História Amor e Ódio - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Shoujo, Suga
Visualizações 6
Palavras 1.925
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi amorzes ♥ Tudo bom? Esse cap tem um especialzinho do nosso JK, dono do narigão mais lindo desse site.Desculpa se tiver erros, eu escrevi pelo celular, pq minha mãe regulou o computador aqui :/ Enfim, eu quero agradecer à uma pessoa que, infelizmente nem sei o nome, que deu dicas de escrita para mim, e acho que consegui melhorar.Isso é algo que queria pedir, me digam se tiver algo que eu possa melhorar em questão de escrita, ou na história ! Obg e até as notinhas finais.

Capítulo 3 - Por quê você me odeia?


Jungkook P.O.V
Acordo 6:00 da manhã com a música* alta torturando meus ouvidos.
Desligo lentamente, pensando no quanto eu sou burro por nunca abaixar o som do despertador e porquê coloco uma música que eu goste, se depois de ouví-la no maior som,em plena manhã, a odiarei pra sempre.
Movo meu corpo cansado no piloto automático para o banheiro do meu quarto,já tirando o pijama e ligando a água. No estado de sono que estava,  me esqueci que ainda não temos água aquecida em todos os banheiros e já que estamos na Inglaterra, é pleno inverno.Entrei na água quase congelada tomando um susto e me amaldiçoando em pensamento.
Acabo tomando banho na água gelada, com o tempo, minha pele se entorpece e mal sinto nada.
Parece que se passaram anos quando saio do banho, então sinto algo quente escorrer do meu rosto, em minha boca e olhos. Seco o espelho suado com a toalha de rosto, e vejo que minha boca sangra e que estou chorando. Comigo é assim, eu nunca choro percebendo.Eu só começo a pensar e chorar.E sempre que choro,  mordo a boca.
Hoje eu pensei na minha mãe, no meu pai, na minha infância e, por algum motivo, no olhar da garota do apartamento à frente da minha janela. O olhar dela me doeu, e olha que eu não tenho essas coisas de empatia, nem deveria estar pensando nela depois de todo o esporro que levei, mas dela eu senti algo.Eu quase conseguia sentir sua dor, seu sofrimento. Eu não sabia por quê, mas precisava falar com aquela garota novamente. Eu precisava saber o quê estava acontecendo,  e porque ela me tratou daquela forma pouco tempo atrás.
Parecia que tinham passado horas desde que saí do banho,mas só se passaram dez minutos.Só fui perceber que estava praticamente nu quando senti um frio extremo e vi meus dedos das mãos ficarem arroxeados.Corro para meu quarto, onde tenho aquecedor.Ligo-o rapidamente e arranco o bendito uniforme novo do armário.Aquele treco amarelo é estranho,mas não posso negar que tem estilo.

(Nota da autora:uniforme do Jungkook:     https://em.wattpad.com/083bb5de7d3b4cef1a0cf7e6cd952d13ca3800c4/68747470733a2f2f73332e616d617a6f6e6177732e636f6d2f776174747061642d6d656469612d736572766963652f53746f7279496d6167652f41302d4644475045796e365543773d3d2d362e313463393437346634373761393031393835393236383830383533382e6a7067?s=fit&w=1280&h=1280 )

Quando termino de me arrumar completamente, ainda são 6:18. Preciso estar às 7:20 no colégio,  por isso começo a correr. 
Espero sair do quarto e encontrar minha mãe digitando em seu computador, ou se arrumando para sair, mas não a vejo em lugar nenhum da casa. Só depois , indo para cozinha que reparo num recado que parece ter sido escrito às pressas acima da bancada.

" Filho, o Senhor Sung-Ho  quer que eu chegue mais cedo ao trabalho, então saí 5:30. Espero que esteja bem. Tem cereal, suco, pão e panquecas com bacon na bancada da sala, coma pelo menos um pouco.Desculpe não poder estar contigo no primeiro dia de aula do High School. Te amo, Fighting! "

Fico desapontado, mas sei que se ela não trabalhar, não temos mais nenhum tipo de renda. E é com isso que saio de casa na cabeça.
Depois de comer, já estou um pouco atrasado. Não tenho passe para o ônibus da escola ainda, então vou a pé, mesmo sendo um pouco longe. 
Dou bom dia ao senhor Johnson da portaria,e saio do prédio.
Vou andando ouvindo minha playlist aleatória ,e depois de 5 músicas e meia, já estou na escola. Me sinto em um drama daqueles que minha avó assistia quando morávamos na Coréia e eu era pequeno.Olho para cima surpreso com o tamanho da escola, só sua fachada é maior que dois do meu prédio ou mais. Vou entrando e, como alguém de baixa auto-estima, sinto todos os olhares sobre mim, mesmo que eles não estejam, e me encolho mais ainda.

