1. Spirit Fanfics >
  2. Amor feito de contrato - Imagine do Jungkook (BTS) >
  3. Chater: O Ignorado

História Amor feito de contrato - Imagine do Jungkook (BTS) - Capítulo 37


Escrita por: e Anjo_Celestial_


Capítulo 37 - Chater: O Ignorado


Fanfic / Fanfiction Amor feito de contrato - Imagine do Jungkook (BTS) - Capítulo 37 - Chater: O Ignorado

[Narração do Jungkook]

— Ninguém merece essa merda! — Eu digo, depois de ouvir da boca da professora o nome de Isabella, que ficaria fazendo dupla comigo durante o passeio em um dos templos mais conhecidos do Japão.

O mundo está tentando me fuder? Ele está conspirando contra mim o tempo inteiro!

Isabella, que estava no meio de um grupo de garotas, deu um pequeno sorriso ao ver que faria parceria comigo. Seus olhos se voltaram para mim, mostrando grande felicidade com o descobrimento da dupla. Falsa. É isso que ela é, não tenho dúvida de que Isabella subornou a professora para fazer parceria comigo, isso está estampando em seu rosto, ela sempre fazia isso quando estávamos juntos.

Por que ela não faria isso agora?

Estou me sentindo mal por causa de [S/n]. Minha ruivinha não tocou uma palavra comigo, nem sequer olhou para mim. Eu acredito que ela esteja irritada por causa do que aconteceu ontem à tarde, quando chegamos à pousada

Eu admito que eu fui um idiota, sem perceber que ela foi deixada de lado na história a partir do momento em que meu sangue ferveu e eu comecei a descontar toda a minha frustração na Isabella por anos e anos me deixando de lado. Não vou comente o mesmo erro novamente. Não vou me deixar levar pelas provocações de Isabella.

— Você não quer tomar outro soco? — diz Jimin, aparecendo ao meu lado olhando para a professora esperando que seu nome fosse chamado para que ele pudesse descobrir seu parceiro ou parceira. A voz de Jimin estava séria e mostrou um pouco de irritação.

Ontem, fui espancado por Jimin depois que ele viu S/n triste por tê-la deixado de lado. Jimin já havia deixado claro para mim que ele gosta dela e que ele não irá interferir em nosso relacionamento. Ele sempre estará nos apoiando, mesmo contra sua vontade, mas se eu hesitar e magoa-la, Park Jimin disse que faria qualquer coisa para tirar Ruiva de mim. Eu não vou permitir isso. Jimin me conhece muito bem e eu o conheço muito bem. Se ele pisar no meu calcanhar, eu vou bater nele, mesmo que seja contra o pedido da [S/n] — Para evitar de estragar a nossa amizade.

— Não cometo o mesmo erro duas vezes! — digo, vendo seus olhos me olharem, com uma expressão séria no rosto.

Ele está estranho hoje ...

— Eu acho bom! — A professora chamou o nome dele e o de [S/n] — Olha que sorte, parece que vou conversar bastante com a [S/n] — ele diz, me deixando e indo em direção de [S/n], onde estava localizado próximo a Charlotte.

— Idiota! — murmuro para mim mesmo — se você se tornar talarica, ficarei feliz em lhe dar um soco na cara, meu amigo — termino meu comentário.

— Se eu fosse você ficaria de olho em Jimin! — comentou Yoongi, parando ao meu lado.

— Por quê?

— Taehyung me disse que viu [S/n] e Jimin tomando café da manhã juntos! — ele explicou, me deixando confuso, já que não vi mal nenhum em tomar café da manhã com um amigo, e principalmente que a Ruiva o via como irmão.

Yoongi revirou os olhos e continuou a falar.

— Pare de se idiota, nas palavras de Taehyung, ele disse que os dois pareciam um casal, rindo, dividindo o bolo e entre outros. Pode ser que Taehyung esteja tentando criar o inferno para que ele possa se alimentar de tretas, mas, abra seus olhos! — Ele terminou o raciocínio — Jimin desde que voltou da viagem, andastes muito estranho.

— Pode deixar!

Yoongi acabou sorrindo, quando se lembrou de algo.

— O que foi agora? — perguntei, curioso com o sorriso.

— Isso me lembra sua briga com Henrique ... Hoseok tem uma boca igual de mãe!

