1. Spirit Fanfics >
  2. Amor por acaso -Camren -LaurenG!P >
  3. Capítulo 20 Lauren

História Amor por acaso -Camren -LaurenG!P - Capítulo 20


Escrita por:


Capítulo 20 - Capítulo 20 Lauren


1 de setembro, 14:25 da tarde.

Estava no mercado com Camila e os meninos, faziamos compras para a minha casa e a casa de Camila. Summer estava sentada no carrinho que peguei para colocar as compras, Andrey estava dentro do carrinho de Camz e Benjamin empurrava um carrinho do tamanho certo para ele. Ele parecia um homenzinho.


-Mama posso colocar isso? -Ben mostra uma caixa de cereais.

-Claro meu amor, mas só uma ta certo? -Camz fala e ele concorda colocando no carrinho dele.

-Camila, oi. -Vejo um homem aparecer na nossa frente. Me lembro dele, é Shawn um cantorzinho 0 a esquerda que quase beijou minha namorada.

-Oi Shawn, coincidência te encontrar aqui. -Camila fala surpresa.

-Queria perguntar uma coisas desde a ultima vez que nos vimos.. é.. -Coça a nuca em sinal claro de nervosismo. -Você quer sair para almoçar amanhã? Tipo um encontro, sua amiga pode ficar com seus filhos né. -Ele olha para mim e eu dou um sorriso forçado.

-É.. -Estava claro o desespero da minha namorada ao me olhar. -Melhor não, se você não lembra da ultima vez que nos virmos, eu falei que namoro e encontros eu só quero com minha namorada.

-Ah é, me desculpe, tinha me esquecido. -Ele coça a nuca. -Mas pensei que você curtisse homem, nunca pensei que você Camila namoraria uma mulher. -Ele sorrir.

-Tem algum problema nisso? -Pergunto.

-Mama, não gostei dele. -Ouço Andrey. -Estou com medo.

-Shh.. Não se preocupe filhão.

-Como posso dizer sem ao menos manchar as mentes desses moleques. -Ele faz uma cara pensativa. -Aah, sabendo desse relacionamento, talvez um trisal podemos fazer, não posso negar que sempre fui apaixonado pela Camila e por ela e por você ser linda, podemos fazer isso. -Ele pensa por uns segundo ate voltar a falar. -Camila tinha uma queda por mim, pensei que podemos fazer isso.

-Me desculpe, mas estamos muito bem só nós duas. -Falo indo ficar perto de Camila e Shanw. -Eu sei da conta muito bem dessa mulher ao ponto de não querer nenhum homem na vida deles três.

-Camilita o que acha?

-Estou muito bem com Lauren e  ela me satisfaz muito bem. -Camz fala colocando os fones nos ouvidos da Summer e dando o celular para ela jogar.

-Como uma mulher consegue satisfazer a outra? -Ele pergunta debochado. -Ela não tem o que eu tenho.

-Ainda bem, imagina minha Lolo ter uma mente como a sua. -Camz fala e eu sorrio. -E em quesito no que você tem no meio das pernas, com toda a certeza ela tem, um maior que eu ja vi em toda a minha vida.

-Uma aberração? -Não posso negar que aquelas palavras me machucaram,  meu peito começou a arder. -Que nojo.

-Vamos embora Ca.. -Ouço um estralo e o rosto de Shawn virar para o lado direito. Ela acabou de dar um tapa na cara dele.

-Sua..

-Sua o que? -Pergunto tomando a frente dela olhando nos olhos daquele verme.

-Saia da minha frente. -Ele tenta me empurrar, mas eu seguro no braço dele.

-Mama Camz. -Ouço Andrey sussurrar.  Estava nítido o medo em sua voz.

-Meu amor fique calmo. -Camz tenta acalma ele. Ben estava parado segurando na mão de Andrey e com a outra segurava o carrinho que Summer estava.

-Espero que você pense muito bem no que vai fazer agora. -Falo apertando o braço dele.

-Me solta. 

-Mendes espero que não repita nunca mais essas palavras na minha frente. -Camila fica ao meu lado, ela toca na minha mão que apertava Shawn e eu o solto. -Não quero nada com você e muito menos te ver, pensei que você era um homem como na adolescência,  mas essa fama subiu pela sua cabeça deixando ela uma cabeça oca. 

