1. Spirit Fanfics >
  2. Amor incondicional -Pietra e Laís >
  3. Capítulo 33 - Jantar.

História Amor incondicional -Pietra e Laís - Capítulo 33


Escrita por:


Notas do Autor


Último capítulo que aborda o jantar , a parti do momento que voces ler este capítulo ja se prepare pois as coisas no lugar de melhorar vai ficar pior , ja estou avisando .

Capítulo 33 - Capítulo 33 - Jantar.


Autor - Esse capítulo tem um significado emocional para mim , espero que goste

💙💚

Capitulo 33

Acho que enloqueci , não tenho certeza de quantas vezes parei para respirar ou mesmo se estou fazendo direito , nem mesmo consigo me concentra .

Estou apenas num momento que não posso esclarecer fielmente o que passava em minha cabeça , acho cruel a maneira que me encontrava mais logo percebia que era natural .

Havia decidido apenas os beijos e a atenção e durante todo tempo a menina tentava incentiva nossas atenções para algo mais prático , nunca pensei que um beijo , um beijo pudesse ter auto índice de explosão

E por conta desta distração , nem percebia que estava ficando emocional

O momento era propício , era impossível não passa minha mao segurando firme a cabeça de fios loiros para não se afasta , meu braço apena a envolvia para não sai do beijo , mesmo que toda a cama ja esteja amassada por nossas voltas e idas , a gente sentia como se estivesse em apenas um lugar , no céu .

Eu sussurro mentalmente ajuda as estrelas , POR FAVOR , ME DEIXE MAIS CORAJOSA .

Era um momento secreto , nao quero que minha ingenuidade seja percebida pela loira , bem que Garnet disse : Estonteante , alegre e de humor negro .

A menina age como criança mesmo sendo mais madura mentalmente , ela é o que preciso para mudar a minha visão sobre a vida , pelo menos é o que espero .

Quero achar em Peridot , uma história que me complete

Quero ver na Peridot , algo que ainda está incompleto

Quero ser para Peridot , uma conquista

Vou ser para Peridot , a única pessoa que ela pode confiar

Pois , nada mais confirma o nosso relacionamento como naquele momento

Eu a abraçando , ela sobre meu corpo e meus beijos se misturando

todo o amor é doente ? Pois estou precisando de cuidados pois , "Nao estou bem" .

Lápis- Pery , pare um pouco

Aqueles olhos verdes , parece que esconde as palavras antes de ser dita

Lápis-preciso respirar , por favor

Apenas inclinei meu rosto para fugi um pouco dos beijos

Lápis- Eu sei que não pode falar , mais por você digo:Estou me sentindo bem

A menina rir pois tentei fazer uma imitação infantil

Lápis- Estamos a muito tempo , não deveriamos voltar ? Sua mãe deve está preocupada

Não , a única que pensa assim era eu , a menina nem se importa

Peridot- Min mã sabi [ Minha mãe sabe]

Lápis- Como sempre ainda é uma confusão entender suas palavras , mais acho que a festa não pode ficar sem o convidado principal

Peridot- iu ? [Eu]

Lápis- Também

A menina me deu um pequeno empurrão após entender que fiz uma gracinha

Lapis- Vamos ir , estamos a muito tempo no quarto

Mais a menina era uma caixa de surpresa , ela jogou seu peso para não deixa escapar

Peridot- NYAN VÁ [ Não vai ]

Acho que serei pressionada por ela , deveria me preparar ?

Ela pelo visto queria está ao meu lado e pouco importa a festa , mesmo que seja por uma comemoração .

Peridot passou por muitas coisas , quase sumiu , sofreu um acidente e ainda sofre por limitações .

Ver que está feliz , era um avanço .

Ainda lembro daquele dia , cada detalhe

O dia que a segui pelo corredo e peguei seu caderno perdido o devolvendo, quando fui descobrir quem era a pessoa que precisava de ajuda , era ela …

Ainda lembro das palavras de Garnet

----

-Oi , Sou Margarete … me chame por Garnet

Lápis-Você precisa de ajuda ?

Ela rir

Garnet-Não, mais ela sim … Ela está cansada pois acabou de vim da fisioterapia .

Tem como você a acompanhar até a sala e ajuda nas matérias pois ela estar com dificuldades motoras .

----

Parece que foi o início de tudo , o começo de minha história de amor

Mais , neste instante me encontro ao lado da menina ainda tentando entender o motivo de querer compartilha o tempo , comemorando até o mesmo ar que respiramos .

