História Amor de Gamers - Amor Doce Armin. - Capítulo 20


Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Agatha, Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Dajan, Dakota, Debrah, Iris, Kentin, Leigh, Lynn, Lysandre, Melody, Nathaniel, Peggy, Personagens Originais, Priya, Professor Faraize, Rosalya, Violette
Visualizações 188
Palavras 2.353
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Ecchi, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 20 - Céu cinza.


Fanfic / Fanfiction Amor de Gamers - Amor Doce Armin. - Capítulo 20 - Céu cinza.

 Nem espero meu despertador tocar, me levanto da cama e começo a arrumar as minhas coisas pro abençoado acampamento, separei as minhas peças de roupa e fui me arrumar, ouço alguém bater na porta.

Cauã: Arrumando as malas á essa hora da manhã? Por acaso eu morri e  não soube?!- O Cauã estava encostado na lateral da porta.

- Engraçadão você.- Começo a pentear os meus cabelos, sinto uma mão passar delicadamente numa mecha.

Caua: Seu cabelo cresceu muito rápido!- Ele pega a escova da minha mão e começa a me pentear.

- Obrigado escravo!- Eu rio e sinto um puxão na minha cabeça. - Aí! Era brincadeira!!!

Cauã: Ups. - Ele faz coque alto, deixando apenas duas mechas na parte da frente.

- Obrigada Onee-chan.- Lhe dou um beijo na bochecha a desço com a minha mochila nas costas, abraço a Lola.

Lola: Parece que alguém está animada!

- Óbvio! Acampamento Lola!!!- Ela fica pensativa e olha pra janela.

Lola: Sei não hein menina! Meu cotovelo estava rangendo, vem chuva por aí!- Olho pra janela.

- Impossível!! Olha o tamanho daquele sol! E o céu está limpo!- Pego vários pacotes de bala e salgadinhos. 

Gabi: Se eu fosse você, não duvidava da Lola! Um dia eu fui na praia com as minhas amigas e ela disse a mesa coisa, eu achei ela maluca, depois quando nós já estávamos no mar o mundo caiu!

Miguel: Pior que é verdade véi! Um dia eu fui andar de skate com os parças e ela disse pra eu usar capacete, por que o mindinho dela estava estranho, eu a ignorei e assim que eu fui dar a manobra, PAH!!! Direto no chão. - Cruzo os braços e reviro os olhos.

- Vocês estão é querendo jogar praga na minha viagem! Sai fora praga! - Eles dão de ombros. 

Gabi: Ela que quer arriscar!

Miguel: Depois me fale como foi o acampamento confinada numa barraca.

- Nossa, vocês são chatos mesmo!- Me despeço de todos e vou andando até a escola. Assim que chego, vejo três ônibus estacionados e todas as turmas no portão, os meus colegas estavam no meio daqueles aglomerado de gente, agora era só encontrar, me aperto naquela multidão e acabo esbarrando em alguém. 

Cast: Qual foi mano? Ah...Bia.

- Também estou feliz em te ver tomatão. Você já encontro alguém?

Cast: Pior Que não, já esbarram mais de mil vezes em mim.- Tinha um cara apertando o Castiel, ele simplesmente o empurrou com todas as suas forças, fazendo um monte de gente cair e possibilitando a gente de ver o nosso grupo, peço desculpas pra pessoas e vou até o pessoal.

Rosa: Biiiaaa!!- Ela e o Alexy pulam em cima de mim, assim que sai do abraço sorrio pro Armin que dá outro em troca. 

Alexy: Eu vou com a Bia no ônibus!!!- O Alexy agarra o meu braço. 

Armin: Sai fora! Eu é que vou com ela. - O Armin retira o Alexy de perto de mim e segura a minha mão. 

Alexy: Irmão, você é muito chato!

Rosa: Então eu vou com a Manu!

Manu: Fechou! É nóis!- As duas batem as mãos e riem .

Ken: Vamos Violet?-Ela cora brutalmente mas logo aceita. 

- E você Cast?- Ele dá de ombros.