-Tudo bem, eu errei,  me desculpa. -Ele força um sorriso.

-Nos deixa fazer nossas compras em paz, tchau. -Camz fala. -Vamos.

-Claro minha vida, vamos.


Xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx


Tinha acabado de arrumar as compras na minha casa, Camila foi na casa dela guardar a dela e os meninos ficaram aqui em casa.


-Mama quem é aquele homem? -Ben pergunta.

-Um homem que estudou com sua mama Camz, eu não conheço ele.  -Falo balançando Summer que lutava contra o sono em meu colo. -Vamos Summer, dorme um pouco.

-Por que ele te chamou de aberração? -Ben me olha fazendo bico. Esse menino é muito sensivel.

-A mama Lo quando estava na barriguinha, a minha mama teve uma complicaçãozinha e isso me fez nascer metade homem e metade mulher.

-Como assim?

-A mama Lolo tem um pinto como a gente Ben.

-Mas isso não significa que a mama Lolo é aberração,  ela é minha mamãe e eu amo ela assim do jeitinho que é, assim como ela me ama por ser autista. -Ben fala e eu sorrio emocionada beijando o topo da cabeça dele.

-Oi meus amores, demorei? -Ouço Camz e olho para a porta vendo ela e sorrio. -Estava chorando amor?

-É que Ben é um amor de pessoa. -Falo sorrindo.

-Mama Camz eu não quero mais ver aquele homem, ele chamou minha mamãe de aberração. -Andrey faz bico.

-Meu amor, a unica aberração que existe são pessoas cabeça de vento que nem Shawn que não gosta de ver duas mulheres ou dois homens se amando. -Camila fala e ele concorda abraçando ela.

-Que tal uma soneca? Summer já dormiu, agora vão para o quarto dormir. -Falo. Eu modifiquei o quarto de Andy, agora tem uma beliche e a cama que era de Andrey agora é de Summer, os três dividem o quarto e eles amam isso. Sei que quando ficarem maior, vou ter que tirar Summer daquele quarto para que meus homenzinhos tenham privacidade.

-Ta bom, eu to com soninho mesmo. -Ben fala.


Fui com eles para o quarto,  com a ajuda dos meninos eu coloquei Sum na caminha dela,  peguei Ben no colo e coloquei ele na beliche de cima, Andrey tem medo de autura e dorme em baixo.


-Bom sono meus amores. -Beijo a bochecha de cada um. Desligo a luz e vou para a sala. -Já estão deitados preparados para dormir.

-Lo, eu fiquei pensando desde que sair de casa, e.. -Ela parecia constrangida e aquilo era fofo de se ver.

-E o que amor? -Incentivo ela a falar.

-E eu quero tentar fazer amor com você. -Camz cora e eu sorrio abraçando ela.

-Tem certeza? -Pergunto beijando o topo da Cabeça dela.

-Sim, quero tentar. -Ela fala e eu concordo.

-Agora? -Ela balança positivo a cabeça-Então vamos para o quarto. -Seguro na mão dela indo para o quarto e tranco a porta. -Se você ver que não está pronta você avisa que eu paro ok?

-Ok. -Ela estava envergonhada e isso era fofo.


Cheguei perto dela e beijei ela, era um beijo calmo, nada apressado para não assustar ela. Coloquei minhas mãos na sintura dela e ela segurou nos meus ombros. Ficamos nos beijando ate o ar fazer falta e eu desci os beijos para o pescoço dela empurrando seu corpo lentamente para a cama onde eu deitei ela com calma. Senti suas mãos brincar com a minha blusa e olhei para ela sorrindo.


-Eu te dou a total liberdade para me tocar onde você quiser. -Falo e ela concorda. -Quer tirar a blusa? -Ela faz que sim com a cabeça e eu me sento levantando minhas mãos e ela retira aquela peça me observando. 

-Você é tão linda. -Coro com seu elogio.

-Posso tirar a sua blusa? -Pergunto e ela concorda levantando os braços e eu retiro aquela peça de roupa. -Não precisa ficar com vergonha, como eu disse, te dou total liberdade para me tocar onde você quiser.


