1. Spirit Fanfics >
  2. Amor feito de contrato - Imagine do Jungkook (Respostando) >
  3. Descoberta do contrato

História Amor feito de contrato - Imagine do Jungkook (Respostando) - Capítulo 2


Escrita por: e RosalinaxSilva


Capítulo 2 - Descoberta do contrato


Fanfic / Fanfiction Amor feito de contrato - Imagine do Jungkook (Respostando) - Capítulo 2 - Descoberta do contrato

(...)

Clara: O que você vai fazer depois da escola? - perguntou minha melhor amiga, me acompanhando em direção ao armário.

- Gostaria de sair com você, mas meu pai está me chamando com urgência na empresa ... acho isso muito estranho ... - digo, e Clara concorda.

"Meu pai nunca me chama para falar sobre algo na empresa. Ele só tem tempo para cuidar da empresa, então o jeito que ele falou comigo no telefone parecia que algo tinha acontecido ..."

Clara: Isso é muito estranho ... - ela disse.

- Concordo ... Espero que seja algo relacionado ao desaparecimento da minha mãe ... talvez seja isso.

Clara: Pode ser - disse, abrindo a porta do armário para guardar o material.

Quando abro meu armário, simplesmente me afastei. Meu armário estava cheio de cascas de ovos, gema de ovo, folhas de papel higiênico rasgado e com algumas frases escritas "Vaca doente" "Cadela" "Cadela contaminada"

Eu suspirei profundamente.

Algumas garotas atrás de mim começaram a rir alto e nos deixaram.

Clara: Ei! Vocês, não acham que vai ser assim - peguei Clara pelo braço, impedindo-a de ir em direção às meninas para criar problemas.

- Não faça isso ... não importa ... - digo, segurando o choro.

Clara: Se você não começar a acordar para vida, essas garotas vão fazer um inferno até o final do ano ...

- Elas fazem isso desde o jardim de infância ... - murmurei baixinho.

Clara acabou suspirando e se agachou para limpar meu armário.

Alguns minutos depois...

Depois de me ajudar a limpar meu armário, Clara e eu fomos para a entrada da escola. Clara pediu ao pai para buscá-la na escola, hoje, por causa das compras do mês que eles iriam fazer.

Clara é de uma família muito humilde e é muito inteligente. Não é à toa que é uma das melhores da sala, causando inveja nos outros pais.

Clara: Tem certeza de que não quer uma carona?

- Eu aceitaria, mas James disse que já está por aqui perto. Se soubesse que você estava indo fazer compras com seus pais, eu tinha aceitado.

Clara: Ok ... cuide-se - ela beijou minha testa e entrou no carro.

Acenei para o pai de Clara, que retornou minha saudação com um sorriso e um aceno. E então eles começaram embora.

Enquanto esperava por James, ouvi risos vindos de trás do muro da escola. Curioso que sou, cheguei perto da entrada da escola e ouvi a voz das meninas que arruinaram meu armário pela manhã.

IU: bem feito para essa garota - Celebrada.

Charlotte: Eu acho que pesado com ela, você sabe que ela é filha do Sr.Park.

UI: Eu acho que não.

Eu suspiro profundamente e deixo ir.

Eu senti algo pegajoso cair sobre minha cabeça. Quando olhei para cima, havia três meninos jogando gema de ovo em mim, e as meninas pularam e começaram a filmar tudo com suas câmeras de celular.

Eu não tive nenhuma reação e fui embora, de cabeça baixa.

Enquanto eu me afastava, não demorou muito para James chegar e ver minha condição.

James: Senhorita, o que aconteceu?

- Não foi nada. Meus amigos pensaram que meu aniversário era hoje e tocaram uma peça em mim ... - forcei um sorriso e cocei minha cabeça.

James: Clara não é de fazer isso, ela sabe sobre sua saúde e não jogaria assim ...- Ele parou de falar e observou que eu estava contraída.

Eu estava olhando para o chão, com uma cara triste.

James suspirou e abriu a porta do carro e ligou o carro.

(...)

(Escritório do meu pai)

Pai: quem fez isso com você? Vou mandar o diretor suspender na hora! - Disse, me olhando sério e irritado ao me ver entrando no seu escritório fedendo a ovo.

- Já disse... foi engano. Eles me confundiram com uma amiga deles e deu nisso. 

Pai: Amanha mesmo, vou olhar as câmeras de segurança de perto da escola e - Eu o interrompi.

- Pai, deixe eles em paz... Não fizeram por mal, até pediram desculpas... Mas, enfim, o que o senhor queria conversar comigo?

