História Amor Impossivel - Imagine JungKook - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Bts, Jungkook
Visualizações 49
Palavras 2.811
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


VOCÊS SÃO A ANDREA MAS COM UM ROSTO UM DIFERENTE BJOS

Capítulo 1 - Boy in luv


Fanfic / Fanfiction Amor Impossivel - Imagine JungKook - Capítulo 1 - Boy in luv

-  Andrea você viu meu celular? - Carol pergunta e eu reviro os olhos, já era a terceira  vez que Carolina fazia essa pergunta em 10 minutos.
- Aii, meu Deus, Carolina quantas vezes eu vou ter que falar que eu não vi o seu celular, poxa, me deixa dormir - Digo me cobrindo com os cobertores e ela suspira.
- Você tá tão chata hoje!E nem adianta dormir mais porque só faltam 10 minutos para a nossa primeira aula.
- O quê?! - Digo me levantando rapidamente - Porquê você não me avisou antes? - Digo vestindo uma calça jeans que encontrei no chão.
- Eu, bem que tentei, mas você me ouviu? - Carol diz terminando de colocar um batom vermelho - Não vai tomar banho? - Ela pergunta me olhando com uma cara estranha e eu nego. - Mana, cê sabe que é hoje que a gente vai na empresa de Kpop né? - Ela diz e o meu coração sai pelo cu.
- Quê?! Aii, meu Deus, Carol me ajuda, por favor... - Digo largando a calça no chão e implorando.
- Que eu saiba, você não me ajudou a procurar o meu celular... - Carolina diz sorrindo fraco e eu engulo a seco.
- Carol, nós somos bffs desde os Estados Unidos, as duas nascemos lá, crescemos lá, estudamos na mesma escola, tamo juntas em Seuol, Paz irmã - Digo de Joelhos e Carol solta uma gargalhada alta.
- Vá vem, eu te ajudo a se arrumar. A visita é só no segundo tempo mesmo. - Carolina diz indo no nosso armário e pegando um vestido branco de renda até aos joelhos - Veste isso daqui, eu faço sua maquiagem.
- Porquê isso daqui? - Pergunto desconfiada, a própia estava usando uma calça social preta com uma blusa branca de ceda, porquê eu usaria um vestido branco. 
- Espera deixa eu consultar uma coisa... - Carol pega no seu celular e pesquisa algo no google, algo que eu não consigo ver -  Andrea muda essa roupa agora, bota algo mais escuro, tipo, um all star com uma blusa preta e um short...preto - Ela diz olhando para o celular e eu fico confusa.
- Sem chance que eu vou saír na rua assim... - Digo continuando a vestir o vestido branco.
- Eu demorei 3 horas pra bolar esse plano por causa de você, nem tente estragar - Carol diz me atirando uma blusa preta e um short preto. - Veste isso...agora.
50 minutos depois
Eu vou matar um ser humano chamado Carolina, eu não acredito que ela fez isso com o meu rosto. Ela fez uma maquiagem super dark, me fez um penteado horrivel e todo mundo tá me olhando de uma maneira estranha, eu mato a Carolina hoje, sem falta. Nem acredito que eu estou entrando na Big Hit com o rosto assim...E os Bts tão lá cumprimentando as garotas e eles vão me ver assim.
- Carolina eu vou no banheiro... - Digo depois de ter reparado que 3 garotas estavam rindo de mim, elas estavam absolutamente lindas.
- Tá, mas você sabe onde é? - Ela pergunta tirando uma selfie, vaca, ela tava divando e eu lixando.
- Sim ...- Digo saindo da fila correndo, felizmente eu tinha o vestido branco e uns saltos pretos na minha bolsa. Ando por uns corredores, depois subo algumas escadas e entro no primeiro banheiro que aparece na minha frente. Primeiro passo, retirar essa merda que eu tenho no meu cabelo e na minha cara, lavo o rosto com gel de mão, mesmo, depois lavo os meus cabelos, retiro aquela blusa preta e uso como toalha,depois seco os cabelos com o secador de mãos - Droga... - Digo depois de um fio de cabelo entrar na minha boca. Depois de secar os cabelos percebo que os meus cabelos estavam igual a juba de leão, é, talvez teria sido melhor eu ter ficar com aquilo na minha cabeça, retiro o short e retiro o vestido da mala e uma escova, esse é o lado bom de andar com escova na mala sempre, escovo os meus cabelos que são meio loiros e respiro fundo, mas sou apanhada de surpresa quando a porta abre, merda, dessa vez pode ter certeza que meu coração saiu pelo cu.
