1. Spirit Fanfics >
  2. Amor não correspondido (Jikook) >
  3. Eu... sinto muito

História Amor não correspondido (Jikook) - Capítulo 61


Escrita por:


Notas do Autor


Hellouuu 👁 boa 👄 leitura 👁

Capítulo 61 - Eu... sinto muito


Fanfic / Fanfiction Amor não correspondido (Jikook) - Capítulo 61 - Eu... sinto muito

           {Kim Jong-in - Kai on}

Jimin de vestido? Uau.. pode apostar que por essa não esperava! Ele tava simplesmente.. perfeito! O vestido caiu tão bem e.. ele tava tão diferente das outras. Agora sim.. tenho certeza que o Ji é diferente de todas as outras pessoas . Ele é único e especial.. e eu quero ele pra mim    ... há pois quero... e é claro que vou tê-lo! 

Kai- Jimin.. tu estás um escândalo! 

Jimin- Obrigado Sr.Kai - sorri sem mostra os dentes e sai de lá o mais rápido possível - 

Kai- Hey Jim espera! - o sigo - O que vais fazer hoje à noite? Tás livre? - o olho sorrindo -

Jimin-To livre sim, mas..eu não estou com  disposição pra sair ou algo do tipo então se me der licença, tenho q servir os convidados! -sai-

Kai- Ok né...! - suspiro - Não gosto de ser ignorado Jimin... eu realmente não gosto disso!  - falo sério e vou ter com minha mãe - Mamãe

Jihyo- Oi filho..curtindo a festa? -me olha e bebe mais d’sua bebida (que era um simples e caro champanhe)-O que aconteceu? Pareces estar chateado com alguma coisa... o que foi?

Kai-É o Jimin.. parece q’sempre que tento me aproximar ou falar com ele, ele foge d’mim!

Jihyo- Ah? Ele foge? - me olha confuso -

Kai- Sim mamãe... ele foge e eu já não sei mais o que fazer! - a olho - E tu? Já o viste? Ele tá perfeito com aquele vestido... - sorrio bobo lembrando - Mamãe... eu quero ele pra mim! 

Jihyo-Calma meu filho, é claro que tu vais ter ele! Tu sempre consegues tudo que queres e dessa vez será igual! -sorri- O Jimin será teu! Há pois será, ou não me chamo Park Jihyo...

Kai- Assim espero mãe! E olha... - aponto - É o ministro! Vou lá cumprimentar ele - saio -

        (Enquanto isso com Jihyo)

Jihyo- Jimin! - diz um pouco alto e vai até ele que segurava uma bandeja de petiscos - 

Jimin- No que posso ajudá-la? 

Jihyo- Quero conversar contigo... a sós! - olha para as pessoas que tavam em movimento (dançando, cantando, bebendo, entre outros..) -Vai até o escritório estou te esperando! - sai e logo em seguida Jimin segue a mesma - Hm...

Jimin- Porque me chamou aqui Sra?

Jihyo- Senta-te! -aponta pra uma cadeira em frente à mesa e o mesmo senta -Quero que sejas 100% fiel e verdadeiro comigo... ok??

Jimin- Ah... sim?! - a olha confuso -

Jihyo- Jimin tu namoras? 

Jimin- Eu... - fica sem jeito -

Jihyo-É uma pergunta simples e básica..é só tu responderes! Sim ou não?! Hum..?

Jimin- Sim, eu namoro! - a olha sério -

Jihyo- E posso saber com quem? 

Jimin- Não gosto de falar sobre isso 

Jihyo- Pq não? É algo fácil de responder..

Jimin-Senhora acho que todo mundo tem o seu espaço privado! E este é o meu, então se não quero contar... é porque não quero e ponto final! Por favor não insistas mais nesse assunto 

Jihyo-Ah mais porquê?Porque não queres me dizer? - ri - Talvez porque.. tu e o Jungkook são namorados, às escondidas? -sorri de lado-

Jimin- Q-quê? - arregala os olhos - O que você está falando?É claro que eu e o Jungkook não somos namorados! Nós somos i r m ã o s! 

Jihyo- Irmãos que se beijam e transam? - ri - Que linda irmandade! Também queria ein 

Jimin- Senhora pare! - se levanta - Eu.. já disse que não tenho nada com o Jungkook! 

