História Amor Impossível - Fanfic Yuta (NCT 127) - Capítulo 70


Escrita por: ~ e ~chittaph0rn

Postado
Categorias EXO, Girls' Generation, Neo Culture Technology (NCT), Red Velvet, Super Junior
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, Chenle, Cho Kyuhyun, D.O, Doyoung, Haechan, Hyoyeon, Irene, Jaehyun, Jaemin, Jeno, Jisung, Johnny, Joy, Kai, Kim Ryeowook, Lay, Lee Hyukjae "Eunhyuk", Mark, Personagens Originais, RenJun, Sehun, Seulgi, Sooyoung, Suho, Sunny, Taeil, Taeyeon, Taeyong, Ten, Tiffany, Wendy, Winwin, Xiumin, Yeri, Yoona, Yuta
Tags Amor Impossivel, Bbxyuta, Imagine Kpop, Imagine Nct, Kpop, Nakamoto Yuta, Nct, Nct 127, Nct Dream, Nct U, Yuta, Yuta Nakamoto, Yuta Nct
Visualizações 186
Palavras 1.703
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 70 - Kris.


Fanfic / Fanfiction Amor Impossível - Fanfic Yuta (NCT 127) - Capítulo 70 - Kris.

~ Dois Dias Depois...

`` S/n On ``

Se passaram dois dias e a nossa viagem na China infelizmente acabou, passamos bons momentos nos quais todos foram fotografados e ficarão bem guardados em minha memória. Fizemos altas loucuras na China, passeamos bastante, depois que o Chenle e o seu Pai se acertaram tudo ficou ainda melhor, como eu disse, eu consegui transformar aquele coração de pedra em um belo coração de manteiga.

Hoje é segunda, e para a minha felicidade, vou voltar às aulas, ainda bem, eu e os meninos do Dream ficamos quase um mês sem ir para à escola, e você deve se perguntar... Como vocês passam de ano? Simples! Sempre quando faltamos desse jeito, tipo, um mês inteiro, a nossa professora passa uma prova com algum tema que ela passou enquanto estávamos presentes nas aulas, e depois ela avalia se ficamos de recuperação no bimestre seguinte, ou não.

Bem... Como chegamos da China às quatro da manhã, nós não poderíamos dormir de jeito nenhum, já que às nossas aulas começam às sete da manhã, com tolerância mínima de dez minutos de atraso. Então, como eu estava um pouco ansiosa para ir para a escola de novo, e rever a Irene, a Maria e a Vitória, assim como o Lucas também, eu já fui direto para o meu quarto tomar meu banho.

Mas antes, como prometi para as meninas, eu trouxe alguns presentes que eu só ia dar para elas mais tarde, arrumei as minhas malas, deixei tudo organizado e fui tomar meu banho, só que aí que eu lembrei: EU E YUTA VAMOS FAZER CEM DIAS EM QUE ESTAMOS JUNTOS! E agora? E o que dou para ele? Tem que ser algo original, qualquer coisa eu peço ajuda aos meus anjos, vulgo Vitória, Maria e Irene.

Liguei a torneira e esperei a banheira encher, enquanto isso eu não parava de pensar no que eu dou de presente para o Yuta, assim que a banheira encheu, eu entrei e fiquei lá por um tempo, o que no meu caso eu tinha de sobra.

[...]

Sai do banho pouco tempo depois, coloquei meu uniforme - foto acima - e arrumei meu material. Após isso, passei no quarto do NCT Dream para ver se eles já estavam prontos, bati na porta e ninguém atendeu, abri devagar, e percebi que os preguiçosos ainda estavam dormindo, se a Marina os encontrasse desse jeito, eles já estariam mortos, mas como ainda era seis da manhã, dava para eu me aproveitar um pouco da situação.

Peguei o celular de cada um, como eles confiavam em mim, e sabiam que eu não era dessas que fuçam a privacidade deles, eles me passaram a suas senhas, após desbloqueados, adiantei os celularem em uma hora, e coloquei eles de volta nos lugarem em que estavam, agora a Trollagem iria começar.

***

S/n: MENINOS, ACORDA!!! JÁ VAI DAR SETE DA MANHÃ! VOCÊS ESTÃO ATRASADOS... - menti, mas eles iriam acreditar.

