História Amor em 3 atos - Capítulo 49


Escrita por:


Notas do Autor


Desculpa a demora em postar o capítulo. O que eu estava querendo fazer era escrever mais capítulos para escrever uma mini maratona, mas infelizmente algumas coisas aconteceram e não consegui, então decidi postar este.

Preparem os coletes. Estória está nos capítulos finais.

Desculpe se o capítulo não ficou muito legal !!!

Spoiler: Lauren descobre sobre o passado !!!

Capítulo 49 - Noites Escuras


Zack encara a esposa com os braços cruzados sobre o peito com uma expressão de desafio no rosto.

Camila sente o clima pesar entre seu irmão e Taylor. Claro que o seu desejo é que não estivesse vivendo aquela situação, mas não podia permitir que Lauren continuasse sendo enganada.

 

- Pode nos dar licença Camila?

 

A latina concorda com um gesto na cabeça, lançando um último olhar na direção de Taylor antes de voltar para o quarto onde Lauren está deitada, folheando a revista quando Camila entra.

 

- Camila, o que significa isto?

 

O tom usado por Lauren demonstra dor e ao mesmo tempo fúria. O rosto dela está corado e lágrimas escorrem pelo seu rosto, quando finalmente a morena de olhos verdes joga a revista aberta onde está uma reportagem com fotos do adolescente Hank Jauregui e Katharine Jauregui, acompanhando uma narração sobre o passado obscuro dos Jauregui, envolvendo incesto, estupro, gravidez e assassinato.

 

- Lo. . .

 

Lauren apenas balança a cabeça em sinal de negação, enquanto lágrimas silenciosas continuam a escorrer pelo seu rosto. Há uma mistura de dor e ao mesmo tempo algo que a latina não soube definir.

Inúmeras perguntas tomam a sua mente, mas primeiro tinha que acalmar a morena ou o processo dela de recuperação poderia ser arruinado, afinal a Doutora Mitchell havia explicado que picos de estresse poderia provocar uma queda na imunidade da paciente e certamente aquilo não é o que a latina quer.

 

- Quer parar de olhar para mim assim? Eu não preciso da pena de ninguém apenas da verdade. . .

 

A morena gritava tão alto que sua garganta começa a doer e os olhos lacrimejarem. Camila se aproxima mais colocando a mão sobre o braço de Lauren, tentando acalma-la, mas simplesmente a Jauregui simplesmente rejeita qualquer tentativa da latina.

 

- Eu não queria que soubesse desta forma. Lauren, acredite em mim, eu soube a pouco de tudo, mas simplesmente achamos prudente esperar a sua recuperação.

 

Lauren lança um olhar de desprezo na direção de Camila, que sente um aperto no peito.

 

- Quem? Eu achei que podia confiar em você depois de tudo o que. . .

 

Naquele momento, a porta se abre entrando a Doutora Mitchell, Taylor e Zack que ainda tem no rosto uma expressão muito séria. Assim que os olhos de Taylor cruzam com os de Lauren ela soube que algo muito sério havia acontecido e antes que Camila pudesse reagir é esbofeteada.

Zack faz menção de dizer alguma coisa, mas é interrompido quando a morena de olhos verdes simplesmente se levanta caminhando na direção da latina, envolvendo –a em seus braços, lançando um olhar ameaçador para Taylor que apenas abaixa os ombros, observando Lauren em silêncio.

 

- Vocês todos sabiam?

 

Camila chora baixo e Lauren passa os olhos para cada pessoa naquele aposento avaliando cada pessoa. Vê confusão no rosto da Doutora Mitchell, tristeza no rosto de Zack, medo e fúria no de Taylor. Ali todos demonstram claramente seus sentimentos como se estivesse olhando o reflexo de um espelho.

 

- Quais mentiras mais vocês me contaram?

 

Há fúria no tom de voz de Lauren. Incomodada com tudo aquilo, Shay se aproxima com uma expressão de reprovação no rosto, afinal estavam em um ambiente de recuperação e certamente aqueles gritos estão incomodando outros pacientes.

 

- É melhor acalmar se Senhorita Jauregui ou terei que mandar a enfermeira aplicar –lhe um sedativo. Creio que existe um problema familiar a ser resolvido, mas não acho que gritando e incomodando os outros pacientes vai resolver a situação.

 

Lauren lança um olhar raivoso em direção de Shay que em nenhum momento sentiu se intimidada com aquilo e de repente a morena de olhos verdes se sente cansada, fazendo com que suas pernas fraquejassem sendo apoiada por Camila e a Doutora Mitchell, que ajuda Lauren voltar para a cama.

 

- Descanse Lauren.