Jihyo- De verdade? - sorri ladinho -

Jimin-D’verdade! Então se me der licença eu vou indo!Tenho coisas mais importantes pra fazer... - sorri fraco e sai do seu escritório - 

Jihyo-Jimin Jimin..não sabes com q’estás te metendo... pelo meu filho eu faço de tudo! E se o sonho dele é ser feliz contigo... ele vai ser! Por bem ou por mal, ele vai ser... - sorri e sai -

           (Kim Jong-in - Kai off)

                {Park Jimin on}

Depois d’tanta espera,a cerimônia graças ao Santo G-dragon começou, correu tudo bem e agora o’convidados tão brindando, comendo,  dançando, bebendo, etc. Estão todos fazendo alguma coisa.. enquanto eu e a Hyuna estamos aqui na cozinha comendo e arrumando ela...

Hyuna- Hm... - tira mais um pão com bife come e volta a arrumar os pratos - A festa está boa... e a música também, só não gostei muito da família da noiva! Todas bem mal humoradas, e ainda por cima querem tudo, xe..-ri- Na carta meteram 5 bois e um carro Mercedes! - ri dnv - 

Jimin- Nossa tudo isso ksksks... -rio- Já ñ s’fazem mais cartas d’pedido com’antigamente - volto a beber o meu suco de maracujá -

Hyuna- Ixi fi "antigamente"? - ri- Tu és de que ano que estás a falar assim como velhos? 

Jimin- 1995 sou mais velho, me respeita 

Hyuna- Kkkk..eu sou de 1992 -termina de arrumar e se senta d’meu lado-Porque não vais lá fora e aproveitas a festa? Aqui está chato..ah e a Chaeryeong e a Yuna estão lá dançando...

Jimin- Não me apetece... hoje não to com disposição para ficar ao lado de muita gente 

Hyuna- Tá bom então... sociopata - ri - 

Kai- Vejo que já fizeste vários amigos Ji..- diz entrando na cozinha - Hyuna por favor..-dá um toque na mesma que sai logo em seguida - 

Jimin- Sr.Kai?! O que faz aqui na cozinha?

Kai- Ah desculpa... não posso mais entrar na minha própria cozinha?! -senta d’meu lado -

Jimin- Claro que podes mas... não te vejo muito aqui na... "área dos empregados"

Kai- Entendo.. - acena com a cabeça - Só vim te entregar isso... -me dá uma bebida- Vim apenas ficar contigo e te fazer compania...

Jimin- O-o que é isso?- digo com medo -

Kai- Apenas prove, vais gostar! 

Jimin- NÃO! - jogo o copo no chão - Eu... não quero! N-não... - me afasto do mesmo - Eu n-não quero.. p-pfavor nã..- começo a tremer -  

Kai- J-jimin.. c-calma! - tenta aproximar - 

Jimin- FICA AÍ! E-EU NÃ.. -começo a ficar tonto - N-não... quero... eu não.... não quero...

Jungkook- Jimin sabes onde está o... -diz sem olhar e logo percebe oq’tava acontecendo - Jimin... -fala assustando e vai até mim- O que  tá acontecendo?-lança um olhar mortal pr’Kai-

Kai- Eu só ofereci uma beb... - o corto -

Jimin-Jungkook..-pego no seu pulso com uma certa força e o olho um pouco fraco - 

Jungkook- Ok.. v-vamos Jimin, vamos..! - me leva pra nossa casa e me põe no sofá - Que aconteceu hm? -me entrega um copo de água-

Jimin- E-eu... - bebo a água - Não sei...

Jungkook- Calma, inspira e expira 

Jimin- O-ok... ok.. - me acalmo um pouco -Jungkook.. eu estava com medo.. muito medo e tu... não estavas lá para me ajudar... 

Jungkook- E-eu peço desculpas anjo.. eu sinto muito, muito mesmo!Mas que aconteceu? Me diz que eu vou lá partir a cara do Kai! 

Jimin-Ele não fez nada..apenas ofereceu- me uma bebida, então lembrei do.. barmen que  m’dopou e m’exaltei..comecei a tremer e achei que ele estivesse com más intenções... aí tudo voltou... - abaixo o olhar - E-eu não quero isso

Jungkook- C-como...?! Mas já há um bom tempo tu não tens esses "ataques"... e se a tua doença piorou? Já faz tempo que não tomas os teus remédios... deve ser por isso que piorou..

