1. Spirit Fanfics >
  2. Amor em Tempos de Guerra (2Jae) >
  3. 05

História Amor em Tempos de Guerra (2Jae) - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Eu tô surpresa com o quão rápido passa dois meses, desculpa a demora não era nem por eu estar ocupada embora eu esteja mas sim pela minha falta de criatividade, eu simplesmente travei e não consegui escrever mais nenhuma capítulo dessa minha bebê, o que é ruim por que eu realmente gosto dessa fanfic cara.

Boa Leitura 🌻💚

Capítulo 5 - 05


Jaebum entrou no quarto com seu coração batendo a mil por hora, ele não sabia o motivo daquilo e na realidade não queria saber, já que sua desconfiança o levava a pensar em coisas que para um alfa eram bem ruins, ele olhou ao redor do quarto encontrando o ômega analisando a própria perna enquanto estava vestido nas mesmas roupas de antes, ele devia ter pegado roupas para o menor.

- Eu não sei muito bem como enfaixar uma perna mas dei o meu melhor, eu trouxe um pouco de comida para você, fiquei sabendo que no território dos ômegas vocês passam fome.- Im disse colocando a bandeja com comida na cômoda perto da cama.

- Nós não passaríamos fome se alfas como você parassem de nós perseguir.

- Eu tomaria cuidado com o que falo se fosse você, se ainda não percebeu você está em um quarto sozinho somente com um alfa.- Ele está blefando mesmo que quisesse sentia que não conseguiria fazer nenhum mal para aquele ômega agora.

- Se tentar alguma coisa comigo eu juro que lhe mato, e depois deixo seu corpo na frente dos portões para que todos aqueles alfas repugnantes vejam o dominante de merda que eles tem.- O ômega praticamento cuspiu as palavras.

Sem pensar Jaebum pegou o queixo do ômega com pouca força mas ainda sim o suficiente para causar dor, onde já se viu um dominante deixar um simples ômega lhe dizer aquelas coisas.

- Se você não se calar ômega, sua cabeça que será meu troféu e dessa vez eu não estou de brincadeirinhas.- Jaebum empurrou o ômega para que o mesmo caísse deitado na cama.- Eu não deveria me importar mas até eu descobrir o que fazer com você quero saber ao menos o seu nome, ou vocês ômegas não tem nome ?

- É claro que temos, eu não tenho motivos para lhe dizer meu nome, seria uma desonra para mim ter meu nome saindo da boca de um alfa.

Im estava aceitando que aquele ômega insolente não merecia nem metade de sua gentileza, o permitiu se limpar e se alimentar e o desgraçado ainda tinha a audácia de lhe desafiar.

- Quer saber eu não me importo, se você quer que eu continue a te chamar de ômega eu o farei, mas lembre que antigamente nossos ancestrais só se chamavam assim tão normalmente quando eram casais, eu realmente não me importo.- Um sorriso sacana brotou no rosto do dominante.

O ômega pareceu parar para pensar sobre o que lhe foi dito, era "nojento" ter um alfa dizendo seu nome e o chamando, mas realmente seus ancestrais só se chamavam por suas classes tão normalmente quando se tratavam de casais, e convenhamos agir como um casal seria muito pior do que contar seu nome.

- Prefiro morrer... Meu nome é Youngjae.

- Só Youngjae, sua raça não usa nomes de famílias ou coisas do tipo ?- O deboche do alfa era evidente.

- Você é realmente irritante, sou Choi Youngjae e você como se chama ?

- Eu não devo explicações a um Youngjae.- O alfa cruzou os braços e levantou o nariz olhando para o outro lado.

- A um Youngjae, é assim que vocês falam por aqui ?- O ômega riu com a fala do alfa.- Você não é o único que sabe chantagear, se não quer me contar seu nome eu vou lhe chamar de totó, parece um bom nome.

O ômega não se aguentou com a própria fala e voltou a cair na cama rindo, o alfa ia reclamar mas se sentiu incapaz ao ouvir a risada alegre do ômega.

- Muito engraçado estou dando gargalhadas, irei lhe dizer meu nome para que futuramente você possa me agradecer por ter salvo a sua vida mais adequadamente, eu me chamo Im Jaebum dominante dos alfas.

- Tudo bem senhor Im Jaebum deminante dos alfas.

- Você está zombando da minha cara não está ?

- O que você acha ?

- Coma sua comida, já está anoitecendo, eu irei trancar a porta do quarto para que ninguém entre e você controle seus feromônios por que eu posso senti-los muito bem nesse momento.

- Você está querendo me falar de controle dos feromônios sendo que a apenas algumas horas você deixou bem claro que nunca esteve tão pertinho de um ômega.- Cobra, era isso que Jaebum pensava que aquele ômega era.

- Só faça o que eu mandei.

O alfa se retirou do quarto assim que viu o ômega pegar a tigela com comida e conferir se não estava envenenada, ele não poderia estar se interessando pelo ômega isso seria praticamente suicídio, nenhum alfa iria aceitar seu dominante se relacionando com um ômega, mas o alfa tinha que admitir que o menor parecia muito mais atraente que um alfa por um segundo ele pensou em como seus ancestrais foram burros por deixar aquelas criaturas se afastarem.

Jaebum trancou a porta do quarto e pode ouvir várias vocês vindo do andar de baixo, os alfas haviam chegado e logo  começariam a fazer sua barulhada costumeira, Im não estava com paciência para aquilo o ômega já tinha torrado toda sua paciência, ele andou pelo corredor até chegar em seu próprio quarto, sua cama não parecia muito interessante naquele momento, na verdade nada parecia, de um jeito ou de outro ele teria que descansar para no próximo dia conseguir pensar em algo para fazer com o ômega, não irá o matar isso era fato.

