1. Spirit Fanfics >
  2. Amor Arrebatador >
  3. Primeiro Dia na Nova Escola!!

História Amor Arrebatador - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Reescrevendo a história :). Espero que gostem dessa nova versão.

OBS: Serão os mesmos personagens.

Capítulo 1 - Primeiro Dia na Nova Escola!!


Rio de Janeiro, 15 de novembro de 2018.

POV Paulo César

Olá, acordei agora e, são exatamente 6h50 da manhã. Me chamo Paulo César Barros, tenho 18 anos, possuo cabelos loiros, olhos azuis, pele branca e 1,87 cm, possuo também um abdômen bem definido, em relação há alguns anos atrás (risos). Hoje é o meu primeiro dia de aula na nova escola e no meu último ano, graças a Deus, não aguentava mais ficar na escola(risos). Após eu tomar banho, eu desço e vejo meus pais olhando na minha direção e dizendo:

- Bom dia, filho. Ansioso para o seu primeiro dia de aula? - Pergunta minha mãe.

- Bom dia, mãe. Eu não estou gostando nada dessa ideia de ir para o colégio! Estou revoltado. - Digo, arqueando as sobrancelhas. 

- Pô, filhote, já fui como você também. Mas, temos que estudar para ser alguém na vida e espero que você se torne um dos melhores alunos da sua turma. - Meu pai, diz sorrindo.

Alguns minutos depois, escovo meus dentes e vou para o colégio. Ao chegar lá, eu vejo de longe, um menino muito bonito e tenho a impressão inicial que seremos grandes amigos, porém, ele não me olhava de um jeito amigável e, sim de um jeito agressivo. Bom, já na sala de aula, a professora diz que como era o primeiro dia de aula, poderíamos desenhar ou fazer algo de legal. Com isso, começo a desenhar e colorir ele e o meu colega, que estava do meu lado, fala:

- Pô, mano você desenha muito bem - Diz ele, impressionado. 

- Ah, valeu mn! - Digo agradecido.

- Ah, me desculpe, nem me apresentei direito. Meu nome é Henrique Freitas e você? - Diz o Henrique todo feliz e admirado pela minha beleza também. 

- Meu nome é Paulo César Barros, prazer em conhecê-lo. - Digo pra ele e eu não podia imaginar que era o mesmo garoto que eu tinha visto, alguns minutos antes. 

- O Prazer é todo meu, Paulo. - Diz ele feliz em me conhecer.

Após isso, a professora Ana Beatriz passa um trabalho de história sobre a Segunda Guerra Mundial, individualmente. 

- Olá alunos, hoje é o nosso primeiro dia de aula e quero que vocês façam um trabalho sobre as causas, as consequências e quais foram os países que perderam a guerra, ok turma?

- OK PROFESSORA - Diz toda a turma.

POV Henrique Freitas

Hoje, eu acordei no mesmo horário de sempre, às 5h15, para me arrumar, tomar meu café e encontrar com os meus amigos da escola. Sou muito vaidoso, tenho cabelos pretos, olhos azuis, pele parda e 1,88 de altura e tenho um abdômen bem definido e, por isso, chamo atenção das meninas no colégio, onde estudo desde que fiz dois anos. Enfim, ao terminar o meu café, leio o recado dos meus pais que dizia: Oi filho, estamos com problemas na empresa, precisamos chegar mais cedo e não temos previsão de que horas iremos chegar, você pode ir na casa de um amigo, se você quiser, mas vá para casa, antes das 22h. Aí, eu fico pensando: Mas que diabos, eu vou fazer na casa de um amigo até +/- 22h? Após isso, eu vou para a escola e ao chegar lá, avisto um novo menino que era o Paulo César, que parecia ser o aluno novo que tanto falavam nesses últimos dias. Alguns minutos depois, eu e ele sentamos juntos e começo a admirar o desenho que ele faz. E ele devolve o sorriso e agradece. Porém, nós só conversamos mesmo no intervalo:

- Então Paulo, o que você veio fazer aqui no RJ? - Digo querendo saber mais dele.

- Bom, eu me mudei por dificuldades financeiras e o meu tio paterno sofreu um acidente de moto e faleceu, então decidimos vim para cá. - Ele diz, com a voz meio embargada, pois ainda sentia a morte do tio, que era um dos melhores amigos e tios dele.

- Puxa, mano me desculpe pela petulância que cometi, não sabia... - Digo envergonhado.

- Nada, imagina irmão. - Ele diz sendo compreensivo.

Bom, depois da escola, nós ficamos conversando e indo para casa e descubro que ele mora na casa atrás da minha e nos despedimos:

- Foi um prazer conhecê-lo! - Digo feliz e surpreso com ele morando tão perto da minha casa.

- O prazer foi meu, Rick - Ele diz, piscando para mim.

Damos um aperto de mãos e cada um vai para a sua casa. Chego em casa, porém, não tenho nada pra fazer, então o jeito era tomar um banho e combinar com alguns amigos meus de sair para um shopping e assistir um filme, porém, ninguém responde. Após tomar banho, eu recebo uma mensagem:

WhatsApp Online 

Paulo - Olá, boa tarde, vamos conversar mais?

Henrique - Boa tarde, Paulo, eu estava querendo mesmo conversar contigo! Estou pensando em ir no Shopping, quer ir junto comigo?

Paulo - Quando? Pode ser na próxima semana, pois hoje, estou muito ocupado, mas não é sobre isso que quero conversar, é sobre o trabalho para entregar na próxima semana, será que podemos fazer juntos? Tipo, dá uma ajuda?

Henrique - Claro irmão. Me espere aí, daqui a pouco estou aí.

Paulo - Ok.

Continua...

 


Notas Finais


Esse foi o primeiro capítulo dessa nova história, agora mais real e com um teor mais leve. Nos próximos capítulos, com o decorrer da fanfic, vamos ver o que esses dois amigos irão causar. Vai pegar fogo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...