 

Mesmo sentindo vontade de retrucar, Lauren apenas concorda e em pouco tempo, a morena está adormecida. Os olhos de Taylor volta na direção de Camila e Shay faz sinal para que as duas mulheres saíssem, enquanto Zack permanece no quarto caso a morena acordasse.

 

- Pode me explicar o que aconteceu naquele quarto?

 

Shay fala assim que saem do quarto, encarando primeiro Taylor e depois Camila.

 

- Lauren descobriu a verdade sobre o passado dela. Quando entrei no quarto depois da confusão com Taylor, ela estava lendo uma revista de fofocas. . .

 

Camila mostra uma revista para Taylor, que hesita, pegando o objeto em suas mães, olhando para a foto dos seus irmãos com a Manchete: “Revelado o passado negro dos Jauregui. Diferente do que sempre imaginou, a escritora Lauren Jauregui, é na verdade, filha do produto de um estupro incestuoso entre Hank e Katharine Jauregui, ao invés da figura paterna de Michael Jauregui.  Após descobrir o que o filho fez com a irmã, ele matou o próprio filho, sendo condenado a pena perpétua com condicional em 20 anos, deixando a esposa e uma filha de cinco anos”

 

- Taylor. . .

 

A mulher apenas nega com um gesto na cabeça, lutando contra a dor que ameaça domina-la por inteiro. Durante todo o tempo, ela teve que lidar com tudo aquela tragédia, ainda sendo apenas uma criança de 5 anos e tendo que crescer com o estigma de ser filha de um assassino e irmão estuprador.

Seu pai pedido a família que não contasse a verdade sobre a tragédia Jauregui para Lauren, poupando de uma vida miserável.

 

- Eu perdi meu pai, perdi minha mãe e meus irmãos mais velhos. . . Lauren sempre foi considerada uma irmã e a protegi durante toda a sua vida, mesmo quando estava sofrendo pela perda do meu pai.

Ele morreu antes mesmo de conseguir ter uma chance de ter uma condicional e minha mãe teve que nos criar sozinha vivendo o estigma de ter um marido filicídio (N/ A: Nome designado aquele que mata o filho).

Zack que havia ido até a porta para ver como Taylor estava depois da crise de Lauren, mas ao ouvir a narração de Taylor, ele sente uma mistura de choque e ao mesmo sente penalizado. Em nenhum momento durante o casamento, ela havia contato sobre a tragédia familiar e na verdade agora Zack perguntou se como nunca havia descoberto, mas sempre foi tão apaixonada por Taylor que nada mais é importante, mas agora percebe que talvez nunca conhecesse realmente a sua esposa.

Sem fazer nenhum barulho sequer, Zack volta para a sua cadeira ao lado de Lauren, olhando para a sua ex- cunhada, que está adormecida com a testa franzida, quando Taylor entra no quarto.

 

- Como Lauren está?

 

Apesar de tudo o que havia ouvido, o tom de voz usado de Taylor demonstra preocupação e Zack aponta a cama onde Lauren continua dormindo com a testa franzida, lutando contra seus próprios fantasmas.

 

- Acho que o que aconteceu foi muito para todos. – Zack fala sem desviar os olhos de Lauren e Taylor sabe o quanto o marido devia estar magoado, afinal desde que o segredo dos Jauregui foi ameaçado ser revelado, ela acabou afastando se de todo mundo, tentando impedir que Lauren descobrisse a verdade, mas tudo foi revelado da pior forma possível. – Quando Lauren estiver melhor temos que conversar.

 

Zack tem uma expressão cansada no rosto, permanecendo sentado ali, sabendo que quando Lauren acordasse poderia novamente ter um acesso de raiva e uma conversa muito difícil deveria acontecer entre as duas mulheres.

 

- Porque ainda está aqui Zack? Eu sei que eu dei a você todos os motivos para que me odiasse. Porque ainda continua aqui depois de todas estas mentiras? Eu sou filha de uma assassina, irmã de um estuprador e tia de um fruto de um relacionamento incestuoso.

 

O homem olha para a mulher a sua frente sem esconder a reprovação. Não conseguia entender este sentimento conflitante que refletia em Taylor, mas ao lembrar do tapa que ela deu em Camila o fez perguntar se realmente conhecia a esposa, afinal por mais que a latina tivesse magoado no passado, aquele gesto desesperado parecia ter muitos outros significados além de uma retaliação pelo passado.

 

- Estou aqui porque ainda tenho esperanças que ainda exista alguma parte da mulher com que eu me apaixonei na minha frente. Tento acreditar que o que fez foi para preservar Lauren de todo o trauma da verdadeira estória da sua concepção, mas depois do que eu ouvi, penso se não existe tanto ressentimento pelo que aconteceu.