Rosa: Tem o Nath!- Nesse mesmo momento o Nathaniel e o Castiel se metralham com o olhar.

Nath: Sinto lhe informar, mas eu me recuso a ir com essa escória. 

Cast: Ahn?!?- O Castiel pega a gola da blusa do Nath. - Repete na minha cara seu burguesinho de merda.

- Ok ok!- Me meto no meio, fazendo o Castiel soltar o Nath, olho pros lados e vejo que a Melodi não parava de olhar pro Nath, pego a mão dela e a levo pra perto do Nath.

- Pronto! Nath e Melodi, e Castiel e Pryia!- O Nataniel me olha como se não gostasse da decisão, mas ele não recusou. 

Prof: Todos pro ônibus!!!!- Todos correm pros ônibus que nem doidos, os professores enlouquecem, nós corremos pro terceiro ônibus e conseguimos sentarperto um do outro, menos o Castiel e a Pryia, que ficaram lá atrás no fundão. 

Armin: Acho que perdi um dente.

Rosa: É só um dente! Isso é porque ninguém puxou o seu cabelo!

Alexy: Estão reclamando de quê!?! Vocês não receberam uma cotovelada no estômago!

Manu: Fiquem quietos que um filho da puta me deu um tapa daqueles bem no meio da minha cara!!- Eu não paro de rir, no meio da correria, alguém deu uma cotovelada na boca do Armin, outro puxou o cabelo da Rosa, deram uma cotovelada  barriga do Alexy e bateram na Manu bem no rosto. 

Ken: Eu tô de boas!

Alexy: Claro! Você é forte e foi estudar numa escola militar! O mínimo que você deveria fazer é ficar sem um arranhão! Acho que foi tu que me deu a cotovelada.- Sério! Eu tô passando mal.

- Ok...ok...tempo!- Respiro fundo e me abano com a mão. - Cara vocês são os melhores. 

Cast: Vocês só sabem reclamar!- O Castiel grita lá de trás, ouço a Pryia rir.

Alexy: Eu aprovo o casal!

Cast: Vai tomar no c#! Viado!( autora: Opa! Deixando bem calro que eles não vão ficar juntos! Ok. Beijos e aproveitem!)- Nós rimos e finalmente o ônibus deu partida, divido meu fone com o Armin e deito a minha cabeça no seu ombro.

Rosa: Oito horas nesse ônibus! Que beleza! Podemos fazer várias coisas pra passar o tempo, que "cê" acha Bia?- Ela vira pra trás, já que ela sentou na minha frente. 

- Não sei vocês, mas eu vou comer minhas balas!- Abro um pacote de fini. 

Rosa: Não vai compartilhar com os amiguinhos não!?

- Bem lembrado! Toma Armin. - Ela fica com uma cara de indignação eu rio e estendo o pacote pra ela.- Toma boba.

Alexy: Cahm cahem! Eu troco dois chicletes por duas balas!

- Foi ótimo negociar com o senhor. - Devoramos quase toda a nossa comida, depois eu fechei meus olhos e encostei novamente minha cabeça no ombro do Armin.

Rosa: Gente!!! Olha as minhas amigas do Instagram!!- Eu olho pra janela e vejo que era um campo verde cheio de vacas, todo mundo começa a rir. 

- Já encontram a Laila?!

Armin: Achei você ia falar da Ambre.

- Quando a gente passar pelo rio, talvez a gente encontre o cardume de piranhas da Ambre e, a própria. - Ouço a Pryia e o Castiel rirem lá nos fundos.

- Desculpa aí, Nath.- Ele dá um sorriso e balança a cabeça. Depois de um tempo todos ficam em silêncio, desbloqueio o meu celular. 

- Bora tirar uma foto!- O encosto a minha bochecha com a do Armin, quando eu ia tirar a foto, o ônibus da uma curva, fazendo uma foto virar um beijo, eu e o Armin rimos, coloco as minhas mãos na lateral do seu rosto e faço com que os nossos lábios se encotrem, ele coloca as suas mãos na minha cintura. 

Click  ◇•°•°•◇°•°**

Nos separamos e vimos a Rosa e a Manu com seus celulares na mão. 

