1. Spirit Fanfics >
  2. Amor lupino >
  3. Um dia nada fácil

História Amor lupino - Capítulo 23


Escrita por: e KarenCristina43


Notas do Autor


Oiiii gente, desculpa pela demora. Confesso que fiquei com preguiça Mas ok, isso já não é novidade aqui.

Bem fiz um capítulo grande pra compensar a demora, espero que eu consiga compensar.

Bem era só isso mesmo.

Boa leitura pra vocês 💕

Capítulo 23 - Um dia nada fácil


Diane On

Depois que Ellate saiu correndo, todos foram atrás dela. Porque Elizabeth fez ela chorar? A Ellie, é muito amável tenho certeza que nunca faria isso.

Tô achando isso muito estranho ou a Ellate é muito sensível? Não, isso não faz o menor sentido.

Mas desde que Ellate chegou, a Ellie está agindo muito estranha. Anda mais pensativa e afastada, será que elas estão brigadas? Ou a Ellie está brigada com algumas das meninas?

Bem, não me lembro se algo aconteceu, ah meu Deus! Melhor eu parar com esses pensamentos e ir atrás da Ellate.

-DIANE!-Escuto alguém gritando meu nome, olho em volta e vejo as meninas me chamando, vou até elas.

-Oi?

-Tá surda o carai? Chamamos você várias vezes e não escutou.-Fala a Elaine quase gritando, vish hoje a baixinha ta revoltada.

-Calma, tá de TPM?-Falo quase rindo, já a menor estava com o rosto um pouco vermelho de raiva. Eu sabia muito bem como irritar ela.

-Vou nem te responder

-Ta bom, mas porque me chamaram?

-Diane, não me diga que você esqueceu-Fala Merlin me encarando, parece que ela estava vendo todos os meus pecados.-Você sabe que dia é hoje pelo menos?

-Sim, hoje é quarta-feira dia 23. Mas porque?-Vejo as meninas baterem na própria testa, mas o que tá acontecendo? Estou entendo nada.

-Mas é lerda mesmo, meu Deus.-Fala a Elaine, sua cara não estava nada boa, o que já não é novidade. Essa baixinha vive revoltada com a vida, precisa de um macho.

-Ainda não entendi nada.

-Diane, hoje é dia da caçada !-Fala Merlin, que perdeu sua paciência comigo.

Pera...DIA DA CAÇADA? Como consegui esquecer disso? Eu sou muito lerda mesmo. Mas tem um problema...

-Cadê a Elizabeth? Ela tem que participar.

- Acho que ela também esqueceu, ainda com esses acontecimentos todos. Elizabeth anda muito estranha, desde do dia do baile.-Fala Merlin,Eu tinha que concorda. Algo aconteceu e a Ellie não falou nada, as vezes eu odeio quando ela esconde alguma coisa, até parece que não confia na gente.

-Meninas algo de errado não está certo, pra vocês terem idéia. Ela está até fugindo da gente e quando a prima dela chegou, começou agir com frieza.-Fala Elaine um pouco triste, é parece que nossa amiga sumiu. Não é a mesma.

-Verdade, mas bem meninas eu vou ligar pra Elizabeth quando eu chegar em casa. Porque pelo que tô percebendo não vamos conseguir falar com ela frente a frente tão cedo.-Fala a Merlin enquanto coloca seu cabelo pra trás, deixando seu pescoço visível.

-Meninas que horas vai ser mesmo?

-16:00 horas em ponto! Não pode atrasar.-Fala Elaine séria.- E o lugar vai ser no mesmo de sempre.

            
                            {...}

Horas já havia se passado e eu ja estava em casa já pronta. Não queria atrasar, só espero que a Elizabeth não falta.

Sinto meu celular vibrar no meu bolso do meu short, logo pego ele e vejo que era uma mensagem do King.

Não sei porque mas fiquei feliz com sua mensagem, lembro de quando eu passei meu número pra ele, para a gente combinar as coisas do trabalho de história.

"-Ei Diane, que tal amanhã a gente fazer o trabalho?-" Era a mensagem que King tinha madado.

"-Poder ser, depois da escola. Ai vamos pra minha casa bom?-" Respondo ele imediatamente, quando mais cedo fazemos isso, melhor é.

Vejo que ele respondeu só um "tá bom" e não ficou mais on, confesso que queria conversar mais com ele. Mas parece que ele não está tão afim assim, porque se estivesse teria continuado a conversa não?

Mas ele pode tá ocupado também, nunca se sabe. Talvez ele está com a namorada dele? Pera...

King namora? Agora tô curiosa, olha que eu nunca vi ele com ninguém.

