1. Spirit Fanfics >
  2. Amor Lupino >
  3. Uma Viagem Estranha

História Amor Lupino - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Este capítulo é o começo de uma nova vida para o professor, que vive em uma cidadezinha distante mas com uma realidade bem diferente que muitos pensam ter.

Capítulo 1 - Uma Viagem Estranha


Estava passeando pelas ruas pouco movimentadas de São Mapitú quando recebi a ligação. Estavam precisando de alguém que conhecesse a fazenda Morro Longe onde tinham instalado uma base do Exército a mais ou menos uns três anos.

Um Tenente chamado Rodrigo havia dito que recebera um chamado de emergência da base e que precisava chegar a ela com o máximo de urgência, pois, ela tinha sofrido um ataque.

Eu cheguei perguntar-lhe, por que havia me escolhido se haviam tantas pessoas que conheciam o local, a família que morava lá, os amigos que frequentavam, os trabalhadores e tantos outros que poderiam indicar-lhes o caminho, mas, ele disse que havia procurado alguns porém, não tinha encontrado ninguém, a família tinha se mudado da cidade e outros não tinha tempo para ir, eu era a única opção no momento.

Pensei em minhas opções e me veio à mente meu espírito aventureiro e no quanto eu gostava daquele lugar. Respondi-lhe que sim, eu o levaria na dita base Brasileira.

Saímos às oito horas em um comboio de cinco carros: quatro caminhões e dois jipes, levando quarenta soldados, oito cabos dois sargentos e o tenente Rodrigo. Ao todo éramos cinquenta e duas pessoas.

Enfrentamos muitas dificuldades no caminho, muita lama e muito barro, os motoristas se esforçavam muito para manter os carros na estrada até que chegamos.

Ao chegar, nos deparamos com a base arrasada. O Tenente conversou com o Major Tiago:

            - O que aconteceu com a base?

            - Sofremos um ataque na noite anterior! Criaturas monstruosas, fortes e selvagens invadiram a base e mataram quantos puderam. Perdemos mais da metade do contingente.

            - Que tipo de monstros era?

            - Ah! É melhor te mostrar do que te explicar! Vamos. Capturamos dois deles, vivos.

O major nos conduziu a uma trilha que dava atrás da base, onde havia um galpão e os soldados estavam assustados com o que acontecia lá. Tenente Rodrigo perguntou com os olhos arregalados:

            - O que está acontecendo aqui?

            - Estamos lhes dando o troco! Respondeu o Major, com um sorrisinho sinistro.

Estavam torturando dois monstros, uma espécie de hominídeos peludos e com dentes pontiagudos e enormes.

            - Lobisomens! Gritei.

 Tentei conter meu espanto e cheguei perto para ver suas reações. Estavam tentando os afogar, e no momento, percebi a necessidade de ajudá-los, pois, estavam sofrendo.

Peguei na mão do que me pareceu menos assustador e puxei até que sua cabeça ficasse fora da agua para que pudesse respirar, de início ele me mordeu, mas, ao invés de afoga-lo eu o puxei para fora da água e ao emergir ficou respirando com tamanho desespero, e logo depois, ele me fitou, enquanto sua respiração ofegante ia diminuindo, seus pelos penetravam em sua pele, seus dentes escondiam-se em suas gengivas e sua pele aos poucos tomando uma coloração de pessoa normal, era uma mulher.

Os soldados a tudo assistiam temerosos, mas, meus olhos brilharam ao ver tamanha beleza e ao mesmo tempo, pensava como nunca ninguém havia descoberto tal coisa.

Ela olhou para mim e segurou ainda mais forte minha mão, eu a tirei de dentro do tanque, ela me olhou intensamente por um instante e me abraçou. Eu me sentia um herói, não sabia mais em que mundo estava.


Notas Finais


Este Romance é muito bom, uma história fictícia, mas, o amor é real.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...