Ela é tudo o que preciso , o melhor projeto do mundo

Ela é minha garota , a única que transforma minha vida aos poucos

Lápis-obrigado por ser parte da minha vida , pequena loira

Isso Não era sorte , nem aza e nem é coisa do tempo

Era amor , era o momento que passo com ela e era o jeito de passa o tempo , ela era o meu melhor momento .

Lápis- Obrigado por fazer de mim a pessoa mais feliz

A loira apenas me deixa ainda mais presa

Peridot- Eu … E-u ... lapi [Eu , Eu , Lapis]

A menina rir

Então percebi o que era

Havia a pressionado e isso estava amassando a blusa da menina

Lápis- Desculpa

Percebi que ela tentou expulsa um pouco o abraço , foi uma pequena fuga para organizar o tecido mais como tudo era possivel , percebemos que sua blusa prendeu no botão de meu blase , foi uma vergonha ver como ela puxava e não conseguia se livrar , foi constrangedor .

Mais não foi ruin , tinha que fazer algo e tomei a atitude certa , afastei a menina mais antes do tecido prender com força ou ate mesmo danificar o puxei rápido e isso causou a perda de um botão

Lápis- Pronto , livre

Porém , vou ter que acostumar a vesti minha roupa com um botão a menos , deixa incompleto não faria falta .

Peridot percebeu e depois disso achei desnecessário usa aquela peça , resolvi levanta saindo da cama e assim ter facilidade e tirar a peça

Ou seja , Adeus look perfeito .

Lápis- Pery , vou tirar meu blasé , tem como você guardar para mim ?

Olhei para trás e vir que a loira saia da cama

Lápis-Não deixei voce sai

Disse brincando mais acho que ela levou a sério ja que suas sombracelhas se moveram para baixo

Mais , tem uma parte teimosa e enquanto vou tirando a peça para ser deixada protegida e não ter mais acidente , ela impediu

Foi derrepente , nem mesmo retirei todo o tecido e me vir sendo puxada pela menina

Peridot- Nyan , lapi bunita [ Não , Lapis bonita]

Lápis- Mais está Danificado

Bem , era apenas um botão

Peridot- Fica …

Lápis- Espere , você disse fica ?

Peridot- Lapi , fica migon [Lápis , fica comigo]

Me exautei , acho que ouvi ela falar uma palavra corretamente acendeu uma esperança

Lápis - Voce disse fica , pode dizer novamente ?

Peridot- fica ?

Lápis-Repete

Peridot- fica

Lápis- Meu céu , isso é um avanço

Não aguentei , mesmo com a relutância da menina a puxei para um abraço , estava feliz por aquele avanço , tirei o blasé aproveitando que a mesma me soltou e fazendo o mesmo que ela fez com o óculos , o deixei no chao .

Lado a lado

Não esperei por mais nada , queria mesmo ficar ali parada com ela sentindo o êxtase da felicidade me preparar para o envento .

Quero mesmo um dia ouvi ela falar meu nome corretamente e quando esse dia chegar , serei a pessoa mais feliz .

Lápis-Que tal voltamos ao jantar ?

Peridot segura minha mão

Peridot- Goxtho di Voscher [ Gosto de você ]

Lápis- Vamos ?

Era o certo , nao podiamos deixa que o tempo nos carregasse por desejos e momentos .

Terei calma e paciência pois mesmo que ela me motive a ir além do que desejo eu sei que nos duas tem que aproveitar a vida e aprender

Mais , por enquanto farei o certo

E o certo é cuidar da menina

Então não perdemos tempo antes de sai do quarto e segui pelas escadas

30 minutos com o decorrer da festa

Diana- Lápis , posso conversa com você ?

Estava sentada na mesa enquanto encaro Garnet dando um suco para Peridot beber

Lápis- Claro , pode senta e sou toda ouvido

Diana pega uma cadeira e arrasta bem ao meu lado

Diana- Você é uma boa garota , gosto da maneira que se aproxima de minha filha

Lápis- Prometo não me afasta

Diana- Nem deve , se fazer isso nos duas rola neste chão e depois te ameaço com um garfo

Lápis- impossivel

Diana- Porém , quero que meu filhote tenha tudo de bom , mesmo que signifique que ela tenha que crescer pois ela tem que virar mulher , você entende ?

Lápis- Mais como seria possível se ela está mais precisando de ajuda

Diana- Bem , não vou aceita mais um machucado na minha criança , ele é tudo o que tenho

Lápis- Espera , Peridot é uma mulher e …

Diana- Não , Peridot é meu beber .

Faço de tudo para protege-la , Garnet por si própria está ficando cansada e precisa volta a sua cidade

Lápis- Por que ?

