História Amor em dose dupla - Capítulo 1


Escrita por: e CharlieJr

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adolescente, Faculdade, Gêmeos, Romance, Triângulo Amoroso
Visualizações 4
Palavras 457
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Literatura Feminina, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Amor em dose dupla - Capítulo 1 - Prólogo

♥️ --{Sofia}-- ♥️

Nunca sequer imaginei estar nessa corda bamba de emoções, prestes a cair. Sempre mantive meus sentimentos em equilíbrio, mas o que me envolve agora é algo tão intenso, que não consigo simplesmente ignorar.

Meus olhos se desmancham em lágrimas, e não importa o quanto eu as enxugue, elas sempre voltam com a lembrança de dias atrás.

Me ajeito na cama ao ouvir a porta se abrir.

— Sofia? — Minha cabeça está apoiada nos joelhos, com as mangas amarelas de meu moletom enxarcadas, esse definitivamente é o momento mais deplorável de minha vida. — credo garota! você tá um horror.— ouço a voz da Maria Eduarda, enquanto meus olhos encontram os dela.

— obrigada. — minha voz embarga, e sinto que vou chorar novamente.

Um silêncio invade o quarto, nos deixando desconfortáveis.

— o que aconteceu? — sua voz é como um sussurro, enquanto sua mão passa pelos fios de meu cabelo negro.

Respiro fundo, sentindo uma bola de sentimentos se alojar em minha garganta, me impedindo de desabafar.

Me jogo na cama, olhando para as estrelinhas em meu teto, um turbilhão de lembranças me faz sorrir, como voltar no tempo somente em alguns segundos.

— aquele garoto mexeu comigo Maria... — digo, sem coragem de encara-la nos olhos, sinto algo tão profundo, ainda estou procurando o lado bom de tudo isso.

— quer dizer o vinicius?

— victor.

Ela sorri, achando graça da minha situação.

— você me lembra eu e seu irmão... — sinto a cama tremer quando a ruiva se deita ao meu lado, cobrindo todo o espaço. — ja fiquei tantas vezes afundada chorando em minha cama que não consigo contar..

Olho de imediato para seu rosto, ela encara o teto, sorrindo.

Maria Eduarda é alguém extremamente forte e independente, nunca a vi pra baixo,  ela sempre se mostrou uma pessoa alegre, com seu sorriso contagiante.

Sem dúvidas foi isso que prendeu o Henrique a ela.

— eu não sei o que fazer, Duda..— digo, semtindo meu rosto molhar novamente

Ela me envolve em seus braços, em um ato de carinho.

— vai ficar tudo bem..

Todas as "nossas" memórias aparecem ao mesmo tempo, me deixando maluca.

Eu sinto falta de tudo. Saudade das maratonas na netflix, daquelas piadas idiotas, do seu jeito de demonstrar carinho. E principalmente das olheiras que ele me causa quando conversamos a noite inteira por ligações, ou até quando não falamos nada... Posso sentir sua respiração em meu pescoço, e ver o seu sorriso... Pelo menos o que eu me lembro dele.

E agora tudo não passam de lembranças, como um sonho que nunca se realizou.

A Maria não diz mais nada, e logo adormeço, pensando nos gêmeos que tanto ocupam minha mente.

                    -♥️.♥️-


Notas Finais


💤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...