- Umm, esse é o banheiro da staff... - Um homem coreano de mais ou menos 28 anos diz sorrindo fraco.
- Jura?Pensei que fosse o banheiro feminino... - Digo sorrindo fraco e ele me encara desconfortável, foi aí que eu percebi que eu só tava de sutiã e calcinha. O homem me encara por uns segundos e sorri maliciosamente.
- Pensou? - Ele diz agarrando minha cintura, porra, odeio gente que conclui sem saber, moço, sem chance de algum dia eu me apaixonar por você...ainda mais com esse cheiro de bode que tá saindo da sua boca, você caga por onde?Pela boca ou pelo cu, que cheiro de merda.
- Já sei, você gosta de mim e veio aqui tirou sua roupa - Ele diz roubando um beijo meu e assim começou a minha luta de fazer aquele homem me largar, eu ficava empurrando ele mas ele continuava com os lábios grudados e como o azar corre em minhas veias alguém abriu a porta.
- Joy... eu encontrei... - Aii meu Deus, eu conheço aquela voz...fudeu...dou um pontapé nas bolas daquele homem e ele finalmente me larga. - O que é que você tá fazendo? - Era ele, Jeon Jungkook. O homem fica se contorcendo de dor e eu falo.
- Eu explico, eu estava aqui trocando de roupa e esse homem entrou aqui e me agarrou... - Digo cobrindo o meu corpo e JungKook suspira sério.
- Pera aí, não é bem assi... - Ele fala e eu dou outro pontapé com mais força nas bolas dele.
- Joy, você está demitido e você bota uma roupa decente e sai agora daqui - Jungkook diz batendo com a porta.
- Por favor, não fale sobre isso com ninguém... - Digo cobrindo o meu corpo e catando o meu vestido na bolsa.
- Eu disse sai daqui agora! - Jungkook diz antes de bater com a porta, qual é o problema dele?Filho da puta, eu fui agarrada, quase violada e ele me trata assim.
- Você me paga! - O homem diz gatinhando até a porta - Jungkook, espera! - Ele diz saindo do banheiro.
Visto o meu vestido branco e coloco uns saltos pretos, depois faço duas tranças de praia e faço uma make bem coreana, passado uns 15 minutos eu me olhei no espelho e percebi que estava linda, era como se eu fosse outra pessoa, nunca havia me sentido tão linda em apenas minutos.Saio do banheiro correndo porque senão iria perder a minha vez de entrevistar os BTS e eu preciso daquela entrevista para subir o meu grau escolar.
Desço as escadas correndo e quase tropeço e vou correndo até a Carolina.
- Aii meu Deus, menina onde você estava? - Carolina diz ofegante e eu sorrio.
- Tava no banheiro, porquê? - Digo sorrindo calmamente, tentando mentir mas ela não tava acreditado muito, mas se eu contasse pra ela agora, a garota ia surtar.
- Parece que o maqueador ou sei lá o quê do Jungkook foi encontrado no banheiro dando uns pega numa garota da nossa universidade e o Jungkook surtou, dizendo que ela é muito nova, que ele vai ligar pra policia e tals - Carolina fala e a saliva encrava na garganta e eu solto uma gargalhada forçada.
- Jura?Quem é a vaca que roubou meu Kookie? - Digo gargalhando forçadamente e ela me olha estranho e algumas pessoas também.
- Andrea? - Carolina diz e eu assinto - Você quer enganar quem? - Carol fala e eu pisco os meus olhos e rindo de nervosa - Quer dizer que você tava se atracando com o maqueador do JungKook? - Ela diz rindo e eu tapo a boca dela.
- Eu não estava me atracando,o senhor me agarrou e eu juro que eu tentei me soltar mas ele ficou me beijando e o Jungkook entrou no banheiro de repente, não foi culpa minha, além de que não tinha razão para ele surtar dessa maneira. - Digo falando rápido e envergonhada e Carolina ri.
- Quer dizer que meu plano deu certo mesmo? - Carolina fala e eu a encaro confusa.
