1. Spirit Fanfics >
  2. Amor Encantado (Taehyung-BTS) >
  3. 17- Preciso ajuda-lo!

História Amor Encantado (Taehyung-BTS) - Capítulo 18


Escrita por:


Notas do Autor


OI VOLTEEI❤

BOA LEITURA💕

Capítulo 18 - 17- Preciso ajuda-lo!


No capítulo anterior...

O tempo se passou, S/n avançou nos treinamentos e ficou mais forte, o casamento de Tae com Jennie estava cada vez mais perto, e ele não estava nada feliz com isso e desejava ver sua amada, todos os dias ele ia pra floresta tentar ver S/n, mal sabia ele que estava sendo vigiado todo esse tempo pela mesma. Faltava um dia para o casamento e S/n se sentia triste, e Tae não estava diferente, ambos queriam se ver e isso foi possível graças a duas danadas borboletas que levaram eles a se encontrarem, ambos ficaram felizes, mas S/n sabia muito bem que não poderia ficar com ele e decidiu que por aquela noite os dois ficariam juntos, e la tiveram um momento mágico e que ficará na memória de ambos para sempre.

No capítulo de hoje:

Narradora POV:

Por mais que tenha sido difícil, para ambos, o grande amor de suas vidas, eles seguiram o caminho felizes com o momento que acabou de terem.

S/n se sentiu completa de alguma forma, mas estaria realmente completa se Taehyung estivesse com ela, mas não podia deixar de esquecer da felicidade que aquele ato trouxe, aquela foi a melhor noite de S/n, assim como o de Taehyung, e que nunca vão esquecer.

Ao chegar na casa de Jin, S/n se joga no sofá sorridente, mas é tirada dos pensamentos com o barulho da porta, ela olhou na direção da mesma vendo um Jin com um semblante de alívio.

Jin- S/n! Onde você estava?! Você demorou! Fiquei preocupado!- Ele fala se sentando ao lado da moça e a abraçando.

S/n- Calma Jin estou bem- Eles se separam do abraço- Não precisava sa preocupar tanto.

Jin- Como não?!

S/n- Eu estava com o...Tae- Ele a olha surpresa e ela ri fraco.

Jin- C-como assim?

S/n- Digamos que umas borboletas danadas fizeram nos encontrarmos.

Jin- Que legal! Mas então, o que rolou? Vocês conversaram? Se resolveram? Vai me conta- S/n ficou envergonhada quando lembrou do que aconteceu- Por que está corada S/n?

S/n- Nada é que...- Ela olha com desdém e Jin a olhava com um olhar de quem queria saber- Bom, nós conversamos, rimos, e resolvemos que essa seria a ultima vez que nos veria- Ela fala triste.

Jin- Nossa, como está se sentindo?

S/n- Triste claro, Tae é o grande amor da minha vida, foi difícil deixa-lo ir, porém passamos um momento que ficará marcado pra sempre.

Jin- E o que seria isso?- S/n o olha e ele rapidamente entende o recado, abrindo a boca surpreso- Não a-cre-di-to- S/n fica envergonhada e abaixa a cabeça- S/n! Vocês fizeram...

S/n- Sim e foi...mágico!- Jin ainda estava surpreso.

Jin- Eu não sei o que dizer- Ela riu da cara do garoto e se levantou.

S/n- Bom é só não dizer, pelo menos não vai me deixar tão envergonhada.

Jin- Eu ainda estou chocado! Isso é normal eu sei mas, é estranho, sei lá.

S/n- Vamos esquecer isso? Não quero ficar mais envergonhada do que ja estou.

Jin concorda, mas ainda estava surpreso.

S/n- Mudando de assunto, você tem alguma novidade sobre Jimin? O Namjoon te informou de algo?

Jin- Nada, Namjoon me disse que ele ainda está na mesma- Ela solta um suspiro alto.

S/n está preocupada com seu irmão, ela torce para que ele volte ao normal logo logo, e volte a sua vida normal.

Eles desejaram boa noite um ao outro e cada um foi para seus leitos.

No Palácio, Taehyung chegou feliz, coisa que dias atrás estava difícil de se ver, até Jennie/Lucinda reparou a sua mudança e áurea da bruxa alertava que algo tinha acontecido e que não seria nada bom, pelo menos pra ela.

Ela até tentou tirar alguma informação do mesmo, mas ele não dirigiu muitas palavras para a mesma o que a deixou irada.

Ela decidiu deixar isso pra lá pois no dia seguinte Tae, finalmente, seria dela e somente dela.

[...]