Pai: Gostaria que você assinasse esse contrato, por favor! - Disse meu pai, tirando de dentro da gaveta, um papel e uma caneta.

Em seguida, ele levantou-se da cadeira e contornou sua mesa, para ficar ao meu lado. Ele deixou a caneta e o papel em minha frente. Como costumo confiar em meu pai, eu iria assinar o papel sem ler mas ele o impediu.

Pai: O que foi que eu lhe ensinei? Sempre leia um contrato, não importe o tanto que você confie naquela pessoa, sempre leia o contrato - Ele falou olhando nos fundos dos meus olhos.

Eu concordei e pequei o papel.

"...Este contrato refere-se a cinco anos de casamento para união de bens de ambas as famílias dos felizardos. Park S/n e Jeon Jung-Kook estará ciente das condições impostas (...)"

Quando li esse contrato, automaticamente, fiquei nervosa.

"Como o meu pai poderia ter me vendido desse jeito? O que eu fiz para ele?  Eu sempre fui uma boa aluna e uma boa filha, então, por que?"

Eu suspirei fundo e soltei. Assinei aquele contrato sem questionar nada.

Pai: Que estranho... pensei que fosse bater de frente comigo... Pelo menos sua reação foi melhor do que à do rapaz.

Eu me levantei da cadeira, e me afastei do meu pai, sem olhar para ele.

Pai: Não vai dizer nada? Apenas virar as costas para mim e ir embora.

- Kwan... A partir de hoje, não toque uma palavra comigo... você me deixou muito magoada...

Pai: Você verá que isso foi para o seu próprio bem...- Comentou.

- Não vou gastar minha saliva com você. Se eu batesse de frente com você, você mesmo iria assinar por mim, por eu ser menor de idade. Certo?

Pai: Correto... Muito bem. Essa é a minha filha.

Depois de escutar isso, sai do escritório dele sem ao menos dizer um "tchau". 

Dentro do carro, eu pedi para James levantar o vidro preto do banco de trás e ao fazer isso, eu cai no choro.

"Minha unica opção de escolha foi retirada de mim..."

 Jeon Jungkook

- Finalmente encontrei vocês - Digo, encontrando meus amigos Yoongi e Hoseok do lado de fora da escola.

Yoongi e Hoseok estavam rindo e olhando para tela do telefone.

Hoseok: Você perdeu, Jungkook! 

Yoongi: Aquela menina vai ficar uma semana fedendo a ovo - Disse rindo e batendo na mão de Hoseok, comemorando alguma coisa.

- Do que vocês estão falando? - Perguntei um pouco confuso.

Eles me mostraram a filmagem deles jogando bacias de gema de ovos sobre a cabeça da excluída da escola, S/n.

- Vocês acham graça nisso? Que patético.

Yoongi: Que mal humor ein.

Hoseok: Verdade.

- Não vou poder treinar com vocês hoje, porque meu pai quer conversar comigo.

Yoongi: Fez merda?

- Sei lá, vou descobrir agora! - Digo subindo na minha moto e colocando o capacete.

Yoongi: Cuidado pra não perder a forma. Anda perdendo muito o treino.

- Não se preocupe meu amor. Vou manter sim, para caso precise de comer mais tarde.

Os meninos começaram a rir e se despediram de mim.

Ao chegar em casa, me deparo com o meu pai sentado na sua cadeira, fumando um charuto.

- Então, velhote. O que você quer? - digo, jogando meu capacete sobre o sofá e, em seguida, as empregadas recolhendo rapidamente.

Pai: Boa noite, tô esperando você já faz mais de cinco horas. Se perdeu na rua?

- Nunca namorou? O que você quer?

Pai: Essa menina ...- rosnou - Enfim, seus dias de farra acabam hoje.

- Como? - perguntei confuso.

Pai: Arrumei um contrato de um casamento arranjado  pra você, então, você a partir de amanhã é um homem casado.

- Como é? Ficou doido.

Ele riu.

Pai: Foi a melhor coisa que eu fiz em relação a empresa.

- Usou drogas?

Pai: Me respeita menino - Aumentou o tom de voz comigo - Não tem o que fazer. Se você não assinar, eu vou tirar tudo de você. Você vive do meu dinheiro. Enquanto estiver debaixo da minha asa, vai obedecer e respeitar a minha ordem.

- Maldito - Eu assinei o contrato e joguei na cara dele - Espero que você morra entupido com esse dinheiro sujo! - Subi pro meu quarto correndo e comecei a quebrar tudo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...