1. Spirit Fanfics >
  2. Amor polido >
  3. Apresentações, receitinhas e sereia.

História Amor polido - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oi, tudo bem?^w^ essa é uma tentativa minha de criar uma fanfic, então por favor dêem sua resenha, dêem sugestão, escrevam suas críticas, se errei em alguma palavra ou pontuação. Não tenham medo de comentar!

Capítulo 1 - Apresentações, receitinhas e sereia.


Fanfic / Fanfiction Amor polido - Capítulo 1 - Apresentações, receitinhas e sereia.

 Meu nome é Amélia, tenho 17 anos e estou no terceiro ano do ensino médio.

Meus pais morreram em um acidente de carro quando eu tinha 11 anos e nesse tempo quem cuidou de mim foi minha avó.

Trabalho em uma cafeteria com minhas amigas: Roberta e Paula.

Tenho "olhos negros como a noite, cabelos claros como café com leite e a pele bronzeada como ouro", minha mãe recitava essa frase quando ainda estava viva, de algum jeito acredito ser engraçada haha.

Geralmente eu não tenho problemas na escola, na verdade, sempre evito qualquer tipo de confusão, mas desde a chegada do aluno novo minha vida ficou mais agitada. Ele era misterioso no começo, mas se enturmou muito rápido. É esperto, bonito e atlético, sempre tira notas altas e as garotas são todas afim dele. Primeiro ele ficava me observando na aula, acreditava que ele tava gostando de mim, mas depois ele começou a ser intrusivo demais, e ai percebi que não era verdade. Seu fã clube sempre que tem a chance tenta brigar comigo, mas eu nunca ligo.

E assim eu estou seguindo com minha vida, apesar das dificuldades sempre tento me manter firme.

***

Acordei de um sono muito bom graças ao toque do despertador. Desliguei o mesmo e fui em direção ao banheiro, terminei minha higiene matinal, amarrei o cabelo em um coque frouxo, vesti meu uniforme e fui preparar o meu café da manhã e o da minha avó. Eu reconheço minhas habilidades na cozinha, desde pequena sempre gostei de cozinhar, e sempre que tenho a chance pratico novas receitas. Eu tenho um interesse enorme em fazer receitas, mesmo que simples, que sejam altamente nutritivas, então por isso achei bom começar com banana com pasta de amendoim. 'A banana gera sensação de saciedade e contribui para o intestino funcionar melhor, além de ser considerada um superalimento porquê é fonte de energia principalmente para quem treina'. 'O amendoim, é fonte de energia e possui gordura boa (assim como a banana e o abacate) além de conter ômega 9'.

Preparei o café e acordei a fofa da minha avó, nós comemos juntas e segui meu caminho para a escola, cheguei lá e fui pra minha sala, preparei a minha mesa e abaixei a cabeça. Roberta e Paula não haviam chegado então meio que eu estava nervosa por estar na sala apenas com o Hiago e seu fã clube o incomodando.

Como a fofoqueira que eu sou, estava com a cabeça abaixada mas com os ouvidos ligados. As garotas estavam flertando com ele, que respondia do mesmo jeito.

Senti alguém cutucar minha cintura e era Marcelo, meu amigo que é gay. Sorri ao ver o mesmo, eu o admirava apesar de não passar muito tempo com ele, batemos papo até o professor chegar e continuar a sua aula. Percebi que a Paula e a Roberta não iriam vir para a aula. As duas conseguiram ficar amiga do Hiago e por isso os três sempre saiam em festas e coisas assim, o que não me interessava.

Andava pelo corredor, já estava na hora do intervalo e estava indo ao encontro do Marcelo, ja que as meninas não viriam, iria passar o intervalo com ele. Andava até que cai de cara no chão, Luíza, a líder do "Hiago lover's" botou o pé e por causa disso tombei. Não queria confusão então dei as costas, apesar de estar furiosa. Seus "rabinhos" riam, mesmo que forçado, e quando ela me puxou pelo ombro, aumentaram as gargalhadas. Apenas abaixei a cabeça e ela disse:

- Estava mesmo esperando essa atitude de alguém como você, sempre tão...inferior, alguém como você, o Hiago nunca botaria os olhos. - ela falava isso com um sorriso sádico no rosto, eu estava envergonhada e ao mesmo tempo extremamente irritada, apenas queria deixar o lugar, a presença da mesma me deixava muito mal.