O dia seguinte logo chega, Tae acorda de primeira feliz mas ao se lembrar de que o dia que mais temia tinha chegado, logo mudou seu humor.

Como ele queria que aquele dia fosse com sua amada, com o desânimo o garoto colocou os pés no chão assim que ia levantar viu a imagem de sua mãe entrando no quarto, animada.

Rainha- Bom dia meu filho! Finalmente o dia chegou! Está animado?- Ele olha com tédio para sua mãe- Ok..bom é melhor se levantar, hoje será seu dia especial! Vamos!

Taehyung revirou os olhos suspirando, sorriu forçado pra sua mãe e se levantou, foi direto se banhar, ele soltou um suspiro quando entrou em seu banheiro e viu seu reflexo no espelho lembrando da conversa que teve no dia anterior com S/n.

De imediato ficou triste, eles nunca mais iam se ver e isso doia em seu coração, nunca amou tanto uma pessoa como amou S/n e ele tem certeza, de que nunca vai amar uma pessoa tanto quanto ama S/n.

Enquanto isso na casa de Jin, S/n dormia profundamente, Jin estava até estranhando pois a mesma sempre acordava cedo, mas ele não queria acorda-la pois ela poderia estar cansada pela noite de ontem.

Jennie/Lucinda, acordou animada, chegou o grande dia! O dia em que finalmente o Taehyung seria dela para sempre, esse dia seria somente pra ela, um dia de beleza, ela queria estar simplesmente perfeita em seu casamento com seu amado e nada, nada iria atrapalhar este momento. Pelo menos era isso que ela pensava.

[...]

Estava quase na hora do casamento, S/n ainda não tinha acordado, Jin tentou a acordar mas ela estava em um sono profundo e acabou perdendo o treinamento, o que deixou Yoongi raivoso.

Taehyung estava quase pronto, com a roupa tradicional de um casamento real, ele estava muito belo, mas ele queria estar assim para ver S/n entrando pela aquelas portas, até o altar.

Rainha- Vamos meu filho, você não quer chegar depois da noiva não é mesmo?- Ele suspirou cansado.

O que ele realmente queria é que acordasse desse pesadelo, e poder correr atrás de S/n, abraca-la e nunca mais a soltar.

E lá estava ele, em cima do altar esperando sua "querida" noiva, todos os convidados o encaravam sorridentes, mal sabiam eles o que Tae está passando e sentindo.

Lá do lado de fora do Palácio o povo estava eufóricos, não viam a hora de ver o futuro rei e rainha daquela nobre terra, e celebrar junto a eles.

Rainha- Chegou a hora meu filho- E naquele momento a ficha caiu.

Ele realmente não iria acordar desse pesadelo, aquilo era real, e no momento em que viu Jennie adentrar as portas ele prendeu a respiração, estava se coçando para sair daquele ambiente.

E quando viu Jennie em sua frente imaginou S/n ali por um instante, por um milésimo de segundos imaginou S/n ali em sua frente, mas ele sabia que não era verdade, ele viu o sorriso gigante estanpado no rosto de Jennie, mesmo coberto pelo véu.

O padre começou seu dicurso tradicional, Taehyung não prestava atenção em nada, queria logo sair daquela lugar e ir para seu quarto e se trancar no mesmo.

Enquanto isso Jin tentava a todo custo acordar S/n, tentou até feitiço mas a mesma não estava dispermando e ele não sabia o por que.

Mal sabia ele que S/n estava sonhando com o que realmente estava acontecendo no casamento de Tae, parece impossível mas isso estava realmente acontecendo.

Tae ainda estava presos em seus pensamento que foram interrompidos pela voz do padre com aquela pergunta em que com uma simples e curta resposta poderia mudar sua vida para todo o sempre.

Padre- Jannie Kim, princesa do reino de Tira, você aceita Kim Taehyung, princepe herdeiro do grande reino de Malack, como seu legítimo esposo? Para respeta-lo e ama-lo, até que a morte os separe?

Jennie- Sim eu aceito- Diz sorridente.

Padre- Kim Taehyung, princepe herdeiro do reino de Malack, você aceita Jennie Kim, princesa do reino de Tira como sua legitima esposa? Para respeta-la e ama-la, até que a morte os separe?

Aquela pergunta causou um efeito de paralisação no rapaz, ele não sabia o que dizer, mas sabia o que devia dizer, mas simplesmente não saia, ele olhou em volta recebendo olhares confusos e outros de raiva, esses vindos de seu pai e Jennie.

Jennie- Tae! Fala logo!- Ela susurra tomando a atenção do garoto.