Não sei porque só de pensar o King namorando me deixa, com raiva? E triste? Mas porque esse sentimento? Não faz sentido.

Paro de pensar sobre isso que já tá me deixando maluca e vejo as horas era 15:20. Meu Deus! Será que vai dá tempo? Tomara.

Pego minha pequena mochila em cima do sofá e saio de casa correndo, não estou afim de ver a Elaine brava.

                             {...}

Chego na floresta logo vejo as meninas estavam todas ali, putz até a Elizabeth que é atrasada não chegou tarde.

-Oi meninas-Fala um pouco ofegante, eu vim correndo não parei por um minuto. Vejo Elaine com a cara nada boa, fudeu! Elizabeth tava séria e bastante estranha e a Merlin...sendo a Merlin de sempre.

-Oi é o Caralho, não era pra atrasar! Deixei bem claro hoje.

-Calma Elaine, nem todo mundo consegue chegar no horário. Não viu que ela veio correndo?- Ah Elizabeth como te amo! Sempre salvando minha vida.

-Tá bom, mas só dessa vez. Estão prontas?-Fala Elaine sorrindo, ela adora esse dia.

Não sei porque não tem nada demais nisso.

-Sim-Responde eu e as outras duas.

-Então vamos.

A gente entra dentro da floresta e vamos andando no caminho que tinha as marcações, pra ninguém se perde.

Depois de tanto andarmos em silêncio, chegamos no lugar. Lá meio que um acampamento, com umas cabanas de várias cores e com nomes. O meu era laranja, da Merlin roxo, Elaine amarelo e Elizabeth Rosa. Mesmo a Ellie odiando rosa.

Tinha alguns adolescentes também e uns quatro "professores" com fichas na mãos.

-Meninas vão guarda suas mochilas e depois volta pra cá-Diz umas das "professoras" do local.

Então cada uma de nós guardamos nossas coisas e voltamos.

-Bem quero todos reunidos aqui-fala um homem, logo todas as garotas tava aqui. Em uma roda, mas apenas meninas. Aqui não participa meninos, não sei porque.

-Então vamos começar, pra quem não me conhece meu nome é Dreyfus. Eu vou explicar o que acontece pra quem é nova aqui, hoje é dia da caçada. Neste dia todas as garotas são obrigadas a caçar qualquer bicho indicado, por exemplo javali, veado e muitos outros. Mas primeiro vamos ter um grupo de quatro pessoas e esse grupo vai ter outro grupo inimigo, sendo assim uns desses dois grupos vão ter que pegar o animal primeiro. Mas só vai valer se pegarem eles em suas formas de lobas.Se trapacearem vamos ver através da câmeras que vamos colocar em vocês. O grupo vencedor vai ter privilégios.-Ele acaba de explicar tudo- Alguma pergunta?

-Dreyfus,  mas e se o grupo inimigo querer brigar? E se machucar?-Pergunta uma garota de cabelo verde.

-Bem você briga também, gente entendam. Isso é uma caçada! Não tem como sair daqui sem feridas, isso é pra treinar vocês, pra serem mais forte! Agora se preparam, daqui a pouco vamos começar e já façam seus grupos.-Responde ele, é isso vai da merda.

Depois cada menina vai pra um canto com seu grupinho já planejado, assim como eu vou com as minhas amigas.

-Gente só eu que percebi, mas mudaram um pouco a regra?-Pergunta a Elizabeth, até que fim a ela fala algo.

-Verdade Elizabeth, antes não podia brigar nem nada.-Responde a Merlin.

-Será que eu consigo me transformar em loba? Faz tempo que eu não faço isso. As vezes até esqueço que sou uma.-Falo enquanto arrumo minha maria Chiquinha.

-O que você não esquece Diane? Sua memória é horrível. -Fala Elaine, acho que ela tá brava até agora comigo.

-Nossa,Elaine tem coração não?

-Eu tenho, mas a função dele é bombeiar.-Diz ela nessa mesma hora Merlin e Elizabeth coloca a mão na boca pra segurar o riso, ok eu confesso que levei uma.

-Falo mais nada aqui.

-Acabou de falar-Agora foi a Elizabeth que disse, o que esse povo tem contra mim? Hoje só levo patada.-Brincadeira Serpente.

"Serpente" quanto tempo eu não escuto esse apelido que a mesma tinha me dado, só por causa da minha tatuagem na coxa. Acabo por sorrir, acho que Elizabeth está voltando ser a mesma diantes. Só queria saber o que aconteceu com ela.

-Meninas vamos, vai começar.-Fala a Merlin chamando atenção de todas nós. Logo voltamos pra aonde estávamos.

-Vejo que já criaram os grupos, por favor as líder dos grupo vem aqui.-Fala Dreyfus olhando cada grupo praver se tava tudo certo.