Voltei a beijar seus labios, mas agora com mais vontade, Camz arranhava minhas costas, com uma mão eu tirava seu short junto com sua calcinha, Camz pareceu travar por um momento, mas relaxou quando distribui beijos pelo seu rosto e pescoço. Retirei aquela peça, Camila estava mais solta, ela explorava meu corpo como se já conhecia e isso me fazia extremesser.


-Você é tão linda. -Desço meus beijos pela pelo seu pescoço.

-Laureen..

-Oi meu amor? -Paro meus beijos e olho nos olhos dela.

-Eu preciso de você. -Fala com certa dificuldade de fala e eu sorrio beijando o seio esquerdo dela.

-Eu estou aqui para lhe satisfazer.


Começo a passar minha lingua pelo bico dos seios dela vendo ela extremesser. Não aguentando mais, abocanho seu seio esquerdo enquanto massageio o doreito com minha mão.  Camila estava mais que relaxada e isso me deixava feliz, ela não vai querer que pare, tenho certeza que ela estava muito excitada assim como eu, meu pau latejava de tanta excitação que estava sentindo.

Depois que dei as devidas atenções para os seios dela, vou descendo fazendo trilhas de beijo ate ficar de frente com sua intimidade. Aspirei seu cheiro, aquela com toda a certeza era meu cheiro favorito nesse mundo. Ouvir ela gemer quando dei um suspiro.

Cheguei mais perto de sua boceta lisinha sem pelos nenhum e passei a língua sentindo seu corpo embaixo de mim tremer e um gemido manhoso escapar de sua boca.


-Loo.. -Camila agarrou em meus cabelos empurrando meu rosto para mais perto.


Deixei de serimonia e abocanhei a sua buceta chupando ela com vontade ouvindo seus gemidos a cada segundo ficar auto, segurei em uma de suas mãos e ela começou a rebolar tentando ter mais contato. Comecei a fazer movimentos com a lingua vendo ela se desesperar.


-Isso Lauren.. eu vou gozar.. -Ouvir aquelas palavras foram como musicas para os meus ouvidos.


Passei meus dedos pela intimidade dela e sem aviso algum, a penetrei com dois dedos ouvindo os gemidos sofridos dela, comecei a penetrar ela com meus dedos ate ela relaxar e gozar nos meus dedos. Chupei ela limpando qualquer resquiso de gozo e olhei para baixo rindo.


-O.. que.. foi? -Ela perguntou pausadame e eu me deitei ao seu lado.

-É que nem precisou me tocar que eu ja gozei. -Rio do seu rosto corado e seu sorrisinho de lado. -Você está bem?

-Sim. -Abraço ela que esconde o rosto no meu pescoço. -Você quer que eu retribua?

-Não precisa se não estiver pronta, eu quero que primeiro você se sinta a vontade. 

-Tudo bem, desculpa.

-Esta tudo bem meu amor, eu fico super feliz que você tenha dado esse passo enorme, não se esforce muito. -Falo fazendo carinho nas costas dela. -E eu fico feliz por ter te proporcionado isso sem errar.

-Você é perfeita.

-Posso te dizer da "boca pra fora", sei que são meras 3 palavras, mas ela tem um significado grande para mim e posso te dizer. -Olho nos olhos dela e sorrio. Sabia que aquela mulher era minha assim como sou dela, mas parece que já nos conhecemos a um bom tempo. -Camila Cabello eu te amo.

-Eu tambem te amo, muito mesmo, digo essas palavras de coração e alma. -Sorrio com suas palavras dou um selinho nela.

-Eu acho que estou tendo um déjà vu.

-Como assim?

-Ja vivi esse momento, com você.

-Eu também sinto que vivi esse momento. -Ela olha para o teto. -A anos atrás,  nem tinha Benjamin.

-E eu nem tinha o Andrey, que esquisito. -Falo e ela concorda. -A 9 anos atrás.

-Eu já vim para uma festa aqui, tinha ate me esquecido, Chris que me trouxe, eu bebi tanto que não me lembro de nada, só de acordar pelada em um quarto com uma garota quem nem me preocupei em ver o rosto e Chris no chão de roupa, depois dai eu sai arrastando ele ate ir pra casa de meus pais.

-Estranho, que déjà vu estranho. 

-Muito.


Notas Finais


Sei q Camren shipper é o próprio fbi, então comecem com as investigações kkkkkk
Digam oq acharam
Favorotem bjs bjs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...