História Amor pelo Mafioso - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Visualizações 145
Palavras 1.159
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 11 - Salvação



              >> POV HARRY <<



Eu estava extasiado, Lola era fascinante, seu beijo me cegava e era como se ela me possuísse apenas com isso. Eu estava perdido enquanto a beijava e hora ou outra ouvia seus gemidos abafados enquanto eu a masturbava.


Ela ofegava assim como eu, aquilo parecia novo pra ela e era como um renovo pra mim.


- HARRYYYYYYYY! - ouço a voz de Niall do lado de fora do quarto, na hora meu sangue ferve. Quem ousa me interromper uma hora dessas?


- QUE FOI PORRA?!!! - Pergunto enquanto Lola me olhava temerosa.


- ESTÃO INVADINDO A CASA! - Ele grita e na hora vejo que só podia ser a máfia que atacamos semana passada. "canadian's". Eu odiava isso de nome, pra mim era apenas a máfia dividida em grupos comandadas pelo líder. Dar um nome tinha impressão de sermos de gangues.


- Lolita, vou ter que descer. Fique aqui, por favor! Não saia até que eu volte. - Digo olhando fixamente em seus olhos enquanto ela concordava assustada.



Vou até o canto do closet, abrindo ali um compartimento no chão onde continha duas armas. Coloco balas em uma delas e dou na mão de Lola.


- Pra que isso Harry?! - Ela pergunta com receio de segurar.


- É melhor prevenir do que remediar. Use apenas se necessário. - Digo e saio do closet. - Tranque essa porta e coloque uma roupa, depois eu me encarrego de tirar. - Falo rindo e ela faz o mesmo, porém fica envergonhada.


Desço as escadas rapidamente, lavo as mãos o rosto, e me preparo.


- Passe as informações. - Digo a Liam.

- Estão lá fora, alguns na rua outros dentro do quintal. Temos que agir antes de entrarem na casa. Os seguranças estão prendendo eles lá. Mas eles querem você. - Liam responde vendo nas câmeras os desgraçados que me interromperam no momento mais importante que tive até agora com Lola, eles com certeza estavam com muito azar.


Descemos armando uma emboscada conseguindo matar alguns de uma vez só, Zayn de primeira leva um tiro de raspão mas não para de atirar.


Louis me cobria enquanto atiro em um filho da puta que estava me procurando.


Em todo momento fico perto da entrada e mando Niall ir para a porta dos fundos com alguns seguranças. Não posso colocar a vida de Lola em perigo, se bem que já está.


Um dos homens tenta me enforcar mas por sorte Liam atira em sua cabeça antes de ele torcer meu pescoço. 


- Vou entrar. - Digo assim que o cara morre.


- Onde você vai?? Precisamos de você aqui. - Louis diz.


- Preciso ver se Lorena está bem. - Digo e eles concordam. Logo me dão cobertura e então entro. Subo rapidamente as escadas entrando no quarto. Bato na porta do closet sem obter resposta.


- Lola sou eu. - Digo baixo e ela logo abre me dando um forte abraço com algumas lágrimas em seu rosto.


- Estou com medo. Já acabou lá em baixo? - Ela pergunta.


- Quase. Vim apenas conferir se está tudo bem com você. Preciso voltar. - Digo.


- Tudo bem... HARRY CUIDADO! - Ela grita e eu abaixo junto com ela quando um cara dá um tiro na nossa direção. 


Parto até ele e quando miro, percebo que minha arma está sem munição.


- FILHO DA PUTA! - Grito e dou um soco na cara dele e logo a arma que estava em sua mão salta pro outro lado do quarto.  Ele tenta levantar mas logo dou um chute em suas pernas e vou pra cima dele.


Lutamos, dou muitos socos e levo outros também. Em uma vacilada ele me dá um ficando em vantagem e sobe em cima de mim. Segura meu pescoço enquanto tento alcançar seu rosto, ele apertava mais meu pescoço e minha visão estava ficando embargada enquanto eu ainda reagia. 


E então de um instante pro outro a cabeça dele estoura na minha frente. Quando procuro a direção de onde vem o tiro, era ela. Lorena o matou pra salvar minha vida.


O tiro de cima de mim, limpando o sangue que espirrou, levanto indo até ela que estava paralisada.


- Harry eu matei ele. - Ela diz assustada.


- Lorena, ele ia me matar e em seguida te matar também. Você fez o que devia fazer. - Digo sincero e ela ainda estava paralisada. Aquilo era normal e na realidade eu nem esperava isso dela. 


- Harry eu não sei o que eu fiz. - Ela diz.


No mesmo momento os garotos entram no quarto correndo com armas nas mãos. Lorena me abraçou e começou a chorar.


- Porra abaixem isso! - Grito e eles se assustam abaixando-as no mesmo instante.


- Mano, ouvimos um tiro e viemos ver o que pegou. - Eles dizem encarando o corpo agora morto no chão.


- Mas que bom que você resolveu. - Zayn diz e eu discordo.


- Quem disse que foi eu? 


- Quem foi então? - Louis pergunta e na hora olho pra Lola. E eles abrem a boca espantados.


- Ele ia me matar, não o vi chegar. Ela atirou na cabeça dele antes que ele terminasse o serviço. - Digo e beijo a cabeça de Lola a abraçando mais forte.


- Porra, agora tirei meu chapéu. - Zayn diz algo positivo a ela pela primeira vez e de leve ela deu um sorriso.


- Eu não achei que mataria ele, só queria tirá-lo de cima do Harry. - Ela justifica sem jeito.


- Mano que show! - Louis diz vindo em nossa direção e dando um abraço de lado nela. 


- Você é demais Loreninha! - Liam diz comemorando e ela começa a se alegrar aos poucos.


- Você salvou nosso Harry! - Niall diz. 


- Nosso?! - Pergunto a ele que concorda sem um pingo de vergonha.


- Pelo visto você não é tão besta quando pensei. - Zayn diz do seu jeito e ela sorri revirando os olhos limpando as lágrimas de suas bochechas.


- Como estão as coisas lá em baixo? - Pergunto.


- Tudo resolvido. - Liam diz e eu logo me acalmo.


- Eu vou deixá-los sozinhos mano. Galera, vamos ver se quebrou algo lá em baixo? - Louis diz e todos concordam. Zayn tira o corpo dali pelos ombros, Niall rapidamente limpa tudo, e era como se não tivesse acontecido nada.


Novamente abraço Lola, dessa vez a beijo singelamente. Minha gratidão seria sempre grande por ela independente do que houvesse depois.


- Vamos tomar um banho? - Pergunto.


- Como assim vamos? 


- Quero você comigo. - Respondo e ela concorda meio receosa. Tranco a porta a levando até o banheiro e tiro a roupa dela como prometi antes. Ela envergonhada vai cedendo aos poucos e percebo que naquele momento ela não era só uma garota que me casei por vontade do meu pai. Era mais que isso.





Notas Finais


espero que gostem bebessss!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...