História Amor por contrato-Aguslina - Capítulo 103


Escrita por:

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Personagens Originais
Visualizações 184
Palavras 1.956
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Esses casais são lacradores...
Os quatros são como verdadeiros príncipes e princesas
Parecem que pegaram as belezas do mundo para eles
Isso porque está faltando Ruggarol que também é um casal lacrador

Capítulo 103 - S.T-Dia chuvoso com quem amamos


Fanfic / Fanfiction Amor por contrato-Aguslina - Capítulo 103 - S.T-Dia chuvoso com quem amamos

Pov Agustín on:

Acordo sentindo raios solares em meu rosto e escutando um gemido de choro da minha afilhada. Abro meus olhos bocejando e vejo Carolina dormindo tranquilamente em meu peito. Olho para o criado e vejo que ainda são 07:30hrs. Dou um beijo na cabeça da minha Kope,tiro com cuidado sua cabeça do meu peito para não acordá-la e dou um beijo na sua barriga que já tem uma pequena ovulação.

-Bom dia,meu bebê. Digo sorrindo 

Me levanto me espreguiçando,vou até o berço da Bianca que colocamos no nosso quarto,vejo a mesma inquieta e com um biquinho de choro.

-Que foi,minha princesinha? Pergunto a pegando no colo e a enchendo de beijos 

Olho para a Carolina se mexendo na cama e tem uma idéia.

-Meu anjo,vamos fazer uma surpresa para a sua Dinda? Pergunto saindo do quarto

Bianca solta uma risada e lhe dou um beijo na bochecha.

Desço indo direto para o jardim da Carolina,pego uma rosa vermelha,entro em casa,coloco a Bianca no cercadinho e a mesma solta um gritinho engatinhando até um coelhinho de pelúcia.

-Princesinha,fica aqui enquanto o Dindo vai preparar um café da manhã para a sua Dinda,tá bom? Pergunto sorrindo e me apoiando no cercadinho

Bianca apenas dá um sorriso igual ao do Ruggero enquanto lambuza o coelhinho de pelúcia e eu lhe dou uma piscadinha indo para a cozinha.

Alguns minutos depois...

Depois de colocar a bandeja no criado mudo,volto para a sala de estar tirando a Bianca do cercadinho,coloco uma rosa vermelha na mãozinha da minha afilhada e subo para o quarto que divido com Carolina. Mickey entra no quarto pulando em cima da sua dona.

-Mickey,cuidado com o meu filho. Digo o tirando de cima da barriga dela

Mickey solta um latido começando a lamber a cara da minha namorada e a mesma faz uma careta virando seu rosto. Alguns segundos depois a morena abre os olhos sorrindo.

-Bom dia,Mickey. Ela fala se sentando e encostando suas costas na cabeceira. -Não me digam que essa rosa é para mim?

Apenos assento sorrindo enquanto a mesma coloca o Mickey ao seu lado,pega a rosa dando um cheiro nela sentindo meu perfume que eu coloquei e dá um sorriso pegando a Bianca no colo. 

-Bom dia,meu anjo. Digo lhe roubando um selinho demorado 

Nesse momento começa a cair uma tempestade e Carolina solta um gritinho apertando a Bia entre seus braços.

-Ai meu amor,como você é medrosa. Digo divertido e me sentando ao seu lado com a bandeja 

-Eu tenho medo de tempestade. Ela fala fazendo um biquinho. -Desde pequena eu tenho medo e sempre quando tinha corria para a cama dos meus pais 

Solto um suspiro fechando meus olhos e sentindo uma lágrima queimar meu rosto. 

-Ei,o que houve? Ela pergunta colocando uma mão em meu rosto 

Abro a boca para lhe responder, só que começo a chorar e Carolina me puxa para seus braços. Deito minha cabeça em seus seios e a mesma passa seus braços pelo meu braço.

Quando me acalmo,levanto minha cabeça e Carolina começa a enxugar minhas lágrimas. 

-Quer me conta o porque desse choro repentino? Ela pergunta com uma voz angelical me obrigando a encará-la

-Foi numa tempestade igual a essa que eu pedi meus pais naquele maldito acidente. Digo com a voz embargada 

Carolina apenas solta um suspiro e me dá um abraço apertado. 

-Bom,eu tenho certeza que meus pais não gostariam de me ver triste. Digo me separando do abraço e dando um sorrisinho de lado 

-E aí,o que vamos nessa tempestade? Ela pergunta dando um pedaço de pão para a Bianca 

-Que tal se passarmos o dia todo assistindo filmes e séries? Pergunto mordendo um pedaço da torrada 

-Acho uma ótima idéia. Ela fala sorrindo e mordendo um pedaço de bolo. -E cadê o Maxi? Ele ainda não voltou?