Todos me olharam assustados, pegaram o celular e viram que o relógio estava marcando sete horas, S/n se aguentava para não morrer de rir com aquela situação.

HC: SUA IDIOTA! PORQUE NÃO NOS ACORDOU MAIS CEDO?

S/n: Virei pombo correio agora? Vocês tem um iPhone para quê? Para ficar de enfeite?...Ha... - segurei a risasa.

MK: Poxa S/n, você sabe que a gente demora para acordar!

S/n: Sorry Mark... HAHAHAHAHAHA! - não aguentei.

CL: O que você aprontou S/n? - disse o Chenle tentando por às calças às pressas.

S/n: SÃO SEIS DA MANHÃ SEUS IDIOTAS! - gritei.

JS: Não creio que você fez isso!

S/n: I'm a Bad Girl Jisung.

MK: Ela é bilíngüe ela - debochou.

S/n: Sou mesmo amore, agora estou aprendendo Japonês e Tailandês junto com o Yuta e o Ten, agora vou convencer o WinWin a me ensinar Cantonês.

RJ: Ela é convencida ela! - falou igual ao Mark.

S/n: Beijinho no ombro! - dei um beijinho no meu ombro esquerdo - mas agora vão se arrumar seus lerdos, já já eu passo aqui para ver como estão.

***

Saí do quarto dos meninos e voltei para o meu quarto, e me sentei na cama, e de lá pude ver a minha companheira de viagens sobre a minha mala, saí da cama e peguei a câmera, retirei o cartão de memória, com mais de quarenta mil fotos, é um exagero eu sei, mas a fotografia é uns dos meus dons, e coloquei no computador, assim que meu computador reconheceu o cartão, comecei a ver as fotos que eu tirei.

Tinha várias fotos desde o dia em que eu cheguei aqui na Coréia, eu vi a minha primeira selfie assim que eu pisei em solo Coreano pela primeira vez, e comecei a ver as outras milhares de fotos, estava batendo uma saudade desses momentos, mas eu os vivi como se fossem os únicos e meio que acabou sendo. Fiquei na frente do computador por uns dez minutos, já era seis e vinte da manhã, ainda tinha meia hora, quando meu celular vibrou, peguei ele e vi que eu havia recebido uma mensagem.

***

Xxxx: Oi S/n, sou eu o Kris, espero que não se importe que eu tenha pego o seu número com o Luhan.

adicionar ou bloquear - 'adicionar' novo contato: Wu *menor de três*

S/n: Não tem problema algum!

Wu está digitando...

KR: Eu te trago novidades!

S/n: Me diga qual é então.

KR: Estarei aí na Coréia pela manhã.

S/n: Nossa! O que te trás aqui?

KR: Bem...Você!

S/n: Hum... E o que pretende fazer aqui?

Wu está digitando...

digitando...

KR: Se não for muito incômodo, eu gostaria de sair com você!

Fiquei pensando, Kris Wu está me chamando para sair? Mas isso é errado, ele sabe muito bem que eu namoro, mas porque ele está fazendo isso?

S/n: Eu não sei...

KR: É por causa do Yuta? Não se preocupe! Não farei nada que você não queira, e aliás, vamos ir como amigos apenas, e o que tem de mal nisso? Não vai me dizer que você nunca deixou o Yuta sair com uma garota.

O Kris tinha um pouco de razão, eu já deixei o Yuta sair uma vez com o a Taeyeon do SNSD, mas eu sempre confiei no Yuta, sei que ele nunca faria algo de errado, mesmo sabendo que a Taeyeon gostava dele.

S/n: Okay Kris, você me convenceu, quando você vai chegar?

Wu está digitando...

KR: Ótimo! Estarei por volta das oito da manhã, estará ocupada esse horário?

S/n: Sim, tenho que ir para a escola.

KR: E pelas duas da tarde, você estará disponível?

S/n: Sim!

KR: Está combinado então, nos vemos amanhã.

Wu ficou Off-line.

***

Eu tinha acabado de marcar um encontro com o Kris, é isso mesmo? Mas só vamos como amigos, então não vejo problema, mas eu sei que o Yuta vai ver e ele não vai gostar nada disso, estou um pouco receosa em relação à isso, mas se o Yuta confia em mim, eu espero não ter nenhum problema.