Um flash veio à minha mente a partir do dia em que Henrique veio tirar satisfação comigo, no corredor da escola, por causa de [S/n].

"(...) Alias, eu não colocaria a minha mão no fogo por nenhum de vocês dois, espero que, um dia, vocês dois levem um arrastão de alguém que possa cuidar e tomar conta do coração daquela garota completamente. Ela é pura e doce demais para ter dois homens, um com atitudes totalmente egoístas, e o outro que atraí problemas para ela — Fala de Jung Hoseok (Chapter Nine: A briga entre Henrique e Jungkook. Revelações!)"

Lembro-me daquele dia, Hoseok parecia muito zangado e acabou repreendendo a nós dois.

Yoongi continuou a falar:

- É por isso que digo que quando ele joga praga, é quase cem por cento certo de que isso acontecerá. Deus me livre que um dia Hoseok bata seu dedo mindinho no canto de um armário e ele deseje que o mundo exploda, porque se ele desejar, o mundo entrará em colapso! — Acabei rindo desse comentário.

Eu tenho amigos muito loucos...

Narração de [S/n].

— Charlotte, você tem certeza de que ignorando-o o dia todo, ele virá atrás de mim? Eu me senti mal por Jungkook falar comigo e eu nem sequer responde-lo — Eu questionava a Charlotte pela quinta vez, e ela iria me dar a mesma resposta pela quinta vez.

— Jungkook é o tipo de homem quando ele está apaixonado, virá muito grudento. Se ele não vier atrás de você até o final do dia, isso significa que é uma mentira quando ele diz que está apaixonado por você! — ela comentou, sem olhar para mim.

De madrugada, depois que Jungkook foi para o quarto, acabei pedindo conselhos a Charlotte. Eu nunca pensei que faria isso, mas ela era a única pessoa acordada naquele momento disposta a falar comigo, já que Clara não estava com o celular ligado. Charlotte deu algumas dicas sobre como lidar com Jungkook, e um delas era ignorar ele o dia todo.

Eu posso estar sendo a pessoa trouxa do mundo por ouvir uma garota que até recentemente estava praticando bullying comigo, mas também estou chateada com Jungkook. É a primeira vez que sinto uma decepção em relação a uma pessoa que eu amo.

Não é isso que você sempre quis? Tem todas as experiências do mundo? Eu acho que é melhor ter cuidado com o que desejo para minha própria vida!

Eu olhei para Jungkook e ele estava olhando para mim, com uma expressão um pouco triste. Eu queria ir até ele e abraçá-lo, mas não pude escapar dessa ideia. Se a Charlotte estiver certa, ele virá me procurar à noite.

Ouvindo meu nome e o nome de Jimin como um par, eu o vi vir em minha direção com um sorriso. Acho que vou conversar com Jimin para ver se essa ideia é realmente boa. De fato, tive essa oportunidade pela manhã, quando ele me convidou para tomar café da manhã e conversou comigo sobre a confusão, tentando me acalmar e com que eu não fizesse nada com que eu me arrependesse no final.

Realmente, ele é um anjo em minha vida!

— Jimin — eu sorrio para ele.

— Olá, meu anjo moreno! — Jimin beijou minha testa — vejo que você está se tornando amiga de Charlotte. Isso é um pouco de contradição. Clara não terá ciúmes dessa amizade?

— Clara está me dando um gelo, desde que fiquei aqui com a Charlotte — falo, olhando para Clara, onde se encontrava IU e Henrique na companhia dela.

— Talvez ... fique com ciúmes ou pense que você nem deveria estar falando comigo pelas coisas que sofreu nas minhas mãos.

— Se assim for, ela não deveria estar conversando com IU — Jimin e eu rebatemos juntos, tendo o mesmo raciocínio deixando Charlotte um pouco assustada.

Eu olhei para Jimin e Jimin olhou para mim, com as respostas semelhante, fizeram nos fez rir.

— Charlotte, com quem você vai fazer dupla? — questionou Jimin, mudando de assunto.

— Com aquela praga lá! — ela apontou na mesma direção que Jungkook estava, já que ele estava acompanhado por Yoongi — De todos os meninos, ele deveria ser a última pessoa no mundo que eu gostaria de fazer um dupla, minto, o penúltimo, o último é Taehyung, essa bicha fofoqueira e bastarda!