Jimin- Ainda não sabemos se piorou mas, se piorou mesmo eu..sinto muito, eu não quero voltar a te dar trabalho, tu já compras-te meus remédios e.. os roubaram..-digo me lembrando do dia que fomos assaltados-Não quero passar por tudo aquilo de novo... - começo a chorar - 

Jungkook- Ei.. ei amor calma... - pega nas minhas mãos-Tu não me dás e nunca me deste trabalho.. és o meu namorado e eu amo cuidar de ti! Não dás trabalho algum..-sorri fraco-E se voltares realmente com’as tremuras, tonturas,e etc, vamos passar por tudo aquilo juntos! 

Jimin- Juntos? - o olho esperançoso - 

Jungkook- Sim, juntos! - sorri - Ji... sabes que eu se possível daria o mundo pra você né? Tu és o ser mais precioso desse mundo... e eu.. já te fiz sofrer tanto que agora eu só sei amar... amar... e amar-te mais! Tu és tudo pra mim Ji...

Jimin- ... - sorrio com os olhos um pouco inchados e o abraço forte - Muito obrigado bê..

                {Park Jimin off}

           {Kim Jong-in - Kai on}

         (Uma semana depois...) 

Passou-se uma semana e o Jimin tem me evitado ao máximo e deve ser por causa do dia que o ofereci a bebida..mas não sei o porque d’ aquela sua reação, mas bom, o Jungkook disse para lhe dar um tempo, então estou fazendo! E já se passou uma semana.. hoje também será o  dia em que saberei de facto quem são o Park e o Jeon! Mas..do momento ainda estou em casa tomando o pequeno almoço com minha mãe...

Jihyo- Coma mais meu filho, coma... - tira mais um pouco de salmão d’seu prato e põe no meu - Coma pra ficar forte, pareces tar pálido! 

Kai-Hm..não to com muita fome, então se me deres licença -levanto,vou pra cozinha mas fico na porta pois a conversa dos empregados tava "digamos que" bem interessante ein... - 

Chaeryeong- Af sério isso Hyuna? Cê não vê que..agora que o Jimin e o Jungkook vieram eles são o centro da atenção dos patrões? -diz cortando a cenoura - Eu já to cansada deles e.. ainda mais do Jimin q’tava sempre colado com Kai, é uma quenga mesmo ein!Chegou à pouco tempo e já quer se tornar esposo do Sr.Kai..!

Yuna- Tenho que concordar! Mas se bem que o Jungkook não é tal mal assim.. ele é fofo, musculado, sério, é muito lind..-Hyuna a corta-

Hyuna- Yuna minha querida chega ok.? O Jungkook não é tud’isso e..melhor parares com esses pensamentos impuros, seu irmão não pd saber dessa tua "paixoneta" pelo Jungkook ok?

Yuna-Ah mas porque?A vida é minha e eu faço que quiser dela! Ninguém pode me parar.! E chega de falar d’mim, porque não falamos de ti, hum?? -olha para a mesma (Hyuna)- Não sei se sabes mas.. o Jimin e a Jihyo estão assim.. - junta os seus dedos indicadores - Eu achei que tu eras a "preferida" da senhora Jihyo mas tava enganada... ela te jogou no lixo assim que viu o Jimin. Aí aí... - começa a cortar a batata - 

Hyuna- O-o quê? E-eu não quero saber..- fala um pouco incomodada - Vamos parar com essa conversa fiada, e voltemos ao trabalho! 

Chaeryeong- A Yuna só disse verdades..- ri de lado - E cadê o Jimin agora? Deve estar lá com a Sra.Jihyo ou menos com o Sr.Kai! 

Kai- Uhum!-entro na cozinha chamando a atenção delas(as assustando um pouco)ponho a louça na pia, as olho e saio de casa indo para o local onde ia me encontrar com o meu amigo policial.. e logo chego - Chegaste cedo demais ou eu que atrasei? - o cumprimento - 

Xxxxx- Relaxa... cheguei mesmo à pouco tempo e toma.. - me dá alguns papéis - Aqui tá tudo sobre Jeon e Park, e eu tenho que admitir, eles são bastante interessantes ein... gostei!

