História Amor apois ciclos genocidios e pacifistas (frans) - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Frisk, Grillby, Mettaton, Muffet, Papyrus, Personagens Originais, Sans, Toriel, Undyne, W. D. Gaster
Tags Frans
Visualizações 58
Palavras 477
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 15 - Uma conversa amigavel


P.O.V autor


... Sans tu sabe bem minha resposta eu nao tenho bastante coragem pra falar isto -frisk fala com um olhar um pouco triste-

Oh tendi, entao que tal EU falar sobre os resets pra eles ai tu nao teria que ter medo afinal seria eu que ia fal- -sans e interrompido pela frisk-

Nao! Eu nao tenho coragem o bastante pra falar sobre isto eu nao sei como eles vao reagir se vai ser ruim ou bom, mas por favor sans agora nao pois eu nao tou pronta -frisk fala- e me responda estas duas peguntas sans por que tu me peguntou sobre estes caras?, e tu confiar em mim? Ou tu ainda me odeia de um certo modo? -frisk pegunta com grande duvidas-

Heh este assunto sobre estes caras nao e da sua conta kiddo  voce sabe bem disso isto e algo particular sobre a minha vida -sans fala aumentando um pouco o sorriso-

E o papyrus sabe disso?!, e voce ainda nao me respondeu voce confiar mesmo em mim? Eu tou 100% perdoada? -frisk fala um pouco irritada-

O papyrus nao tem nada aver com este assunto… e sobre as tuas duas outras peguntas frisk frisk frisk confiar em tu e complicado afinal so faz alguns dias que se reconciliamos digamos assim e olhe la na festa eu mesmo disse que ia tentar te perdoar e nao que tu tava 100% perdoada, como posso dizer agora nos conversa normal como gente e sem "brigas" mas isto nao quer dizer que eu te perdoei por completo esta bem longe disto certamente meus OSSOS ficariam muito cansados brigando sempre com tu  em sim eu tenho meu motivo pra te perdoar e como uma... Hmmmm... Uma recompensa por tu ter parado os genocidios mas algum dia eu te perdou -sans termina de falar respirando um pouco e frisk fica um pouco triste em ouvir isto-

Mas dar pra me responde sans o por que tu queria que eu falasse daqueles caras? -frisk pegunta-

Simples coisas do meu passado que eu relembrei recentemente como alguns trabalhos que eu fazia de cientista real -sans fala dando uma risada- fazendo maquinas exemplo e o core e me relembrei de uma pessoa que morreu e ninguem se lembra dele, e esta pessoa e algo particular sobre mim que nao pretendo falar sobre ele, e so uma coisa ouse falar pro papyrus sobre isto ou pro outros que voce sabe bem o que acontece -sans fala deixando frisk um pouco assustada e bem supresa com o que ouviu-

Ok... -frisk com uma expressao um pouco triste- 

E frisk tenho uma duvida que sempre tive sobre tu -sans fala coçando a nuca- onde estao seus pais humanos? eles estao vivos? Se sim por que tu nunca disse nada deles desde todos os resets?

Ai -frisk fala dando um suspiro- ta isto vou te contar como forma de agradecimento bom vamos pro começo.



Continua



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...