História Amor de infância ou paixão adolescente - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias A Seleção
Personagens America Singer, Aspen Leger, Carter Woodwork, Celeste Newsome, Lucy, Marlee Tames, Maxon Calix Schreave, May Singer
Visualizações 91
Palavras 605
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi amores, mais um pedacinho, pedacinho mesmo, muita correria ainda estou devendo um capítulo de mil palavras.

Capítulo 16 - Segredos


Fanfic / Fanfiction Amor de infância ou paixão adolescente - Capítulo 16 - Segredos

__Oi Max, você não vai ajudar sua namoradinha.__Celeste se aproxima com a cara de quem tinha acabado de ganhar o Oscar.
__Não somos mais namorados.
__Bem então ninguém vai se importar se eu fizer isso.__Celeste se enrosca em Maxon num beijo cinematográfico, fazendo o alvoroço recomeçar. Entre gritos e assobios saio correndo escola adentro, não queria presenciar aquela cena, Maxon era concorrido demais e eu não estava disposta a lutar, entrei na sala ainda vazia porque todos estavam assistindo a confusão lá fora, precisava respirar, estava sentada em um canto da sala de cabeça baixa quando escuto a voz de Marlee.
__Ei... te vi entrar sozinha na escola, você sumiu o fim de semana todo, fiquei preocupada com você, depois da cena de irmão mais velho ciumento que Maxon fez não vi vocês mais. Ah já sei passou um fim de semana romântico com o gatinho da festa que foi atrás de você e não vai me contar? Ei Ames o que foi, você está chorando, algumas daquelas ridículas fez alguma coisa com você.
__Eu gosto dele Marlee.__Respondi deixando as lágrimas rolarem devagar. __Sei que não deveria, todas as meninas correm atrás dele, nossos pais nunca aprovariam, mas quando percebi já era tarde demais, eu estou apaixonada.
__América de quem você está falando, do garoto da festa?
__Não, estou falando do...
Os alunos começaram a chegar, limpei o rosto rápido, apesar de não ter adiantado muita coisa, já que eu estava vermelha feito pimenta.
__No intervalo conversamos.__Marlee lançou um olhar preocupado pra mim e eu sabia que não conseguiria fugir dela, talvez fosse bom contar pra alguém depois de negar meus sentimentos por tanto tempo. Não vi Maxon nos corredores, eu e Marlee fomos direto para o banheiro, eu não estava com ânimo para o refeitório.
__Pronto, agora que estamos sozinhas você vai me dizer exatamente o que está acontecendo.
__Marlee eu ... amo Maxon.__Soltei o ar, parecia ter tirado um peso.
__Ah... agora sei o motivo  de você não querer me ajudar a conquistá-lo.__A porta do banheiro privativo se abriu e Celeste apareceu com um sorrisinho que não consigo descrever, eu estava realmente perdida.
Ela andou lentamente até o espelho enquanto eu e Marlee a observávamos boquiabertas e paralisadas, ela tirou o batom da bolsinha channel que usava a tiracolo e retocou os lábios sem pressa, enquanto destilava todo seu veneno.
__Então, eu soube que Natalie e Elise brigaram na entrada e o motivo seria o súbito mal estar que Natalie teve antes do festival, dizem que Elise esteve na casa dela horas antes e elas tomaram o chá da tarde juntas. Pena que desperdicei um par de brincos subornando Elise pra nada, as coisas não aconteceram  como imaginei, era a oportunidade perfeita pra eu me aproximar, mas  Maxon acabou indo embora da festa mais cedo, depois que aquele idiota te tirou pra dançar. Meu primeiro plano também era muito bom, depois de cortar o seu cabelo pra incriminar a Kriss, Maxon seria todinho meu, nunca pensei que a Natalie seria problema, aquela idiota tinha que entrar no meu caminho. Mas agora o caminho está livre pra mim.
Celeste caminha em minha direção e me olha bem nos olhos.__Porque se alguém atrapalhar meus planos, todo mundo vai saber que a ruivinha boazinha é apaixonada pelo irmão. O que será que o senhor e a senhora Schreave iam achar da novidade? Então lindinha, acho bom você cooperar, e você também projeto de guarda costas, ou então conto pros seus pais que você mata aula pra ficar de amassos quentes com Carter. Celeste sai do banheiro com aquele ar de arrogância mais aguçado do que nunca.

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado. bjoks


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...