Diana- Garnet é uma irmã , desde que Peridot era um feto Garnet jurou proteger , mais … Assim que voce apareceu o papel de Garnet foi passado para você e por esta razão quero deixa Peridot com você antes o pior pode acontecer

Lápis- Diana , tudo vai melhorar , você vai ver

Diana- Por favor , faça o que não fiz .

Eu não a cuidei do jeito certo e graças a isso ela foi parar no hospital , é minha culpa .

Nao era a obrigação dela me ajuda numa maldita receita de família , graças a mim ela se machucou e por conta disso virei super protetora .

Não confio em qualquer pessoa para a fazer feliz , mais quando fiquei sabendo que você desistiu de tudo para procurar eu senti que você era a pessoa certa , Lápis , em alguns dias Peridot vai ter que ir embora e quero que até lá você a faça feliz .

Lápis- Diana , por favor … isso é muita responsabilidade

Diana- Lápis , Lápis , você é a única

Lápis- Mais , ela não vai embora , né ?

Diana-Sim ,infelizmente voce ficará sozinha

Lápis- Porquê ?

Diana- No dia você irá saber , prometo de contar

Lápis- Não vou aceita fica sem a Peridot

Diana apenas riu antes de sai da cadeira

Diana- Ela sabe , infezmente ela sabe e eu sei que isso vai doer

Peridot pode mesmo me deixa ? Nao acho que seria possivel

Lapis-Não quero perder novamente , meu coração não iria suporta

Diana- PESSOAL , TODOS SE DIRIJAM PARA AS MESAS , O JANTA VAI COMEÇAR

Não sei o que houve no momento em que vir as pessoas se dirigindo aos lugares , queria acompanha-las mais sempre tem algo que me impede de segui outras pessoas , ver como Diana colocava Peridot com cuidado ao lado e ao mesmo tempo ver o quanto ela estava feliz , era outra emoção era algo mais difícil de entender .

Eu quero Peridot , mais não quero ser obrigada a está com ela , desculpe Diana .

Acho que farei o que aco que seja o melhor e não vou esperar Peridot ir embora para fazer ela senti-se bem

E agora com todos na mesa e eu sozinha num canto ira aproveitar o momemto

Diana- Lápis , você e minha convidada venha sentar na mesa principal

Tentei ignorar pois queria agi como uma humilde garota e não iria aceita ser tratada com superioridade diante das pessoas formais

Lápis-Estou bem aqui , pode aproveita o jantar

Diana-NÃO VOU SERVI A COMIDA SE NÃO VIM SENTAR NESTA MESA GRANDE , ENTEDEU ?

E naquele instante me vir cercada por olhares e antes que seja atacada por homens famintos tirei minha cadeira e a levei para a mesa grande onde estava Garnet , Diana e meu amor .

Diana- Finalmente , achei que teria que usar um garfo e acerta bem na sua cabeça para ser mais rápida , nao consegue entende que para mim já é da familia ?

Lápis- Me desculpe , nao quero incomoda mais também não quero parar no hospital por conta de um garfo

Diana- Se quiser eu arranjo um garfo mais ate lá quero você ao nosso lado

Lápis- Você é um doce Diana

Diana-Bem , prefiro ser uma torta de limão

Lápis- Essa é a sobremesa ?

Diana sussurra

Diana- O preferido de Pietra

Não deu para escapa pois senti obrigada a rir daquela mulher ousada

Autora: Gente , eu imagindo a Diana uma mulher duas caras , loira , olhos verdes e velha .

E vocês , como imagina a senhora Diana ?

Não demorou até a gente começar a se servi , a mesa era farta e sem contar que nem precisei sai do meu lugar para me servi pois alguns servos contratados começara a oferecer os pratos na quantidade adequada .

Era um bufe com direito a frios , doces , salgados e bebidas e como não quis ser mal educada tratei de legar um prato cheio , pois se estava num jantar seria para comer , estou errada ? Não iria fazer a desfeita .

Tudo estava normal , estava me fartando , claro que estava sendo educada mais queria pelo menos garanti a janta e o almoço na barriga .

De vez enquanto encarava Peridot e notei que sua fraqueza a atrapalhava comer corretamente pois mais derramava a comida na colher do que levava a boca e isso a irritava , Garnet ao invés de comer servia a comida para a loira e Diana apenas ria disfarçadamente principalmente quando ela me encarava e sabia que estava quieta porque Peridot estava perto de mim , era tão satisfatório .

Me senti numa familia , bem , como é ter uma família ?

Todos que conheci eu perdi , mãe nunca conheci e nem sei a verdadeira história pois meu pai sumiu antes mesmo que a pequena Laís saiba o que era vida .