Rosa: Poxa Manuela! Você tinha que fazer barulho!?

Manu: Heheh erros técnicos! Mas deixa eu ver a sua foto!- Elas mostram as fotos umas pras outras, eu coro e e levanto, tentando pegar os celulares da suas mãos, mas acabo perdendo o equilíbrio e caíndo no colo do Armin , meu rosto estava que nem um pimentão e o dele não estava diferente. 

Click

Rosa: Manuela Santana Machado!! Eu vou quebrar esse celular menina!!!!

Manu: Eu não sei tirar essa merda desse som!- Assim que elas abriam uma brecha eu pego os celulares das duas, deleto as fotos e vejo uma coisa que me deixa de boca aberta, leio rapidamente a conversa, meu irmão, Miguel, tem conversado com a Manuela!!!!!

Manu: Que que você tá fazendo criatura?!? Me devolve essa bagaça!!- Ela tenta pegar, mas eu não deixo.

- Que que isso!!! "Como foi o teste?! Manu?" "Ah foi bom! Sabe como é, né, gato! Kkk" Manuela sua safada!!!- Ela consegue pegar, seu rosto estava vermelho. - Oi cunhada! 

Manu: Vai te catar Beatriz!! São só apelidos de amigos

Rosa: Discordo!! Apelidos são como eu chamo o Lys de Lys-fofo; os gêmeos que chama o Kentin de Kentinho;que nem o Castiel que é chamado de Cassy por Valéria eCass por Yeleen e também tem...

Manu: Tá tá! Já entendi! Mas esse é o nosso apelido! Okay?!

- Tábom esquentadinha.

Armin: Falando de apelidos, e do Kentin, você percebeu que ele evoluiu que nem um Pokémon?

Ken: Esse assunto de novo não!- Eles começaram a conversar embora Kentin às vezes reivindica encontrar ambos os gêmeos, alegando que são irritantes, ele nunca faz um movimento para se afastar deles o que eu aprecio na amizade deles. 

A viajem toda se resumiu em risadas, insultos carinhosos, (digamos assim), ouço um belo barulho de cascalhos quebrando, anunciando que tínhamos acabado de chegar, desço do ônibus e vejo um lindo acampamento rodeado por árvores verdes de todos diferentes tons de verde (imagem do capítulo), até ser estragado por um lixo.

Ambre: Olha só quem está aqui! A cachorrinha!

Nath: Ambre já chega! Não irei repitir o que eu disse.- Ela se cala e estala a língua, da meia volta andando com o seu rebolado totalmente forçado.

Rosa: Assim que ela pisou aqui, todos os animais da floresta morreram com o cheiro de seu perfume.

Alexy: Acho que só de ouvir o ônibus dela chegando, eles já correram pras montanhas.- Começamos a rir.

Prof: Ok ok pessoal! Todos os meninos vão para as cabanas da área oeste e todas as menina vão para as cabanas da área leste . - Eu, Rosa, Manu, Violet e Pryia fomos para área leste e assim esperamos a professora nos separar nas  cabanas, ela começou a fazer os grupos só ouvi os nomes: Rosa, Pryia, Violet e Manu na cabana 17. Eu olho pra elas triste. 

Rosa: Ah não! Professora! Por favor!!- Elas tentaram convencer a professora de me colocar no grupo mas falharam, até que eu ouvi: Íris, Beatriz, Ambre e Laila. "Melhor impossível!!!"

Pryia: Boa sorte tenente!- Olhos pras duas e vejo que os caras estavam com muita dificuldade de colocar as malas delas na cabana, correção! A casa! Delas. 

Prof: Podem ir pras  suas cabanas descansarem, por que amanhã faremos uma caminhada na floresta.- Essa talvez seja a pior semana do mundo!

Pov's Armin

As meninas foram pra área leste, enquanto nós fomos pra Oeste, fomos até lá e assim que chegamos nos apoiamos no muro, jogamos nossas mochilas no chão. 