Eu e a meninas olhamos pra Elizabeth, logo ela olhou pra nós.

- Nem vem, não vou ser líder.-Fala ela fazendo não com as mãos.

-Vai logo cacete-Fala Elaine com seu jeito educado de da inveja.

A platinada revira os olhos demonstrando que não queria fazer aquilo e vai lá pra frente assim como as outras líderes.

-Vou entregar pra vocês o papel com o nome do animal que vão procurar e o lugar que cada grupo vai ter que ir. Mas tomam cuidado com seu inimigo!-Logo ele entrega o papel pra Elizabeth e ela vem correndo e mostra o nome do bicho.

Nós ia atrás de um Veado! Vish, esse é difícil. Na mesma hora nos transformamos em lobas.

Elizabeth era uma loba branca, sério ela é linda quando é loba. Merlin era uma loba da cor preto, e que loba! A Elaine era uma loba de uma cor amarelo claro. Eu era uma loba marrom, mas era uma cor claro.

-Elizabeth aonde é o lugar mesmo?- Pergunto ela, a gente conversava por telepatia.

-Perto daquele lago aonde a gente sempre nadava.

-Já sei aonde é.-Fala a Merlin

Assim nós saímos correndo, confesso que me sinto liberta quando estou na forma loba, era algo muito bom. Por mim seria loba pra sempre! Mas não posso as pessoas não deixam.

Elizabeth já não estava mais aqui comigo e as meninas, ela sempre foi a mais rápida de nós e a mais forte.

Depois de uns 2 minutos chegamos no local e Elizabeth já estava lá esperando.

-demoraram em?

-Elizabeth nem todo mundo é rápido igual a você. Mas consegui achar algum veado?-Pergunta a Elaine

-Se eu tivesse achado eu nem taria aqui-Ui agora quem levou foi Elaine.

-meninas sem brigar por favor-Merlin sem graça! Poxa só porque Elizabeth tá no ataque hoje.

-Gente...-Chamo as meninas

-A culpa é da Elizabeth-Fala Elaine

-Gente-chamo de novo

-Minha nada, você que é burra e faz pergunta idiota.

-MENINAS-Acabo me irritando, elas sempre me ignora.

-Oi?- Falam todas as outras juntas.

-To vendo um Veado, lá na frente.

-Vamos lá-Diz a Elaine alegre ,quando a gente estávamos chegando perto, mas claro com cuidado.

Duas lobas parece na nossa frente, fazendo a gente parar de andar e duas lobas atrás. Eu sabia que lobas eram aquelas, era Zeneli e seu grupinho de putas.

-Oras quem está aqui-Diz a Zeneli, eu odeio essa garota pode morrer. Escuto a Elizabeth rosnar, hmm isso vai ser interessante.

-Zeneli sai da frente, temos mais o que fazer-Fala a Elizabeth ficando frente a frente com ela,iiiii tô gostando.

- Ah sério? Aquele veado tem dona, e claro que sou a dona.- fala a nojenta minha vontade era de pular em cima dela e matar essa praga.

-Olha estou sem paciência, melhor você sair por bem ou eu vou ser obrigada a te tirar daí?- Será que é errado eu amar ver minha amiga tretando?

-Você não tem coragem-Zeneli começa a rir.

Olho pra Elizabeth e vejo seus olhos laranja, é hoje! Que a Zeneli apanha. Não deu cinco segundos e Zeneli já tava jogada no chão com a Elizabeth por cima, já mordendo ela.

E eu e as outras estamos como? Observando! Briga de líder ninguém entra no meio, é a regra da vida.

De algum jeito Zeneli consegue se soltar e usa sua garra e arranha a cara da Elizabeth, mais que puta! Logo a praga se levanta.

Elizabeth pula em cima da costas de Zeneli e usa a garra e encrava na costas da mesma sendo assim Zeneli acaba gritando e mas a Zeneli balança o seu corpo tentando tirar a Elizabeth de cima, mas acaba fazendo a platinada rasgar mais seu corpo. Mas logo por fim ela consegue tirar a outra de cima, podia se ver o sangue saindo da costas da Zeneli, e Elizabeth tava toda suja de sangue mas nem era o dela, era da Zeneli mesmo.

Os pelos das duas estavam completamente sujos, Elizabeth tava só com o rosto machucado. Mas a Zeneli tava pior. Ainda mais o ponto fracos dos lobos é a costas, já que é fácil pegar por lá e qualquer coisa lá deixa o lobo enfraquecido.

Quando me dou conta, Elaine e Merlin foi atrás do veado, e eu fiquei aqui com essas três lobas. Vou continuar aqui.