Nao cresci entre pessoas , não tive o prazer de chamar irmaos e primos para aproveita uma véspera e nem mesmo consigo passa dias feliz wm meus aniversários .

Fiquei tão solitária durante a minha vida que ainda estou acostumando com pessoas desconhecidas .

Não quero me deixa leva por pessoas racionais , quero me deixa leva para a minha vida pessoas novas .

Diana- Lápis , gostando da comida ?

Lápis- Muito boa

Diana- Gostando de ser parte da minha família ?

Lápis- Claro , espera … Ser da família ?

Diana- Sim , Pietra espera isso e eu a darei como esposa de minha filha

Lápis- Não pense que quero

Diana- Não tente menti , eu sei que gosta da Pietra , ela me disse

Lapis- Como ?

Naquele momento olhei para Garnet e vir que ela estava disfarçando a conversa

Garnet- NÃO SEI DE NADA

Lápis- Acho que vou ameaça Garnet com um garfo

Todas começamos a rir da situação

Bem , esse momento não tem palavras para resumi , foi apenas … Estranho e fora do normal

Peridot- Nyan kelo [Não quero]

Diz a menina empurrando seu prato

Garnet- Peridot , não despreze o alimento

Diana- Lápis está aqui , vai ficar assim com ela te vendo ?

Hashtag suborno

Peridot- Mamã , Nyan [ Mamãe , não ]

Desta vez , a ação seria minha

Lápis- Pery , não precisa comer se estiver com vergonha , estou aqui para te ajuda se for preciso e se você parar de comer eu farei o mesmo

Digo empurrando meu prato mais assim que tirei a mao do talher Peridot não exitou a encher a colher e mesmo com sua mão não aguentando o peso ela levou ate a boca se alimentando .

Diana- Lápis , me ensine seu método de cuidar de Peridot

Lápis- Seja apenas paciente

Diana- Quem dera Peridot pudesse falar com a gente , né filha ? Com toda certeza diria seus sentimentos a Lápis

Garnet- Diana , parece que você quer mais a Lapis na familia do que a própria Peridot

Diana- Não fale por mim , mais Lápis tem a minha permissão

Garnet- Nao , quem escolhe isso é Lápis e não a sua fofoca

Diana- Isso não é uma fofoca , isso é verdade .

So olhar para elas , é amor jorvem .

Garnet- Pare se está convencida disso

Diana - Nunca , Peridot precisa crescer

Garnet- Então sua filha é uma imatura ?

Diana- CLARO QUE NÃO , PARE DE SER CHATA E REALISTA

Garnet- Falo porque sei , Lápis gosta da Peridot mais ainda é imatura para entender que o amor da Peridot é bem mais complicado que um simples romance

Diana- GARNET

Garnet- Pare apenas para olhar a sua filha , odeio quando a diminue

Diana-Se Peridot falasse ela ia concorda comigo

Garnet- ok , irei aceita o fato de Peridot gosta de Lápis , mais …

Lápis- Gente , estou aqui

Diana- Lápis , fala para Garnet que voce gosta da minha filha

Garnet- Lápis , fale para Diana que você ainda está aprendendo a amar

Lápis- Gente , por favor .

Assim vocês vai brigar na mesa

Diana- Quer saber , vou ignora a Margarete pois o jantar tem que ser perfeito

Garnet- Mais tarde a gente conversa

Diana- Sim , posso leva um garfo ?

Garnet- Sem garfo Diana , sem garfos .

Após tudo volta ao normal , quase normal .

Notei que Peridot tentava não mostrar suas limitações , ela evitava tremer mais sempre se atrapalhava com o prato e apenas o afastava para não cair .

Diana- Cade o óculos de minha filha ?

Diana jogou seu olhar para mim

Lápis- Bem , Peridot os jogou longe

Ouvi Garnet rindo de minha vergonha

Diana- Você estava com blasé , né ?

Lápis-Sim , sim , Fui obrigada a tira após um acidente com um botão

Diana- E Quem causou o acidente ?

Lápis- Foi apenas um descuido quando estava ajudando Peridot

Garnet- Vocês estava no quarto ?

Olhei para Garnet tentando entende qual era o jogo entre as duas , parecia aliadas tentando descobri meus segredos

Lápis-Sim , Peridot estava cansada e pediu para leva-la no quarto , foi apenas isso …

Diana- Como ? Apenas isso ? Eu conheço minha filha e ela é bem atrativa aos olhos inversos .

Ela é atraente , bonita e forte e você não quis aproveita um momento sozinha ? Você gosta dela ou é apenas amizade ?