Ela não gosta dele? Espere, Taehyung foi perturbar a vida dela? Sobre o que os dois conversaram?

— Pessoal! Vamos pegar o ônibus!!! — Berrou a professora.

(...)

Olhando para todos os detalhes da beleza do templo, Jimin parecia muito distraído com a paisagem do lugar. Eu não lhe julgo. Realmente a jardinagem do lugar é perfeita

— Jimin? — chamo ele, vendo-o tirar uma foto do templo com o celular.

— Aconteceu alguma coisa? — Ele olhou para mim com um olhar confuso.

— Gostaria de uma opinião sua sobre algo.

— Pode me dizer.

Sentei-me em uma pedra que não era tão alta e tentei encontrar forças para dizer o que estava fazendo com Jungkook.

— Eu queria saber se você acha que é bom ignorar Jungkook até o final do dia para ver se ele vai me perturbar até eu falar com ele ... — perguntei a Jimin, e pude ver uma expressão assustada em seu rosto.

Eu sabia que poderia ser uma má ideia ...

— De quem foi essa ideia?

— Foi a Charlotte ...

— Posso ser realista com você? Até que  é um bom castigo, já que o soco não foi suficiente ontem ... — Ele coçou a nuca, um pouco constrangido

— Então, essa teoria de Charlotte funcionará, se ele realmente estiver gostando de mim?

Jimin fez uma cara pensativa. 

Na outra vez, Jimin me deu ótimos conselhos e, graças a ele, Jungkook e eu acabamos tornando nosso relacionamento oficial na frente de todos. Então, eu tive que pedir mais uma vez para ele um conselho, para descobrir se é uma boa ideia ou não fazer isso com o Jungkook.

— Eu acho que você tem que continuar fazendo isso! — Eu olho para ele surpreso — Jungkook é muito amoroso, você pode ter certeza de que a cada hora que passa, ele ficará agoniado e com um fardo em sua consciência por ter feito isso com você. Ele vai transformar sua vida em um inferno até conseguir sua atenção.

— Eu não sei ... Se eu vou ser forte para fazer isso , sabe... Qualquer coisa que ele faz, me deixa um pouco boba e com o coração amolecido.

Eu olhei para Jungkook e ele estava sentado no chão enquanto Isabella estava o perturbando. Eu não sei do que ela estava falando com ele, mas Jungkook tinha toda a atenção no celular. 

Quando ele se sentiu está sendo observado, ele levantou o olhar bem na minha direção, eu virei meu olhar para Jimin, ignorando-o.

— Acho engraçado ver isso, mas é uma coisa muito ruim de se fazer. Não se deve brincar com os sentimentos de uma pessoa apaixonada ... Eles podem se machucar muito com isso.

— Compreendo.

Blip!

Meu celular recebeu uma mensagem. Quando abri, vi o número de Jungkook, ele havia me enviado uma foto minha, agora, sentada na pedra com uma legenda abaixo.

"A flor mais esbelta e encantadora deste jardim"

Jimin bloqueou o campo de visão de Jungkook depois de perceber que um sorriso involuntário estava aparecendo no meu rosto enquanto eu via a mensagem dele. Eu olhei para Jimin, eu podia sentir minhas bochechas queimarem.

— Você vai decidir agora — ele saiu da minha frente, depois de perceber uma expressão séria no meu rosto — Siga com a ideia de Charlotte ou dê um sinal para Jungkook de que você realmente não está chateado com ele. Você decide!

Eu olhei para Jungkook e ele estava olhando para mim com um de seus pequenos olhinhos curiosos querendo saber a minha reação depois de enviar a mensagem.

Blip!

"Por favor, pelo menos me dê um sorriso. É o suficiente para mim."

"Eu sei que você está chateada comigo. Com razão."

"Vou ter que dormir na porta do seu quarto novamente para conseguir outro abraço?"

O que eu faço agora?


Notas Finais


Eai? Se vocês estivessem no lugar da [S/n] iriam ignorar ele ou Não? Próximo capitulo vai ter uma leve confusão, fiquem no aguarde (Se não for no próximo, desse ser depois do Próximo hahahah)

Bjs, @ByunShiro


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...