Tae- E-eu...- Ele olhou para o padre que esperava uma resposta.

Tae definitivamente não queria aceitar, ele não iria conseguir cumprir com seu dever.

Padre- Príncipe? Algum problema?- Ele fala tomando novamente a atenção de Tae.

Ele encara a aliança em suas mãos e depois encarou o rosto, nada feliz, de Jennie.

Tae- E-eu- Olhou mais uma vez para o público- Eu não posso fazer isso!- Todos ali presentes ficam surpresos.

Jennie não estava conseguindo controlar sua bruxa interior, ela encarou Taehyung com uma raiva enorme e Tae engoliu em seco.

Tae- Eu não posso me casar com alguém que não amo, desculpa Jennie mas eu não posso fazer isso.

A essa altura Lucinda estava totalmente no comando da moça. Tae recuou quando viu a garota em sua frente mudar seus olhos para uma cor preta, sua pele ficou ainda mais branca e seu vestido que era branco ficou preto e vermelho.

Jennie- COMO VOCÊ OUSA ME RECUSAR DESSE MODO?! VOCÊ NAO TEM OUTRA ESCOLHA! VOCÊ IRA SE CASAR COMIGO! E SE ISSO NÃO ACONTECER, VOCÊ VERÁ AS CONSEQUÊNCIAS!- Ela grita com as duas vozes a de Lucinda e de Jennie.

Tae ficou imóvel, ele não estava acreditando no que estava acontecendo. E Lucinda estava a espera de sua decisão.

Tae- Eu não vou me casar com você- A raiva de Lucinda aumentou.

Jin não sabia mais o que fazer, S/n não parava de se mexer na cama e suava frio, ele estava fazendo uma compressa em sua testa quando a mesma levantou bruscamente fazendo com que Jin caísse no chão.

S/n- Tae!- S/n estava sonhando com o casamento de Tae e sentiu que ele estava em perigo.

Jin- S/n? O que foi?

S/n- Eu preciso ajuda-lo!- Ela saiu do quarto as pressas, Jin estranhou pois ela brilhava.

Jin a seguiu e assim que chegou na porta, viu S/n totalmente transformada, em uma linda fada.

Jin- S/n! Onde você vai?!

S/n- Tae esta em perigo Jin! Eu preciso ajuda-lo!

Sem esperar que Jin se manifestasse S/n levanta vôou até a cidade, ela sabia que Tae estava em perigo e isso envolvia Lucinda.

Todos no palácio estavam surpresos pela a imagem em que Jennie tinha se transformado, uma pessoa totalmente diferente, somente com alguns de seus traços.

Tae estava assustado e temia pelo o que podia acontecer, ele estava com medo.

Jennie- SE VOCÊ NÃO SERÁ MEU NÃO SERÁ DE NINGUÉM!- Ela levantou Tae no ar.

Tae- J-Jennie? O-oque aconteceu c-com você?

Jennie- Você que escolheu isso Taehyung- No momento em que Lucinda lançaria um feitiço fatal em Taehyung.

A vidraça se quebrou e apareceu a imagem de S/n, todos ficaram de boca aberta não entendendo o que estava acontecendo, Taehyung não estava diferente, ele não estava acreditando que aquela linda fada, que ele pensou que eram somente lendas, só que pelo visto não são, e ela era sua grande amada.

S/n- Solte-o Lucinda!- S/n a lança longe com seu poder.

Tae- S/n- Ele susurrou baixo mas parece que sua amada ouviu pois deu um pequeno sorriso para o mesmo.

Lucinda- Pelo o visto o imprestável do seu irmão não fez o trabalho direito- Ela diz enquanto se ergue no ar- Mas nada que eu não possa terminar- Dito isso ela lança seu poder em direção de S/n que a mesma desvia.

Todos presentes ali começam a correr buscando por proteção, Tae ainda estava a encarar aquela cena, desacreditado.

S/n- Tae se proteja!- Foi como um alerta pois assim que ouviu a doce voz de sua amada o mesmo correu em busca de proteção.

S/n estava com toda sua raiva a flor da pele, ver Lucinda prestes a matar seu amado a deixou no extremo da íra.

S/n voltou sua atenção para a bruxa em sua frente, a mesma sorria vitoriosa para a mesma.

Lucinda- Você pensa que é boa o suficiente para me enfrentar?- Riu alto- Bobinha você, eu sei que não está pronta meu amor, desista você nunca vai conseguir me derrotar.

S/n- Isso é o que você pensa- S/n faz uma grande bola de fogo que é jogada contra Lucinda, mas antes mesmo de a acertar, Lucinda desaparece.