Flashback on*

"Não sei como vai ser, mas sei que serei outra pessoa"

Flashback off*

Aprumo minhas costas, respiro fundo e ando como os garotos que eu via em filmes americanos nas escolas quando era apenas uma criança. Aí sim, percebo alguns olhares em mim, e até mesmo algumas garotas cochichando. Aí então que eu tropeço, e caio no chão plenamente. Como uma fruta podre. Fecho os olhos com força, e escuto as risadas . 
Então, sinto uma mão em meu ombro, e quando levanto minha cabeça vejo um garoto e uma garota com traços asiáticos, acho que até são coreanos também. Eu falo em inglês

-Olá,como estão?Obrigada pela ajuda- Vou levantando

O garoto sorri, assim como a garota e o menino diz prontamente

-Oi, por nada.Estamos bem, e você? Eu sou Min Yoongi e essa aqui é a Park Chaeyoung, mas ela prefere ser chamada de Rosé. É novo aqui?

Eu agradeço a Deus por alguém legal no meio dessa confusão, e me apresento formalmente. Depois, já começo a abusar da boa vontade do povo, mas quem nunca?

- Então,vocês saberiam me dizer onde é a sala 2? Eu preciso ir pra lá para ter Biologia, mas não tenho idéia nem de onde é o banheiro aqui...

Eles riem condescendentes,como se tivessem uma piada interna e a garota, Rosé , se não me engano, diz

-Ninguém te apresentou a escola quando veio fazer a matrícula?

Eu fico envergonhado e respondo baixo

-Na verdade, quem fez minha matrícula foi o chefe da minha mãe. Nós tivemos que nos mudar pra cá meio repentinamente. Então eu nem estava aqui quando minha matrícula foi feita.

Ela assente, confusa mas não pergunta. Melhor pessoa!

O garoto Yoongi, levanta a mão e diz

-Rosé, você nem respondeu a pergunta do menino. Então, Jungkook, estamos indo para a mesma sala que você, pelo jeito temos a mesma grade de aulas. Eu levo você lá.

Eu solto o ar que nem percebi que estava segurando, e saio andando atrás dos dois.

Três horas depois...

Depois de três aulas baseadas em apresentações pessoais, formalidades e coisas assim, finalmente é o intervalo.
Saio com Rosé e ela me guia até um local onde a maioria dos alunos e alunas estão. Mal posso esperar para entender mais sobre como funcionam esse espaço, essas pessoas e tudo aqui. Começo a ver como um experimento, onde eu agirei de acordo com o quê me encaixará melhor na sociedade escolar. Saio do meu transe com Yoongi dando um soco de leve no meu braço, e quase gritando:

-Cara, a Rosé estava falando com você sobre a fila dos lanches, e você basicamente apagou na sua cabeça! Eu vim te apresentar os caras que já estudavam comigo, e mais 3 que conheci no dia da matrícula. Esses são Namjoon, Hoseok, Jimin, que conheci aqui na escola. Esses outros aqui são Taehyung e Seokjin, que vieram para Spring High comigo.

Todos os caras me cumprimentam, e pela segunda vez  hoje eu solto o ar que mal notei que mantia em meus pulmões. Olho para baixo e sorrio, mas por algum motivo estou apreensivo e sinto como se houvesse um elefante sentado em meu peito.
Resolvo ignorar esse sentimento,  e sigo o pessoal. Rosé diz que na ala dos avançados tem algumas amigas suas, e que vamos até lá para conhecê-las.

Quando chegamos lá, ela nos apresenta a 3 adoráveis garotas, Lisa, Jennie e Jisoo. Passamos o resto do intervalo todo falando sobre ameninades, até que o sinal bate. 
Rosé diz que precisa passar na biblioteca antes de ir para a aula, suas amigas optam por ir direto para as salas, já que as turmas avançadas são mais exigentes. O resto dos garotos vâo para a aula de educação física, então já que eu tenho opção entre fazer literatura ou exercícios às segundas feiras, vou para a biblioteca com Rosé.

Abro a porta do local, e a seguro para que a minha amiga entre.Ela agradece e olha em volta, maravilhada, assim como eu.Parecemos duas crianças em lojas de doces.
Apesar de cheio, o local está quieto, tranquilo. Pela primeira vez em semanas, me sinto leve, calmo, em paz. Respiro fundo sentindo o aroma das folhas, as milhares de folhas envelhecidas e gastas. Ando lentamente por entre as prateleiras, passando a mão nos livros e lendo seus nomes. Vejo Ro fazer o mesmo, porém mais rapidamente, ela realmente está procurando por algo específico. 
Depois de bons 10 minutos, ainda estou olhando os exemplares, e a minha colega me chama da porta.Eu levanto os olhos, e em um sobressalto,  me levanto rápido também, trombando em alguém desajeitadamente.Ergo minha cabeça ao mesmo tempo que a pessoa, e isso faz com que nossos rostos fiquem próximos. É a garota do meu prédio. 
Ela parece tão confusa quanto eu, mas eu estou determinado.
A puxo para uma parede ao lado, a pressionando contra a mesma, segurando seu pulso ao lado de sua cabeça.

(Nota da autora: cena anterior:  https://em.wattpad.com/c4b911c344bf7d3802a6f773bbfcbe80c46b5264/68747470733a2f2f73332e616d617a6f6e6177732e636f6d2f776174747061642d6d656469612d736572766963652f53746f7279496d6167652f694c7867783648756950464244513d3d2d362e3134633934373837333231663663653537353037333530343237362e676966?s=fit&w=1280&h=1280  )

-Por que você me odeia?