E como um tiro , uma bala foi acertada em mim

Lápis- Eu gosto da Peridot , claro que sim mais não tem importância sobre minhas atitudes

Diana- Pelo menos se beijara ?

Olhei para Peridot

Lápis-NÃO , BEM , SIM … POR FAVOR NÃO ME PRESSIONE

Garnet- Diana , eu disse

Diana- Certo Garnet , você está 97 por cento certa

Garnet comemora , exceto eu e Peridot que apenas enchemos a boca de comida para evita liberar mais palavras

Diana- Lapis , voce ja transou ?

Não sei o que houve , cuspi a comida para o chão enquanto tentava volta minha respiração ao normal , aquilo não era pergunta que se faça para uma solitária , nem deveria ser assunto para um jantar

Diana- Não precisa responder , quero apenas um experiente com Peridot mais ao mesmo tempo acho ótimo uma primeira vez

Lápis- minha intenção não e tranza

Disse sussurrando

Diana- Querida , não sabe o que está perdendo

Durante alguns minutos a mesa ficou em paz , ajudei a servi Peridot e ao mesmo tempo lutar contra o olhar de Diana me cercando , que mulher complicada .

Peridot- lapi … [Lápis]

Ouvi a menina me chama

Peridot- mi judá [Me ajuda]

Não entendi o que ela disse mais vir que ela tentava pega sua colher após derruba sobre a mesa

Lápis- Tudo bem Peridot ?

Peridot- … Lapi , e-u …[Lápis , eu ]

Lápis- Calma , apenas respire e pegue a colher

Assim fez , devagar seus dedos segurou o objeto mais assim que teve forças para segurar com firmeza , seu braço esquerdo empurrou o prato para o chão fazendo toda a comida dizer um "oi" para a gravidade

Peridot- Nyan

A mesma abaixa sua cabeça irritada

Diana- desculpe Lapis , Peridot sofre por não controla seus músculos

Lápis- Não , tudo bem …

E vendo o constrangimento da menina decidi fazer o mesmo , fingi move meu braço seu querer e propositalmente derrubei meu prato

Lápis-está vendo , não é apenas a Peridot que está desastrada .

Garnet sabia da minha intenção

Garnet- cuidado Lápis

Diana apenas observa com precisão

Mais o melhor foi quando percebi que Peridot estava querendo rir de minha bagunça

Lápis- Pode rir Peridot , eu sei que é de mim

Digo fazendo mais gracinha e desta vez joguei o talher longe

E isso foi o auge para a menina

Sua boca se abriu e uma imensa gargalhada foi atração do público .

Todos parou para ver o que era e quando viu o que se tratava apenas riram junto e sem entender

Peridot-(Tosse) lapi [Lápis]

Sua risada ainda estava intensa mais era seguida por uma tosse a cada falta de ar e eufória

Peridot- Lapi , (Tosse) Voscher , Vo-Voce é tão engraçada. [ Lápis , (tosse) Você é tão engraçada

E neste instante quase infartei e todos da mesa ouviu o mesmo que eu

Garnet- Peridot

Diana- Você

Lápis-Falou comigo ?

E naquele momento a festa parou para ouvi uma resposta da loira que ainda não conseguia se livrar da tosse

Peridot- Lápis ?

Não estou louca , ela falou meu nome .

Levantei da mesa ainda encarando Peridot

Lapis-Repete

Peridot- Pare de me olhar , vocês estão estranhos

Tudo parou , música a conversa e o bufe

Diana- por favor , pare de brincar com coisa séria

Peridot- Mãe , minha garganta doi

Mais não sei o que houve , a tosse da menina ainda persistia incomodar

Lápis-Repita , fale o meu nome

Peridot- Lápis

E naquele instante a festa acabou

Diana-VAI TODOS EMBORA DO MEU JANTAR …

a mulher bate forte contra a mesa antes de olhar para Garnet sem evita um enorme sorriso

Diana- GARNET , LIGUE PARA A DOUTORA E FALE QUE É URGENTE

Lápis-Diana , isso é otimo

Eu não sabia se ria , chorava ou se esmagava Peridot num abraço

Diana- Lápis , muito obrigado por ser a razão de Peridot , obrigado por entrar em nossas vidas .

Lápis , tenha a honra de ser parte de nossas vidas , Lápis …

Lápis- Não fiz nada , foi ela por si própria

E entre mil sorrisos , sabia que parte da culpa pela recuperação era minha

   Estou muito orgulhosa por isso


Notas Finais


O capítulo está muito longo e por esta razão vou deixa para corrigi em dois dias , pois o envio em duas plagaformas de leitura e isso é cansativo .


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...