- Que plano? - Pergunto e ela me interrompe.
- Xiu, Calaboca, a nossa vez chegou... - Ela diz me beliscando.

- Olá, tudo bem? - RapMonster pergunta e eu fico estática, você sabe aquele momento que você se apercebe que está frente a frente com uma estrela internacional, jesus, ele é muito fofo ao vivo, tipo, nem sei explicar.
- Sim, eu sou a Carolina e essa é a Andrea, nós somos da California e somos muito fãs dos BTS... - Carolina fala e eu encaro estupidamente surpresa, desde quando é que eu sou muito fã dos BTS?!VACA.
- Obrigado... - Jimin diz em inglês, aii gente, vontade de colocar num potinho.
- Ah vocês falam inglês? - Carolina pergunta, é impressão minha ou essa PUTA tá flertando com eles, Carolina e aquela história de Seung Jo é o amor da minha vida?
- Só um pouco...Sua amiga não fala Coreano? - Taehyung pergunta inocentemente e eu sorrio.
- Ah, eu falo Coreano, sim, mas eu só tou um pouco nervosa....Afinal não é todos os dias que os BTS tão bem na sua frente - Falei rápido e envergonhada e Carolina me fuzila com os olhos, na verdade eu nem sou muito fã dos BTS, eu sempre ficava fazendo batalha entre eles e os Exo, mas tenho que aproveitar a oportunidade, afinal, tipo, miga, eles são ricos, famosos...não!Eu não sou golpista mas pra falar a verdade uma amizade assim é tudo que eu preciso na minha vida nesse momento.
- Vocês gostam da Coreia? - Jin pergunta e meu coração amolece, eles são bem lindinhos ao vivo.
- Sim, por mim, eu moro nesse país pra sempre, isso daqui é um sonho... - Carolina ia falar e eu interrompo.
- Bom, eu acho melhor darmos inicio a entrevista então... - RapMonster diz um pouco sem graça. Já todos haviam falado mas Jungkook permanecia calado e com fones de ouvido, ele realmente ficou chateado com aquela situação.
- Sim claro... - Carolina diz pegando no seu caderno. - Andrea, você começa com 5 perguntas, de sua escolha e as perguntas não podem envolver vida pessoal e nem pode ser desconfortáveis. - Carolina diz e eu assinto.
- Bom, qual é o vosso tipo de comida favorita? - Pergunto pegando no gravador para começar a gravar e Carolina interrompe.
- Isso são perguntas pessoais... - Carolina fala e eu a encaro incrédula... 
- Tá, tá, o que você quer que eu pergunte?...Ah, já sei vocês preferem o chão deste piso ou do piso número 4? - Falo e eles soltam uma gargalhada, todos menos JungKook, já tava ficando irritada, eu estou fazendo uma entrevista e esse Son of a bitch, está me ignorando completamente.
- Err - Carolina resmunga - Okay, continue com suas perguntas...
- Carolina, desliga o gravador, por favor... - Digo e eles me olham confusa.
- Algum problema? - Jimin pergunta preocupado e eu assinto.
- Alguém pode me explicar o que tá acontecendo aqui, tipo, eu estou fazendo uma entrevista e esse garoto aqui na minha frente, não se designa a tirar os auscultadores, tipo, vocês poderiam ter um pouco mais de respeito, tudo bem que vocês são K idols, são maravilhosos, perfeitos, flawless, mas por favor eu peço um pouco mais de respeito pelo meu trabalho. - Digo um pouco séria e Jungkook tira os auscultadores e um silêncio pertubador se instala na sala.
- Simplesmente, eu não quero fazer a entrevista com você, tem algum problema com isso?Eu acho que eu tenho o direito de escolher o que eu quero ou não quero, não é... - Jungkook um pouco violento e eu o encaro, não sei porquê, uma vontade de chorar estava chegando.
- Porquê?... - Falo e ele fica calado - Por eu ser estrangeira e falar coreano com um sotaque diferente do seu?Por eu ter um cabelo diferente do seu, por eu ser eu não ser tão branca?Sabe o que isso é...Dis...Cri....Mi....Na...Ção - Falo limpando a lágrima que tava se formando em meus olhos.
- Espera, Andrea, eu tenho a certeza que isso deve ser um mal entendido, nós não temos problema nenhum com estrangeiros - J hope fala quebrando o silêncio e os outros assentem, como sempre menos JungKook.
