1. Spirit Fanfics >
  2. Amor entre dois mundo xiumin (exo) baekhyun (exo)abo >
  3. Capítulo 03

História Amor entre dois mundo xiumin (exo) baekhyun (exo)abo - Capítulo 3


Escrita por: e KaoriOkey


Notas do Autor


Olá caros leitores voltei com mais um cap como estão

Estão se cuidando espero que todos estejam bem boa leitura ❤️😘

Capítulo 3 - Capítulo 03


Fanfic / Fanfiction Amor entre dois mundo xiumin (exo) baekhyun (exo)abo - Capítulo 3 - Capítulo 03

Guardo o celular em minha mochila, uma dor toma conta de meu corpo me fazendo me encolher por um instante. Sinto olhares sobre mim, não preciso de muito para saber do que se tratava. Meu cheiro estava cada vez mais forte. Me levanto de minha mesa e vou de encontro ao professor.

- Professor, eu não estou bem. É meu primeiro cio, posso me retirar? - Pergunto um pouco sem paciência.

- Pode não, deve. Tá difícil até para eu controlar meu lobo. - O mesmo diz desviando seu olhar.

Ando apressado meus passos até minha mesa, não enrolo para guardar minhas coisas. Eu precisava sair daqui o quanto antes.

Enquanto ando pelos corredores, me vejo em frente à uma multidão. O que me faz tropeçar em meus próprios pés. 

Ômega, betas e eles... Os alfas. Estavam todos em minha frente me olhando, eu sabia quem eram. Matilha rival de appa, sabia também que deveria manter distância dos mesmos. Olho nos olhos do líder da matilha, tento demonstrar confiança, mas sou detida por minha loba que se encolhe em um jesto de medo. Descido passar e ignorar tudo ao meu redor, mas sou impedida por alguém ou melhor. Por ele

                  SUHO ON

- Onde vai alfa? - Diz o mesmo ainda seguranças meu corpo - Seu cheiro é uma droga

                  SUHO OFF

                     WU ON

Sinto sua cabeça se abaixar aproximando seus lábios de meus ouvidos.

- Docinho, da vontade de soltar meu lobo. 

Não precisava o olhar para saber que um sorriso se formava em seu lábios. O que me irritava profundamente.

- Sai da frente, idiota - Falo entre os dentes.

- Mostrando as garrinhas, lobinha

Suho me arremeça contra a parede, me fazendo sentir cada parte de meu corpo implorar por uma trégua. Ouço um rosnado conhecido que me faz sorrir. Era appa que agora ja se transformava em lobo em frente a todos.

                  KRIS ON 

Assim que minha pequena desliga o celular, saio do automóvel sem demora. Uma multidão de ômegas, betas e alfas se formava em frente à entrada da escola. Olho em meu relógio de pulso.

- Já era para ela ter saído - Falo a mim mesmo.

Não sabia dizer se era apenas preocupação de pai, ou meu lobo que estava inquieto. Contudo descido entrar e procurar pela menina. Uso minha audição apurada em uma tentativa de ouvir algum sinal de Wu. Sou surpreendido por um estrondo acompanhado de um grito de dor, era Wu. Eu tinha certeza.

 Corro ao seu encontro e vejo a mesma encolhida no chão. Sou tomado pela raiva ao ver o rosto de seu agressor, Suho. Sem pensar libero meu lobo, não importa o quanto Suho seja forte. Eu era mais, eu era único e eu queria esse desgraçado morto.  Ele e seus betas que ousavam tocar em Wu.

Avanço nos capachos de Suho que agora tentavam segurar Wu. Não demora para eu levar minha atenção ao beta que tinha uma face assustada.  Me aproximo do mesmo com o objetivo de o estraçalhar, mas sou surpreendido por Suho que se transforma em uma falha tentativa de me deter. 

Minha pequena se transforma em lobo e vem ao meu encontro desesperada. Mesmo em situações como essa, eu não conseguia deixar de não reparar. Sua pelagem branca era a mais linda já vista. Apesar de menor do que eu, seus olhos azuis eram sua prova. Eu era uma puro sangue lúpus. Assim como eu todos o a encaram admirados, um em um vão se ajoelhado em respeito à sangue puro. Inclusiva Suho que antes a intimidada e agora a temia. 

A lei da matilha é clara, uma puro sangue é intocável. Atacar Wu, é atacar tudo que as matilhas signfica aos lobos. 

Wu parecia não notar os olhares em sua volta, a mesma só demonstrava preocupação a mim.

Wu me apoia em suas costas, sem olhar para trás caminha em direção a porta. Os olhares ainda permanecem em minha menina. Sussurros se espalham pelo local, ainda posso os ouvir.

"Ela é uma puro sangue, ela é incrível."

"Sorte vai ter o alfa que a tê-la"

"Eu já ficava feliz em ser o Ômega"

Aquilo realmente me irritava, saber que um homem tocaria em minha menina.

Wu para por uns instantes, me pergunto o que a via de errado. Seu semblante tinha mudado... Era mesmo a Wu?

- Eu consigo sentir seu cheiro, seu medo

- Wu? Você, o que...

- Meu alfa appa, ele está aqui.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...