Jaebum queria ajudar o ômega mesmo que nunca fosse admitir isso para si mesmo, ele só não pensou que talvez deixar um ômega sozinho em uma casa cheia de alfas não fosse uma boa ideia, Youngjae poderia controlar seus feromônios como quisesse, mas isso não muda o fato que alfas nunca sentiram o cheiro de um ômega fora da batalha, e qualquer pequeno sinal de feromônio de ômega iria chamar a atenção de um exército de alfas.

(...)

Jaebum dormia tranquilamente em sua poltrona fofinha com um copo de whisky ao seu lado, e esse sono teria continuado tranquilamente se ele não tivesse ouvido um grito vindo de um dos quartos do corredor, o alfa não teve tempo nem ao menos de lembrar como abria uma porta já que demorou para conseguir abrir a fechadura do quarto do ômega, ele não tinha certeza mas algo o dizia que o grito tinha vindo de lá.

Quando a chave finalmente pareceu ter resolvido entrar na fechadura o alfa abriu a porta quase quebrando a mesma com tamanha força, o que viu não era realmente o que esperava, um dos alfas denominado Jinyoung estava deitado na cama gemendo de dor e com o braço sangrando enquanto Youngjae tinha os lábios sujos de sangue enquanto tentava se manter em pé apoiado em uma das estantes do quarto.

A audição aguçado do alfa dominante o alertou de passos na escada então não pensou duas vezes antes de fechar a porta novamente.

- Mas que merda está acontecendo aqui, por que você está aqui Park ?- O alfa disse enquanto se aproximava de YoungJae na intenção de o ajudar a ficar de pé porém foi cumprimentado com um rosnado.

- Eu não sabia que era permitido trazer ômegas para dentro dos quartos dominante, fico feliz em saber que esconde coisas da sua própria alcatéia.- O outro alfa disse enquanto tentava de alguma maneira parar o sangramento de seu braço.

- Que bom que não esqueceu que sou o dominante desse lugar, agora Jinyoung eu recomendo você me dizer de uma vez por todas o que aconteceu aqui.- O lado animalesco do alfa estava querendo tomar o controle novamente.

- Eu vim aqui para dormir já que aqueles idiotas lá em baixo não param de fazer barulho, mas quando cheguei aqui vi esse cara deitado na cama dormindo igual uma criança.- Nesse momento Youngjae considerou avançar no alfa novamente mas tanto sua perna quanto Jaebum o impediram.- Eu ia o chamar mas então senti o cheiro de ômega, na pior hora ele acordou assustado e começou a gritar então eu o segurei para tampar sua boca para que nenhum outro alfa subisse, mas assim que toquei nele ganhei uma mordida no braço e agora estou em dúvida se essa coisa é realmente um ômega.

Ao mesmo tempo que estava indignada Jaebum queria dar risadas, o ômega tinha feito um estrago no braço do outro, Im meio que sentiu orgulho daquilo, porém sua confusão de sentimentos foi interrompida por barulhos de alguém tentando abrir a porta.

- Dominante você está aí ?

Outra voz respondeu a primeira.

- Eu disse que ele não estava aí vamos embora.

- Mas eu pensei ter ouvido a voz dele... Você está sentindo esse cheiro ?

O coração de Jaebum começou a bater mais rápido e o alfa ficou assustado, ele trocou olhares com JinYoung e ambos pareciam saber o que fazer, Im pediu em um cochicho para que o ômega tampasse o nariz e sem questionar o ômega o fez, os dois alfas do cômodo deixaram que seus feromônios corressem soltos pelo ar misturando-se um no outro.

- Caraca, eu não imaginava que um dia Jinyoung transaria com Jaebum.- Apessoa por trás da porta disse rindo.- Eu sabia que aquela pose de alfa orgulhoso era só faixada.

- Isso é jeito de falar ?- O outro respondeu.- Vamos dar privacidade para os dois.

O barulho de passos foi se afastando até que os alfas dentro do quarto acharam que era seguro o suficiente e pararam de transmitir seus feromônios, Youngjae parou de tampar seu nariz e se arrependeu na mesma hora já que sentiu o que segundo ele era o "fedor" dos alfas.

- Então incrível senhor alfa dominante que tal começar a se explicar, por que eu tenho certeza que esse cara não veio para cá sozinho.

Jaebum ajudou o ômega a se sentar na cama novamente e começou a contar para o Park a história ou ao menos parte dela, o outro alfa parecia querer rir apesar da dor no braço.

- Acho que entendo, bom você sabe muito bem o que penso sobre isso eu realmente não me importo só tome cuidado para não deixar outro alfa se aproximar dele, eu não tenho interesse nenhum em ômegas mas os outros duvido que pensem assim.

- Eu sei.

- Mas então querido alfa o que irá fazer a respeito disso ?






Notas Finais


Peço desculpas por qualquer erro seja ele qual for, e pela demora novamente. Eu tive alguns problemas durante a escrita mas como estou sem tempo para postar não posso ficar muito tempo corrigindo então me desculpem mesmo, eu também gostaria de avisar que sou meio nova nesse mundo de ahgase então sinto muito qualquer erro sobre nomes ou qualquer coisa do tipo embora eu pesquise não dá para saber de tudo de uma vez só.

Obrigada por ter lido até aqui 💚🌻


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...