjoon parecia ficar cada vez maior dentro de mim. Suas mãos seguram a minha nuca e sua boca intercala entre os meus seios. Entre reboladas e quicadas eu já estava chegando ao meu limite de novo. Sou surpreendida por Namjoon me jogando na cama e me pondo de quatro. Ele guia o meu corpo para ficar bem empinado. Viro meu rosto levemente para trás e o vejo babar observando minha intimidade molhada. Namjoon me penetra rapidamente e suas estocadas eram rápidas e fortes. Ele agarrava fortemente a minha bunda dando tapas na mesma. Seus gemidos iam de "ah baby" para "Gostosa do caralho". *Esse homem vai me fazer enlouquecer.* Namjoon finalmente acha meu ponto G novamente , ouço seu sorriso perverso e satisfatório com o achado. Namjoon faz questão de apenas acertar o meu ponto. Minhas mãos agarram os lençóis e travesseiros, meus gemidos aumentavam a cada estocada. Após algum tempo eu sinto novamente meu corpo se contrair. Tento controlar o gemido colocando meu rosto contra o travesseiro mas sinto Namjoon puxar os meus cabelos e fazendo minha cabeça se erguer.

N- Quero te ouvir gozando meu amor.

Sua voz saí rouca e predominante. Namjoon continua estocando e eu sinto escorrer entre as minhas pernas. Namjoon aumenta a velocidade e eu sinto que vou gozar novamente...As mãos de Namjoon se apertam a meu quadril, nossos corpos se chocavam ferozmente. E após um longo e rouco gemido arrastado nós dois gozamos. Meu corpo cai sobre a cama e eu fecho meus olhos respirando fundo. Namjoon se deita ao meu lado ofegante ,mas com um grande sorriso em seu rosto.

- Você gostou?

Pergunto e o mesmo me encara sério. Namjoon me puxa e cola nossos corpo. Ele me beija apaixonadamente. Nossos rostos se afastam por falta de ar.

N- Eu amei baby...




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...