Kai- Interessantes é? - começo a ler tudo -Hm nasceram em Busan,são melhores amigos e espera o quê? - arregalo os olhos ao ver uma frase - Isso daqui está errado!Aqui diz que eles são irmãos e namorados! Isso tá errado - rio -

Xxxxx- Errado? Rhum... - ri fraco - Jeon Jungkook típico bad boy que ficava com varias garotas, tipo... se um dia ele está com a Neide, outro dia ele vai tar com a Jubliscleuda e assim sucessivamente..mas tudo isso mudou quando ele soube que "seu melhor amigo" vulgo Park Jimin estava apaixonado por ele... - se apoia no seu carro - Park Jimin sempre teve ao seu lado desde pequeno... mas os pais de Jeon, digo.. a madrasta de Jeon não gostava de Jimin porque sabia que ele é filho do seu "ex-marido,ou seja,  pai d’Jeon e a mãe d’Park tiveram um romance quando novos e bom... acabaram tendo o Jimin e o Jungkook.E já que eram dois garotinhos..os separaram..! Por isso que o sobrenome deles é diferente! Mas bom..continuando, Jeon sempre foi rico e Jimin..pobre, mas um pobre que tinha condições sabe,e os dois sempre tiveram uma conexão forte e boa...!! Eles se encontraram na universidade..onde a amizade deles ficou cada vez mais forte, mass..sempre tem um mas né? Como disse Jeon era um bad boy e um "pitéu" para muitas garotas e também garotos... a ex-madrasta del’soube q’um garoto gostava dele e começou a dar lhe esperanças sobre Jeon... aí contratou dois rapazes pra acabar com vida do Park mas.. não é matar.. essa sem vergonha apenas queria se livrar de Jimin e sua mãe! Pra q’ela e a sua filha ficassem com todo o dinheiro do Sr.Jeon... mas isso acabou numa tragédia...

Kai- Q-que tragédia?

Xxxxx-Um dos garotos q’deu uma bebida fort’e pesada pra Park dormir foi preso. O outro foi morto por estuprar de Park (que também o causou graves consequências psicológicas..ele foi diagnosticado com a doença de Parkinson..) e o principal que estava apaixonado por Jeon... iludiu um carinha lá... fez um vídeo seduzindo o Jeon qu’quase caiu em seus encantos, colocou esse vídeo em um cinema lá em Busan aonde o casalzin tava e bom..ele fugiu do país sem mais nem menos! Nesse momento está em Orlando

Kai- Nossa.. -falo sem reação - Agora sim entendo o porque que Jimin ficou daquele jeito quando o ofereci a bebida...- digo baixo - Mas.. como o outro morreu? Alguém o matou? 

Xxxxx- Bom, como eu disse..ele estuprou o Jimin que se encontrava dopado.... e passava toda aquela cena ao vivo para o Jungkook! Aí... quando o Jeon chegou no local, ele partiu para cima d’garoto,o bateu demais,partiu os dentes, jogou cadeira,o socou com toda a força que ele tinha e..o fez desmaiar todo ensanguentado.. e bom, ele foi preso.Pois "praticamente" matou o garoto que se encontrava em estado crítico! 

Kai- E por quantos anos ele foi preso?

Xxxxx- Anos? - ri - Ele não foi preso 

Kai-Como assim?Nem ao menos uns dois anos? Ou meses? Ele matou um ser humano!

Xxxxx-Na verdade,o garoto que era bom.. digamos que "obcecado" por Jeon, pôs algo na seringa do que tava em estado crítico, e.. numa parte ele morreu assim.. e outra ele morreu por causa da grande porradas q’Jeon o adeu, mas.. o maluco é esperto...!! Ele fez algo que até hoje ninguém sabe, até mesmo o Jimin.. - me olha - Só o companheiro dele sabe, ou seja, seu pai!

Kai- O que ele fez?? - falo curioso -

Xxxxx-Subornou um dos polícias q’logo o tirou d’prisão sem mais nem menos! Então hoje o caso está resolvido! O Félix.. acho qu’é assim o nome dele foi morto pelo veneno que o outro pôs na sua seringa, e ponto final.. -ri de lado- E olha que era uma grande quantia d’dinheiro ein

Eu tava realmente surpreso com aquilo.. a história daqueles dois parecia surreal, com que então eles não são o que pareciam ser? Eles se atreveram a mentir p’mim e terá consequência! Há pois terá, isso não vai ficar assim e eu até já tenho um plano em mente.. mas eu ainda estou perplexo com toda essa história..o Jimin sofreu tanto, mas tanto q’agora só penso em protegê-lo do Jungkook e de todas as outras pessoas..!  