Zeneli de algum jeito conseguiu morder o pescoço da albina, mas Elizabeth usa a garra e finca na perna da outra. Com isso Zeneli se afasta, agora Elizabeth estava bastante machucada mas nada se compara a Zeneli.

-Diane!!-Escuto a Merlin me chamando, olho em volta mas ela não está aqui

-Fala escutando.

-Tira a Elizabeth daí, estamos com animal.

-Está bem!

Paro de olhar, logo entro no meio da briga quando Zeneli ia atacar a Elizabeth, consigo jogar a Zeneli longe acertando ela em uma árvore, olho pra Elizabeth que entende meu olhar.

Vejo a Elizabeth voltar ao normal, sendo humana de novo. Coitada estava toda machucada e pelada, logo ela sobe em cima de mim e corro dali indo ao encontro das meninas.

Sinto o sangue da Elizabeth escorrer até o meu corpo, mas não ligo. Confesso que a platinada foi corajosa.

                            {...}

Depois de um tempo finalmente chego na cabana dando de caras com as meninas, elas estavam preocupadas e já nas susa forma humana.

Elas tiram a Elizabeth de cima de mim e eu volto ao meu normal e logo entro dentro da cabana e coloco uma roupa. E pego uma roupa pra Elizabeth e ajudamos ela.

-Elizabeth, tu é louca! Porque fez aquilo?-Diz a Elaine na pura raiva.

-Vocês precisava que alguém distraía ela e eu era perfeita pra isso. E também queria bater nela.-Responde Elizabeth, depois do seu corpo ser curado e voltar sem nenhum machucado. Aquilo era o poder dela, sortuda.

-Olha confesso que adorei quando você fez aquilo, tu sabe que ela vai demorar pra curar né? Porque nem todo mundo tem os privilégios de Deus de se curar sozinho.-Digo fazendo ela rir

-Também não é assim, mas meninas já podemos ir embora?-Pergunta a Ellie já andando normalmente, nem parece que foi arranhada ou mordida.

-Sim, o Dreyfus disse que quando der ele fala mais sobre esses privilégios.-Responde Merlin que até agora estava calada.

-Então vamos

No outro dia..

Bem aqui estava eu, no portão da escola. Esperando o King, o que não demorou pra aparecer.

Não sei porque mas estou animada, meu coração está a mil aqui. Calma é apenas um trabalho certo? Espero que sim.

-Oi Diane-Fala o garoto um pouco tímido com o rosto vermelho.

-Oi King-Digo animada e começamos a andar, agradeço por minha casa não ser tão longe da escola.

O caminho era silencioso ele não falava nada e isso já tá me matando.

-Ei King, você namora?-Sim eu fiz essa pergunta, uai aprendi com minha mãe. Que se com dúvida em algo tenho que perguntar. Mas acho que não esse tipo de pergunta, mas ok.

- Q-que? N-não tenho-Ele fica muito vermelho, será que esse menino tá bem? Foi apenas uma pergunta e ele até gaguejou.-E v-você?

-Não namoro, ninguém me quer.

-Diane...

-Chegamos!-Falo quebrando aquele momento estranho, abro a porta e espero ele entra logo a fecho.-Me espere aqui em baixo, vou tomar banho. O meu quarto é no fim do corredor qualquer coisa é só me chamar.

-Ta bom

King On

Já fazia tempo que ela subiu e até agora não desceu, será que ela está bem? Vou lá ver.

Subo as escadas, mas paro..mulheres demora no banho né?

Desço as escadas, mas e se ela não estiver bem?

Subo de novo, mas e se estiver bem? O que eu faço?

Ah vou lá saber, o que pode dá errado não é mesmo?

Vou até no fim do corredor e bato na porta, mas nenhuma respota eu tive. Então eu abro ela.

-Diane tô entrando-Fecho os olhos e entro-Diane?-Chamo ela e nada. Então abro os olhos e ela não tava no quarto.

Então logo vejo uma porta se abrir e a Diane sai de lá enrolada na toalha e assim que ela me olha se assusta deixando a toalha caindo e sim...eu vi ela pelada!!!!!

-K-king!!-Ela pega a toalha de novo e enrola, viro minha cabeça pro lado.

Nem acredito eu vi a Diane pelada..eu vi uma mulher pelada, não acredito.

-D-Desculpa- Saio do quarto correndo e fico lembrando a Diane sem roupa.

E agora?








Notas Finais


Bem gente um momento de Kiane aqui né? Eu e a Thaís falamos que agora outros casais ia ter momentos aqui.

Desculpe se tiver algum erro.

Espero que tenham gostado.

E foi isso, bjs até o próximo capítulo 💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...