-E segundo ele não voltar tão cedo,meu amor. Digo bebendo um gole de vitamina de manga. -Ele me falou ontem que vai dormir lá na casa da Valentina e que hoje de noite a traz para dormir aqui 

-Seria lindo um baby dos dois. Ela fala sorrindo e mordendo um pedaço de bolo. -Loirinho dos olhos azuis 

-Ai meu amor,eles começaram a namorar antes de ontem e você está pensando em filho dos dois. Digo fazendo careta e a fazendo soltar uma risada. -Mais também acho que o meu sobrinho vai ser lindo. Digo sorrindo e olhando Bianca mordendo sua mãozinha. -Ainda não me acostumei...

-Com o que,minha vida? Ela pergunta bebendo um gole de vitamina de manga 

-Sabe,é incrível que depois que você apareceu em minha vida,sou outra pessoa e complementamente feliz. Digo sorrindo e a fazendo sorrir. -Antigamente me sentia sozinho nesse mundo e sem ninguém para compartilhar a minha vida

-Mais e o Ruggero? Ela pergunta franzido a testa 

-O Ruggero tem a própria vida dele e uma hora ou outra o mesmo iria achar uma namorada. Digo soltando um suspiro. -Precisava de uma mulher para compartilhar minhas tristezas,minhas alegrias,minhas conquistas,minhas derrotas e minhas frustrações. Precisava de uma mulher para construir uma família e realizar meu sonho de ser pai

-E você por acaso encontrou essa mulher? Ela pergunta arqueando a sobrancelha 

Olho para a mesma parecendo pensar um pouco,Carolina estapea o meu braço fazendo um biquinho e me aproximo dela trocando um beijo calmo. Colamos nossas testas e fechamos nossos olhos.

-Você é tudo o que um dia eu sonhei pra mim e muito mais. Digo sorrindo e acariciando seu rosto. -Hoje te digo que tudo que vi em você é verdadeiro. Isso faz eu me apaixonar ainda mais por você, me faz sentir que realmente você era tudo que faltava em minha vida. Hoje, você é minha razão de viver. O meu hoje, o meu amanhã, o meu eterno amor. Amo você!

Carolina puxa a minha nos beijamos de uma forma lenta e carinhosa. Demostrando todo o amor que sentimos um pelo o outro. Nos separamos quando estucamos:

-Key. Bia fala brincando com o Mickey 

-Minha pequena,você gosta do Mickey? Ela pergunta sorrindo e brincando com os dois 

-Sim. Bia fala sorrindo

-A Dinda pode brincar com vocês? Ela pergunta se deitando 

Bianca assente se sentando sozinha e logo as duas começam a brincar com o filhote. 

Pego meu celular em cima da cômoda,tiro a foto dos três e posto no Instagram com a legenda "Meus quatro amores".

Logo em seguida sinto um puxão me fazendo cair para trás e a Carolina começa a me fazer cócegas.

Pov Agustín off.

Pov Maxi on:

Acordo sentindo uma mão pequena e delicada acariciar meu rosto,abro um sorriso reconhecendo aquela mão e abro meus olhos encontrando os olhos azuis da minha princesa.

-Bom dia,minha vida. Valu fala sorrindo 

-Bom dia,meu anjo. Digo colocando minha mão em cima da sua

Sim,Valentina e eu dormimos juntos só que não fizemos nada. Quero que esse momento seja especial e que a minha loira saiba o quanto ela é importante para mim.

-Parece que vai chover o dia todo. Ela fala entrelaçando sua mão na minha. -Que tal se assistirmos séries?

-E que tal se começarmos agora? Pergunto acariciando seus fios loiros 

-Sim,mais primeiro temos que tomar banho. Ela fala se cobrindo com o cobertor 

-Primeiro você toma banho,depois eu tomo e em seguida vou no supermercado comprar algumas besteiras para nós comermos. Digo tirando sua mão do meu rosto e dando um beijo 

-Eu posso ir com você no supermercado? Ela pergunta fazendo um biquinho 

-Precisa nem pedir,meu amor. Digo dando uma pincelada em seu nariz

-Paixão,você pode colocar o chuveiro elétrico na água quente?  Ela pergunta tirando seu cobertor e se sentando 

-Fica tão linda descabelada. Digo bagunçando ainda mais seus cabelos 

-Para de bagunçar meus cabelos e vá ligar o chuveiro elétrico. Ela fala me estapeando 

-Ok,senhorita birrenta. Digo me defendendo de seus tapas

Valentina cruza braços fazendo um biquinho e eu solto uma risada lhe dando um selinho.

-Ai,porque eu não consigo ficar com raiva de você? Ela pergunta sorrindo 

-Porque ninguém resisiti ao meu charme,querida. Digo lhe dando uma piscadinha e abrindo a porta do banheiro 

Valentina pega o travesseiro,joga em minha direção e eu rapidamente entro no banheiro desviando do travesseiro.