Olhei no mei relógio, era dez para às sete, então, desliguei meu computador, peguei minha bolsa e fui para a Van, os meninos já estavam lá, o motorista deu partida e fomos para a escola.


~Quebra de Tempo, Chegando na Escola~


Cheguei na escola, e antes eu passei na sala da Vitória, para ver ela, estava com saudades, como a Maria é mais velha, eu teria que ir no terceiro andar, pois o segundo era os dos nonos anos até o primeiro, e o primeiro andar era do primeiro ano até os oitavos.

Então, como a sala da Vitória era no mesmo andar que eu, eu passei lá primeiro, como chegamos mais cedo do que esperado, porque geralmente os professores entram na sala sete e quinze, dava para eu ir vê-las de boa, cheguei na sala dela e ela estava lá.

***

S/n: VITÓRIA! - gritei.

V: S/NNNN! - ela veio correndo me abraçar.

S/n: Voltei sua louca!

V: Que horas isso, porque eu nem escutei nada!

S/n: Às quatro da manhã, vocês estavam dormindo.

V: E o que você trouxe para mim? - disse fuçando minha bolsa.

S/n: Está em casa, quando chegarmos eu te mostro! - ela me mostrou a língua - para de graça sua chata! Agora eu tenho que ir ver a Maria antes que o sinal bata!

V: Vai lá!

***

Me despedi da Vitória e fui correndo ver a Maria, agora imaginem uma louca correndo pelos corredores, quase atropelando várias pessoas que estavam pelo meu caminho, assim que eu estava chegando perto da sala dela, já dava para ver ela, pois ela estava conversando com umas amigas na porta de sua sala.

***

S/n: Oi Maria!

MR: Oi S/n! Como vai?

S/n: Eu vou bem, só passei para ver como estava, mas como está bem, vou embora!

MR: Ok - disse meio seco.

***

O que será que aconteceu com a Maria, ela está meio fria, será que eu devo investigar? Acho que sim, a Maria é minha amiga e eu faço de tudo para ver ela feliz, mas essa missão vai ficar para depois, fui correndo novamente para a sala, e sentei no meu lugar, assim que eu sentei a professora chega, seria meu destido me ajudando?

Vi o Lucas, que me deu um sorrisinho, fiz o mesmo, a professora nos pediu que sentassemos em nossos lugares, que ela já ia passar as atividades.

***

Prof: Pessoal, silêncio por favor, quero que abram os livros nas páginas 88 e 89, e S/n, Jisung, Jaemin, Jeno, Chenle e Renjun, vocês sabem onde devem ir agora.

***

E sim, realmente sabíamos, fomos para a sala dos professores, e lá já estava o Mark e o Haechan, com um lápis e uma borracha em mãos, sentamos na grande mesa que estava lá e a diretora nos aplicou a prova, que na minha opinião, estava bem fácil, mais do que eu imaginava até, quando ela deixou nós fazendo aquela prova até a hora de ir embora.

[...]

Assim que terminamos a prova, fomos liberados para ir embora, e assim fizemos, arrumamos os nossos materiais e fomos embora, mas iríamos almoçar na escola hoje, à pedido da Marina. Então, fomos para a cantina, chegamos lá e estava um clima bem estranho, e eu não sabia o que estava acontecendo, o que estava me deixando aflita, me sentei na mesa, onde estava a Maria de um lado, a Vitória de outro e na ponta dessa mesa estava o Lucas.

Fui com os meninos do Dream pegar o nosso almoço e nos sentamos na mesa, e para ajudar estava um silêncio, um indecifrável silêncio, eu tinha que saber o que estava acontecendo ali, aquilo não era normal...

Continua...


Notas Finais


Oi amores, me perdoem novamente por não ter postado o capítulo ontem, me perdoem mesmo.

Era para ter saído, mas não deu, eu saí com a minha mãe e cheguei em casa morta, pois eu já acordo cedo para ir para a escola de manhã, então, hoje para compensar ontem, vai sair dois capítulos♥

Espero que tenham gostado!

Comentem!

Beijos no Kokoro 😙
— @bbxyuta


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...