Kai-Ok..obrigado por tod’essa informação mas será q’tu podes encontrar algumas provas contra o Jeon?! Que possam o pôr na cadeia?

Xxxxx-Vou fazer o possível e o impossível para encontrar essa tais "provas", mas..pra que isso? Será que arraste um novo inimigo? 

Kai- "Inimigo"? Isso é para os fracos.. não preciso disso! Apenas faça o teu trabalho! -dou umas leves palmadas no seu ombro esquerdo - Tu podes trazer essas provas amanhã.?Preciso urgentemente, então..faz um bom trabalho ok? 

Xxxxx- Depois de amanhã pode ser? E ok né..irei fazer um bom trabalho fica descansado

Kai- Assim espero!-ponho meus óculos d’ sol, entro no meu carro e começo a dirigir-Park Jimin e Jeon Jungkook vocês vão s’arrepender disso, há pois vão... podem ter a certeza! - falo tentando m’acalmar pois.. tava um pouco bravo com tudo que descobri - Droga! - bato forte no volante e’chego n’meu,digamos q’lugar favorito qu’era em uma parte deserta aonde tinha umas mini garrafas d’bebidas alcoólicas para que eu as quebre, e retire todo meu estresse..estranho né? Mas sei lá... fazer isso me acalma...

Kai- .. -antes de sair do carro tiro a minha arma reserva qu’tá n’porta luvas e saio d’carro ficando de frente a mesa em que tá as garrafas -Vocês acharam que iam esconder isso de mim por muito tempo é...? - miro para uma garrafa e atiro logo a destruindo -VOCÊS ACHAM QU’EU SOU BURRO? - grito já me exaltando e atiro em outra - NINGUÉM MENTE PARA KIM JONG-IN.. NINGUÉM! - atiro - E VOCÊS VÃO ME PAGAR... E MUITO CARO!-atiro d’novo e me aproximo da última garrafa -Olha só o que temos aqui..tu és parecida com o Jungkook..e sabe o que eu vou fazer com você? -miro a arma- Te matar..até tu não aguentares mais..e jogar as tuas cinzas na cara do Jimin pra ele saber que..comigo não se brinca! -atiro três vezes n’garrafa e sem querer piso num vidro quebrado - PORRA! - jogo forte a arma no chão - Só me faltava ESSA... - gemo um pouco alto pois tirei o caco e logo entrei no meu carro - Aí que dor.. -com dificuldade e ligo pro E’dawn - E’dawn ouve, traz 10 garrafas aqui no "sítio", entendido?Quero pra agora! -desligo na sua cara e volto pra fazenda- Merda, meu tênis tá sujo de sangue!  -faço uma cara de dor e saio d’carro mancando - Merda..merda..-vejo o Jimin e a Chaeryeong vindo n’minha direção-

Chaeryeong-Sr.Kai.. -arregala os olhos ao ver o sangue em meu tênis - O que aconteceu? Deixe-me ajudá-lo, venha... - se aproxima - 

Kai- Não obrigado.. -me afasto- Eu quero que o Jimin me ajude!-o olho sorrindo de lado-

Jimin- Ah.. tudo bem.. - me ajuda a andar e me leva pro meu quarto - Sente-se.. -me põe na cama e tira a caixa de primeiros socorros - 

Kai- Obrigado... - sorrio o olhando -

Jimin- Obrigado? Porque? - tira meu tênis e começa a passar álcool no machucado -

Kai- Por.. aaah -gemo de dor- d-devagar.. 

Jimin- Oh, desculpa! - continua -

Kai- Tudo bem... Jimin, estás livre hoje?

Jimin- Hoje ah... eu tenho que... hm...

Kai- Procurando uma desculpa?

Jimin- Não é isso.. é que... - o corto -  

Kai- Tudo bem, já podes ir! -assim o faz e jogo a caixa d’primeiros socorros no chão- AH QUE DROGA! -falo irritando e vejo a minha mãe entrando assustada e preocupada - Mamãe... 

Jihyo- Meu filho o que aconteceu?


Notas Finais


🚶‍♀️.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...