Alguns minutos depois... 

Valentina e eu estamos colocando várias besteiras na cesta do supermercado.

-Pensei que você iria ficar o dia todo dentro daquela mansão? Valu pergunta se apoiando em mim

Olho para trás para ver com quem minha namorada falou e vejo meu irmão segurando um bote de sorvete de morango.

-Carolina me obrigou a vim comprar esse bendito sorvete para ela. Ele fala revirando os olhos. -Se não o nosso filho iria nascer com cara de sorvete de morango 

Solto uma risada lhe dando um abraço e Valentina também lhe dar um abraço.

-E o que vocês dois estão fazendo aqui? Ele pergunta pegando um pacote de fandangos

-Viemos comprar algumas besteiras para nós comermos enquanto assistimos séries e filmes. Ela fala pegando um bote de Nutella 

-Porque vocês não vão lá para casa? Ele pergunta pegando uma caixa de leite condensado. -Aí nosso quatro podemos assistir filmes e séries 

-E a Bianca? Pergunto com a testa franzida 

-Os pais do Ruggero foram buscá-la para passar o dia com a neta antes de irem embora. Agus fala começando a andar em direção ao caixa. -E aí,vocês vão ou não?

Valentina e eu nos entreolhamos,sorrimos entrelaçando nossas mãos e encaramos o Agustín.

-Lógico que vamos. Falamos juntos

-Vocês estão a menos de uma semana namorando e já estão falando juntos. Ele fala revirando os olhos 

Valentina e eu soltamos uma gargalhada e passamos nossas besteiras no caixa. Logo em seguida Agustín entra em seu esportivo vermelho,Valentina e eu entramos no meu Land rover vermelho e arraco em direção a mansão do meu irmão

-Meu amor,trouxe duas pessoas para assistir filmes com a gente. Ele fala abrindo a porta do quarto 

-E quem são? Caro pergunta 

Agustín apenas dá espaço para nós entrar e Carolina se levanta sorrindo.

-Ai,a barriguinha já está aparecendo. Valu fala a abraçando

-Isso porque eu só estou de 2 meses.  Caro fala se separando do abraço e vindo até mim. -Vocês se encontraram aonde? 

-No supermercado. Digo lhe dando um beijo na bochecha e separando do abraço 

-Aqui seu sorvete,vida. Agus fala lhe estendendo uma taça com uma colher dentro 

-Como eu te amo. Caro fala dando um beijo no bote de sorvete 

-Poxa,eu pensei que você me amava. Meu irmão fala fazendo um biquinho e cruzando os braços 

-Eu te amo mais que tudo nesse mundo e te amei desde daquele dia em que você me roubou aquela vaga. Caro fala me passando o bote de sorvete e a taça 

Agustín puxa a nuca da morena de olhos verdes e lhe dá um beijo lento.

Fingo uma tosse fazendo os mesmos se separarem sorrindo e Carolina pega o bote de sorvete junto com a taça.

-Cunhadinho,tira a tampa para mim? Caro pergunta olhando para mim e fazendo um biquinho 

-Precisa nem perguntar,baixinha. Digo lhe dando uma pincelada no nariz 

-Vamos assistir aqui ou lá na sala de vídeos? Agus pergunta tirando seus sapatos

-Aqui. Eu,Valu e Caro falamos juntos 

-Ok,então. Agus fala desabotoando os botões da sua camisa. -Valu,se importa se eu ficar sem camisa na sua frente?

-Imagina,finalmente vou poder conhecer esse famoso tanquinho de perto. Digo divertida 

-Valentina Zenere. Caro e eu falamos juntos e sérios

-Eu estou brincando,gente. Ela fala fazendo uma careta 

-Bom,vamos lá para a sala de vídeos? Pergunto passando o bote de sorvete para a minha cunhada 

Os três apenas assentem,Agustín pega seu notebook e em seguida descendo para a sala de vídeos.

-Como o chão está frio,eu vou me deitar no chão. Valu fala jogando um travesseiro no chão 

-E eu vou tentar te esquentar. Digo também jogando um travesseiro no chão

-Já nós dois vamos deitar no sofá,né amor? Caro pergunta colocando o sofá em modo cama

-Claro. Agus fala conectando a Netflix na televisão 

Alguns segundos depois,me deito no chão,Valentina deita a cabeça em meu peito e meu irmão coloca o filme "Erreway 4 caminhos".

Pov Maxi off.




Notas Finais


Meus lunáticos,estava pensando em fazer assim:
Um capítulo Aguslina com participação de Valentina e Maxi
Outro capítulo de Ruggarol em sua lua de mel
E alguns capítulos com Maxi e Valentina
O que acham?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...