- Deixa, que eu faço a entrevista...Nós não temos muito tempo restante... - Carolina fala se sentando e eu me levanto.
- Não, eu não quero mais entrevistar ninguém... - Falo não conseguindo conter as lágrimas que queriam saír - Ah e Jungkook...obrigada por me mostrar a realidade dos factos.
- Andrea, espera, isso conta para a nossa nota final, no final do semestre - Carolina fala se levantando sem graça.
- Andrea, ele é assim com todo mundo, desde hoje de manhã que ele está assim, não leve isso a sério, você já é a sexta que reclama do JungKook, só deixa ele no canto dele que depois passa - Jin fala me abraçando de leve, oh, doce Jin, queria que existissem mais pessoas como ele, eu sorrio e me sento.
- Obrigada Jin... - Digo sorrindo fraco...
- Pensava que o JungKook tava assim desde que encontrou o Joy pegando uma garota linda no banheiro... - Tae fala quase em um susurro mas por conta do silêncio na sala, consegui ouvir muito bem, Carolina percebeu e falou.Quer dizer que eu sou linda?
- Hum, Andrea, a gente só tem mais 8 minutos, você pode por favor parar de se lamentar e começar as suas perguntas... - Carolina fala me beliscando.
Então quer dizer que o JungKook está assim por causa do que aconteceu no banheiro, não queria me iludir mas também não sou lerda, pode ser impressão, pode, mas o povo escolhe sempre ir pelo caminho da ilusão, então segundo os meus cálculos, Jeon Jungkook está com cíumes de mim....EEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE...ou...pera aí... e se... O jungkook e o Joy têm um relacionamento e ele está assim porque ele pensa que eu roubei o homem dele...Minha nossa de Cristo...Já estava praticamente iludida....
- Andrea, a nossa hora acabou... - Carolina fala após terminar de fazer as suas perguntas e eu sorrio pálida, completamente distante, deixando todo mundo preocupado.
- Agora, eu sei, porque você me tratou daquele geito...olha estava esperando tudo,até que você estava com cíumes de mim...mas - Falo e Hoseok esconde a cabeça no pescoço de Jimin e começa a rir, RapMon olha para baixo tentando conter o riso e Jin tinha a mão na boca rindo - Gente o que tá rolando? 
- Com licença, o vosso tempo acabou... - Uma senhora de mais ou menos 45 anos, entra na sala e diz e nós assentimos.
- Bom, foi um prazer meninos, eu realmente gostei muito de conhêce-los e até a próxima....Se tiver próxima... - Carolina diz sorrindo,Carolina é tão linda que até eu me apaixono por ela, ás vezes, tinha olhos verdes, cabelos longos e negros, peitos grandes...enfim - Agora vamos, Andrea...

Após terminar a entrevista, Carolina e eu vamos para o pátio e pegamos um táxi para ir para a universidade, quer dizer saímos de autocarro voltamos de táxi e ainda temos que gastar o dinheiro que recebemos semanalmente, o dinheiro que já é pouco.
- Eu acho que o JungKook namora com o Joy. - Falei um pouco desconfórtavel, algo estava me incomodando, era como se eu estivesse com raiva do JungKook mas ou mesmo tempo sei lá...Carolina me encara e solta uma gargalhada.
- Andrea...Você é tão lerdinha... - Carolina fala deitando minha cabeça em seu colo, minha amizade com Carolina sempre foi assim, quando eu estava mal, ela deitava minha cabeça em seu colo e não falavamos nada, apenas ficavamos assim porque Carolina me entendia mais do que as pessoas pensavam, sabe sua irmã gémea que foi roubada por oitra família, Carolina é a minha. O resto da viagem foi silenciosa enquanto Carolina passava a mão em meus fios e eu ficava pensando em tudo que aconteceu e em suas palavras, se eu disser que não passou pela minha mente que JungKook poderia estar apaixonado por mim, mas isso era completamente impossível, ninguém se apaixona por alguém tão rápido, por mais que isso seria incrível, uma aventura amorosa com o JungKook, poderiamos correr em um dia de chuva das fãs dele e gritar eu te amo no meio de uma praia, fazer guerras de água...Aii credo, Andrea porquê você está pensando nisso?Você não gosta dele nem ele de você.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...