 

A boca de Taylor faz um “o” perfeito, talvez surpresa por Zack ser capaz de desvendar uma parte sombria da sua personalidade, mas logo suas feições se modificam.

 

- Você só pode estar enlouquecendo. . .- Taylor a todo custo tenta disfarçar o impacto daquelas palavras, mas ao mesmo tempo ela sabe que o marido a conhecia muito bem.  – Estamos todos cansados.

 

Zack simplesmente se levanta encarando Lauren pela última vez sem olhar para a esposa que está ali.

 

- Só espero que quando chegar a hora você conte a verdade. Vai ser bem pior se ela descobrir mais esta mentira.

 

Sem esperar Taylor falar mais nada, Zack simplesmente sai, deixando – a sozinha com aquela a quem

sempre chamou de irmã.

 

Camila está com o filho no colo quando Zack entra no apartamento com uma expressão cansada no rosto. Todo aquele dia havia sido estressante o suficiente e a latina sabe que apesar do irmão ser louco pela esposa certamente tudo o que havia acontecido havia causado um grave desgaste no relacionamento.

 

- Mano. . .

 

Zack apenas dá um sorriso forçado, antes de caminhar até o quarto se jogando na cama sem preocupar de tomar um banho ou trocar sua roupa. Naquele momento, a única coisa que deseja é ter uma longa noite de sonho, para esperar pelo próximo dia quando             Lauren novamente acordaria.

 

Depois de colocar Lucas para dormir, Camila pega o pequeno celular dourado em cima da mesa e no segundo toque, como se a pessoa estivesse esperando, uma voz aflita atende.

 

- Ela já sabe sobre o passado. Não foi como o esperado, Lauren reagiu muito mal e a Doutora Mitchell teve que acalma-la. – Há uma pequena pausa silenciosa – Ela não sabe sobre que tem uma filha e que Skyler foi a doadora.

 

Assim como a ligação começou, ela é interrompida de repente, fazendo com que a latina caminhasse para o seu banheiro, se despindo das suas roupas, entrando no chuveiro, suspirando ao sentir o jato quente da agua acertar as suas costas tensas. Com um suspiro, ela fecha os olhos deixando seu corpo relaxar aos poucos, enquanto o banheiro se enche de vapor quente.

 

Naquela noite, Taylor ficou mais uma vez com Lauren que continua dormindo, a Doutora Mitchell toma um copo grande de café enquanto conversa animadamente com a Doutora Ibiarra, Camila está deitada na sua cama virando de um lado ao outro sem conseguir conciliar o sono, enquanto Zack continua apagado com a mesma roupa que foi ao Hospital. Shawn ainda está em companhia do seu “amigo” modelo comendo sanduiches na cozinha e Bailey está dormindo com o rosto manchado pelas lágrimas derramadas.

 

Horas mais tarde, o telefone acorda Senhor Maddox em sua Mansão dos Sonhos em Los Angeles. Ele suspira, olhando para o relógio digital em cima da mesa de cabeceira que marca três horas da manhã.

Para ele sua hora de sono é sempre necessária e normalmente desliga o telefone quando vai dormir, mas acabou trabalhando até tarde e por isto acabou esquecendo o aparelho.

Resmungando, ele pega o telefone sem olhar o nome que pisca no visor levando ao ouvido, ouvindo a voz masculina do outro lado da linha e pelo tom usado certamente está bêbado se não drogado.

 

- Você não pode fazer isto comigo. Eu sou um importante di. . . – Um soluço o interrompe e quando volta a falar parte da arrogância havia desaparecido e mais se parece com um garotinho chorão mimado – Todas as portas estão se fechando para mim . . .

 

Furioso por ter sido acordado por um Jason bêbado, Senhor Maddox revira os olhos.

 

- Lide com as consequências de seus atos. Pare de beber, vá para casa, tome um banho e vai dormir.

 

Antes que Jason pudesse dizer alguma coisa, Senhor Maddox desliga o telefone e enfia- o dentro de uma gaveta para depois voltar para cama, irritado por ter sido acordado. Certamente levaria algum tempo até conseguir dormir de novo e os primeiros raios do sol aparecia no horizonte quando finalmente vencido pelo cansaço adormece entre os lençóis de seda preta.


Notas Finais


Comentem, opinem, faça uma escritora feliz.

O que vocês acham sobre um possível envolvimento entre a Shay e a Doutora Ibiara ?

Como falei antes estamos nos capítulos finais !!!

Qual castigo vocês acham que a Taylor merece?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...