- Por favor, me deixa ir, eu apenas quero comer meu lanche em paz- foi a única coisa que eu falei ainda mantendo a cabeça baixa. Ela virou as costas e se mandou, ainda rindo, e comentando o quanto eu era "patética". Eu me senti irritada e envergonhada, mas mesmo assim não queria arrumar confusão, esse é o único motivo de eu não responder as ameaças dela.

Cheguei atrás da escola, onde o Marcelo estava, era quieto e só estava nós dois, um lugar perfeito. Puxei as coxinhas fitness que eu tinha preparado ontem. Conversávamos quando do nada o Marcelo olha pra trás e abaixa a cabeça, eu olho também e só sinto um empurrão. Fechei os olhos e senti minhas costas darem contra a parede, dei um gemido, não por causa de dor mas sim por causa do susto. Quando abri os olhos era ele, o Hiago, não pude deixar de corar, ele era realmente lindo. Ele estava com um sorriso de lado enquanto encostava o seu corpo contra o meu, e segurava meu queixo fazendo com que a minha cabeça ficasse inclinada para cima, em direção ao rosto dele. Ele era alto.

- Apreciando minha beleza?- ele perguntou enquanto descia lentamente o polegar do meu queixo para o meu pescoço, senti meus pelos se arrepiarem, sua presença estava me deixando intimidada e eu apenas apertava os olhos com força sentindo meu coração bater tão forte perto de sair do peito. Seus dedos que agora estavam no meu pescoço, desciam para o meu seio, eu tremia, meu coração batia forte e meu rosto queimava de vergonha. Até que os toques de Hiago cessaram, e escutei um barulho, abri os olhos e Marcelo havia o empurrado.

- Tire a mão dela! - quanto eu quanto o Hiago estávamos surpresos, Hiago apenas baixou a cabeça e quando levantou, dava pra ver que ele estava vermelho de furioso. Em passos rápidos ele segurou Marcelo pela borda da camisa e eu gelei, pensei comigo mesma que agora seria a minha vez de proteger o meu amigo. Empurrei o Hiago e disse:

- Para! Por favor não machuca ele e vá embora! - tentei gritar, apesar de sua presença me intimidando. O Hiago me olhou bem no fundo da minha alma. mantive minha postura, tentando parecer forte e confiante. Ele solta a borda da camisa do Marcelo, me olha com uma cara neutra e vai embora sem dizer uma única palavra. Eu olho para o Marcelo e dou um sorriso amarelado, tentando animar ele novamente, o mesmo responde com um outro sorriso amarelo e apenas nós sentamos e ficamos calado.

- Tudo bem com você? - ele pergunta.

- Sim, obrigado por me proteger! - eu respondo.

E assim continuamos até o alarme soar e termos de voltar para nossas respectivas salas. Mas antes o Marcelo me para e diz:

- Me encontre no final da aula tenho alguém para te apresentar. - apenas concordo com a cabeça e sigo para a sala.

***

Estava esperando Marcelo no portão, enquanto rezava para o Hiago não aparecer. Avisto Marcelo e mais uma menina, ela tinha os cabelos ruivos, olhos azuis, possuia sardas e era muito bonita de corpo. Tinha os seios e o quadril volumosos, junto de uma cintura marcada, as pernas esbeltas e as mãos delicadas. Meus olhos brilharam, ela era bonita.

- Amélia, essa é a Rebeka, estuda comigo, Rebeka essa é a Amélia, uma amiga muito querida. - Rebeka me olha e dá um sorriso, que eu retribuo, a única coisa em que eu pensava era em como ela era bonita.

- Olá...bem, vamos indo?- Ela diz, e além da aparência muito bonita, a voz era doce e sensual, uma verdadeira sereia.


Notas Finais


https://www.aunicavegetarianadacasa.com/cafe-da-manha-vegan-nutritivo-banana-com-pasta-de-amendoim/

Receita de banana e pasta de amendoim pra quem tem pasta de amendoim em casa






https://www.amandocozinhar.com/2018/04/coxinha-fit.html

Receita de coxinha fitness pra quem tem Air fryer e farinha de linhaça




Até a próxima e não se esqueçam de deixar um comentário!!^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...