Nath: Meu deus! Que desleixados! Sejam mais cuidadoso com as suas coisas!- Só pra provocar o Castiel olha nos olhos do Nath e chuta sua mochila que estava no banco, o Nathaniel cerra os punhos e respira fundo  intenção de se controlar. O professor começou a separar os grupos: Kentin, Armin, Nathaniel e Castiel. 

Cast: Nem fudendo.- Ele colocou as mãos nos bolsos.

Prof: Lamento pelas coisas não serem do seu modo, rei do mundo! É isso, ou tu vai dormir aqui fora!- Castiel franze a testa e quando chega na cabana chuta a porta.

Ken: Pelo menos fiquei com gente maneira.

Alexy: A cama de cima é minha!!- O Alexy ia pular na cama de cima, mas eu agarro sua blusa por trás, fazendo ele cair de bunda no chão, subo rápido e me aconchego. 

- Perdeu, campeão. - Ele se levanta e começa  a bater no meu braço. 

Alexy: Seu chato.

Cast: Irei dormir na cama de cima e ponto, entendeu? Burguês?!

Nath: Contanto que você não ronque nos meus ouvidos que nem um porco, por mim tudo ótimo!- O Castiel já havia subido a escada, mas ao ouvir o desaforo do Nath ele pula da cama de cima e empurra o Nath, fazendo ele bater no Kentin.

Ken: Qual é mano! Bora parar com essa merda! Todo santo dia é uma briga diferente!- O Castiel rosna e vai pra cama, Nathaniel suspira e deita também, olho pro Kentin aliviado. 

- Graças a deus. 

Pov's Bia

- Não Ambre!! A Laia é em cima e você embaixo!!! Ponto! Sem discussão!!- Ela bufa e revira os olhos. 

Ambre: Tá legal! Que seja!!! Mas a minha penteadeira vai ficar do lado da minha cama!

- Contanto que você cale a sua boca, você pode colocar essa penteadeira até no seu c#!!- Ela avança e fica bem na minha frente me encarando.

Íris: Calma meninas! Não precisam brigar!- Subo as escadas do beliche e me deito, ligo o meu celular e tento ligar pros meus irmãos, mas está sem sinal, viro de bruços na cama. 

- Que saco!! Sem sinal!

Ambre: Vamos ver se agora ela vê que mora na terra. 

Laila:Heheh e vê se ela dá de cara logo com um espelho pra poder se arrumar melhor. - Saio da cabana pra tomar um ar fresco, dou uns cinco passos e sinto gotas de água caírem em cima da minha cabeça, olho pro céu e corro pra cabana, fecho a porta brutalmente .

Ambre: O que aconteceu?! Se assustou ao olhar no espelho?

- Não. Tinha uma foto sua lá na estrada. - Passei por ela e me sentei no parapeito da janela, abraço meus joelhos. 

- Me lembre de nunca mais duvidar da Lola. 

(...)

Eu estava dormindo de boas, até ser acordada por um travão extremamente alto, ouço gritos e sinto dois seres subindo em cima de mim, tento ligar o abajur, mas não funcionava. 

- *sussurro* Que que vocês estão fazendo na minha cama!!! E me soltem!!

Ambre: *sussurro* N-não é nada! É que você parecia estar com medo, então viemos aqui.- Por breves segundos a cabana ficou branca, mas depois a escuridão se fez presente novamente, outro raio, a Laila e a Ambre se agarram em mim, sinto as duas tremendo, confiro  a Íris e ela estava de boas, diferente dessas duas medrosas.

- *sussurro* da pra as duas fofas se dirigirem para suas devidas camas?!?- Elas se entre olharam e um pouco hesitante as duas me soltam, e ficam na mesma cama, outro trovão e outro berro, reviro meus olhos e lhes empresto meus fones de ouvido e coloco uma música calma pra elas tentarem colocar a sanidade em ordem.

Vocês devem estar me odiando por estar ajudando essas duas vacas, mas pensem comigo! Se eu não fizesse nada, elas iriam continuando a gritar, mais alto que o barulho do trovão, então colcoque as vacas pra dormir, que elas param de mugir! Simples!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...