Lucinda- Proncurando por mim?- Não deu tempo de S/n se virar para sentir o baque em suas costas e ser jogada contra a parede que acabou por rachar.

Tae- S/N!- Ele saiu de onde estava.

Naquele ponto ele não se importava em se proteger e sim em como sua amada estava. Ele saiu em disparada de onde S/n caiu e se abaixou pra ver como ela estava.

Tae- Meu amor! Você está bem?- S/n abriu os olhos encarando o mesmo.

S/n- ATÉ CUIDAD...- Não conseguiu terminar, ele ja tinha sido atingido pela magia negra de Lucinda.

S/n ao ver a cena de Tae caindo desacordado fez sua raiva aumentar mais e mais, ela voltou ao ar e partiu para cima de Lucinda começando uma luta corporal no ar.

S/n estava fora de si, lutava com toda a sua fúria, queria proteger seu amado mas do modo com que estava lutando não iria conseguir.

Lucinda conseguiu a afastar, S/n ainda estava com muita raiva mas ela estava esgotada, ela ainda não estava pronta para enfrentar Lucinda e acabar com ela.

Lucinda- Eu não disse? Você foi burra por pensar que poderia me derrotar- Ela fala se abaixando onde S/n tinha sido jogada- Finalmente irei acabar com você e tomar o mundo para mim- Quando Lucinda estava pretes a matar S/n ela foi jogada pra longe.

S/n olhou em direção de onde veio o poder e viu Namjoon com seu cajado, com sua habilidade ele trouxe S/n e Tae até ele os levando para longe dali.

S/n sabia que agiu pelo impulso que a raiva lhe causou, e que agora poderia causar consequências, não só para ela mas para todo o mundo.

S/n POV:

Namjoon- No que estava pensando S/n?! Você tem noção do problema que causou?!

Ele grita comigo assim que já estavamos na casa de Jin, eu ja havia colocado meu traje e Tae estava no quarto de Jin ainda desacordado.

Eu- Eu sei que errei Namjoon! Mas Taehyung precisava de mim! Ele estava em perigo!

Namjoon- Agora o mundo está em perigo! Na verdade ja estava! Mas não achei que seria tão cedo assim! Você agiu pela raiva S/n! Agora Lucinda está solta no mundo dos humanos!

Eu- Para de me culpar Namjoon! Eu não consegui controlar desculpe!- Falo derramando lágrimas.

Um silêncio se estende pelo local, eu sei que errei mas não consegui controlar, minha raiva foi imensa e só pensei em salvar Tae e agora Lucinda está a solta no mundo dos humanos, e não irá demorar para que chegue ao mundo encantado.

Jin- Pegue leve Namjoon, S/n errou esta certo, mas ela agiu sem pensar para proteger quem ela ama, tenta compreender.

Namjoon- Mas você sabia que não estava pronta S/n! Ela poderia ter te matado! E estaríamos todos mortos a essa altura!

Eu- Da pra parar por favor?! Não me deixa me sentir mais culpada ta?! Não deveria estar preocupado comigo e sim com os humanos!

Ele respira fundo, dava pra ver sua raiva, ele está certo, agi movida pela raiva e acabei trazendo o problema cedo demais.

Namjoon- Tudo bem, Jin me ajuda a fazer uma barreira, pelo menos irá impedir que Lucinda chegue aqui tão cedo- Jin assentiu e vi eles saindo pela porta.

Eu sei que errei, mas sendo sincera? Não me arrependo tanto, meu objetivo era salvar o Tae e ele está aqui comigo, mesmo desacordado ele está aqui comigo, sei que logo ele irá acordar e irá fazer perguntas, e não vou ter outra saída a não ser falar a verdade.

Tenho medo de como ele irá reagir, se ele ficar assutado e não querer ficar por causa disso? Aish, acho que vai ser mais difícil do que pensei.

Estou com medo do que Lucinda pode estar fazendo a essa altura com os humanos, eu acabei trazendo o problema cedo demais, eu ainda não estou pronta e hoje foi a prova disso, eu tenho que aprender a controlar a raiva e ser mais confiante, só espero que isso não demore.

Continua...?


Notas Finais


Voltei gente, mais uma vez peço desculpas pela demora, e obrigado por compreenderem❤AMO VOCÊS❤

Não saiu como pensei que sairia mais esta ai, sinceramente? Esse capítulo está ruim, mas mesmo assim quero saber a opinião de vocês.

Caso queiram me seguir= @Kpoper_VidaLoka

Desculpa qualquer erro e até o próximo👐❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...