Eu indago mais exigindo uma resposta.Ela fica sem reação por alguns segundos, e diz

-Eu não te odeio.Eu só...Eu...Não posso falar disso com você, na verdade com ninguém. Desculpe.

Ela se solta e corre, pegando os livros e limpando o rosto molhado pelas lágrimas que correm.

O dia passa rápido,  eu mal vejo as outras três aulas passarem, mal respondo meus amigos, e prometo a Rosé explicar a situação depois, pois não tinha cabeça para aquilo agora.Ela entende, mas se rói de curiosidade o resto do período.

Eu volto pra casa, já de ônibus escolar, e quando entro nele, espero ver Elizabeth, mas não a encontro. Por algum motivo, bate-me a decepção e aquele frio na barriga de ver seus olhos some.
Coloco fones e escuto uma música que me deixa pensativo** até ver que chegamos em minha casa.Agradeço a senhora Yankie, uma mulher em seus 60 anos, que tem sempre uma barra de cereal e uma cara carrancuda, a não ser que alguém dê bom dia a ela, pelo que me disseram.
O senhor Johnson, como sempre, sorri e dá o jornal e a correspondência do dia.
Vou para o subsolo para pegar o elevador.Entro nele, e marco vigésimo andar.Apesar de não ser um prédio todo chique, é altíssimo. 
Estou esperando que suba diretamente, mas no 2o andar , ele para e a garota, meu karma, entra. (Nota da autora:Olhem as notas finais,por favor <3 Tem uma coisa importante sobre essa parte lá)
Ela não abre a boca . Tento chamar seu nome duas ou três vezes, porém ela só olha para baixo e engole a seco.
Quando percebo que está chegando nosso andar, eu me apavoro.Preciso de contato com aquela garota.Preciso saber dela.Deixá-la chorar em meu ombro.Tudo que ela quiser. 
Quando a porta vai se abrir, eu quase grito

-Eu não consigo te tirar da cabeça, por favor, fala comigo!

Ela sai e eu perco as esperanças. Mas nos últimos segundos, antes da porta se fechar, ela para em frente ao elevador e diz

-Engraçado,  por quê eu realmente não consigo tirar você da cabeça também. -E as portas se fecham.

(olha lá eu de novoooo <3 , notinha da autora : Cena anterior https://em.wattpad.com/8ae188d1e582071120a8b816746378e63a4acd88/68747470733a2f2f73332e616d617a6f6e6177732e636f6d2f776174747061642d6d656469612d736572766963652f53746f7279496d6167652f346e41675249335130736f5853413d3d2d362e3134633961303531313263356361346634343638353135353931352e676966?s=fit&w=1280&h=1280  )

Eu passo as mãos pelo cabelo, me encostando na parede.Fecho os olhos com força, e espero o elevador fechar as portas.Sei que aquele era meu andar, mas espero que suba até o terraço e volte para o vigésimo .
Eu entro em casa com um calor pelo pescoço e peito, que não consigo explicar.

Minha mãe obviamente não está em casa, só chegará 23:00.
Eu abro as janelas da casa, deixando a minha por último. 
Quando vou abrí-la, vejo Elizabeth.Ela olha em minha direção e sorri triste.Ela fecha sua janela, e posso jurar que a escuto sussurar ' Me Desculpa' .
Por quê eu tenho na cabeça,alguém que nem sequer consegue me olhar nos olhos?


Notas Finais


OOOOOI TUDO BOM?
Vamos falar primeiramente dos detalhes de hoje
Música 1* (a que Jungkook acorda)
-Fantastic Baby, do BigBang
Música 2** (a que JK escuta no ônibus)
-Home, da Ailee feat Yoonmirae (minha música favorita no momento hein, pessoas, vamos ouvir)
Então, a parte do elevador, eu imaginei aquela cena do filme 50 Tons de Cinza, onde a Anastasia está indo embora do prédio da empresa do Christian, e as portas vão se fechando e eles falam o nome um do outro.Quem ficar curioso, assista as primeiras cenas do filme, para entender mais, ok?
Eu até tentei colocar o gif da cena, mas só dava erro :')

ACHARAM QUE IA SER MAIS CAPÍTULO DE TRANSIÇÃO HEIN? HEHEHEHEHEH surprise mãe da foca

Então, desculpa estar postando tanto tempo depois, mas deu um bug no gif do elevador primeiro,e depois eu fiquei com bloqueio de criatividade...Aí começou a escola novamente,tudo foi dando errado e enfim,4 meses sem postar.Foi uma bola de neve e estou muito arrependida por ter deixado tanto tempo,mas prometo compensar com mais ação num futuro próximo.Creio que domingo estarei postando novamente.
Enfim, fiquem com G-Deus, e é nóis, até domingo ! ♥

edit1:estou postando no wattpad também,e é por isso que os links estão com o nome do wattpad neles...Sobre os links: se eles não ficarem azuis logo,para poder clicar e ir, é só copiar e colar no google tá?
é isso aí. beijos,e tchau tchau!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...